Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

22
Abr 14

“Ainda se lembram de como é que desapareceu da face da Terra um avião tão grande como um Boeing 777”?

 

Message in a Bottle – Num museu longe de nós

(Abduzidos Vivos)

 

O voo MH370 das Linhas Aéreas da Malásia foi descoberto por mero acaso e durante uma operação de rotina, numa arrecadação militar duma base alienígena instalada numa das luas de um dos Planetas Exteriores do Sistema Solar. Acredita-se que o avião faria parte de uma encomenda de um poderoso coleccionador de artefactos, interessado em recriar em ambientes fechados e preservados da erosão exterior modelos reais de sujeitos e objectos, à altura em utilização partilhada e capturados ao vivo. O jacto 777 da Boeing terá sido miniaturizado com toda a sua carga e passageiros que transportava na altura – desconhecendo pormenores técnicos da mesma e se terá sido feita em voo ou já em terra – sendo posteriormente introduzido no interior duma garrafa e colocado em suspensão artificial. Devidamente acomodado e cuidadosamente protegido no interior duma encomenda prestes a ser automaticamente expedida, o artefacto artístico de altíssimo valor comercial acabou por levantar algumas suspeitas às unidades biomecãnicas em serviço no satélite, essencialmente devido ao sinal reflectido pelo artefacto quando posto sob as ondas da sonda identificadora: vindo do interior da encomenda o eco revelava sinais de vida. E foi na extracção do artefacto do interior da encomenda que tudo se revelou: estavam em presença duma pura mensagem de Arte Viva Actual, congregando memória e esperança, dois parâmetros tão importantes como esquecidos nos dias de hoje. No interior da garrafa existia um mundo observado pelo próprio mundo – mas que perdido no tempo subjectivo, apenas o queria recordar sem objectivo e sem nunca o ter vivido. O caso foi arquivado por insuficiências de provas. Ninguém fora apanhado em flagrante delito. E fora do seu Espaço próprio de fundamento e julgamento, o possível crime tinha prescrito: entretanto a obra de arte seguiu viagem, encontrando-se já muito longe do nosso Universo, nas mãos de coleccionadores.

 

(imagem – Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 18:59

Abril 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9



30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO