Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Depois dos Pássaros, as Árvores Também Fogem

Quarta-feira, 25.09.19

E Nós, do que é que estamos à espera?

 

“The planet of the trees has given way to the planet of the apes”

(Steve Conner/independent.co.uk)

 

5150.jpg

Com o “Refúgio Nacional de Vida Selvagem do Ártico” a ter como dois produtos visíveis, únicos e de excelência, “as Árvores e os Ursos”, mas simultaneamente (e infelizmente), de uma forma previsível, invisível e segundo Donald Trump tendo no seu subsolo, “Petróleo e Gás”.

 

A partir de uma investigação (integrando 40 cientistas de 15 países) tendo como tema de estudo as ÁRVORES, particularmente o cálculo da sua quantidade (existente) sobre a superfície da TERRA – atualmente e segundo os cientistas na ordem dos 3 TRILIÕES (isto apesar de todos os esforços entre outros de BOLSONARO e de TRUMP) – e já depois de termos tomado conhecimento da notícia no mínimo alarmante do abandono (desde 1970) de cerca de 3 biliões de pássaros registados na América do Norte (EUA e Canadá) − para já não falarmos neste “Portugal dos Pequeninos” da perseguição (nada científica, em tudo religiosa e como se falássemos de algum Culto ou Seita) de um Reitor Universitário ao gado bovino, citando desde logo e de uma forma machista-racista a fêmea a Vaca – a informação de que apesar do número aparentemente elevado desta espécie do Mundo Vegetal ainda cobrindo grandes extensões da superfície terrestre, desde que o “Mundo das Árvores” foi substituído pelo “Mundo dos Primatas (particularmente desde o aparecimento do seu expoente máximo o HOMEM) esta tão importante espécie vegetal se terá reduzido a menos de metade: com estes 3 TRILIÕES de árvores a serem os restantes das quase 7 triliões de árvores então existentes, depois dos DINOSSAUROS e antes de NÓS.

 

web-trees-pa.jpg

Human settlement

has cost Europe

most of its forest cover

 

E mantendo-se o nível de abate de árvores registados nos últimos anos − uns 15 biliões/ano, logo nos TRÓPICOS e com as árvores mais velhas e maiores aí localizadas – e conhecendo-se o crescimento (aproximado e de árvores novas) do número das mesmas para além de nos Trópicos/1,4 triliões (florestas subtropicais), em regiões Temperadas/0,6 triliões (EUA e Europa) e nas regiões Boreais/0,8 triliões (Canadá e Sibéria) – não sendo (“apenas”) daqui a uns 200 anos (apenas fazendo os cálculos, neste único parâmetro) a termos o “PLANETA-CARECA, mas com tal cenário a suceder muito antes do que alguma vez previsto.

 

“Trees are among the most prominent and critical organisms on Earth, yet we are only recently beginning to comprehend their global extent and distribution. They store huge amounts of carbon, are essential for the cycling of nutrients, for water and air quality, and for countless human services. Yet you ask people to estimate, within an order of magnitude, how many trees there are and they don’t know where to begin. I don’t know what I would have guessed, but I was certainly surprised to find that we were talking about trillions”. (Thomas Crowter/Yale University-New Haven-Connecticut/Nature)

 

An area of the Amazon devastated by deforestation,

An area of the Amazon

devastated by deforestation,

in northern Brazil

 

Sabendo-se que a maior densidade de árvores (mais novas) se situa na América do Norte (Canadá e EUA), Escandinávia (Dinamarca/Suécia/Noruega podendo-se estender a Finlândia/Ilhas Faroe/Islândia) e Rússia – como será a região do Ártico apanhando os EUA, integrado numa região englobando 24% das árvores da Terra − e que as Grandes Florestas (árvores mais velhas, maiores) se localizam nas regiões Tropicais – como será o caso da AMAZÓNIA lar de mais de (o máximo regional no global) 43% do total das árvores existentesobservando-se com extrema preocupação e num momento em que se discutem (mais uma vez, mas ainda e somente, entre elite e privilegiados) as ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS (servindo-nos e utilizando-nos já, de uma criança), o avanço “à sua maneira” dos dois pretensos líderes do Continente Americano na sua “SENDA PATRIÓTICA e NACIONALISTA do ABATE de ÁRVORES: fazendo-o TRUMP a norte numa reserva (terraplanando-a) e BOLSONARO a sul na Amazónia (incendiando-a) – enquanto MACRON para se fazer notar e tal como muitos outros (“a ocasião coloca lá outro ladrão”), se põe “em bicos de-pé(depois destes “Coletes” serem pisados, espetando-lhes agora a “biqueira dos sapatos”).

 

(imagem: Steven Kazlowski/Barcroft Medi/theguardian.com – imagens/legendas: PA/GETTY/humansarefree.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:34

Lançamento pelos DEM, das Presidenciais REP?

Quarta-feira, 25.09.19

24 de SETEMBRO de 2019

Data Comemorativa do Calendário Democrata

 

"Today, I’m announcing the House of Representatives moving forward

with an official impeachment inquiry."

(Nancy Pelosi)

 

sh-1.jpg

Nancy Pelosi dando com o seu martelo

de Presidente da Câmara dos Representantes

(3º nível hierárquico/maioria DEM)

Na cabeça de Donald Trump o atual Presidente dos EUA

(1º nível hierárquico/REP)

Pensando com a sua arma branca ultrapassar o Senado

(2º nível hierárquico/maioria REP)

 

Tudo isto porque Donald Trump (aqui o POLÍCIA) se mostrou eventualmente interessado (ou não viessem aí as Presidenciais de 2020, sendo Joe Biden o principal candidato DEM) nos negócios do filho de Joe Biden (aqui o LADRÃO) quando este último era Vice-Presidente dos EUA (no período de Barack Obama),

 

Nessa altura ajudando graciosamente o seu filho em negócios bastante obscuros talvez mesmo ilegais (incluindo dinheiro e chantagens entre representantes de dois países), envolvendo o negócio da energia curiosamente na destroçada (e entregue literalmente “aos bichos”) Ucrânia.

 

Mas mais uma vez para estes Democratas “Violentos & Furiosos” bastando (segundo eles) refazer a História (como se todos tivéssemos sido vítimas de lobotomia direcionada) passando o Polícia a Ladrão e Vice-Versa – e encomendando-se desde logo a tão desejada e esperada (desde finais de 2016) Ordem de Prisão (Impeachment).

 

nancy-pelosi-vs-donald-trump.jpg

Desde a sua tomada de posse como 45º Presidente dos EUA em janeiro de 2017 − quando o deveria ter sido H. C. (“literalmente eliminando” do mapa nas primárias, o candidato com mais apoiantes e que deveria ter sido efetivamente nomeado B. S.) – sendo ininterruptamente perseguido pelos Democratas com a ameaça de “Impeachment”, ontem entrando “em colisão” com a Rússia, hoje com a Ucrânia; apresentando-nos como prova irrefutável um “prato-vazio” (nem sequer se vendo o conduto) e com Trump a apontar o destino de mais esta tentativa (o das outras)

 

Podendo esta data tornar-se marcante para a INACREDITÁVEL reeleição de DONALD TRUMP para um 2º mandato como PRESIDENTE dos EUA − ou seja, com ele até finais de 2024: uma hipótese tornada agora EXTRAMAMENTE VIÁVEL por CREDÍVEL (testada anteriormente com enorme sucesso) dada a autoria ser dos mesmos que o lá colocaram com um EXITO SURPREENDENTE – na Casa Branca desde Janeiro de 2017: 24 de Setembro de 2019.

 

"The President must be held accountable. No one is above the law"

House Speaker Nancy Pelosi, 9-24-2019

(boingboing.net)

 

Com a Presidente da Câmara dos Representantes dos EUA (com maioria do partido Democrata − ao contrário do que ocorre no Senado, de maioria Republicana) a democrata NANCY PELOSI a anunciar final e oficialmente o lançamento imediato de um Inquérito levando ao IMPEDINENTO do Presidente dos EUA, falando constantemente de TRAIÇÕES (nenhuma delas especificadas) eventualmente cometidas e envolvendo DONALD TRUMP – atuando “contra os seus próprios deveres como Presidente, contra os interesses de Defesa Nacional dos EUA e ainda contra o processo eleitoral”.

 

Nem mais!

 

(imagens: boingboing.net – patriotfires.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 11:27

A Saga Eco − Nova Temporada − Trailer

Quarta-feira, 25.09.19

GRETA THUNBERG

(dirigindo-se à Assembleia-Geral da UN sobre Alterações Climáticas, na terra do Tio Sam)

 

NINTCHDBPICT000512923493.jpg

 

”People are suffering, people are dying, entire ecosystems are collapsing.

We are in the beginning of a mass extinction and all you can talk about

is money and fairytales of eternal economic growth”.

(Greta Thunberg/UN/2ª feira, 23)

 

DONALD TRUMP

(comentando no Twitter o discurso de Greta Thunberg, alguns sugerindo mesmo em tom de gozo)

 

9b805ab8-14dd-46d6-95be-f0e34c4df14c-VPC_GRETA_THU

 

She seems like a very happy young girl

looking forward to a bright and wonderful future.

So nice to see!”

(Donald J. Trump/@realDonaldTrump/twitter.com)

 

GRETA THUNBERG

(respondendo no Twitter ao comentário de Donald Trump e utilizando-o, alterando a sua Bio)

 

ab20e730-dee8-11e9-b655-7dfca9216873.jpg

 

“A very happy young girl looking forward

to a bright and wonderful future.”

(Greta Thunberg/@GretaThunberg/Twitter bio/twitter.com)

 

[Sendo interessante de analisar o eco dado pelos média a Greta Thunberg (e naturalmente como com tudo, a sua evolução), observando as três imagens anteriores (1/2/3) apresentadas ao longo do tempo: por exemplo debruçando-nos sobre os ambientes propostos (os cenário por alguém construídos) e as expressões aí registadas (conveniente enquadrados e cuidadosamente editadas, “dizendo-nos tanto sobre a pessoas”): hoje Glorificada, amanhã Esquecida, se entretanto não Queimada, numa qualquer fogueira.]

 

(imagens: sott.net − usatoday.com − reuters.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:14

O Elo (Umbilical) Entre a Terra e Marte

Terça-feira, 24.09.19

“Ao olharmos para Marte no Presente

(que num determinado Espaço/Tempo poderia ser como a Terra),

poderemos estar a ver a imagem

(nem se necessitando de Espelho)

da Terra

(tal como a deixaremos)

no Futuro.”

 

Em 30 de Julho de 2019 tendo já ultrapassado os 21Km percorridos na superfície do planeta MARTE (aí tendo aterrado em 6 de Agosto de 2012) – tomando em consideração os sete anos, a uma velocidade média de 0,35m/h – o ROVER CURIOSITY inicialmente estando sediado numa das muitas crateras existentes no planeta − a cratera de GALE – oferece-nos no seu 2534º dia de estadia mais uma fotografia do meio ambiente e geológico envolvente, num registo bem característico do 4º Planeta do SISTEMA SOLAR (o 2º mais pequeno depois de Mercúrio, localizado a 200/250 milhões de Km do Sol) entalado entre a TERRA e a CINTURA DE ASTEROIDES.

Marte

Um Mundo Seco, Árido, Desértico, Queimado, tal como se tivesse sido, Calcinado

(daí a ânsia dos Descarbonizados, na realidade os Calcinados, em migrarem para esse Inferno)

Proposto pela Elite Terrestre como Terra 2.0

 

download-3.jpg

MARTE

CURIOSITY ROVER − SOL 2534

(22.09.2019)

Num Retrato do que poderia ser atualmente um deserto terrestre

 

Cintura de Asteroides para muitos uma região do nosso Sistema (Solar) onde num passado já bem distante (de uns biliões de anos) teria (hipoteticamente) existido um outro planeta, devido a algum tipo de Fenómeno Astronómico-Catastrófico (Extraordinário) − um Evento ao Nível da Extinção − explodindo e fragmentando-se e originando como consequência esta multitude (aglomerado) de pequenos objetos, a que na generalidade chamamos asteroides, mas que até se poderão apresentar como luas (suponhamos como as de Júpiter e de Saturno) e mesmo como planetas (ou pelo menos planetas-anões como o recentemente despromovido “planeta” PLUTÃO). E na sequência desse Grande Evento Solar mais expectável de ter ocorrido nas primeiras etapas evolutivas do Sistema Solar (sabendo-se a idade dele, perto dos 5 biliões de anos), com Marte a ser uma das vítimas sofrendo um impacto direto e extremamente brutal: existindo Água e Vida desaparecendo de imediato e não deixando  qualquer rasto (pelo menos sendo visível mas existindo sinais − talvez mesmo vestígios − mas confirmando-se o facto sendo estes subterrâneos).

 

Como poderia ter sido arrasado por uma TEMPESTADE SOLAR (intensa e bem dirigida) tipo Bombardeamento Nuclear.

 

(imagem: NASA/JPL-Caltech/nasa.gov)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 22:53

WHEN AND IF

Segunda-feira, 23.09.19

(1) Quando um novo objeto INTERESTELAR entra no nosso SISTEMA (caso do asteroide C/2019 Q4),

 

snapshot 1.jpg

C/2019 Q4

Objeto natural (cometa)

ou artificial (sonda)?

 

(2) Quando os avistamentos de OBJETOS VOADORES desconhecidos registam (nomeadamente nos EUA) um notório crescimento (como o de 19 de Agosto em Las Vegas, com a presença de um ORB e de um OBJETO DE FORMA CILÍNDRICA),

 

(3) Quando os próprios iranianos se confrontam com a presença de OBJETOS VOADORES NÃO IDENTIFICADOS circulando a velocidades incríveis e executando manobras impossíveis (como o Evento ocorrido a 7 de Setembro perto da fronteira com o Paquistão e levando os iranianos a colocar em ação as suas defesas antiaéreas),

 

(4) Quando a própria Marinha dos EUA nos informa da fuga indevida de documentos secretos envolvendo imagens de pretensos UFO’S afirmando (em termos de lamentação e dada a sensibilidade do assunto) que tal nunca deveria ter sucedido (mesmo sendo esses factos e segundo esses mesmos responsáveis reais),

 

(5) Quando até no território dos EUA (talvez não se apercebendo disso os estrangeiros, mas sendo de longe a maior potência terrestre) se encontrava marcada uma grande concentração aparentemente destinada a exigir e conseguir a imediata libertação da COMUNIDADE ALIENÍGENA aqui residente (na Terra e pelo que se diz, não utilizando pulseira eletrónica, logo, com âmbito de deslocação limitado e resumido a prisão domiciliária)

 

− Com a marcação da Grande Concentração de 20 de Setembro em torno da ÁREA 51, tendo como missão o desmascarar das experiências levadas a cabo nessa base secreta pelo governo norte-americano (sobre seres podendo ser terrestres ou extraterrestres, neste segundo caso seres semelhantes aos de Roswell) e a libertação imediata dos alienígenas aí presos (acabando tudo desmarcado e sem alienígenas)

 

fake-area-51-1.jpg

ÁREA 51

They Can’t Stop Us All

(mas no entanto sendo poucos)

 

(6) Eis que juntando-se a este contingente cada dia que passa mais numeroso em número de testemunhas (desde as que de facto viram às que simplesmente escutaram), por interesse e estratégia (não tanto cientifico/tecnológica, mas sobretudo de Mercado e Financiamento) e certamente não querendo ficar para trás (da Space X, da Virgin Galactic e da Blue Origin), a BIGELOW AEROSPACE (do bem-sucedido homem-de-negócios norte-americano Robert Thomas Bigelow) publica um Vídeo (a 20 de Setembro) no mínimo enigmático (como todos e para adensar o mistério, um pouco confuso, dada a fraca resolução):

 

Nele surgindo um ORB (uma esfera ou globo) e uma ENTIDADE (supostamente sentado a uma mesa), no interior de um habitáculo fechado (selado, nada podendo entrar ou sair).

 

(7) E nada de significativo se percebendo da contribuição da BIGELOW AEROSPACE com o seu vídeo editado no Twitter (a 20.09)

 

− Para além da suspensão deixada no ar pela confusão da afirmação

(referindo-se ao dito vídeo)

OUR SMALL CONTRIBUTION

 

Chegando-se à conclusão de se tratar de mais uma mera “Promoção”: chamando a si os Alienígenas não do México, mas do Espaço.

 

Faltando para estar completo e perfeito e de acordo com a Moda em curso (dado o cenário reinante no território norte-americano) tratar-se de preferência (não de homenzinhos, mas) de MULHERZINHAS-VERDES.

 

bigelow-orb-being video.jpg

BIGELOW AEROSPACE

Supostamente com um ORB e algo mais na imagem

(publicado no seu Twitter)

 

(8) Sentado na velha poltrona colocada estrategicamente na açoteia lá de casa (com os figos a secar) de modo a pensar (refletir, incorporando) e a usufruir deste céu límpido, noturno e estrelado do sul de Portugal

 

− Um Céu cheio de Estrelas, certamente cheio de Vida

 

Não podendo deixar de contrapor (como numa Balança à procura de Equilíbrio, não só próprio e por calibragem, ou seja artificial, mas num cenário de enquadramento ambiental, sem “borbotos”, natural) o que aqui se tem passado e se passa (na Terra), face ao que ali se passará (se passou, se passa e se passará, de modo concorrencial ou em paralelo) certamente (no Espaço Exterior) no nosso Futuro (encerrado o Ciclo terrestre e estando pronto para um novo Salto):

 

Em princípio, decorrendo tudo normalmente e tal como hoje já há muito acontece (pelos vistos tendo-se tornado um hábito, desígnio e razão de sobrevivência),

 

Com os CALCINADOS ditos descarbonizados dirigindo-se para Marte (a Elite detentora do dinheiro),

 

Com os DESCARBONIZADOS (por falta de um elemento químico fundamental da tabela periódica) nunca tendo existido já mortos e extintos (da cura errada para a doença)

 

E com os CARBONIZADOS no espaço e no tempo invariavelmente existentes (dos cerca de 7,5 biliões, os excedentes, todos nós) como sempre e por destino (“Fado, Futebol & Fátima”) a ficarem (para trás).

 

(imagens: Mystery News/youtube.com − mixmag.net – Bigelow Aerospace/twitter.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 22:21

O Ralo e o Tubo Que Ligam o Espaço

Domingo, 22.09.19

E sobre a questão “WHERE DO BLACK HOLES LEAD?”, bastando para tal olhar para o ralo de escoamento de uma banca da cozinha, para rapidamente se ficar frente-a-frente à mais que evidente (por única) resposta: transportando-nos a um Outro Mundo e através de um WHORMHOLE, canalizando-nos (num sistema talvez simples, talvez complexo) para um outro Universo. Talvez igual ao nosso (mais aberto ou mais fechado, um no meio de muitos) ou até mesmo simétrico.

 

Ce8xtp6gJ5DPEfoYA88ZQQ-650-80.jpg

Buraco-Negro

Talvez numa só direção do outro estando o reverso

Ligando e separando dois pontos como o ralo de uma cozinha

(inspirando de um lado e expirando do outro)

 

Naturalmente que durante essa Viagem verificando-se ações/reações (fenómenos envolvendo transporte, em espaços limitados e comunicando entre tempos), cumprindo-se estritamente o percurso – seguindo a trajetória entre campos, tentando não projetar picos ou alterações intrusivas − chegando-se ao Outro Lado, num complemento do anterior. E utilizando-se BURACOS e TÚNEIS, comunicando-se (dobrando-se o Espaço e coincidindo-se no Tempo) entre extremos.

 

(imagem: livescience.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 15:35

Vacas − De Estocolmo para Coimbra

Domingo, 22.09.19

De colega para colega e com bilhete de Ida e Volta.

 

[Na Decisão]

 

UC retira carne de vaca

das cantinas universitárias

 

Cantinas-Amarelas-Exteriores.jpg

(imagem: campeaoprovincias.pt)

 

“A Universidade de Coimbra (UC) vai eliminar o consumo de carne de vaca nas cantinas universitária, a partir de janeiro de 2020, anunciou, hoje (17), Amílcar Falcão, reitor da Universidade. Este será o primeiro passo para, até 2030, tornar a UC “a primeira universidade portuguesa neutra em carbono”, disse Amílcar Falcão na cerimónia de receção aos estudantes.” (campeaoprovincias.pt/17.09.2019)

 

[Na Dúvida]

 

Did a Swedish Scientist Propose Cannibalism

as a Solution to Climate Change?

(snopes.com/18.09.2019)

 

[Na Solução]

 

Swedish Researcher Advocates Eating Human Flesh

to Combat Climate Change Food Shortages

 

15c152692ef92d3d_ttl7dayjvx_Screen_Shot_2019-09-04

(imagem: theepochtimes.com)

 

“At a summit for food of the future (the climate-ravaged future) called Gastro Summit, in Stockholm on Sept. 3 to 4, a professor held a PowerPoint presentation asserting that we must “awaken the idea” of eating human flesh in the future, as a way of combating the effects of climate change.” (theepochtimes.com/04.09.2019)

 

[Não concordando, no entanto, com a opção anterior (observando o cruzar de ideias, universitário-universitário), não só pelo Canibalismo em si, mas pelas consequências (já) conhecidas: por curiosidade já sentidas e logo por intervenção do Homem e por mera coincidência tendo como cobaias (não o Homem, mas) as Vacas – doença das “Vacas-Loucas”.

 

795002a5837b9b267dc2ea0b00c875ae8a4c9a9a.jpg

(imagem: foxnews/archive.is)

 

[E aproveitando para comunicar a resposta do professor universitário posto em causa – o sueco Magnus Söderlund – dadas as conclusões (pelos vistos não corretas) por outros (depois de pelos mesmos “traduzida”) sugeridas (como o escreve Dan MacGuill/snopes.com/18.09.2019):Magnus Söderlund did not propose or advocate cannibalism as a solution to climate change during a Sept. 3 interview on the Swedish television channel TV4. Rather, he explained that his research into the issue was intended to provoke thought and gauge where audiences would "draw the line" in their willingness to consume various kinds of meat. Expondo-se ao “Mundo(dos Média, seja o MUNDO CNN, seja o MUNDO FOX e todos os derivados) sujeitando-se “às suas” respostas (muitas vezes parecendo direitas, no final apresentando-se bem tortas).]

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:18

Invasão Chinesa

Domingo, 22.09.19

Numa demonstração pratica de que

Nada Nem Ninguém Tem Dono

 

GettyImages-166352559-56ad17673df78cf772b671d1.jpg

Num Futuro no Presente e devido à negligência do Homem (fazendo tudo pela sua extinção) parecendo cada vez mais distante, ultrapassados os limites físicos das máquinas e da fonte (eletromagnética) utilizada − e desde que a nossa evolução mental acompanhe a tecnológica − podendo-se prever o aparecimento de naves interplanetárias e intergalácticas, levando-nos a múltiplos destinos de pontos coincidentes ou paralelos

 

Dos primeiros vertebrados evoluindo dos peixes para os anfíbios e de seguida (entre repteis e aves) para os nossos mais parecidos e próximos Mamíferos (os Primatas, há uns 13 milhões de anos) − e compreendendo-se (sempre com tudo a mexer e em movimento) estarmos perante uma única sequência, transformativa e com ramificações – surgindo entre 100.000/400.000 anos atrás o HOMO SAPIENS (talvez o 1º elo de ligação do passado com o que somos hoje) dando posteriormente origem ao HOMEM MODERNO (HOMO SAPIENS SAPIENS). Com o mesmo evoluindo ainda antes da sua HISTÓRIA, na sua faseada PRÉ-HISTÓRIA (pedra lascada, pedra polida, bronze e ferro) num curto e já aí surpreendente (dada a idade da Terra e a do primeiro primata) espaço de tempo. Sendo nómada na esmagadora percentagem da sua existência e virando-se progressivamente para o sedentarismo (tornado uma necessidade agrícola, posteriormente industrial) − há apenas uns 8.000/14.000 anos atrás, levando à domesticação dos animais e ao início da aplicação dos princípios da produção − quando tudo o que seja contrário ao movimento (uma das principais características de um Ser Vivo), terá como fim (inevitável) a extinção (parando-se, morrendo-se). E nessa senda suicida tão característica da espécie HUMANA (pelos vistos tanto na Terra, como aplicada fora dela) optando-se por ficar em casa (sabendo-se que um dia ela cairá) em vez de sair-se dela (procurando-se refúgio noutra)”: desde inícios dos anos 70 e com o fim do Programa Apollo (1972) deixando-se os voos tripulados (a nossa Salvação, prometida pelo Céu) e optando-se pelas sondas automáticas ( dispensando o Purgatório e descendo diretamente ao Inferno). Dispondo de tantos financiamentos para a Guerra – no Espaço (sector relacionado) desinvestindo na NASA e “por desvio estratégico” investindo fortemente no Privado – e pondo de lado o Espetáculo de Circo (e TURÍSTICO) montado em volta da Terra, da Lua e de Marte (pela SPACE X, VIRGIN GALACTIC e BLUE ORIGIN) prometendo-nos (tendencialmente para todos)excursões interplanetárias” − o que acontecerá connosco, quando um dia a Terra acabar?

 

6781689.png

Com o veículo motorizado chinês transportado pela sonda automática CHANG’E-4 e atualmente circulando sobre a superfície da Lua – o ROVER YUTU-2 – num período de oito dias lunares equivalente a 14 dias na Terra tendo já percorrido mais de 270 metros de viagem a uma V média=0,1m/h; e lá longe em Marte acompanhado pelo seu irmão CURIOSITY

 

− Mesmo que esse Dono se chame EUA

(o único território e aglomerado populacional em que o déficit nada significa, superado pelo funcionamento contínuo das suas famosas “impressoras de dólares”, inspiradas entre outros − dos seus negócios paralelos − pelo “pai da máfia americana Lucky Luciano”),

 

− Detendo os melhores cérebros

(esmagadoramente “importados”, ou seja, sendo “Aliens”),

 

− As armas mais poderosas

(capazes de destruir a Terra e exterminar o Homem, mais vezes que todos os outros países juntos),

 

− E o melhor Meio Ambiente para a Manutenção do Sistema/Estrutura por condicionador/formador

(seja interno e aplicado criteriosamente e conforme a classe/nível hierárquico aos seus cidadãos, seja externo ameaçando os restantes indivíduos caso não respeitem o interesse e a indicações dos primeiros)

 

6781690.png

Numa missão da R. P. CHINA tendo como objetivo prioritário atingir a superfície da LUA − explorando-a e estudando-a – alunando e sendo o seu “exclusivo” − pela 1ª vez na história das viagens automáticas ou tripuladas − no “OUTRO LADO DA LUA”; oferecendo-nos graciosamente e para nosso usufruto esta panorâmica geral − nunca podendo por nós ser observada da Terra

 

A confirmação de que para além dos detentores da Excecionalidade

 

− Os EUA

 

E daqueles que os pretenderam imitar

 

− Segundo os primeiros (os norte-americanos) não passando mesmo disso (da imitação) apesar de outros terem sido os primeiros a lançarem um animal (dito irracional, Laika), um Homem (Gagarine) e até um Humanoide (Fedor) para o Espaço, falando-se aqui e naturalmente dos Soviéticos/Russos

 

Muitos outros (para além dos norte-americanos tendo sido os únicos a pisar a Lua ou os soviéticos/russos com as suas missões pioneiras) como já é o caso da China, da Índia e do Japão (Israel ainda em tentativas para já todas falhadas) defenderão até à sua morte (do coletivo e na defesa da sua memória, da sua cultura e dos seus antepassados) o seu direito inalienável (todos somos da mesma espécie, ligados, interdependentes) e universal (tanto no tempo como no espaço),

 

De reconhecimento da sua existência, seja na Terra como no Espaço a ela exterior:

 

Sendo capaz de executar a mesma função (para o qual foi orientado/programado) tal como todos os outros pertencentes à sua espécie (e oriundos do mesmo molde e da mesma linha de montagem).

 

Nunca podendo ser o cenário montado (uma simples projeção, projetada por um projecionista e representando um interessado) a alterar as identidades (dos ditos “espetadores”).

 

(imagens: Corey Ford/Stocktrek Images/thoughtco.com − cnsa.gov.cn)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:07

Snooker − 2019 China Championship

Sábado, 21.09.19

Inicia-se na próxima segunda-feira (23 de setembro) a 6ª prova do Circuito Mundial de Snooker (época 2019/2020), 4ª competição entre 6 a ser disputada no continente asiático (2/3): 1 na Tailândia e 3 na China (com os 2 restantes realizando-se na Europa, na Letónia e na Alemanha) e ainda sem se ter chegado (esta época) ao Reino Unido. E entre os 5 vencedores de cada uma das 5 provas entretanto realizadas (logo sendo jogadores todos diferentes), com 4 a serem originários do Reino Unido (80%) e 1 da R. P. China (20%) − na realidade as 2 maiores potencias mundiais nesta modalidade de bilhar, o Snooker. Por equipas com a China atual Vice-Campeã do Mundo (ex-3X consecutivas Campeã do Mundo em 2016/17/18) e a Escócia a Campeã (atual detentor do troféu 2019) − com a dupla HIGGINS/MAGUIRE (vencendo Yuelong/Wenbo).

 

304Szqn.jpg

Judd Trump e Mark Selby

(Circuito Mundial masculino)

 

Ranking Mundial − Top 16

(21.09.2019)

 

RM

RE

J

N

£

RM

RE

J

N

£

(1º)

Judd

Trump

ING

1334

(42º)

Barry

Hawkins

ING

407

(105º)

Ronnie

O’Sullivan

ING

1178

10º

(28º)

Jack

Lisowski

ING

401

(33º)

Mark

Williams

GAL

989

11º

(50º)

Stuart

Bingham

ING

381

(15º)

Neil

Robertson

AUS

843

12º

(15º)

David

Gilbert

ING

375

(5º)

Mark

Selby

ING

775

13º

(2º)

Shaun

Murphy

ING

359

(15º)

John

Higgins

ESC

744

14º

(31º)

Stephen

Maguire

ESC

313

(4º)

Mark

Allen

IRLN

671

15º

(22º)

Allister

Carter

ING

291

(24º)

Kyren

Wilson

ING

495

16º

(3º)

Yan

Bingtao

CHI

285

(RM: Ranking Mundial RE: Ranking Época J: Jogador N: Nacionalidade £: Librasx1.000)

 

Uma prova a desenrolar-se de 23/29 de setembro na cidade chinesa de Guangzhou − o EVERGRAND CHINA CHAMPIONSHIP – tendo como detentor do troféu o inglês MARK SELBY (3X Campeão do Mundo em 2014/16/17) e atribuindo ao vencedor (deste ano de 2019) um prémio de 150.000£ (170.000€). Tendo-se já realizado a Ronda de Qualificação (ainda com seis jogos por realizar envolvendo entre outros SELBY, BINGTAO, JUNHUI e TRUMP) donde sairão os 64 jogadores presentes no quadro final da competição (contando para o Ranking Mundial). E do Top 16 estando ausentes desta prova Ronnie O’Sullivan (por opção) − só regressando para as pré-qualificações do WORLD OPEN (em 28 setembro), a sua 1ª prova de RM esta época − Stuart Bingham e Allister Carter (estes dois últimos eliminados na Ronda de Qualificação).

 

OnYeeReanne.jpg

Reanne Evans e Ng On Yee

(Circuito Mundial feminino)

 

Evergrand China Championship – Ronda de Qualificação

(6 jogos em atraso e ainda por disputar – em 23 setembro)

 

1ª R

J

N

J

N

Jogo 1

Mark

Selby

ING

Chen

Feilong

CHI

Jogo 2

Yan

Bingtao

CHI

Mei

Xiven

CHI

Jogo 3

Ding

Junhui

CHI

Brandon

Sargeant

ING

Jogo 4

Ken

Doherty

IRL

Yingdong/Zhao

CHI

Jogo 5

Tom

Ford

ING

Yize/Junxu

CHI

Jogo 6

Judd

Trump

ING

James Wattana

TAI

(R: Ronda J: Jogador N: Nacionalidade)

 

Já no sector feminino e integrando o respetivo Circuito Mundial de Snooker individual/profissional (época 2019/20), com a 12X e atual Campeã do Mundo (ganho em 2019) a inglesa REANNE EVANS (após destronar a 3X Campeã do Mundo e natural de Hong Kong NG ON YEE) depois de reconquistar o título mundial (perdido em 2017) − alcançando aí e de novo a liderança do Ranking Mundial – triunfando já esta época vencendo o WOMEN’S TOUR CHAMPIONSHIP (numa prova por convite e batendo na final Ng On Yee) e de seguida o UK WOMEN’S CHAMPIONSHIP (uma prova de Ranking Mundial e batendo na final a sua compatriota Maria Catalano). Seguindo-se de 17/20 de Outubro o OPEN da AUSTRÁLIA FeminIno (prova de RM). Relativamente ao Top do RM com Reanne Evans/ING a liderar (84.588), seguida por Ng On Yee/HK (60.238) e completando-se o pódio com Rebecca Kenna/ING (47.650).

 

[E assim até segunda-feira, dia 23 (dia do início do CHINA CHAMPIONSHIP) − no canal Eurosport (transmitindo o Evento).]

 

(imagens: fmforums.co.uk − worldsnooker.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 01:35

O Inimigo Americano – Biliões de Pássaros em Fuga dos EUA

Sexta-feira, 20.09.19

“Enquanto nos Pássaros de HITCHCOCK (de 1963) – com Rod, Jessica e Suzanne estes atacavam, já nos Pássaros de TRUMP (de 2019) – com Gore, Obama e Greta − e passado mais de meio século (sem nada se fazer, a favor ou contra) eles (os Pássaros) optam por fugir.”

 

Em 1970 com 10 biliões de pássaros residindo e passeando-se pela América (do Norte), para quase meio século passado 3 biliões de pássaros o terem abandonado (definitivamente). Não tendo por qualquer razão perecido e restando 7 biliões, para onde e porquê?

 

693a36c9-5902-4e67-b1b5-3f18c84f7cf8-rosenberg2HR.

Quase 3 milhões de pássaros

desaparecidos nos últimos 50 anos

numa média de

2 pássaros/segundo

 

Quando num total de 6 Tempestades Tropicais a costa leste e a costa oeste dos EUA corre o risco de ser simultaneamente atacada e colocada sob aviso e alerta de possível Furacão – a este e pelo Atlântico pelos furacões JERRY, HUMBERTO e IMELDA (apenas os remanescentes) e a oeste pelo Pacífico Norte Ocidental pelos furacões KIKO, MARIO e LORENA – suscitando a afirmação “It's not something that you see all the time … (Danielle Banks/Weather Channel/usatoday.com)

 

1.jpg

O Pardal-do-Norte do fim da tarde

uma ave maioritariamente originária

da Europa e da Ásia,

mas tendo-se mais tarde introduzido na América

(imagem: Jay McGowan)

 

E a memória de que “This combined number of active storms in both basins was believed to tie a modern record, set in September 1992 … (Eric Blake/National Hurricane Center/usatoday.com) e mesmo assim não preocupando por aí além os meteorologistas (e outros especialistas das Ciências da Terra) com estas questões das previsões a seu cargo (e responsabilidade) − de momento com o ciclone tropical IMELDA a ser aquele a ter maior impacto, com chuva intensa a cair sobre o sudeste do estado do TEXAS (tendo como consequência grandes inundações)

 

2.jpg

Com a queda nas últimas 5 décadas

de 30% da população de pássaros

a afetar sem exceção todas as espécies de aves

incluindo aquelas sempre consideradas

as mais abundantes

 

Eis que surge uma outra notícia (muitíssimo mais dramática) tendo o mesmo protagonista (os EUA) mas agora em vez de anunciar uma chegada (de um furacão ou de GRETA) informando-nos de uma partida: de cerca de 3 biliões de pássaros tendo abandonado definitivamente os territórios dos EUA e do Canadá desde 1970 (e até os parques urbanos e os quintais de suas casas), numa queda populacional extremamente alarmante de perto dos 30%. Devido à perda dos seus habitats habituais (rurais como urbanos) não tendo condições mínimas e aceitáveis para a criação dos seus descendentes (perdendo os seus locais de nidificação e não encontrando sossego e comida para a criação dos seus filhotes),

 

3.jpg

Corrupião-de-Baltimore

Segundo estudos científicos debruçando-se

sobre a população de pássaros nos EUA e Canadá

com quase 3 biliões a desaparecerem

em menos tempo do que uma vida humana

(imagem: Gary Mueller)

 

Abandonando progressivamente o continente e dirigindo-se para outras paragens (a uma média de 2 pássaros/segundo, tendo partido, ou então sido vítimas mortais dos pesticidas e do declínio do número de insetos, o seu alimento). E com as Alterações Climáticas (crendo no que GORE e GRETA afirmam, como Nova Religião e Seita) a assumirem a sua (eventual) cota de responsabilidade.

 

(imagens: Cornell Lab of Ornithology/usatoday.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 15:36