Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

08
Jul 13

There's a killer on the road

(The Doors – Riders on the storm)

 

E foram todos carpir para os Jerónimos – Manuel Clemente, Cavaco Silva e Passos Coelho – devidamente acompanhados e sob forte aplauso dos dependentes.


Manuel Cerejeira, Américo Thomaz e Oliveira Salazar

 

Com este Governo bem que podemos deitar fora todos os dicionários. Só se for mesmo para os exames feitos à mão – a nossa educação baseia-se no manual de instruções, provavelmente amanhã em chinês – do nosso querido Nuninho.

 

(é claro que alguns dos cidadãos comuns presentes nestas manifestações – antes ou depois – expressam apenas as suas convicções religiosas)

 

(imagem – retirada da Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 18:08

 

 

 

O Incidente surgido recentemente no Brasil por altura da disputa da Taça das Confederações em futebol e que deu origem ao aparecimento inesperado e em avalanche de manifestações populares de contestação e de revolta tendo como alvo o governo brasileiro, ainda não teve até hoje uma explicação oficial e esclarecedora das suas causas e possíveis consequências futuras. Até porque se poderá estar em presença de um novo preambulo reorganizativo das infra-estruturas prioritárias da economia e da sociedade do Brasil, agora que este país se começou a transformar definitivamente num dos mais fortes faróis do poder económico da América Latina e dada a sua enorme riqueza mineral, numa futura grande potência mundial.

 

Mas a explicação para este Incidente poderá no fundo ser muito mais fácil de entender do que se pensava – desde que não acreditemos na manipulação exercida pela comunicação social, nem na confusão propositada por eles criada e deliberadamente instalada. Terminada a prova de futebol o que aconteceu a partir daí? Eu como cidadão comum francamente não sei de nada e presumo que tudo já acabou – como o Carnaval. Ou será que já estamos numa outra fase intermédia de todo este soluçante e estranho processo? É que ainda aí vem o Mundial de Futebol e a seguir os Jogos Olímpicos.

 

Interessante é perceber porque aconteceu este Incidente e conhecer a agenda dos seus verdadeiros promotores. Não nos podemos nunca esquecer da presença no governo do Brasil dum elevado número de políticos corruptos em lugares chaves do poder económico e da influência sempre activa dos poderosos interesses norte-americanos. Uma porta que Lula nunca poderá negar ter deixado escancarada e pronta para ser livremente ultrapassada sem qualquer tipo de regras nem moral, por regimentos de empresas e indivíduos sem nenhum tipo de vergonha ou de escrúpulos, apenas interessados em negócios baseados em critérios de violência e de corrupção.



E qual será a informação mais relevante que poderemos tirar deste Incidente? Certamente que não será o aspecto mais visível, o mais importante – o das manifestações – pois esse aspecto desapareceu e até parece nunca ter existido (apesar de eu achar que estamos numa fase intermédia e que acontecimentos deste género não se limitam ao Brasil, como se pode ver com o que está a acontecer na Turquia e no Egipto). No Brasil o que está em jogo é apenas a questão do Petróleo: a descoberta no litoral brasileiro duma das maiores reservas petrolíferas do mundo detidas pela Petrobrás, provocou desde logo a cobiça e o interesse das multinacionais ligadas ao ramo. Logo apareceram as empresas petrolíferas norte-americanas e empresas governamentais como a Blackwater e o seu serviço de mercenários. O problema é que se a corrupção ajuda os corruptores, também pode confundir por excesso de oferta os corrompidos. O que acontece agora é que até a China já está metida ao barulho – e contra os desejos estratégicos norte-americanos de conter o crescimento da economia chinesa, os brasileiros tiveram o desplante de se virarem para o gigante asiático e fornecerem o seu precioso ouro negro.

 

E isso os norte-americanos jamais irão consentir. Pelo menos sem a ocorrência de incidentes que façam o governo do Brasil considerar e pagar: este não será o primeiro nem o último, apenas mais um Incidente.

 

(imagens – retiradas da Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 16:59

Até hoje o único Cientista a andar sobre a Lua!


Lua – 1972

 

Harrison “Jack” Schmitt – the only trained scientist to have walked on the moon, so far. Born in Santa Rita, New Mexico, he was a geologist for the U.S. Geological Survey, and other entities, when he joined NASA in 1965 along with a group of other scientists. He became the 12th and last man to walk on the moon. His mission was the 6th and final manned flight to the moon, Apollo 17, in 1972.

 

Apollo 17 was also the longest manned mission to remain on the lunar surface. During three days in December 1972, Schmitt and two other astronauts explored the moon.

 

(artigo e imagem – earthsky.org)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 13:47

Julho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

20

24
27

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO