Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

21
Dez 16

E tal como diria Paul Craig Roberts

 

“As the Coup Against Trump Fails, the Threat Against His Life Rises”

 

PCR.jpg

Paul Craig Roberts entrevistado na RT

(com o seu blogue integrado desde Novembro na lista negra da CIA)

 

Como a tentativa de impedir a nomeação de Donald Trump como Presidente dos EUA manipulando os representantes do Colégio Eleitoral falhou (só dois dos seus representantes não votaram Donald Trump sendo esses dois dos seus adversários nas primárias Ron Paul e John Kasich), resta agora a todos aqueles que ainda pretendem impedir o cumprimento da Constituição Norte-Americana assassinar o mais rapidamente possível o futuro ocupante da Casa Branca, o milionário, republicano e autoproclamado antissistema Donald Trump.

 

Acrescentando ainda para uma melhor compreensão do problema que poderá segundo ele levar ao assassinato do Presidente eleito

 

“The CIA report on Russia’s alleged interference in the US presidential election ordered by Obama is in process. Faked evidence is a hallmark of CIA operations. In their determination to seal Trump’s ears against environmental concerns, a group of environmentalists plan to disrupt the inauguration. This in itself is of little consequence, but chaos presents opportunity for assassination.”

 

Sabendo-se de antemão pela intervenção e descodificação de todos os atos da CIA perpetrados e desenvolvidas nestes últimos 69 anos (criada em 1947)

 

E aproveitando para recordar o discurso de Dwight Eisenhour realizado em 1960 e centrado sobre o perigo do crescente poder do Complexo Militar na sociedade norte-americana

 

Que a sua história em nada é aconselhável, envolvendo tortura, assassinatos, golpes de estado, tráfico de drogas e muitas outros atos condenáveis e criminosos, mas de tanto se replicarem entretanto banalizados e tranquilamente aceites.

 

Deixando Donald Trump preocupado dado ser um alvo em movimento (e um alvo a abater). Bastando para os Outros descobrirem um novo Lee Harvey Oswald, dar-lhe uma arma, implicar os cubanos (neste caso os mexicanos) e de seguida matá-lo (dado ser testemunha) – obviamente cumprido antes o objetivo da missão.

 

“Trump himself seems to think he is in danger. According to MSNBC, Trump intends to supplement his Secret Service protection with private security. As there is evidence of CIA complicity in the assassination of President John F. Kennedy (film shows Secret Service agents ordered away from JFK’s limo immediately prior to his assassination), Trump, who is clearly seen as a threat by the military/security complex, is not being paranoid.”

 

ct-trump-economy-jobs-wages-20161220-001.jpg

Donald Trump na rua a 17 de Dezembro

(arriscando-se a ser assassinado mesmo antes de ser empossado)

 

Olhando para o manual da História focando-nos nos EUA e analisando o papel da CIA, não deixando de desconfiar dos verdadeiros objetivos das suas ações,

 

Ao serem suspeitos por colaboração em assassinatos de políticos no seu próprio país (John Kennedy e Luther King),

 

Ao impulsionarem a Guerra do Iraque com um conjunto incontável de mentiras (e criando com o contributo das suas ações para a generalização um pouco por todo o mundo de cenários desnecessários de guerra, morte e terrorismo)

 

E agora talvez pressionados por aqueles que realmente lhes pagam e mandam neles, estando extremamente tentados a aceitar mais uma encomenda (e das grandes) intermediada por aqueles que ainda se acham representantes do fabuloso e frutuoso Complexo Militar, não o querendo largar:

 

Um novo assassinato na figura de Donald Trump (de preferência antes da tomada de posse marcada para 20 de Janeiro – ainda têm 30 dias!).

 

Terminando Paul Craig Roberts com a seguinte e esclarecedora afirmação:

 

“The military/security complex has been entrenched since NATO’s formation on April 4, 1949, a provocation that preceded by six years the formation of the Warsaw Pact on May 14, 1955. Any president willing to confront this entrenched deep state superpower deserves the support of all of us.”

 

Ficando-se assim à espera do Ano Novo, do dia 20 e seguintes.

 

[Dr. Roberts served in the Congressional Staff in the House and Senate and was appointed Assistant Secretary of the Treasury by President Ronald Reagan. He was awarded the French Legion of Honor in 1987 –foreignpolicyjournal.com]

 

No entanto não esquecendo que a oportunidade faz o ladrão e que se alguém mesmo quiser, poderá fazer a sua própria interpretação (em muitos casos e como qualquer sucedâneo extremamente perigosa):

 

IT'S OFFICIAL:

TRUMP WINS ELECTORAL COLLEGE VOTE

Illegal Aliens have 30 days to LEAVE the USA

(superstation95.com)

 

(texto/itálico/negrito: paulcraigroberts.org – imagens: rt.com echicagotribune.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:46

Sabendo-se como certos corpos celestes se mantêm extremamente ativos nas proximidades da sua estrela de referência – como é o caso do Sistema Solar integrando planetas com a presença de vida orgânica como a Terra, gigantes gasosos como Júpiter (mais de 11 X Diâmetro Terra e com tempestades atmosféricas violentas manifestando-se à sua superfície) e até luas jovens com grandes probabilidades de existência de água como Europa – e conhecendo-se outros que em sentido contrário se encontram aparentemente mortos ou sem condições ambientais para proporcionarem o aparecimento de qualquer tipo que seja (real ou imaginado) de ser vivo (por mais primitivo que seja), não causa espanto que os nossos cientistas à medida que vão experimentando e conhecendo o mundo que nos rodeia se vão capacitando que em certas condições ambientais e de habitabilidade (para uma determinada espécie) a mesma realidade poderá ser possível de existir ou de ser replicada (mesmo que com outros contornos e especificidade) noutras regiões deste Universo definido como infinito.

 

New Study Says Proxima b Could Support Life

 

eso1629e-700x432.jpg

Planeta Proxima Ceutauri b orbitando a estrela anã-vermelha Proxima Centauri

(ilustração: ESO/M. Kornmesser)

 

“I used Monte Carlo simulations to study the radiation dose on the surface of the planet for different types of atmospheres and magnetic field configurations. The results are optimistic. If the planet has both a good magnetic field and a sizable atmosphere, the effects of stellar flares are insignificant even if the star is in an active phase.” (Dimitra Atri/universetoday.com)

 

Com os cientistas a virarem-se de novo para a constelação de Centauro, para a sua estrela mais brilhante Alfa Centauri, para uma sua vizinha, companheira e anã-vermelha Proxima Centauri (localizada a 4.25 anos-luz do Sistema Solar) e finalmente para um planeta (Proxima Centauri b) possivelmente prometedor (para a existência de vida) mas sob a ação violenta e poderosa da sua estrela de referência (e das outras 2 estrelas que com ela formam um sistema triplo – Alpha Centauri A, Alpha Centauri B e Proxiuma Centauri). Em princípio podendo estar colocado numa zona de habitabilidade desse sistema planetário, mas devido à ação das fortes radiações emitidas pela sua estrela e caso o planeta Proxima Centauri b não tenha proteção própria (como um fortíssimo campo magnético), não tendo as condições básicas e fundamentais para a existência de Vida. Ou não será bem assim?

 

eso1629a.jpg

Proxima Centauri b tendo ao fundo Proxima Centauri e Alpha Centauri A e B

(ilustração: ESO)

 

“It is premature to think that Proxima b is habitable or otherwise,” he says. “We need more data about its atmosphere and the strength of its magnetic field.” (Dimitra Atri/universetoday.com)

 

Aceitando-se agora que em função da constituição do possível Sistema (Planetário) e do seu ponto central de referência (uma ou várias estrelas agrupadas), a possibilidade de o mesmo se situar numa zona de habitabilidade relativamente à (s) sua (s) estrela (s), não dependerá exclusivamente desta como também e acima-de-tudo das condições de autoproteção detidas pelo próprio planeta: no seu caso (seja Proxima Centauri b) como no caso do planeta Terra estando protegido dos efeitos oriundos do seu exterior desde que possua um forte campo magnético seguro e protetor (das suas diferentes estruturas de suporte como a sua atmosfera). Numa constatação de que a resposta a encontrar tanto poderá estar longe de ser cabalmente respondida (tal a distância que nos separa desses exo planetas), como estará tão perto de ser experimentalmente entendida por aproximação (tomando a Terra como referência) e por comparação (com o que aqui acontece permitindo a existência de vida).

 

(imagem: universetoday.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:35

Talvez não!

 

A uma semana de distância da data comemorativa do aparecimento da Estrela de Natal (anunciando o nascimento do nosso Salvador a 25 de Dezembro),

Eis que inopinadamente na Terra um farol se reacende fazendo-nos de novo acreditar:

Ou num fenómeno natural (Red Stripes) ou num outro artificial

(provavelmente de origem humana).

 

Numa demonstração clara de que muito do que se passa na Terra ainda é do nosso total desconhecimento, as câmaras da ISS estacionadas no espaço e orbitando à distância de 340Km o nosso planeta, registaram no passado dia 18 (ontem) imagens do que poderia muito bem ser uma fonte de energia emitindo da superfície (ou do interior da própria litosfera), dirigida ao exterior (ao Espaço) e de cor avermelhada.

 

mqdefault.jpg

Red Pulse At International Space Station

 

Um fenómeno para qualquer um de nós naturalmente desconhecido, rapidamente esclarecido (não rigorosamente explicado) por especialistas de serviço, na esmagadora dos casos completamente esquecido (já que tanta coisa nos sobrecarrega), mas que no entanto alguns desesperadamente agarrados às Teorias da Conspiração se recusam determinantemente a largar (terminada a Esperança que eles ainda tinham na Terra).

 

A partir deste episódio (em principio único e circunscrito) podendo-se construir facilmente o cenário (neste mundo tudo é possível) de podermos estar perante Comunicações Alienígenas (certamente que não seremos um caso exclusivo nos vários Universos), dirigidas a partir do interior da Terra (litosfera), atravessando toda a atmosfera (daí a cor vermelha) e perdendo-se definitivamente nos muitos trilhos do Espaço.

 

Nunca deixando de lado acontecimentos adicionais de relevo (talvez relacionados) e ocorrendo simultaneamente no tempo (como é o caso seguinte):

 

Earthquakes Warning:

‘Unexplained Vibrations’ Heard Across Earth

Scientists are warning that the Earth appears to be “ringing like a bell”

Following a series of large earthquakes near the Pacific.

 

sddefault.jpg

 Mysterious "vibration" detected around the World | Source: Unknown!

 

8 hours after the Thursday earthquakes off the coast of California, seismograms shows the globe mysteriously vibrating and “ringing like a bell,” which scientists have warned is a precursor to a much bigger mega-earthquake.

 

Hours before the massive Solomon Islands earthquake struck, a mysterious vibration was detected on seismographs all across the planet as our videographer proves to us using charts from the USGS.

 

Looking like a classic earthquake on the USGS monitoring charts, there were NO earthquakes reported during the time period this mysterious vibration/pulse anomaly showed up on the govt charts for almost an hour, showing up not only all across America, but all across the Earth.

(Sean Adl-Tabatabai/yournewswire.com)

 

Tão útil para leigos e loucos como para eruditos menos loucos.

 

Devendo ser ficção mas pertencendo à realidade (pelo menos à nossa – mesmo que apenas sonhada ou imaginada mas no final sendo integrada na construção do nosso edifício mental), suscitando-nos logo aí a dúvida e provocando como reação um novo estado de alerta (num sinal inequívoco da preservação da espécie): uma comunicação será sempre (no mínimo) uma Reunião ou uma Interseção de Conjuntos.

 

O problema é que pela mesma lógica este contacto agora iniciado (segundo os contadores de histórias alternativas ou adeptos das teorias conspirativas) poderá ter consequências tanto boas (reunião) como más (intersecção). Pelo menos no que se trata de operações entre conjuntos nas Reuniões todos os elementos pertencem (como iguais) ao mesmo conjunto final; já nas Interseções são muitas as variações.

 

(imagens e legendas: mp3download-stafaband.info e youtube.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:24

Dezembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

14

23



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO