Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

04
Dez 16

Amanhã realiza-se a final do 2016 UK CHAMPIONSHIP com RONNIE O’SULLIVAN na sua segunda final de torneios contando para o Ranking Mundial (na primeira foi derrotado) e com MARK SELBY a disputar a sua quarta final tentando vencer a terceira (já que nas três anteriores apenas foi derrotado numa).

 

Jogador

RM

Jogador

RM

 

Stephen_Maguire,_Ronnie_O’Sullivan,_and_Michaela

 RONNIE

O’SULLIVAN

 

12º

Mark_Selby_at_Snooker_German_Masters_(DerHexer)_20 MARK

SELBY

 1º

 

Com o primeiro (O´SULLIVAN) a eliminar nas meias-finais MARCO FU (14ºRM) – 6-5 – quando no 10º FRAME vencendo por 5-4 e já com vantagem no mesmo (e a um passo dos 6-4), o jogador chinês falhou uma bola acessível, entregando o FRAME ao seu adversário e deixando-o empatar 5-5; perdendo de seguida na negra e sendo afastado da final.

 

E com o segundo (SELBY) a despachar nas meias-finais SHAUN MURPHY (6ºRM) – 6-2 – demonstrando na prática a razão pelo qual é de momento o Campeão do Mundo e líder destacado do Ranking no que toca à modalidade de SNOOKER, tendo até ao momento estado presente em 30% das finais (provas de RM) e dessas ter ganho 67%.

 

Uma final que pelas indicações dadas pelos 2 jogadores ao longo de todo o torneio e especialmente nos encontros das meias-finais, parece sugerir a quem viu um mínimo de jogos, apreciou as meias e conhece um pouco de cada um deles (o que não é difícil pois RONNIE é Penta Campeão e MARK é o atual Campeão) que o favorito poderá ser o mais novo.

 

(imagens: wikipedia.org)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 02:35

“Se pensarmos que todo o processo evolutivo se passa sequencialmente, poderemos concluir que no que diz respeito à vida e respeitando esse modelo, ela tanto poderá ter surgido pela 1ª vez na Terra como também poderia ter ocorrido no planeta Marte: qual deles o objeto qual deles a imagem?”

 

Numa revelação com pouca luz de um horizonte bem contrastado de um cenário de Marte, é perfeita e bem visível a separação entre a escuridão bem profunda da terra e a claridade com que o céu nos pretende iluminar. Com o Céu e o Inferno (Marte) ali tão perto ficando para nós o Purgatório (Terra).

 

1N533815372EFFCTSAP1829R0M1.JPG

MARTE – ROVER OPPORTUNITY – SOL 4569

(2016)

 

Esperando que no Mistério desta ligação planetária se possa um dia descobrir o elo de todos o mais forte: confrontando de vez o Homem com o seu nomadismo inato, impondo-lhe o movimento como a causa da sua vida, ensinando-lhe todos os truques associando matéria e energia e mostrando-lhe um espelho e um relógio parado, obrigando-o a escolher entre o Passado e o Futuro. Será que ao olhar para Terra e para Marte como marcos quilométricos, poderemos afirmar qualquer dia qual deles surgiu primeiro?

 

Finalizando com o arquivamento de mais este acontecimento banal registado e editado na Terra sem nenhum interesse ou pretensão, transportado durante dezenas de milhões de quilómetros de Espaço por vezes cheio por vezes vazio através de meros instrumentos tecnológicos, vazios de espírito e sem alma – e que num processo alternativo e revolucionário de análise e de interiorização (retirando o Homem do centro do contexto), nos abriria definitivamente todos os mecanismos da mente levando-os a perceber a ligação Terra/Marte.

 

(imagem: nasa.gov)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:30
tags: ,

Dezembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

14

23



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO