Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

27
Nov 17

De como é possível (pelos vistos só fora da Terra) 6 indivíduos de 3 nacionalidades diferentes (e incluindo norte-americanos e russos) conviverem durante dias seguidos (podendo a estadia durar meses) em somente 388m³ (volume habitável da ISS) quando na imensidade da Terra se matam.

 

space.jpg

A 53ª tripulação da ISS

(2017 Thanksgiving dinner)

 

No passado dia 23 de Novembro e comemorando o Dia de Ação de Graças (um feriado religioso celebrado nos EUA) os seis elementos constituindo a 53ª tripulação a bordo da Estação espacial Internacional (ISS) e apesar das suas diferentes origens até de índole política (EUA, Rússia e Itália), reuniram-se ao jantar em torno da respetiva mesa instalada no interior da ISS e devidamente equipados com as suas t-shirts espaciais (como se pode ver na imagem) assinalando o dia com a realização do tradicional jantar de Ação de Graças (no Céu a cerca de 400Km da Terra).

 

Recordando aos mais de 7 biliões de habitantes espalhados por todo o nosso planeta que se não se unirem nos objetivos que lhes são comuns, aqui e na Terra (e vitais para a sua sobrevivência hoje na Terra e amanhã no Espaço Exterior) ‒ tal como se constata no condomínio fechado da ISS integrando norte-americanos e russos (e um italiano) ‒ o nosso Futuro será certamente sombrio resumindo-se ao relato de Guerras, Doenças, Mortes e no final à nossa Extinção. Como certamente pensam Bresnik, Acaba e Hei (3 norte-americanos/NASA), Misurkin e Ryazanskiy (2 russos/ROSCOSMOS) e Nespoli (1 italiano/ESA).

 

(imagem: space.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 19:30

Disputou-se entre 20/26 de Novembro o Northern Ireland Open, 10ª prova do circuito (época 2017/18) contando para o Ranking Mundial (RM) ‒ de um total de 14 provas já disputadas (4 delas não contando para o RM) e só com dois jogadores a terem ganho 2 provas (Ronnie O’Sullivan e Mark Williams).

 

FINAL

(26.11.2017)

 

maxresdefault.jpg

Mark Williams e Yan Bingtao

(Final do Open da Irlanda do Norte)

 

MARK WILLIAMS (GAL) - 9

YAN BINGTAO (CHI) - 8

 

Evolução do marcador:

 

J

N

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

MARK WILLIAMS

GAL

0

0

1

1

2

2

3

3

3

4

5

6

6

7

7

8

9

YAN BINGTAO

CHI

1

2

2

3

3

4

4

5

6

6

6

6

7

7

8

8

8

(J: Jogador N: Nacionalidade)

 

E num encontro eletrizante entre o galês MARK WILLIAMS e o chinês YAN BINGTAO na negra da Final da prova (num encontro à melhor de 19 Frames), a antiga geração representada pelo galês (2 X Campeão de Mundo e 1 X Vice-Campeão do Mundo) acabou por se sobrepor à nova geração representada pelo chinês (um jovem de 17 anos que tendo vencido o torneio se tornaria o jogador mais novo alguma vez a fazê-lo e suplantando a lenda-viva RONNIE O’SULLIVAN/THE ROCKET) ‒ com a experiência, o conhecimento adquirido e a técnica de MARK WILLIAMS, a vencer (literalmente) por milímetros (em determinadas tacadas) a juventude, a irreverência e a técnica de YAN BINGTAO. Com Mark Williams quase sempre em desvantagem (a dois Frames do final perdendo por 7-8) inverter a evolução da Final, vencendo os 2 últimos Frames e ganhando o Open da Irlanda do Norte por 9-8.

 

RM

J

N

RM (2017/18)

1

Mark Selby

ING

3

2

Judd Trump

ING

4

3

Ding Junhui

CHI

6

4

Ronnie O’Sullivan

ING

1

5

John Higgins

ESC

8

6

Shaun Murphy

ING

10

7

Barry Hawkins

ING

46

8

Mark Allen

NIRL

7

9

Marco Fu

HK

57

10

Mark Williams

GAL

5

(RM: Ranking Mundial J: Jogador N: Nacionalidade)

 

Com as boas prestações registadas no OPEN com o galês MARK WILLIAMS (42 anos) a passar para 10ºRM (5ºRM contando só esta última época) e com o chinês YAN BINGTAO (17 anos) a passar para 27ºRM (13ºRM contando só esta última época); no caso do jogador galês a ser o segundo jogador a conquistar esta época 2 provas do circuito mundial de Snooker (época 2017/18) ‒ uma delas contando para o RM e a outra não contando (por convites) ‒ seguindo THE ROCKET com 2 provas ganhas as duas contando para o RM; já no caso do jovem chinês e indicando a boa forma que o mesmo atravessa, a ter nas 3 últimas provas estado presente numa Meia-Final (1ª) e agora atingindo mesmo a Final (3ª) ‒ com apenas 17 anos, tendo-se tornado profissional o ano passado (ou seja 2016) e podendo-se tornar um Fenómeno (tal como se tornou Ronnie O’Sullivan ao ganhar com 17 anos o 1993 UK CHAMPIONSHIP).

 

Seguindo-se até ao final-do-ano 2 provas contando para o RM e 1 prova de Qualificação (nos meses de Novembro e Dezembro): o UK CHAMPIONSHIP (com o detentor do troféu a ser o inglês MARK SELBY), o SCOTTISH OPEN (com o detentor do troféu a ser o natural de Hong Kong MARCO FU) e finalmente a Qualificação para o GERMAN MASTERS (com o detentor do troféu a ser o inglês ANTHONY HAMILTON). Com MARK SELBY a liderar a tabela do RM e com RONNIE O’SULLIVAN a liderar o RM desta época (2017/18). E já na próxima terça-feira (dia 28) iniciando-se a 11ª prova do circuito contando para o RM.

 

(imagem: Snooker VideoHub/youtube.com/Eurosport)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 15:46

Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

13
16

20
22

26


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO