Passos Coelho Abduzido

Última Hora:

Primeiro-Ministro raptado por alienígenas!

(aproveitando a confusão causada pela greve geral)

 

Colocando o corpo inerte sobre a mesa, os alienígenas iniciaram o seu trabalho de prospeção e refundação do alienado abduzido

 

Fontes próximas do Primeiro-Ministro Pedro Passos Coelho – vizinhos no mesmo prédio de Massamá – afirmaram de uma forma clara e perentória, terem presenciado hoje de manhã à abdução do líder do PSD por um piquete de intervenção constituído por cinco alienígenas, que pretensamente iriam participar na manifestação convocada pela CGTP – deslocando-se posteriormente a Belém para levarem uma dúzia dos seus célebres pasteis de nata e assistirem a uma partida do Belenenses – o que se sabe agora nunca ter acontecido. Soube-se ainda que a sua mulher Dona Laura, fisioterapeuta de profissão e natural da antiga colónia portuguesa da Guiné-Bissau, ainda se tentou opor à ação criminosa destes desordeiros vindos de fora, não tendo conseguido no entanto impedir a consumação deste ato terrorista, que acabou por deixar – segundo a sua opinião – Portugal posto à deriva e perto do precipício final, tal como sucedido há anos atrás no curto reinado de D. Sebastião. Os populares que assistiram a este raro e inusitado acontecimento recusaram-se a intervir na defesa de um dos seus mais altos representantes nacionais, invocando para sua defesa problemas de saúde, fraqueza súbita devido a um mau regime alimentar e receio de ter que pagar qualquer tipo de taxa ou imposto apenas por querer defender o interesse público e salvar a sua comunidade.

 

O Primeiro-Ministro acabou por ser mais tarde descoberto no interior de um contentor do lixo – alguns fanáticos da sua loucura ideológica mencionaram que seria um Ecoponto, talvez para defenderem a sua imagem – tendo sido levado rapidamente ao hospital mais perto do seu bairro de residência como medida preventiva, local onde lhe foi diagnosticada uma obstipação mental agravada e aplicado de imediato um clister-técnico cientificamente localizado, de modo a evitar a propagação da doença e o possível contágio a outros cidadãos inocentes. Após autopsia efetuada ao seu corpo com a devida autorização da sua mulher, Passos Coelho acabou por regressar a sua casa a bordo de uma ambulância dos bombeiros, de modo a recuperar das suas mazelas e assim poder voltar ao comando do Governo. O único sinal de alarme foi registado por Dona Laura quando verificou aterrada que o seu marido havia sofrido uma nova lobotomia além daquela a que se tinha involuntariamente sujeito aquando da sua eleição há anos atrás, como um dos elementos mais importantes do grupo do atual Ministro dos Assuntos Parlamentares Miguel Relvas, seu colega de Governo e grande amigo da sua juventude – também conhecido como aquele que quando fosse grande, desejaria ser uma máquina cortadora de relva, para assim apanhar minhocas pelo pescoço e usá-las como isco para obter as suas refeições.

 

O gato de Passos aproveitou então a saída da dona, mandou uma mijadela que atingiu o moribundo Primeiro-Ministro no meio dos olhos, lançou um sonoro traque que quase o asfixiou e finalmente talvez por despeito, cagou-lhe literalmente em cima enquanto gritava que o fazia, porque também não tinha aderido à greve.

 

(imagem – Google.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 10:08