mais sobre mim

subscrever feeds

Sexta-feira, 03 DE Junho DE 2016

Presidenciais Norte-Americanas – Andrew D. Basiago

“The time-space age has begun.”

(Andrew D. Basiago)

 

Agora que os candidatos às Presidenciais Norte-Americanas de Novembro de 2016 – dos dois únicos partidos com acesso à hierarquia do poder político nos EUA – já estão praticamente definidos – a Democrata pró-sistema Hillary Clinton e o Republicano antissistema Donald Trump (na perspetiva de representarem de facto lados diferentes da mesma moeda) – atingiu-se o momento de nos debruçarmos um pouco mais sobre outros possíveis candidatos.

 

Andy-2016-Official-Campaign-Photograph.jpg

Andy 2016

Candidato independente às Eleições Presidenciais norte-americanas de Novembro de 2016

(pretensamente tendo já estado ao serviço do departamento de Defesa dos EUA em Marte)

 

Como é o caso do candidato Independente ANDREW D. BASIAGO – um reputado advogado norte-americano nascido a 18.09.1961 no estado de New Jersey – uma das figuras mais importantes do Movimento Verdade e o grande impulsionador do Projeto PEGASUS: tendo essas iniciativas em comum a tentativa de forçar os EUA a desclassificarem e divulgarem certas informações relacionadas c/ as Viagens no Tempo e c/ a existência de seres vivos em Marte.

 

"Imagine a world in which one could jump through Grand Central Teleport in New York City, travel through a tunnel in time-space, and emerge several seconds later at Union Teleport in Los Angeles. Such a world has been possible since 1967-68, when teleportation was first achieved by DARPA’s Project Pegasus, only to be suppressed ever since as a secret weapon. When my quest, Project Pegasus, succeeds, such a world will emerge, and human beings linked by teleportation around the globe will proclaim that the Time-Space Age has begun!" (Andrew D. Basiago)

 

Um indivíduo aparentemente com um passado propício à aceitação das suas razões e opiniões (mesmo que parecendo radicais), desde ter sido considerado uma criança com dotes especiais como o de fazer levitar objetos e ler a mente dos outros, apresentar um QI bem acima da média, ter sido utilizado em programas governamentais nos anos 60/70 tendo como tema as viagens no tempo e finalmente ter sido de novo convocado pelo seu Governo nos anos 80 efetuando diversas viagens a Marte.

 

M0400291.gif

Estruturas de tubos de vidro visíveis sobre a superfície de Marte onde circulariam criaturas com formas humanoides

(segundo Andrew D. Basiago)

 

"I am leading the campaign to achieve political recognition that Mars is inhabited – and that American chrononauts first visited Mars via jump room on behalf of the CIA over 30 years ago – because we must enact an international treaty to protect the ecology and civilization of Mars.  We must remember that Mars does not belong to us. Mars belongs to the Martians. If we fail to recognize this, then we will fail our first major test of cosmic citizenship. I believe that the people of the Earth are ready for cosmic citizenship and I believe that they are ready for the truth!" (Andrew D. Basiago)

 

Um candidato apresentando-se às Presidenciais norte-americanas sob o lema “Um Homem em nome da Verdade”. Prometendo se for eleito revelar toda a verdade sobre as Viagens no Tempo e as Visitas ao planeta Marte, ele que se reclama de já ter utilizado (a máquina do tempo) e feito (a viagem a Marte) – em duas operações levadas a cabo pelo Departamento de Defesa dos EUA e tendo como destino Marte.

 

Apresentando na sua candidatura nada mais, nada menos do que 100 propostas, sob a designação “Uma Nova Agenda para uma Nova América”. E das quais apresentamos apenas 6 e dedicadas unicamente a um dos contextos das várias propostas – nesta caso a procura da Verdade/TRUTH (consulta em andy2016.com/proposals):

 

Proposals The President should

Pardoning

Snowden

Pardon Edward Snowden and give him the Presidential Medal of Freedom

Extraterrestrial

Disclosure

End the ET cover-up in a live, televised address to the American people

Mars

Transparency
Disclose the existence of the secret US presence on the Red Planet

Space

Transparency

Declassify the secret space program and treaties with off-planet civilizations

Reinvestigating

9/11

Appoint a new 9/11 commission and release the 28 classified 9/11 report pages

Missing

Trillions
Search for the $2.3 trillion that went missing the day before 9/11

 

Uma candidatura que se for capaz de ser levada até ao fim, pelo menos terá a virtude de abrir mais um bocado os olhos daqueles que julgam que o mundo e a vida se resumem unicamente ao seu buraco – com um cantinho guardado para Deus – e que para além do mesmo nada mais existirá – pelo menos enquanto não vier uma ordem em contrário. Pelo menos para aqueles que ainda pensam que é o Sol que gira à volta do Homem.

 

(imagens: andy2016.com e mssss.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:42
Sexta-feira, 03 DE Junho DE 2016

Sarcófago de Tutâncamon e Macaco de Crista-Preta

Se no decorrer do nosso processo evolutivo nos quisermos transformar numa raça de verdadeiros sobreviventes (e sabendo de antemão que fomos produzidos à imagem dos nossos Criadores) – neste Universo existindo sob o comandado e orientação de invisíveis e poderosas forças eletromagnéticas, interagindo constantemente entre as mesmas e a sua consubstancia a matéria – em vez de continuarmos a ignorar o dia do Juízo Final (como um crente em silêncio à espera do milagre) deveríamos era partir e colonizar outros mundos – subindo mais um nível na Pirâmide da Criação. Que talvez tenha outras formas de aceder ao seu cume e até de se entrar numa outra realidade.

 

king-tut-dagger.jpg

O Faraó e o seu punhal

 

Hoje fiquei a saber mais duas coisas, que até agora não eram do meu conhecimento:

 

-Que o faraó que durante a 18ªdinastia reinou no EGITO entre os anos 1327/1336 AC (ou seja há 3334 anos) e por todos nós conhecido como TUTÂNCAMON (o rei-jovem falecido apenas com 19 anos de idade) era possuidor de um punhal de origem EXTRATERRESTRE;

 

-Que um macaco cuja espécie se encontra em perigo de extinção e habitando na ilha indonésia de SULAWESI, foi apanhado a tagarelar em frente a uma câmara de vídeo aparentando querer comunicar – antes de não o conseguindo fazer e talvez por irritação, a tentar arrancar do local.

 

Dois episódios distintos no espaço e no tempo mas que no entanto têm algo de comum: contacto e comunicação.

 

snapshot.jpg

O Macaco tagarela de Crista-Preta

 

Coisas que despertando-nos curiosidade, logo nos levam a querer saber algo mais:

 

-No caso do sarcófago de Tutâncamon com o punhal aí encontrado a apresentar na sua composição taxas de níquel e de cobalto, compatíveis na sua origem com as dos meteoritos de ferro. Descoberto numa região que centrada no Mar Vermelho (e com um raio de 2.000Km) apresenta no seu interior vestígios de pelo menos dez impactos de meteoritos de ferro, ocorridos no passado – e com um deles contendo percentagens de níquel e de cobalto como o da mistura encontrada no punhal. Neste caso identificado como tendo origem num fragmento do meteorito KHARGA, descoberto há 16 anos no planalto calcário de MERSA MATRUH, um porto no Mediterrâneo a cerca de 150Km de Alexandria.

 

-No caso do macaco de crista-preta da ilha indonésia de Sulawesi – apanhado no decorrer de uma gravação numa prolongada tagarelice com uma câmara de vídeo (colocada no seu habitat natural) – tornando mais uma vez bem claro e como mais um facto inquestionável (como se tal ainda fosse necessário), que outros seres vivos também pensam e para sobreviverem comunicam. Como o confirmam os investigadores: "Teeth chattering is seen in many primate species and has been proposed to have a range of social functions" (Susan Wiper and Stuart Semple/seeker.com). Neste caso provavelmente não passando de meros gestos demonstrativos da curiosidade e da necessidade de investigação por parte do macaco, posto perante algo de novo, necessitando de ser tocado e se necessário por sons ser convidado a responder: reagindo e interagindo. No momento do macaco de crista-preta talvez não passando de uma mera resposta ao seu próprio reflexo (nas lentes da câmara).

 

Situações que nos elucidam um pouco mais sobre a nossa História passada (na esmagadora maioria dos pontos da cronologia da TERRA e do HOMEM ainda profundamente desconhecida), seja por vestígios de um passado misterioso e certamente oriundos do Espaço exterior à Terra (transportados por corpos celestiais viajantes) ou pela capacidade extraordinária de outras espécies que não a nossa e que mesmo hoje com todo o nosso desenvolvimento, saber e conhecimento ainda não conseguimos entender – catalogando-as na sequência do processo de descarte e de esquecimento como selvagens e irracionais (como nós já fazemos mesmo entre nós) e esquecendo-nos que no fundo e na sua essência (organização e sobrevivência) eles são por nascimento e por residência em tudo um pouco como nós.

 

snapshot PIG.jpg

A curiosidade do Porco-Selvagem

 

Tendo estes acontecimentos a grande virtude de além de terem sido registados em ambientes ainda preservados de acordo com as leis da Natureza (e do direito ao seu usufruto por tudo e por todos) – com fauna e flora selvagem coabitando num ambiente ainda virgem e eventualmente despoluído – também terem sido observados sem nenhum limite ou preconceito e aceitando de mentes abertas todas as hipóteses em cima da mesa (internas ou externas):

 

-Com a História rodeando o período em torno do reinado do Rei-Rapaz Tutâncamon (um curtíssimo espaço de 9 anos) a ter repercussão mais de três mil anos passados (sobre o seu reinado), correlacionando a existência de um certo artefacto (desse tempo distante da História do Egipto, a 18ª dinastia), com os objetos divinos provenientes do Espaço e com toda o mistério e magia por eles transportada. Deixando-nos de sobreaviso sobre a nossa própria História oficial, tendo em consideração que entretanto muitos outros artefactos deram à luz, muito deles invocando uma presença alienígena ou outro tipo de explicação paralela – mas na base semelhante (senão mesmo idêntica mas separada no conjunto Espaço-Tempo): que a Vida na Terra se tem feito por Saltos Evolutivos (ciclos alternando entre o aparecimento e desaparecimento parcial de uma certa espécie, como se fizéssemos RESET e após a conclusão da anterior transformação – ou replicação) – sugestão sedentária – ou em alternativa que seremos originários do Espaço (os verdadeiros alienígenas no que à Terra diz respeito) e que um dia para lá voltaremos – sugestão nómada. Muito por necessidade mas também por aventura (o supremo prazer do acaso);

 

-Como até o nosso amigo porco-selvagem (talvez mais nosso familiar do que se pensa) o evidência e confirma: no seu passeio habitual pelo seu habitat natural (a selva) sendo imediatamente despertado na sua curiosidade pelo seu encontro casual com algo não identificado (uma câmara de vídeo), mal percecionada e sentida considerada como de necessária e imediata compreensão – sentindo-a, interpretando-a, recolocando-a no seu arquivo (demonstrando inteligência) e como nós sempre fazemos prosseguindo o seu caminho.

 

Fazendo sobressair o poder duma mente sem limites – sem parâmetros fixos de tempo e de espaço (não tendo referência nem data) e apenas conjugando em Matéria, Energia e Movimento – com capacidades nunca antes exploradas (mesmo que replicadas em sucessivas versões). E dando razão a William Shakespeare – “Ser ou não ser eis a questão” – e um pouco menos a René Descartes – “Penso, logo Existo” – com um ainda na dúvida (prefiro) e o outro já com certezas (muitas delas sinal claro de incerteza).

 

(dados: livescience.com e seeker.com – imagens: AP/WCS)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:53

pesquisar

 

Junho 2016

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
18
19
20
21
22
23
25
26
29

comentários recentes

Posts mais comentados

blogs SAPO


Universidade de Aveiro