Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

21
Mai 12

Julian Cash's

The People of Burning Man

 

A beautifully produced photo-portrait book shot over many consecutive years at Burning Man, the giant, weird, delightful art and culture festival that takes place every summer in Nevada's Black Rock desert.

 

      

 

      

 

 

 

(boingboing.net)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:57

O espanto do Francisco, face ao raio da Ângela

 

Na sua primeira aparição em solo estrangeiro – a convite da Chanceler alemã Ângela – o recém-eleito presidente francês Francisco, quase que foi vítima de um acidente aéreo que muitos acharam deveras suspeito, até pelo momento e circunstâncias estranhas em que este aconteceu. Fontes próximas da madrasta despeitada e baseando-se na preparação da vingança desta pela queda do seu bailarino prometido Nicolau, divulgaram em certos locais secretos e encriptados – como proteção contra as manobras deste monstro – que o plano seria o de atingir o avião presidencial com um forte raio de micro ondas, fazendo-o o explodir violentamente e sem regresso possível, de modo a que não restassem quaisquer sobreviventes (ou testemunhas) e cuja ação se atribuiria posteriormente a terroristas alienígenas. O avião tinha descolado de Paris rumo a Berlim, acabando mesmo por ser atingido por um raio, felizmente mal calibrado. E tal foi o espanto da Chanceler ao ver chegar o Presidente ainda vivo e a respirar a chegar pelo seu próprio pé, que esta foi logo cumprimenta-lo, para ver se ele era real, se tinha pulso e porventura temperatura.

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:44

“Existem situações tão claras, que não necessitam de comentários”

 

Miguel Relvas tenta escapar ao Parlamento

 

 

O ministro deslocou a discussão para a ERC. O PSD diz que o Parlamento deve aguardar. A Entidade Reguladora começa quarta-feira a ouvir os envolvidos no “caso Público”.

 

Ao enviar "uma série de documentos" para a Entidade Reguladora da Comunicação Social (ERC), Miguel Relvas conseguiu, para já, escapar à discussão política do caso "Público" na arena parlamentar.

 

A esperança do PSD é que a Entidade Reguladora dê tempo para que a polémica esfrie e, de preferência, conclua no sentido de esvaziar o balão das suspeitas que recaem sobre o ministro. A ERC, na última deliberação semelhante, demorou seis meses a concluir pelo arquivamento.

 

Alegadamente, Miguel Relvas terá pressionado o jornal, ameaçando com denúncias sobre a vida privada de uma jornalista.

 

(Expresso)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:36

Maio 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

16
17

20
22
23
25
26



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO