Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

24
Jul 18

NASA's ECOSTRESS First Light Image

 

ECOSTRESS acquired this image the night of July 9, 2018, over Egypt.

 

PIA22590.jpg

 

Yellow and red indicate generally higher temperatures. The River Nile is visible as a thin blue line on the main image.

 

PIA22590 B.jpg

 

The black-and-white inset shows the level of detail available from ECOSTRESS, with the relatively cool Nile River and surrounding vegetation appearing darker.

 

[The Ecosystem Spaceborne Thermal Radiometer Experiment on Space Station (ECOSTRESS) will measure the temperature of plants and use that information to better understand how much water plants need and how they respond to stress. (ecostress.jpl.nasa.gov)]

 

(texto e imagem: photojournal.jpl.nasa.gov)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 20:09

[Um território (Alienígena) possivelmente com Água (cobrindo a maioria da Terra e constituindo a maioria esmagadora do nosso Corpo), localizado a uma distância (média) de 780 milhões de Km (do Sol): mais pequeno do que a LUA e com as suas temperaturas a andarem entre os 220⁰C Negativos para baixo (como Mínima) e os 150⁰C Positivos (no Máximo).]

 

“O que se passa aqui, ali e acolá obedece sempre às propriedades (e manifestações) de um determinado conjunto (ou Ser Vivo): só assim se agregando e formando (mesmo que virtualmente e à nossa imagem), tornando-se relevante. Seja ele Mineral (a base de toda a Estrutura) ou Orgânico ou então como na Terra com evidentes Sinais de Vida. E sendo o Homem uma Máquina, à procura do seu criador, a Máquina Perfeita.”

 

PIA22479_fig1.jpg

Radiação na lua de Júpiter EUROPA

(ilustração)

 

Radiation from Jupiter can destroy molecules on Europa's surface. Material from Europa's ocean that ends up on the surface of Europa will be bombarded by radiation. The radiation breaks apart molecules and changes the chemical composition of the material, possibly destroying any biosignatures, or chemical signs that could imply the presence of life.

(nasa.gov)

 

Como se olhássemos para a epiderme de um ser Humano (o nosso maior órgão revestindo todo o nosso corpo ‒ tal como a fina crosta terrestre envolvendo o nosso planeta) e observássemos a evolução de uma “espinha ou bico” desde o início da sua formação (em camadas inferiores da nossa “pele”), passando pela sua elevação (começando a aparecer nesse ponto da epiderme uma pequena protuberância) até à mesma rebentar, explodindo e entrando em erupção (com o processo a poder ser acelerado se a “espremermos e esvaziarmos” ‒ tal como as forças atuando no interior da Terra e forçando o material a ser expulso para o exterior numa erupção vulcânica) ‒ num processo associando Forças da Natureza atuando no Interior de uma determinada Unidade e outras Forças complementares dando-lhe forma e existência a partir do Exterior (e em conjunto formando um conjunto Relevante como o será a Terra e ainda mais a Vida)

 

MTQ5MjExNTA3NQ==.jpg

Erupção de material em Europa ‒ em 2014 e 2016

Podendo ser plumas de Água

(composição de imagens)

 

Rapidamente chegando-se à conclusão de como a compreensão de tudo o que nos rodeia (nos alimenta, dá forma e conteúdo), poderia ser muito mais fácil do que sempre nos disseram (certamente para nos condicionar reforçando a nossa Indiferença e desse modo deixando como sempre “as coisas a andar”) ‒ daí as grandes descobertas virem de Autodidatas e Experimentalistas, repetindo praticas e técnicas sucessivamente (errando e acertando) e daí tiradas as respetivas ilações repetindo essa prática (Imitando/Replicando como uma criança) com êxito nessa e noutras áreas de nosso interesse ‒ sendo que tudo o que vemos e que pressentimos tem como base um mesmo MOLDE, replicado e projetado incessantemente em todas as direções (e do infinitamente pequeno ao infinitamente grande) pelo menos no que diz respeito ao nosso UNIVERSO (visto como uma gota entre um oceano de Universos, formando um conjunto ainda maior um Multiverso): sendo fácil de o interiorizar e entender (o Universo) desde que o consideremos uma Unidade como a nossa (integrando matéria, energia, movimento) ou seja um UNIVERSO VIVO (assentando a sua Alma tal como nos Humanos, na manutenção do Equilíbrio das forças Eletromagnéticas).

 

PIA09256.jpg

As luas de Júpiter, Europa (à direita) e Io

Esta última igualmente com atividade vulcânica

(New Horizons/2007)

 

E assim com o fenómeno a ocorrer em EUROPA (uma das muitas luas de JÚPITER) a ser algo já visto na Terra e no Homem (erupções vulcânicas e “espinhas ou bicos”) bastando para o confirmar lá ir e verificar (algo difícil de executar agora que o Homem deixou as viagens espaciais tripuladas, e como se fechasse em si (nesta Terra condenada) ‒ deixando-se morrer por inação ‒ pusesse mesmo em causa as missões telecomandadas). Se não o fizer cumprirá um trajeto sem retorno face à sua Morte Anunciada (tal como os Dinossauros rumo à Extinção).

 

(imagens: NASA ‒ NASA/ESA/W. SPARKS ‒ NASA)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 19:41

23
Jul 18

O racismo está associado a manifestações de ódio como a xenofobia (a hostilidade para com os estrangeiros) ‒ e à grande hipocrisia política, com o cidadão (nacional como estrangeiro) umas vezes sendo Branco e outras vezes sendo Preto (e sendo tratado em conformidade com esta análise a preto-e branco).

 

Com tretas como “Todos Diferentes, Todos Iguais” ou “Não Sou Racista até tenho um Amigo Preto”, complementado pela mentira do século “Ler Jornais é Saber Mais” e pela falsa surpresa pela existência de “FAKE NEWS (num ato de pura hipocrisia do predador para com a sua presa), não é de admirar que estas situações se propaguem (talvez mesmo exponencialmente): depois de lhes abrir a porta (destruindo antes os seus países), sugando-lhes então a alma (com Merkel e maternalmente) e deitando-os (então vazios de esperança) fora.

 

43781033_403.jpg

Sinais de Racismo na Alemanha

Tendo como alvo Özil

(Mundial de Futebol 2018)

1 Camisola e 1 Presidente, razão para a expulsão da seleção alemã?

 

A opinião do alemão ULI HOENESS (ex-jogador de futebol, tendo suspenso temporariamente o seu cargo de presidente do BM, ao ser condenado a 3,5 anos de prisão por fraude fiscal) ‒ presidente da equipa alemã BAYERN de MUNIQUE (igualmente empresário, ligado ao poder político e nascido em ULM na Alemanha) ‒ sobre o jogador da seleção da ALEMANHA ‒ o também alemão MESUT ÖZIL (no presente jogador de futebol e integrando o plantel do ARSENAL ‒ mas por acaso nunca tendo passado pelo BM ‒ e por outro lado e como contraponto a outros sendo conhecidas as suas doações avultadas a crianças necessitadas) ‒ no momento em que o mesmo decidiu renunciar à seleção do seu país (natal) por RACISMO e DESRESPEITO (ou não fosse ele apesar de Alemão e nascido em GELSENKIRCHEN, um Turco-Alemão, descendente de turcos e além do mais Muçulmano e recitando o Alcorão). E eis então o que é que diz o Presidente do clube da Chanceler Alemã Angela Merkel (clube do qual é simpatizante):

 

“Ele foi uma MERDA durante anos.”

(Uli Hoeness ‒ Presidente do BM)

 

Tudo se agravando graças a um pretexto político (pelos vistos abraçado com entusiasmo pelo conhecido político da CDU e Presidente da Federação Alemã de Futebol) aproveitado de imediato por Reinhard Grindel (o tal presidente da FAF) para tentar (numa última tentativa) afastar de vez o jogador Mesut Özil (como representante) da seleção da Alemanha e desse modo do Mundial da Rússia: nas vésperas do Mundial com o jogador encontrando-se com o presidente turco Recep Erdogan (acompanhado de outro internacional também de origem turca e jogando no Manchester City ‒ Ilkay Gündoğan ‒ mas com este nada acontecendo) ‒ enquanto por exemplo Lothar Matthaus (capitão-honorário da seleção da Alemanha) se encontrava com Vladimir Putin ‒ e logo com o Presidente GRINDEL a tentar afastá-lo fazendo-o desaparecer de vez (confirmando o que já muitos diziam ‒ negativamente ‒ sobre o Presidente, quando expondo as suas ideias entre outras sobre MULTICULTURALIDADE E IMIGRAÇÃO, para sermos mais claros e objetivos sobre RACISMO).

 

“Pessoas com um histórico de discriminação racial não deviam ser autorizadas a trabalhar na maior federação de futebol do mundo, que tem tantos com jogadores com dupla herança familiar.”

(Mesut Özil/iol.pt)

 

960.jpg

Sinais de Racismo em França

Tendo como alvo Portugal

(Europeu de Futebol 2016)

Porque será que a Torre se manteve acesa, mas com as cortes de França?

 

“Aos olhos de Grindel e dos seus apoiantes sou alemão quando ganho e imigrante quando sou derrotad.”

(Mesut Özil/iol.pt)

 

Felizmente impedido de o fazer pelos responsáveis no local, o diretor Oliver Bierhoff e o selecionador Joachim Law (já agora e face aos resultados que se cuidem ‒ mesmo sendo puros alemães ‒ assim como todos os outros matriculados como MIGRANTES). Mas sendo um exemplo e um aviso de que episódios como o do ex-Presidente do Sporting são mais comuns do que se pensa (infelizmente em todo o Mundo e em todas as áreas da nossa Sociedade) ‒ podendo-se transformar numa dramática Longa-Metragem ‒ e ainda com muitos deles (para nós um absurdo para eles a realidade) a serem elogiados e premiados (e Imitados/Replicados sem fim) e mesmo salvos da Prisão com um tipo de Condecoração (por exemplo um emprego ‒ não um trabalho ‒ seguido de promoção).

 

Numa altura em que a Alemanha e como tal toda a EUROPA (incluindo os embaraçantes e ridículos políticos do Reino Unido, querendo assumir o papel de Entreposto/Não de Estado dos EUA) se encontram numa encruzilhada de Luta pela sua Sobrevivência: entre o poder de um Império em decadência inexorável (não se apresentando no seu interior alternativas válidas para uma muito pouco provável replicação) mas sendo capaz de a destruir ‒ os EUA ‒ e um novo poder em ascensão que só os Cegos Não Podem (Querem) Ver ‒ a outra parte do Hemisfério (Norte onde tudo se concentra) contendo a Rússia e a China (e da qual a Alemanha num cenário de Duplo Impacto irrefutavelmente já depende).

 

(imagens: dw.com ‒ iol.pt)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 22:10

Inicia-se no próximo fim-de-semana o Calendário da próxima época do Mundial de Snooker Individual/Profissional (masculino) com a realização entre 27/29 de Julho do MASTERS de RIGA (na Letónia): 1ª prova a contar para o RANKING MUNDIAL (RM) ‒ realizada a Qualificação (2/5 de Julho) ‒ e contando com a presença de 68 jogadores: entre eles o detentor do troféu o galês RYAN DAY (batendo na final de 2017 o escocês Stephen Maguire por 5-2).

 

bo97_mwilliams2.jpg

Mark J Williams (há 21 anos)

(Hoje) Campeão Mundial de Snooker

(Aqui na sua conquista do 1997 British Open

Vencendo na final o mítico e 7X Campeão do Mundo Stephen Hendry por 9-2)

 

Do TOP 16 do RM notando-se a ausência nesta 1ª prova dos ingleses Mark Selby (1ºRM), Ronnie O’Sullivan (2ºRM) e Judd Trump (5ºRM), do escocês John Higgins (4ºRM e Vice-Campeão Mundial) e do chinês Ding Junhui (5ºRM) ‒ para além do também inglês Stuart Bingham (13ºRM) eliminado na Qualificação (esmagado por uns esclarecedores 4-0) pelo chinês Niu Zhuang (82ºRM). Mas lá estando presente (picando-o-ponto) o atual Campeão do Mundo de Snooker o galês MARK WILLIAMS. E no início da época com a tabela do Ranking Mundial a estar assim estabelecida:

 

RM

J

N

£

(X 1000)

RM

J

N

£

(X 1000)

1

Mark

Selby

ING

1 315

9

Kyren Wilson

ING

416

2

Ronnie O'Sullivan

ING

905

10

Neil Robertson

AUS

356

3

Mark J Williams

GAL

878

11

Allister Carter

ING

333

4

John Higgins

ESC

751

12

Mark

Allen

IRLN

332

5

Judd Trump

ING

660

13

Stuart Bingham

ING

324

6

Ding

Junhui

CHI

590

14

Anthony McGill

ESC

320

7

Barry Hawkins

ING

543

15

Luca

Brecel

BEL

310

8

Shaun Murphy

ING

453

16

Ryan

Day

GAL

303

(RM: Ranking Mundial J: Jogador N: Nacionalidade £: Libras)

 

Com os jogadores presentes a terem que ultrapassar 5 eliminatórias atá atingirem a FINAL (1ª/2ª/3ª Eliminatória e Quartos-de-Final à melhor de 7 frames e Meia-Final e Final à melhor de 9 frames) e com o Vencedor do Troféu a arrecadar um prémio de 50.000£ (o finalista vencido 25.000£). Incluindo esta 1ª eliminatória 32 jogos (antecedidos de outros 4 em atraso) sendo que um deles já está decidido ‒ apurando o inglês Anthony Hamilton por falta de comparência do chinês Yan Bingtao ‒ e destacando-se (pela posição no RM dos jogadores envolvidos) outros três (jogos): Allistair Carter Vs. Ryan Day (se eliminar Jamie Cope), Michael White Vs. David Gilbert e Xiao Guodong Vs. Marco Fu.

 

Mark+Selby+Betfair+World+Championship+Media+t0uoAz

Mark Selby (há 5 anos)

(Hoje) Líder do RM de Snooker

(No lançamento do Campeonato do Mundo de 2013

Onde foi eliminado por Barry Hawkins que se sagraria Vice-Campeão Mundial)

 

Simultaneamente a 28/29 de Julho decorrendo a 3ª etapa do CHALLENGE TOUR (igualmente em Riga na Letónia) contando com uma esmagadora presença de jogadores do Reino Unido (Inglaterra, Gales, Escócia e Irlanda do Norte) e entre estes com os Ingleses a serem largamente maioritários: das duas provas realizadas (com os ingleses) preenchendo todos os lugares das Meias-Finais (5 jogadores para 8 lugares) e com Brandon Sargeant e David Grace a ganharem a 1ª e a 2ª (prova) respetivamente.

 

E durante o mês de Agosto para além de 3 Qualificações e da realização do Challenge Tour 3, disputando-se mais duas provas de Ranking o OPEN MUNDIAL (detentor do troféu Ding Junhui) e o CLÁSSICO PAUL HUNTER (detentor do troféu Michael White).

 

(imagens: snooker.org ‒zimbio.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 14:52

22
Jul 18

The global land and ocean temperature departure from average for June 2018 was the fifth highest for the month of June in the NOAA global temperature dataset record, which dates back to 1880.

 

lake-reeds-sunset-landscape_1200x480-pixabay.jpg

O clima em Junho de 2018

 

Europe had its second warmest June since continental records began in 1910 at 3.24°F above average, trailing behind 2003 by 0.16°F. Several European countries had a June temperature that ranked among the six warmest Junes on record.

 

june-2018-global-temperature-percentiles-map.png

Temperaturas da terra e do mar no mês de Junho de 2018

 

The June average Arctic sea ice extent was the fourth smallest in the 40-year record at 405,000 square miles (9.0 percent) below the 1981-2010 average, according to an analysis by the National Snow and Ice Data Center using data from NOAA and NASA.

 

june-2018-arctic-and-antarctic-sea-ice-extent-maps

Camada de gelo cobrindo o Ártico e a Antártida em Junho de 2018

 

Antarctic sea ice extent during June was 190,000 square miles (3.8 percent) below the 1981-2010 average, the eighth smallest June extent on record. Antarctic sea ice expanded at a rate faster than average during June, and by the end of the month, the daily sea ice extent was near average.

 

(artigo/inglês/excerto e imagens: noaa.gov)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 19:48

21
Jul 18

[Aqui graças a um Cubano, assim como Alentejano, de nome David Maltez]

 

Relembrando uma verdadeira Aventura (tal como a imaginamos enquanto jovens) iniciada a 31 de Outubro de 2016 (com o jovem já nos quarenta) pelo Alentejano (de Cuba) e ciclista (amador) David Maltez,

 

dsc02767.jpg

David Maltez no dia da partida da cidade de Chaves rumo a Faro

A uma média (incluindo as paragens) de mais de 27Km/h

(manhã cedo e algo fria típica de um dia de Outono)

 

A TVI demonstrou-nos hoje (só recordando o Evento) como em 27 horas e a pedalar de bicicleta (e com umas horas de descanso) foi possível percorrer 738Km pela EN2 (segundo David Maltez a terceira maior estrada do Mundo) tendo como ponto de partida Chaves e de chegada Faro: atravessando de lés a lés Portugal (do seu extremo norte ao seu extremo sul) pela Estrada Nacional 2 (a mais extensa do nosso país) “um percurso vertiginoso pela espinha dorsal do país, a travessia da mítica Estrada Nacional 2” (David Maltez).

 

“Esta aventura teve e tem como objetivo a divulgação de hábitos e métodos de vida saudáveis, assim como a superação pessoal, procurando sensibilizar todos para o facto de que o impossível não existe”.

 

“Os únicos limites que temos são aqueles em que acreditamos”.

 

Uma estrada passando por 11 (dos 18) distritos de Portugal (e já agora para o viajante por 4 serras e 11 rios), “sendo que muitos segmentos já eram as principais vias romanas que atravessavam a Lusitânia” (wikipedia.org) e que no ano de 2016 foi recuperada para a concretização de um projeto turístico (pela então criada Associação de Municípios da Rota da Estrada Nacional 2) ligando as suas extremidades (da EN 2) a cidade de Chaves (em Trás-os-Montes) e a cidade de Faro (no Algarve): e desse modo unindo-se às outras duas maiores estradas (do Mundo e em extensão) a Route 76 (quase 4.000Km localizada nos EUA) e a Ruta 40 (mais de 5.000Km localizada na Argentina). Num novo desafio para David Maltez superada que foi a EN 2 (não chegando aos 1.000Km) ‒ a 3ª Maior Estrada do Mundo.

 

“Conquistada que está a terceira maior estrada do mundo, novos desafios se preveem! Até porque já só faltam duas”.

 

Com David Maltez a apresentar-nos o consumo (para alimentar a Máquina durante as 27 horas) ‒ transformando Energia Química entre outras em Cinética (e pondo as pernas a mexer) ‒ incluindo 24 litros de água, 8 sandes de presunto, mais de uma dúzia de bebidas, croissants e algumas outras coisinhas ‒ sendo esta a parte Física ‒ e do outro Lado do Corpo e sendo-o Muito Mais Relevante, revelando que para além do que se vê (exteriormente) muito mais (de importante) se esconde, sendo um crime esconder do Mundo estas Grandes Pessoas (que a todos ‒ exceto os mortos ‒ sensibilizam) até pelo que nos contam sem nada querer cobrar: bastando-lhes (para viver) usufruir (cada momento). E sendo este o Lado Mental (Psíquico) o alimento da Alma (Espiritual e/ou Eletromagnética).

 

(dados e imagem: diariodetrasosmontes.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:51

I

 

Enquanto nos EUA os seus atuais líderes políticos prosseguem numa Espiral de Loucura,

 

‒ Com uns a fornecerem o Combustível (os Vencedores) e outros a fornecerem o Isqueiro (os Derrotados)

 

Denotando um comportamento tão típico e sintomático de um Imperio em Decadência (ultrapassada a última fronteira e despenhando-se já no abismo),

 

O6.jpg

 

A probabilidade de um ET vir observar o seu Aviário com o mesmo já a arder será certamente diminuta (só sendo para nos comer):

 

Sabendo-se ser Nova Iorque uma das Cidades da Moda (e do Mundo) certamente sendo outros, se não russos então chineses (ou até Drones da Amazon ou Norte-Coreanos).

 

II

 

Numa confirmação adicional e recente da vulnerabilidade (e facilidade de intrusão, não detetada nem prevista) do espaço aéreo Norte-Americano,

 

O2.jpg

 

‒ Ainda agora com os russos e aproveitando o encontro TRUMP/PUTIN de Helsínquia, a apresentarem todo o seu poderoso ARSENAL NUCLEAR e a ridicularizarem a eficiência (por completamente inútil) do SISTEMA ANTI-MÍSSIL dos EUA (quem ainda se lembra do projeto Guerra das Estrelas lançado em 1983 pelo então presidente Ronald Reagan?)

 

Um objeto voador não identificado atravessou na passada quarta-feira (dia 18 de Julho) sem autorização (ou sequer conhecimento) e como tal ilegalmente,

 

‒ Sabendo-se da proibição de tais voos sem o consentimento prévio do Departamento de Defesa Aérea dos EUA, dificultados ainda mais (na sua concretização) desde os acontecimentos trágicos do 11 de Setembro de 2001 (tendo igualmente como um dos seus alvos Manhattan/Nova Iorque)

 

Os céus de Nova Iorque/Manhattan.

 

O3.jpg

 

Registado em câmara por Florin Constantin e deixando-nos logo aí (ele) uma questão:

 

Can someone explain what I just recorded? It's that an UFO”?

 

E na sequência das imagens deste UFO/OVNI (ou outro artefacto ou montagem qualquer) recolhidas por FC (tão perto do local onde teriam estado as TWIN TOWERS),

 

Com um objeto voador surgindo repentinamente e vindo de trás de uma Torre de apartamentos (também alta e destacando-se), a aparecer num instante diante da ótica e a desaparecer em menos do que isso (um instante) quase sem se ver (numa fração de segundo).

 

O4.jpg

 

Não existindo para já reações (como sempre e invariavelmente sobre assuntos menores) das entidades oficiais (presidência, governo, estados, ou até serviços secretos),

 

‒ Ocupadas como estão na sua Guerra Civil interna (ainda com os derrotados não aceitando os resultados)

 

Mas não deixando certamente de preocupar os cidadãos norte-americanos (nesta inopinada aparição sobretudo os de Nova Iorque),

 

O5.jpg

 

- Já postos perante o saudita BIN LADEN (no passado);

 

- Visualizando os mísseis de VLADIMIR PUTIN (no presente);

 

- E podendo ser postos (no futuro e como se já não bastasse) sob a ameaça (possível ‒ já que o Homem é terrível e ainda não falamos dos chineses/para os conspiradores os Seres de Olhos em Bico e que Sobrevivem unicamente comendo Arroz, daí serem pequeninos) EXTRATERRESTRE.

 

(imagens: Florin Constantin/youtube.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:36

20
Jul 18

Enquanto pela região do Algarve o calor aperta cada vez mais (no período diurno mas arrefecendo no noturno) apesar da água do mar (segundo os banhistas) continuar um pouco fria (frio seria se estivessem numa praia a norte ou então numa praia fluvial),

 

heat-wave.jpg

Depois das inundações e desabamentos de terras provocadas pela elevada precipitação e originando mais de 200 mortos/desaparecidos (e enquanto ainda decorrem os trabalhos de recuperação no terreno), uma grande onda de calor envolve no presente o arquipélago do Japão (tendo para já provocado mais de trinta vítimas mortais)

 

‒ Confirmando que a estação do Verão já chegou mas que quanto a condições meteorológicas ainda não se consolidou (depois da nova ascensão de destinos turísticos tradicionais ‒ como o Egito, a Turquia e a Tunísia ‒ sendo as condições de tempo um pouco instáveis, a justificação para uma queda de cerca de 10% na ocupação turística na região)

 

[Mas mesmo assim proporcionando a ida à praia (e a um banho no mar)

E a um dia de férias (de Verão) bem passado]

 

Noutras partes do Globo terrestre, ainda localizadas no Hemisfério Norte,

 

Onde igualmente se atravessa a estação do Verão e onde simultaneamente reside a esmagadora maioria dos mais de 7,5 biliões de indivíduos, integrando a Sociedade e a Civilização (centrado no Sol e dita única) dominando o planeta Terra

 

As condições meteorológicas parecem estar invertidas (ou deslocadas no tempo e/ou no espaço) ou então caoticamente instaladas (sendo o caos um dos mais ativos complementos da ordem):

 

Como na Suécia e no Japão (respetivamente).

 

Dois mercados a serem explorados devido ao seu forte potencial turístico (países ricos e com muitos dos seus nacionais ‒ devido à Globalização de mercados ‒ a movimentarem-se e ao mesmo tempo a investirem),

 

[Com Portugal se não quiser optar e prosseguir com a sua Monocultura Turística (baseada numa Válvula de Segurança incompreensível e exclusivamente de origem Inglesa e por muitos países do sul utilizada alguns deles já com trágicas consequências) ‒ e desse modo deixando de ser uno dependente não arriscando o Suicido certo do Setor (e de muitos outros associados como o do Imobiliário e o da Construção Civil) ‒ a ter que se decidir rapidamente ficando na Europa e a Grã-Bretanha fora dela.]

 

‒ De momento com um registando temperaturas elevadas e com Incêndios (Suécia) e com o outro vendo-se perante Extremos Meteorológicos (Japão):

 

20-arctic-circle-fire-sweden.w710.h473.jpg

Com uma onda de calor fora do normal afetando não só o Japão como a Suécia e neste último território (do continente Europeu) e apesar da sua proximidade com o Círculo Polar Ártico (e com o Polo Norte), com cerca de cinquenta fogos declarados e com as temperaturas (máximas) perto dos 40⁰C; e atingindo igualmente toda a Escandinávia

 

Na Suécia com as temperaturas registadas a serem superiores em mais de 10⁰C às normalmente observadas por esta época do ano (meados de Julho),

 

‒ Nesta região do Círculo Polar Ártico chegando a ultrapassar os 30⁰C ‒

 

E conjuntamente com outros fenómenos (interligados) como a seca, os relâmpagos e até a neglicência humana, proporcionando um espetáculo não muito usual de se ver (e nada agradável) quando a caminho (e cada vez mais perto) do Polo Norte;

 

Já no Japão um arquipélago situado no sul do continente Asiático (Ásia Insular), sobre a parte norte da ferradura constituindo o Anel de Fogo do Pacífico (a região geologicamente mais ativa da Terra com os seus sucessivos e inúmeros sismos/tsunamis e vulcões/e respetivas erupções) e visivelmente exposto (como pedaço de terra no meio de um imenso oceano) a todo o tipo de condições meteorológicas oriundas do mar,

 

‒ E com o seu território a sudoeste a ser o mais violentamente atingido (depois de sismos intensos, seguindo-se grandes inundações e desabamentos de terra)

 

Agora a ser submetido,

 

‒ Depois de um período de grande precipitação/inundações provocando mais de 200 mortos/desaparecidos e um prejuízo na ordem dos 2,4 biliões de dólares ‒

 

A uma Onda de Calor bastante intensa (ainda com o Ecossistema num caos, com vítimas por encontrar e com as doenças a alastrarem) reclamando já mais de três dezenas de vítimas mortais (e hospitalizando mais quase centena e meia) e registando temperaturas superiores a 35⁰C (em Tóquio com uma máxima nos 40⁰C).

 

Na sequência (como noticiado antes) de um Evento Atmosférico ‒ tornado normal (Banal) pelas coordenadas:

 

“The heatwave is a setback for communities trying to recover from flooding and landslides caused by record rainfall in western Japan this month. At least 218 people died in that disaster and 12 remain missing.”

(Daniel Hurst/theguardian.com/20.07.2018)

 

cataplana2.jpg

Em Portugal particularmente na região do Algarve e mais concretamente em Albufeira (a autoproclamada Capital do Turismo Algarvio), com a serra, o mar e a praia a unirem-se ao Sol e à Gastronomia (e á Cataplana de Peixe) promovendo a região (se possível) em todos os campos organoléticos (impressionando agradavelmente os sentidos)

 

Em Albufeira pelas 18:45 (locais),

 

De sexta-feira dia 20 de Julho de 2018 ‒

 

Com a temperatura do ar a apontar os 24⁰C (mínima 18⁰C/ máxima 31⁰C), com céu limpo e vento moderado (UV 9/muito elevado) e com a previsão meteorológica a indicar para os próximos dias (9 dias) céu geralmente limpo por vezes (não muitas) pouco nublado, sem previsões de precipitação (nos 0%) e com as temperaturas a oscilarem entre os 16⁰C (de mínima) e os 33⁰C (de máxima) ‒ com ambas a descerem muito ligeiramente (1⁰C, máximo menos de 2⁰C).

 

Sismologicamente falando com a última ocorrência na região (do Algarve) a dar-se a 19 de Julho (com um sismo de M1.3 registado a SE de Albufeira e com epicentro a 18Km de profundidade),

 

‒ Ontem à noite (quinta-feira), não sentido e sendo irrelevante

 

E com o último (sismo) em Portugal continental a ocorrer hoje (sexta-feira início de mais um fim-de-semana) com um sismo ainda menos relevante (M0.7) mas ocorrido do outro lado do Tejo que não Lisboa: a sul do mesmo em Almada.

 

(imagens: naijaheadlines.com ‒ Mats Andersson/AFP/Getty Images/nymag.com ‒ barlavento.pt)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:54

19
Jul 18

Depois do abandono por parte do HOMEM dos voos tripulados tendo como objetivo e destino Outros Mundos como a LUA (como com o projeto APOLLO) ‒ abrindo-nos desde logo o Mundo da nossa Imaginação para outros voos mais distantes como até Marte (Interplanetários) e a partir daí (concebendo-o como um entreposto) entre Sistemas e Intergalácticos ‒ eis que agora corremos o risco de nem para lá (para esses Outros Mundos e Planetas) enviarmos Máquinas e através delas estarmos (minimamente) presentes: de modo a assim podermos reclamar Algo Mais como mais uma razão para a nossa existência (nem que seja unicamente para ter o Comando na Mão).

 

2114MH0007560010802455E01_DXXX.jpg

MARTE

CURIOSITY ROVER ‒ SOL 2114

18 Julho 2018

 

Quase 6 anos passados sobre a sua aterragem na superfície de MARTE (5 de Agosto de 2012) ‒ na cratera GALE ‒ e a caminho de perfazer 19,5Km percorridos (em território alienígena), o veículo motorizado CURIOSITY (enquanto nada se sabe sobre o seu irmão mais velho OPPORTUNITY) aproveita uns dias marcianos (SOL 2114 e SOL 2115) para verificar o “Estado dos seus Pneus”: preparando-se para retroceder no seu trajeto até ao momento cumprido (em 2115 dias marcianos), recuando mais uma vez até às coordenadas de SOL 1999 ‒ e iniciando nesse local (pelos vistos prometedor) mais um período de perfuração. Com a repetição da verificação, a calibragem da pressão e a melhoria das condições atmosféricas ‒ persistindo a grande Tempestade Atmosférica (marciana de areias e poeiras) durando há já mais e um mês ‒ dando-se então a partida para a viagem de regresso. Como se pode ver observando um desses pneus com a pressão exterior a ser grande e extremamente intrusiva (devido à ação da erosão, da temperatura e da radiação), testando até ao limite a integridade dos mesmos (pneus) e fazendo o ROVER rolar sem percalços sobre o solo: picando e até perfurando a estrutura única de suporte. Enquanto noutro ponto de MARTE e lutando pela sobrevivência (unicamente alimentado por Energia Solar e impossibilitado de carregar baterias dada a ausência de raios oriundos do SOL) o ROVER OPPORTUNITY permanece em silêncio bem no meio da Tempestade: sem comunicar (até ao momento sem sinal), sem carregar (dada a manutenção da Tempestade e da opacidade atmosférica não deixando passar o Sol) prestes a nos deixar (confirmando-se as previsões talvez sendo uma das maiores perdas depois da sonda CASSINI).

 

(imagem: nasa.gov)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 18:44

E à falta de melhor e sob a direção do Homem

‒ E como Tempo é Dinheiro ‒

Transformando um figurante num protagonista maior.

 

hawaii_0.jpg

1

Rios de lava destruindo há mais de dois meses e sem exceção

Tudo à sua passagem seja em terra como no mar

 

Desde o dia 30 de Abril (deste ano de 2018) com o recrudescimento da atividade no cone vulcânico de Puʻu ʻŌʻō,

 

‒ E coincidindo com o início de um período de grande atividade do vulcão KILAUEA (localizado no HAVAÍ) integrando esse cone ‒

 

Toda a atividade no arquipélago vulcânico do HAVAÍ (situado no sul do oceano Pacífico e estado natal de Barack Obama),

 

‒ Sobretudo turística não só por HONOLULU (possuindo praias como a de Wakiki) e por PEARL HARBOR (com memoriais da II Grande Guerra Mundial), como também pelo Parque Nacional de Vulcões (considerado Património Mundial)

 

Tem sido extremamente afetada sobretudo no que diz respeito à sua região a sudeste:

 

(com o arquipélago a ser um conjunto de 132 ilhas, com as mais importantes situadas a sudeste, onde se encontram as 8 habitadas e os seus mais que 1,2 milões de habitantes)

 

Com a sua Ilha Maior localizada no extremo a sudeste (do arquipélago) e onde se localizam a maioria dos vulcões como o KILAUEA (o Mauna Loa, o Mauna Kea e o Hualalai),

 

A prosseguir com a sua intensa atividade vulcânica, sem prenúncios de fim à vista e com a sua lava a percorrer (inexoravelmente) o seu caminho até ao mar,

 

‒ Ameaçando toda a ilha em geral (com a esmagadora maioria dela direta/indiretamente ligada ao sector turístico) e em cadeia muitas zonas turísticas instaladas no litoral (como propriedades e hotéis).

 

nu3bon9qjd4wklipksby.png

2

Apanhados desprevenidos no meio de uma explosão

Quando observavam por perto a chegada de lava vulcânica ao mar

 

Hoje dia 19 de Julho (de 2018) e passados quase 80 dias sobre o início da atividade no vulcão KILAUEA (Ilha Grande do HAVAÍ) com o mesmo a continuar ativo nestes últimos tempos (em termos de centenas de anos) de uma forma sem precedentes:

 

Tal fenómeno não sucedendo (com a mesma intensidade e período de tempo) pelo menos desde há 200 anos, exceto no que toca seu processo evolutivo (conforme a causa seja associada à zona baixa, média ou alta do EAST RIFT).

 

“A RIFT zone is a feature of some volcanoes, especially shield volcanoes, in which a linear series of cracks (or rifts) develops in a volcanic edifice, typically forming into two or three well-defined regions along the flanks of the vent.”

(wikipedia.org)

 

E no que diz respeito ao cone vulcânico (do Kilauea) Puʻu ʻŌʻō em erupção (ininterrupta) durante 35 anos (em princípio a mais longa nos últimos 500 anos) com o mesmo a poder ser a melhor explicação para o que tem vindo a suceder nas últimas (sete) semanas:

 

“In the middle East Rift Zone, Puʻu ʻŌʻō erupted for 35 years. That was the longest eruption in the whole East Rift Zone in over 500 years and it probably set up the conditions that were ripe for lava or magma to be able to travel underground all the way from the summit to this area.”

(watchers.news)

 

E como um indicador precioso para os vulcanologistas com as emissões de dióxido de enxofre (SO₂) a serem as maiores desde sempre registadas no vulcão KILAUEA (como se sabe com as maiores emissões gasosas vulcânicas a serem de uma forma decrescente H₂O, CO₂ e SO₂):

 

E de todas com as mais perigosas (para o Homem, para os Animais, para a Agricultura) a serem as emissões de fluoreto de hidrogénio (HF), de dióxido de carbono (CO₂) e claro de dióxido de enxofre (SO₂).

 

k5f2mkrgvbmfgddk3y1h.jpg

3

A explosão como vista pelos turistas a bordo do cruzeiro turístico

Originando pela sua violência mais de duas dezenas de feridos

 

Pelas 12:00 de 19 de Julho (hora de Portugal Continental) com a situação no KILAUEA a manter-se inalterável,

 

‒ Sendo constantemente monitorizada como medida de prevenção/proteção/segurança ‒

 

Mantendo-se as necessárias evacuações,

(dado o avanço dos rios de lava à superfície/queimando tudo e a algumas projeções eruptivas de material na atmosfera/lançados como projeteis)

 

E simultaneamente a chegada de Invasores, descritos (maioritariamente) (leigo como interessados, curiosos e outro tipo ou erudito) de mirones: já com alguns incidentes (sem consequências) a registarem-se.

 

“Une bombe de lave tombe sur un bateau de croisière à Hawaii.

La catastrophe naturelle a fait 23 blessés.”

(dhnet.be)

 

Um espetáculo obviamente,

 

‒ Dadas as condições geológicas e ambientais ‒

 

Impossível de se usufruir em terra (com locais e turistas a ser evacuados) mas convidando a uma observação no mar:

 

Com todos os perigos associados (pela sua proximidade) visíveis ou invisíveis e provocando sem necessidade danos colaterais podendo ser fatais (pelo impacto e pelos gases).

 

(imagens: 1 U.S. Geological Survey ‒ 2/3 gizmodo.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 16:58

Julho 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13

15


29


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO