Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

13
Jan 16

É fácil de constatar a partir desta imagem enviada pela sonda 2001 MARS ODISSEY (atualmente em órbita do planeta MARTE) que as profundas depressões que aí surgem na região de HEBRUS VALLES são um indicativo irrefutável de que por aí passou algo. Há muitos e muitos milhões de anos.

 

PIA20234 w.jpg

Marte
(PIA 20234)

 

Estruturas geológicas que terão adquirido a forma atualmente apresentada não por uma modificação ocorrida na sua superfície por alguma intervenção vinda do exterior (por exemplo um impacto) mas sim pela manifestação de fenómenos evolutivos ao longo da história geológica de Marte.

 

PIA20234.jpg

Marte
(ampliação)

 

Segundo os cientistas da NASA responsáveis pela missão 2001 Mars Odissey estaríamos perante um verdadeiro sistema de canais marcianos (logicamente de origem natural) que teriam sido formado num passado bastante remoto devido à passagem de qualquer tipo de líquido, água ou lava.

 

(imagens: NASA)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 14:56

É só vê-los passar:
Alguns sem rabo, sem orelhas e cada vez mais pequeninos, mesmo à medida de um brinquedo (de companhia e de preferência para adultos) e muito bem formatados.

 

popular-small-dog-breeds.jpg

Cães – e na imagem podíamos ser nós

 

Como se ainda fosse necessário efetuar mais uma demonstração do que o Homem é capaz de fazer à Natureza (à fauna, à flora, ao meio ambiente e ao próprio), basta ler mais esta informação publicada pelo magazine online Science Daily para tirar qualquer tipo de dúvidas: agora a vítima é o Cão.

 

Dog domestication may have increased harmful genetic changes, biologists report
(parte de artigo publicado em 11.01.2016 pela Universidade da Califórnia)

 

Domesticating dogs from gray wolves more than 15,000 years ago involved artificial selection and inbreeding, but the effects of these processes on dog genomes have been little-studied.

 

UCLA researchers analyzed the complete genome sequences of 19 wolves; 25 wild dogs from 10 different countries; and 46 domesticated dogs from 34 different breeds. They found that domestication may have led to a rise in the number of harmful genetic changes in dogs, likely as a result of temporary reductions in population size known as bottlenecks.

 

"Population bottlenecks tied to domestication, rather than recent inbreeding, likely led to an increased frequency of deleterious genetic variations in dogs," said Kirk Lohmueller, senior author of the research and assistant professor of ecology and evolutionary biology in the UCLA College.

 

"Our research suggests that such variants may have piggybacked onto positively selected regions, which were also enriched in disease-related genes," Lohmueller said. "Thus, the use of small populations artificially bred for desired traits, such as smaller body size or coat color, may have led to an accumulation of harmful genetic variations in dogs."

 

Pelo que o mais certo é continuarmos a ver estes animais domésticos a reproduzirem-se cada vez com mais alterações genéticas introduzidas consciente ou inconscientemente pelos seus donos e patrocinadores (especialmente para melhorarem o seu impacto visual), até aos donos dos novos mutantes chegarem finalmente ao dia em que terão transformado o seu animal (e aquele que há em si) numa mera Coisa.

 

E de preferência funcionando a energia solar (assim ficando a hibernar deixando-nos em paz a dormir).

 

(texto/itálico: sciencedaily.com – imagem: ots-photo/Fotolia)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 12:56

Ficheiros Secretos a 26
(FOX)

 

No próximo dia 26 de Janeiro (uma terça-feira) volta de novo aos ecrãs de TV (em Portugal) a série norte-americana de culto Ficheiros Secretos.

 

snapshot 1.jpg

 

Passados quase 14 anos sobre a interrupção desta série da FOX, os agentes Fox Mulder e Dana Scully voltam de novo ao ativo, tentando na sua incansável procura da verdade, desconstruir o cenário mostrando a realidade.

 

Uma séria de bastante sucesso emitida durante 10 anos e interrompida repentinamente em Maio de 2002.

 

Muitos encontrando explicação para o sucedido nesse ano, relacionando o fim da série X-Files com o atentado terrorista ocorrido no ano anterior em Nova Iorque (nas Torres Gémeas): na sua sequência e face às mais estranhas e variadas teorias (explicativas) que rodearam este acontecimento (e que poderiam segundo certas fontes vir a implicar parte do governo norte-americano), os agentes governamentais para acabarem de vez com a especulação e continuarem monotonamente com a sua representação, resolveram acabar com os conspiradores e com as teorias da conspiração.

 

snapshot 2.jpg

 

E no meio da rede lá se foi o nosso peixe. Agora voltaram mais velhos talvez um pouco mais moles mas certamente ainda cheios de espinhos: extraterrestres, fenómenos paranormais, teorias da conspiração – e um mundo felizmente sem fim de muitas outras normalidades.

 

(imagens da nova temporada: WEB)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 12:49

Janeiro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

15





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO