mais sobre mim

subscrever feeds

Sexta-feira, 06 DE Outubro DE 2017

Albufeira

Sexta-feira dia 6 de Outubro em Albufeira com o tempo continuando a manter as condições climatéricas usufruídas no Verão (apesar de já termos entrado na Estação do Outono), com relevante afluência às praias aproveitando os raios quentes do Sol e a temperatura agradável (por aceitável por esta altura do ano) das águas do mar: com os caminhos em direção às Delícias do Algarve (neste caso o Sol e a Praia) a estarem bem frequentados (da Falésia até à Galé), caminhando-se sobre as falésias ou nas marginais frente ao mar.

 

ALB1.jpg

 

E no 5º dia após as Eleições Autárquicas com o Presidente a tomar uma bica (bem à vista no café Caravela para satisfação dos presentes), arrancando de seguida de indumentária própria para a época com a sua pasta para a Câmara.

 

ALB2.jpg

 

Num dia em que na cidade de Albufeira se regista a temperatura de 27⁰C pelas 14:00 (locais) com uma máxima prevista de 28⁰C e uma mínima de 18⁰C ‒ de dia convidando todos (os que possam) a uma ida para a praia e a um banho no mar (e logo a partir das 08:00 da manhã), intermediada por um bom almoço ou por um jantar (provando a gastronomia da região) e finalmente dadas as temperaturas registadas ao longo de toda a noite (arrastando-se pela madrugada) convidando a um passeio muitas vezes sob o luar (e vendo as calmas águas do mar paradas e como um espelho sob a luz a cintilar) deixando-nos arrastar como se não mais quiséssemos terminar.

 

ALB3.jpg

 

Com este cenário de regresso do Verão ao Algarve e à cidade de Albufeira a prometer manter-se pelo menos durante mais uma semana (de 7 a 14 de Outubro), com as temperaturas máximas a andarem pelos 28⁰C/30⁰C e as mínimas pelos 16⁰C/19⁰C, apresentando-se o Céu limpo (exceto a caminho do próximo fim-de-semana com algumas nuvens) e sem precipitação.

 

ALB4.jpg

 

Num período em que muitos Europeus ainda circulam pelo Algarve (mesmo em autocaravanas e ficando em parques como o do Imortal em Albufeira) ou não fosse o caso de nos seus países já se estar (efetivamente) no Outono e se poder tremer de frio (como no norte/centro da Europa incluindo ‒ por exemplo ‒ a Alemanha).

 

(imagens: PA)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 17:34
Sexta-feira, 11 DE Agosto DE 2017

Migrantes a Chegarem por Mar

“Na Praia dos Alemães assistimos ao contraste

Sem poder virar as costas e mais uma vez ignorar.”

 

LOP000J71D1YT_10.jpg

Praia de Zahara de los Atunes

(Cádis ‒ Espanha)

 

Mais cedo do que o previsto e sendo ainda difícil de acreditar, a costa do sul de Espanha para lá do Estreito de Gibraltar e quando o Mediterrânico encontra o Atlântico, começa agora a aparecer com destaque informativo e envolvendo migrantes: maioritariamente escolhendo o outro lado (do estreito) para o seu trajeto de fuga (com chegada à Europa), mas dada a saturação dessas rotas e crescente perigosidade (como o itinerário Líbia/Itália), optando agora por Marrocos (Ceuta/Tanger) deslocando-se para ocidente (Andaluzia espanhola) e desta vez para Cádis. De África menos de 30Km até Espanha (Costa da Luz), uns 100Km até Cádis (Andaluzia) e pouco mais de 200Km para Portugal (Algarve).

 

Costa de la luz.gif

Costa da Luz

(estendendo-se do Mediterrâneo à fronteira do Guadiana)

 

Pelo que se não neste ano de 2017 pelo menos já no próximo de 2018 (e continuando ativo este fluxo obrigatório de turismo entre os territórios das presas/África e Oriente e dos predadores/América e Europa) uma valsa carregada de migrantes e originária de terras mais a sul para lá do Mediterrânea (Melilha, Ceuta ou Tanger) chegará à costa do Algarve (muito mais rápido de que as plataformas petrolíferas) misturando-se com os veraneantes e dando outro aspeto e colorido às praias e empreendimentos turísticos do sul de Portugal: saltando de Tanger para cádis e depois podendo dar outro salto dessa vez até Albufeira. Tendo à sua espera como não poderia deixar de ser os inúteis da Proteção Civil (os iluminados da prevenção, da proteção e da segurança que tudo deixam arder e morrer) e os GIP dos jipes mas apetrechados de mangueira (chamando a GNR e assim dispensando os bombeiros). Num território sem Exército mas cheio de chefes e de formadores.

 

28ba66f2bd496aa4a1b728257dafa7fb.jpg

De África até à Europa

(numa curta travessia de cerca de 30Km que pode significar a vida)

 

Ontem dia 10 de Agosto com outro barco carregado de cerca de 50 migrantes fugitivos do continente africano a chegar à costa espanhola (atingindo terra na província de Cádis) e com os fugitivos saindo apressados do barco perante o espanto geral dos banhistas (em paz e vendo a guerra a chegar até eles), perdendo-se de seguida e de vista (mais à frente) noutros trilhos à procura de um novo destino (talvez a Inglaterra com as suas ruas forradas a Ouro e com uma mulher ainda sendo Rainha). Com os migrantes oriundos de um continente com fome, com doenças, com guerras e cada vez com mais bases militares estrangeiras domiciliadas neste território (norte-americanas e até chinesas e até com turcos pelo meio) a fugirem sobretudo da morte (permitida por legal e institucional) e de todos os seus agentes e outros formadores ou assassinos (incluindo os terroristas muitas das vezes em conluio com as autoridades).

 

(imagens: metro.us/masspanje.nl/saylordotorg.github.io)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 17:54
Domingo, 06 DE Agosto DE 2017

Domingo 6 em Albufeira

Como é habitual no quotidiano diário de milhões de portugueses e cumprindo uma tradição que vem desde a revolução introduzida pelo desenvolvimento e generalização da indústria automóvel em Portugal (transformando o automóvel num símbolo de poder e de bem-estar), todos os Domingos e Feriados (sobretudo nas férias de Verão) os portugueses-modelo pegam no seu bólide antecipadamente aprimorado e partem como crianças (é certo que num espaço reduzido, num curtíssimo período de tempo e como se estivessem num berçário) á procura da Aventura e à Conquista de Outros Mundos.

F.jpg

Baía de Albufeira

(Verão de 2017)

 

Com o tempo mais fresco da parte da manhã deste Domingo 6 de Agosto (em Albufeira), prevê-se para hoje e pelo menos até quarta-feira (9 de Agosto) um abaixamento das temperaturas máximas (35⁰C para 28⁰C), acompanhadas por uma ligeira brisa vinda de norte e céu parcialmente encoberto (sem chuva) ‒ com a temperatura da água do mar a andar por uns agradáveis 20⁰C convidando-nos a ir à praia (ao início da manhã e ao fim do dia sendo os melhores momentos) e com os índices de raios ultravioletas a continuarem muito elevados (no Algarve UV9 numa escala de 1 a 11) a aconselhar-nos a ir para a praia preferencialmente vestidos (evitando expor as crianças mesmo usando protetor).

 

EUR 1.gifEUR2.gif

 

Temperaturas médias e índice de raios ultravioleta na Europa ‒ Previsão

(Domingo, 6 de Agosto)

 

Pelo que este Domingo com o tempo mais fresco e convidando a andar na estrada (um dos hobbies dos portugueses, mesmo em tempo de férias e suando às estopinhas), se prevê grande circulação (na EN125 porque na outra se paga), alguns engarrafamentos (sobretudo nas incontáveis rotundas) e shoppings superlotados ‒ como o localizado na Guia (a capital do frango de churrasco), tão perto do novo golfinho (da novela e do Zoomarine) e da cidade de Albufeira (a capital turística do Algarve). Sendo o ponto central (lazer e gastronomia) tendo a sul a praia e o mar (ex. praia de S. Rafael), a norte o medronho e o presunto (ex. Monchique), a leste as ostras e o atum (ex. Cacela Velha e Tavira) e a oeste as imperdíveis sardinhas (ex. Portimão) e os gostosos percebes (ex. Sagres): mas nunca esquecendo outros por comporem o cenário e fazerem desde sempre parte da cultura e da memória (do Algarve) ‒ como citrinos e frutos secos e a passagem dos mouros (obrigando-nos a visitar Silves com o seu Castelo no alto e os restaurantes junto ao rio).

 

(imagens: PA e weatheronline.pt)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:33
Sábado, 21 DE Junho DE 2014

Hoje começa o Verão

Hoje é o dia do solstício de Verão no hemisfério norte (em que a duração do dia é a maior do ano), ou seja, o dia em que se inicia a estação de Verão e as férias grandes de muita gente como nós.

 

Praia de Albufeira

(há muitos anos atrás)

 

Momento para se recordar a vida das populações locais – neste caso de Albufeira – num ainda não muito distante passado: quando as casas dos seus antepassados ainda estavam de pé e os albufeirenses ainda não estavam extintos.

 

(imagem – edamalta.superforum.fr)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 15:58
Terça-feira, 28 DE Junho DE 2011

Albufeira

Praia dos Pescadores

 

Já existiu para a alegria e tristeza de muita gente desta terra.

 

Hoje ainda lá está o espaço, alguns edifícios ainda se reconhecem, mas o povo que a fez viver e a viu morrer, já se foi embora com ela.

 

Ainda conheci alguns descendentes desta espécie extinta, já perdidos debaixo das promessas abundantes do turismo e esmagados pelas teorias dos invasores progressistas.

 

Tudo ofereceram, até sexo e dinheiro estrangeiro, mas hoje, mesmo para um migrante como eu, de quase trinta anos de Albufeira, me custa lembrar a alma de uma terra que em menos do que uma geração, se incendiou e extinguiu.

 

Dando origem a uma nova espécie invasora.

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 11:51

pesquisar

 

Outubro 2017

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
19
22
24
25
26
27
28
29
30
31

comentários recentes

blogs SAPO


Universidade de Aveiro