Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

06
Ago 12

Por vezes quem usa óculos, não é nada ceguinho – ao esconder-se atrás das lentes, cega mas é o outro lado!

 

Projeto 3D

 

     

Não é só o alcoólico que vê a dobrar

 

Lançada recentemente pelo atuais líderes, eis que surge uma nova campanha publicitária de aquisição cerebral e desertificação social, baseada estrategicamente na manipulação grosseira dos nossos órgãos dos sentidos, com um prévio, único e devastador objetivo: banalizar a utilização dos nossos sentidos alterando as perspetivas através das quais vemos o mundo e levando-nos com esta postura passiva e expectante a pensar que com a utilização de outra decoração a nossa realidade poderia ser completamente diferente e como tal possível e aceitável.

 

    

O problema não está na visão mas no processador utilizado

 

No entanto a calamidade provocada pela descoberta do embuste proposto pela nossa intelectualidade hierárquica em decomposição – como salvaguarda da manutenção do seu estatuto e respetivas compensações monetárias – por vezes é posta completamente a nú desmentindo perentoriamente e em direto estes falsos e autopropostos apóstolos e levando o povo a abandonar os modernos óculos da nova geração, livrando-se deste modo de se deixar levar mais uma vez para a desgraça e de acreditar em fantasmas ou no diabo.

 

Os óculos nunca se deveriam transformar em instrumentos de diferenciação social

 

Mas o que esperamos nós do futuro, se nem sequer queremos discutir o presente, o único momento na vida em que podemos afirmar estarmos vivos? Só se for mesmo o vazio perfeito, face ao passado sem memória e sem cultura que hoje nos oferecem em manuais de instrução e por outro lado face a um futuro cheio de falsas promessas e incorreções, fruto de um nada sem continuidade e em parte idêntico ao momento anterior ao da nossa conceção. Usar lentes, sorrindo ou chorando, já o fazemos regularmente há muitos e muitos anos e até agora ainda não tive notícias de algum caso ou fenómeno anormal.

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 16:47

Agosto 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9


22

26


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO