Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

06
Abr 19

E utilizando um Espelho

 

O ex-Presidente entrou na pré-campanha

e arrasou as políticas do Governo.

 

[Luís Claro/SOL/Política/sol.sapo.pt/artigo/652740 e luis.claro@newsplex.pt]

 

687361.JPG

Cavaco Silva

Ministro das Finanças (durante 1 ano), Presidente do PSD (durante 10 anos), 1º Ministro de Portugal (durante 10 anos) e Presidente da República Portuguesa (durante 10 anos), num percurso de 36 anos (1980/2016 apenas interrompido entre 81/85 ou seja ficando-se no mínimo pelos 32 anos) e apenas sendo superado por Oliveira Salazar (ininterruptamente no período 1932/68) com os seus 36 anos; para muitos um Sinal (já antigo) significando Clivagem (mesmo que retirado do ativo, mas ainda pertencendo ao Conselho de Estado)

 

Instituto Francisco Sá Carneiro

Lançamento do livro de J. M. Sarmento

(presentes entre outros M. Luís Albuquerque, Eduardo Catroga, Leonor Beleza e Paulo Macedo)

 

«Só se deixa enganar quem quer ser enganado.»

(Cavaco Silva sobre a Geringonça de António Costa)

 

(Fonte: Luís Claro/sol.sapo.pt/06.04.2019)

 

Sobre o Governo (opinião de CS)

 

«Não posso deixar de ligar a perda de receita com a descida do IVA da restauração com a acentuada degradação da qualidade do Serviço Nacional de Saúde. A esta profunda injustiça está associada uma outra opção do governo errada: a reversão do horário de trabalho semanal da Função Pública de 40 para 35 horas».

 

Resposta (de AC a CS)

 

«Tão furiosa que até o anterior Presidente da República saiu do recato próprio a que os ex-presidentes da República se costumam dedicar, só para exprimir a raiva que tem, que a direita tem, relativamente ao sucesso desta solução governativa».

 

Sobre o BE e PCP (opinião de CS)

 

«Ilustra bem a hipocrisia de partidos que procuram iludir os portugueses com falsos discursos de defesa dos mais desfavorecidos».

 

Resposta (do PCP a CS)

 

«Foi gritante a declaração de Cavaco Silva quando diabolizou a redução do IVA da restauração, culpando-a dos males do Serviço Nacional de Saúde. É preciso ser muito rancoroso para voltar à carga com uma questão tão importante.»

 

[AC: António Costa BE: Bloco Esquerda CS: Cavaco Silva PCP: Partido Comunista Português]

 

(texto/itálico: retirados de Luís Claro/Sol – imagem/inserida no artigo: Raquel Wise)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 20:28

Com as Qualificações para o Campeonato do Mundo a iniciarem-se (em Inglaterra) já na próxima quarta-feira (10.04 a 17.04) envolvendo cerca de 130 jogadores (sujeitando-se a 3 Rondas de Qualificação) a lutarem por apenas 16 lugares (ainda vagos): e com os 16 jogadores oriundos das Qualificações a juntarem-se ao Top 16 do RM (já com acesso garantido) formando o Grupo de 32 (jogadores) podendo sagrar-se Campeão do Mundo (de Snooker de 2019) sucedendo ao atual detentor do título (de 2018) o galês Mark Williams. Aí já em Sheffield no TEATRO do CADINHO mais conhecido (por todos os praticantes de Snooker e outros) por CRUCIBLE THEATRE (tendo aí os jogadores de passar mais 3 rondas/eliminatórias, até atingirem a 6 de Maio a tão desejada Final). E em função de toda a época e das performances apresentadas (fazendo-o de cabeça e sem pensar muito) com o punhado de Favoritos a poder ser um destes (três): Ronnie O’Sullivan, Neil Robertson e talvez Judd Trump (a minha aposta).

 

2018Nov02063551_1010137864.jpg

Neil Robertson Vs. Jack Lisowski

Finalistas do Open da China

(2 excelentes jogadores/apesar da diferença de currículo, com uma diferença de 10 anos entre eles, um já tendo sido 1X Campeão do Mundo e ganho 15 provas de RM, o outro/o mais novo Lisowski ainda não se tendo estreado)

 

Open da China

06.04.2019

Meia-Final

(melhor de 19 frames)

 

Fase

J

N

F

J

N

MF1

Neil

Robertson

AUS

10-7

Luca

Brecel

BEL

MF2

Jack

Lisowski

ING

10-1

Scott

Donaldson

ESC

(J: Jogador N: Nacionalidade F: Frames MF: Meia-Final)

 

Nesta 24ª prova do Circuito Mundial de Snooker (individual) 19ª prova contando para o RM (sendo o próprio Mundial de 2019 a 20ª) e tomando em consideração a razia registada no Top 16 do RM logo nas rondas iniciais (com o atual detentor do troféu o inglês Mark Selby a ser logo eliminado na ronda de Qualificação), percebendo-se melhor o retiro estratégico de Ronnie O’Sullivan, não estando presente na China (apenas pelo dinheiro em jogo/pontos p/RM) para se concentrar (e descansar) para o Mundial que aí vem (depois de assumir de novo o Nº 1 do RM faltando-lhe conquistar/reconquistar o seu 6º Título Mundial): até porque “safando-se” (em função da sua qualidade e RM) só mesmo (e pondo de lado os finalistas) Stuart Bingham (atingindo os QF/27.000£) e Luca Brecel (atingindo as MF/45.000£). Para além da surpresa escocesa chamada Scott Donaldson subindo de 52ºRM para 39ºRM (certamente para o ano integrando o Top 64 e tendo entrada garantida no Circuito 2019/20).

 

Open da China

07.04.2019

Final

(melhor de 21 frames)

 

Fase

J

N

RM

J

N

RM

Final

Neil

Robertson

AUS

Jack

Lisowski

ING

11º

 

Local

Final

Sessões

Transmissão

Pequim

Domingo, 07.04

(21 Frames)

 

Vence o que ganhar 11 frames

1ªS

07:30

(1ª parte/2ªparte)

2ªS

13:30

(3ª parte/4ªparte)

Eurosport

(RM: Ranking Mundial)

 

a8KxDnI6_400x400.jpg

Scott Donaldson

ESC/39ºRM

(até às MF e caso vencesse o Open da China

substituindo David Gilbert no acesso direto − dos 16 melhores do ranking − ao Mundial)

 

Top16 do RM

(com aceso direto aos 32 jogadores presentes na fase final do Mundial)

 

RM

(RE)

J

N

£

(X1000)

RM

(RE)

J

N

£

(X1000)

(1º)

Ronnie

O’Sullivan

ING

1234

(13º)

Barry

Hawkins

ING

454

(5º)

Mark

Selby

ING

1097

10º

(30º)

Ding

Junhui

CHI

448

(7º)

Mark

Williams

GAL

1010

11º

(8º)

Jack

Lisowski

ING

406

(11º)

John

Higgins

ESC

755

12º

(6º)

Stuart

Bingham

ING

385

(3º)

Mark

Allen

IRLN

702

13º

(36º)

Shaun

Murphy

ING

370

(2º)

Neil

Robertson

AUS

682

14º

(18º)

Luca

Brecel

BEL

366

(4º)

Judd

Trump

ING

666

15º

(14º)

Stephen

Maguire

ESC

333

(9º)

Kyren

Wilson

ING

548

16º

(10º)

David

Gilbert

ING

306

Com o Vencedor do Open da China

– Neil Robertson ou Jack Lisowski –

A poder ainda acumular mais 135.000£ à tabela do RM

(RE: Ranking da Época £: Libras/Pontos para a tabela do RM)

 

Amanhã disputando-se a Final do Open da China e abrindo-se de imediato as primeiras portas de acesso à competição em que todos os profissionais de Snooker gostariam de estar presentes, atribuindo ao vencedor o tão apetecido título de Campeão do Mundo de 2019 para além de um prémio pecuniário e fabuloso (se comparado com outras provas de RM) de 500.000£ (200.000£ para o finalista vencido e Vice-Campeão do Mundo).

 

Fase Final decorrendo de 20 Abril a 7 Maio e com transmissão Eurosport.

 

(imagens: Joosep Martinson/Getty Images for Kaspersky/livesnooker.com − Scott Donaldson/@ScottD147/twitter.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 20:20

Com mais culpas para os que engolem, do que para os que regurgitam.

 

[Como inscrito num partido (do Arco Governamental), tendo algum dinheiro por trás (investido em nós  pelos nossos verdadeiros patrões) e sobretudo muito paleio (de vigarista, preferencialmente certificado), se consegue chegar rapidamente (num abrir e fechar de olhos/num só ensaio) a uma amostra de milionário (sem ter que se concorrer repetidamente na TV) para o nosso político medíocre (e como seu desígnio) bastante satisfatório.]

 

Políticos ganharam mais de 1,2 milhões de euros em 2018 como comentadores

(Revista de Imprensa/JE/05 Abril 2019, 16:04)

 

quadratura.jpg

Jorge Coelho, Pacheco Pereira e Lobo Xavier

A Quadratura do Círculo ainda na SIC

Agora Circulatura do Quadrado na TVI

Inicialmente Flashback na TSF

(o mesmo produto com papel de embrulho diferente)

 

A partir de alguns dados publicados pelo JE (e avançados pela Sábado) relativamente aos ganhos de alguns dos nossos comentadores políticos (sobretudo em média suportando-se na TV),

 

− Um grupo que poderemos mencionar como o Quarteto Fantástico (com um suplente caso haja necessidade);

 

− E um outro constituído por outro tipo de vassalos (julgando-se em lista de espera) mas notório e hierarquicamente inferiores.

 

Com Pacheco Pereira/PSD, Jorge Coelho/PS e Lobo Xavier/CDS na liderança dos ganhos (apenas) como comentadores políticos (mais de 7500€/mês), logo seguidos por Paulo Portas/CDS e Marques Mendes/PSD (7500€/mês)

 

img_0627.jpg

Comentador Político ou Fazedor de Opinião

Segundo a revista Sábado

Um Maná para a nossa Classe Política

(opinando, direcionando e recebendo o complemento)

 

– O Quarteto Fantástico (+ o suplente)

 

E podendo ainda ser acompanhados (mas já a grande distância) por Francisco Louçã/BE (2500€/mês), Paulo Rangel/PSD (1000€ a 5000€/mês), Fernando Medina/PS (mais de 3000€/mês) e Ana Catarina/PS (com os seus 400€/programa)

 

− Mas sem a pinta (a Prancha) dos anteriores.

 

Para além dos que nada se sabe, como será o caso de Ferreira Leite/PSD.

 

Mas olhando para o derradeiro parágrafo do artigo (e dados aí inseridos) publicado no JE (Jornal Económico) esta sexta-feira (5 de Abril de 2019), chegando-se à conclusão da localização do Ponto G Político (como se indicará a seguir) que poderá tal como o sexual (e respeitada a área, a distância e o género) conduzir a elevados níveis de excitação POLÍTICA, com intensos ORGASMOS e uma potencial EJACULAÇÃO (muitas vezes precoce, poucas vezes como profissional) levando a consequências (negativas ou positivas) dirigidas (pelo Fazedor de Opiniões ativo ao Público passivo, já adito e expetante pela dose) e inevitáveis (como tudo) – para tal bastando lê-lo (o tal parágrafo final):

 

índice.jpg

O Rei dos Comentadores Políticos

Oriundo de Celorico de Basto (Braga), ligado familiarmente ao Antigo Regime (por via do pai Ministro das Corporações e do Ultramar) e no pós-25 de Abril aderindo ao PSD (então PPD) iniciando já no Novo Regime Democrata a sua carreira política que o levaria à Presidência da República

 

“O Presidente da República que foi comentador televisivo durante muitos anos, chegou a receber 10 mil euros por mês na TVI.”

(JE com fonte CM).

 

O REI dos COMENTADORES POLÍTICOS (10.000€/mês, anos atrás), como poderia ser o REI dos Comentadores Futebolísticos, ou até mesmo e gastronomicamente o Rei das Farturas (e até se fosse algarvio o Rei dos Frangos da Guia): adaptando-se como um Verdadeiro Animal Político (não tendo culpa de apesar de Conservador, de ser culto e inteligente) ao Antigo e ao Novo Regime e levando atrás de si o rebanho por si Encantado − como o Flautista de Hamelin (um conto dito infantil da autoria dos Irmãos Grimm).

 

“Em 1284 a cidade de Hamelin estava sofrendo com uma infestação de ratos. Um dia chega à cidade um homem que reivindica ser um "caçador de ratos" dizendo ter a solução para o problema.  Prometeram-lhe um bom pagamento em troca dos ratos − uma moeda pela cabeça de cada um. O homem aceitou o acordo, pegou uma flauta e hipnotizou os ratos, afogando-os no Rio Weser.” (wikipedia.org)

 

Macron-e-Marcelo-by-Lusa-Mario-Cruz.jpg

Marcelo VS. Macron

Nas questões de Poder envolvendo familiares

Com o Presidente francês bem adiantado ao português

(acomodado e tal como uma pitonisa à espera que o consultem)

 

Numa Guerra Sem Quartel entre os dois canais (generalistas/por cabo) privados (SIC e TVI) – deixando há muito para trás e sem capacidade de resposta (financeira) o canal do estado (RTP) – impondo aos telespetadores (e seus fiéis seguidores, rodeando falsos ícones, mera e insultuosamente replicados) projeções contínuas 24 horas/dia, aditas, tóxicas e embrutecedoras: dispersando (pelo feixes hertzianos) todos os monstros e convidando (para aquela caixa o ecrã) as suas vítimas.

 

E já agora leiam a história, adaptem-na à situação, tornem-se no seu realizador e vejam com especial atenção (somos nós que estamos em jogo não o Rei dos comentários) qual a (vossa) real situação.

 

[Agora com o nosso derradeiro tema político (Os Familiares) a centrar-se no método até agora adotado para escolher alguém para cargos públicos como os do Governo (em vigor há 20 anos), introduzindo de novo o Rei dos Comentadores (o agora Presidente) como se não tivesse mesmo nada a ver com isso, alguém lhe tivesse pedido a opinião ou este tivesse mesmo a solução (porque não a propôs antes?): quando desde 2017 o próprio Macron (Presidente da França e Conservador de direita) a impôs no Parlamento francês e não cumprindo a lei (desde aí em vigor) arriscando multa e prisão.]

 

(texto: apoiado em JE – imagens: jn.pt – sabado.pt – tviplayer.iol.pt – Mário Cruz/Lusa)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 01:58

Abril 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10

15
16

21
25



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO