Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

19
Ago 12

Estava eu a consultar as últimas notícias sobre a WIKILEAKS e a sua ligação ao caso jurídico que envolve um dos seus fundadores, JULIAN ASSANGE – e que agora voltou à ribalta informativa com o pedido de asilo político, solicitado ao Equador através da sua embaixada em Londres, onde JA se encontra refugiado – quando na continuação da minha ronda pela web, me deparei com esta notícia da revista VISÃO:

 

Abraço entre gorilas irmãos espanta tratadores

 

Depois de quase três anos separados, KESHO, de 13 anos, e o irmão mais novo, ALF, de 9, reconheceram-se imediatamente e abraçaram-se assim que os libertaram das jaulas em que os mantiveram durante 24 horas por precaução.

 

O exemplo dado pelos gorilas do Zoo de Dublin, KESHO e ALF

 

A associação de ideias entre estes dois acontecimentos foi imediata e questionei-me sobre a possibilidade de representantes oficiais do Equador e da Suécia, se reunirem amigavelmente para resolver este problema, sem se deixarem pressionar por múltiplas questões de interesses colaterais, como as já bem demonstrados por países como os EUA e o seu amigo Reino Unido – e agora complementadas com posições sucessivas de apoio à atitude tomada pelo Equador por outros países da América do Sul.

 

Podiam-se abraçar, beijar e esquecer os problemas inúteis provocados anteriormente. E entender definitivamente que a compreensão e a amizade são das poucas coisas que ainda temos e que devemos para sempre tentar preservar. Como o fizeram neste caso exemplar e significativo – para a nossa escala – os nossos nobres colegas primatas.

 

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 17:55

Agosto 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9


22

26


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO