Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

19
Out 19

[E Nada de Relevante Se Tendo (no mínimo para nos consolar) a Apresentar!]

 

Digam o que disserem quando um adulto

se serve (literalmente) de uma criança

− Mental ou fisicamente e seja qual for o motivo pessoal invocado

(por estritamente individual, injustificado)

deve ser considerado um potencial ABUSADOR,

a que de uma forma comum,

denominamos como um pedófilo.”

     

UN Using Children to Push Agendas - Severn Cullis-Severn Cullis-Suzuki today, at the age of 39.jpg

SEVERN CULLIS-SUZUKI

Canadá

(aos 12/em 1992 e aos 39/em 2019)

 

Desde a realização no RIO de JANEIRO da “Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e o Desenvolvimento (tendo decorrido de 3 a 14 de Junho de 1992) − a EARTH SUMMIT ou ECO 92 – tendo como objetivo (aparente, não se tendo visto até agora, resultados práticos) debater os problemas Ambientais no Mundo, não só alertando-o (para o que aí viria, como o afirmam agora com as Alterações Climáticas e com o Aquecimento Global, os Descarbonizados) mas tentando arranjar soluções – “Onde estão elas e propostas por quem?” – sendo interessante e pedagógico de recordar (pondo assim a trabalhar a Memória) passado mais de um quarto de século sobre a Conferência do Rio de Janeiro (pondo assim a trabalhar a Cultura), a presença no local (RIO) de mais uma jovem RÉPLICA (apesar de todas as suspeições apontando sempre “os mesmos suspeitos”, oficialmente com “Molde” de dono ainda desconhecido) tal e qual como hoje nos é (de novo) proposto (pelos Grandes Conglomerados ligados ao VERDE e ao ECO), com o novo boneco a ser construído no presente (e a nós apresentado/imposto, no futuro) à volta de uma outra Criança, agora GRETA THUNBERG (sueca, 16 anos de idade):

 

salgado2.jpg

Aqueles que por qualquer razão nunca chegam aos Grandes Palcos

Os Sem-Terra do Brasil

(nunca chegando, ao palco da UN)

 

Falando-se aqui da canadiana SEVERN CULLIS-SUZUKI então com 12 anos de idade, hoje (27 anos depois, já com 39 anos de idade e tendo sido mãe) continuando a ser (apesar da muito menor visibilidade) uma ativista ambiental (além de apresentadora de TV e autora). Curiosamente há 27 anos (meados de 1992) dizendo algo – face à Evolução das condições Ambientais de então, “Prognosticando o Eminente Apocalipse− para hoje, beneficiando do que antes não previra (e agora sendo mãe, na companhia dos filhos), usufruindo como se não fosse nada (com ela e suas previsões Catastróficas) do mesmo. Se não, vejamos:

 

Afirmando em 1992 com os seus 12 anos de idade

“Being afraid to breathe the air”

 

e

“Being afraid to go out in the sun”

 

Para além de

“Being warned of mass extinctions of plants and animals”

 

E assim sugerindo

“Urged rich nations to stop spending so much money on war

and

“let go of some of our wealth”

 

maxresdefault.jpg

GRETA THUNBERG

Suécia

(aos 16/em 2019 e faltando aos 43/em 2046)

 

Para em 2019 e já com 39 anos de idade

Gostar muito de animais, mas não conseguindo evitar comer alguns (sabendo-se a ligação da criação destes, no crescimento do efeito de Estufa) e assim contribuindo para o Aquecimento Global;

 

Não resistindo a um dia de praia de modo a usufruir da frescura e leveza da brisa do mar e o calor retemperador e regenerador dos raios solares, quando o que deveria cá estar e segundo previsto por ela, seria um cenário devastador e apocalíptico;

 

Mudando-se da cidade poluída para um paraíso periférico (abandonando a luta e deixando os outros entregues ao seu inevitável fado e destino), como se tal fosse possível para todos, em caso de não haver outra alternativa, usufruir do seu “bunker”;

 

No fundo não cumprindo muito do que há 27 anos tinha afirmado e que muitos ao ouvi-la (e vindo de quem vinha, já que podendo ser o seu filho) seguiram fielmente e sem vacilar (por isso, com imensos custos ou sacrifícios) de ontem até hoje – mas mesmo que ignorando o seu atalho (certamente detentora de casa, carro, eletrodomésticos, não sendo vegetariana e andando de avião) gostando de saber o que terá dito (transmitido) aos seus descendentes.

 

Devendo eles ser como ela (e infelizmente, como a esmagadora maioria de todos nós) ou não? Ou então não importando (para os mais de 7,5 biliões), nem sequer fazendo a diferença (sendo minoritária e apenas contemplando a Elite).

 

Deixando-nos aqui a pensar que raio de animais somos nós (ditos inteligentes, racionais), para tanta Mentira e Morte apontando – e diga-se que, Claramente – para a nossa própria Extinção. Seguindo-se aos Dinossauros e talvez (aí) erguendo-se os Insetos (ficando a Terra e restando alguns bichinhos após um novo Salto – Civilizacional − para se dar início a um novo Ciclo − de Vida − já sem a nossa presença e com outra espécie dominante).

 

(imagens: UN/youtube.com – Sebastião Salgado/wabol.tripod.com − @SevernCullisSuzuki/facebook.com − WEB)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:09

[Ou abstraindo-se do Tempo, Autorretrato.]

 

Numa Praia com pedrinhas

(cobrindo montes de Areia)

e onde só falta o Mar.

 

2559MH0007220000903582R00_DXXX.jpg

Veículo motorizado Curiosidade

No seu 2559º dia no planeta

(câmara fotográfica MAHLI)

 

Podendo ser em Albufeira

(passado, presente ou futuro)

ou em qualquer outro lugar.

 

[Uma imagem para nós familiar e que poderia facilmente reproduzir parte de um areal de uma praia – logo ali ao lado e sob o céu azul, tendo o mar – mas retratando um mundo distante e alienígena, no passado muito semelhante (ao nosso, àquele que conhecemos) e parcialmente coberto por um oceano: tratando-se do nosso vizinho Marte.]

 

(imagem: nasa.gov)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:05

[E Final]

 

Meias-Finais

Open de Inglaterra de 2019

 

Fase

J

N

F

J

N

MF 1

Mark

Selby

ING

6-5

1-0; 1-1; 2-1; 3-1; 3-2; 3-3; 2-4; 3-5; 4-5; 5-5; 6-5

Mark

Allen

IRLN

MF 2

David

Gilbert

ING

6-3

0-1; 1-1; 2-1; 3-1; 3-2; 3-3; 4-3; 5-3; 6-3

Tom

Ford

ING

(J: Jogador N: Nacionalidade F: Frames MF: Meias-Finais)

 

FINAL

OPEN de INGLATERRA

(em 2 sessões − 14:00/20:00 − e à melhor de 17 frames)

 

Caraterísticas

Finalista 1

Finalista 2

Tendo eliminado neste OPEN

(em 6 rondas)

Barry

Pinches

4-2

Stuart Carrington

4-1

Martin O'Donnell

4-1

Ryan Davies

4-0

Matthew Selt

4-2

Kurt

Maflin

4-2

Xiao Guodong

4-1

4*

Zhao Xintong

4-3

QF

Mei

Xiwen

5-3

QF

Ricky Walden

5-4

MF

Mark

Allen

6-5

MF

Tom

Ford

6-3

Foto

mark-selby.jpg

David_Gilbert_PHC_2016-3.jpg

Jogador

MARK SELBY

DAVID GILBERT

Alcunha

The Jester from Leicester

The Angry Farmer

Nacionalidade

ING

ING

Idade

36

38

Profissional

1999

2002

Ranking Mundial

11º

Ranking Mundial (da Época)

Open de Inglaterra

-

-

Campeão do Mundo

3x (2014/16/17)

0

Provas esta Época

-

-

Provas de RM

15

0

Outras Provas

15

1

Breaks Centenários

602

254

 

(imagens: Monique Limbos/ibtimes.co.uk – wikipedia.org)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 22:55

[Dirigida por Suicidas,

oferecendo o seu Povo,

para os seus Rituais de Sacrifício.]

 

“Num espetáculo hipócrita, insultuoso e deprimente (e com milhares nas ruas a protestarem, mas não sendo para votar, tornando-se dispensáveis) por parte não só do Governo, como do Parlamento Britânico (para já não falar de Farage, bem sentadinho na Europa). Só não vendo não o querendo, a Ilha a afundar-se (algo que nem Hitler conseguiu −terraplanar os cidadãos britânicos − com as suas Bombas-Voadoras V2).”

 

_77184510_77184509.jpg

Nigel Farage e Boris Johnson

 

Hoje dia 19 de Outubro de 2019 mais de três anos sobre a votação do referendo sobre o BREXIT (23 de Junho de 2016) – de perto de 46,5 milhões de eleitores, cerca de 16 milhões votando pela manutenção do Reino Unido na EU (ou seja Permanecer) e quase 17,5 milhões votando pela saída do Reino Unido da EU (ou seja Sair) – o Parlamento Britânico num dia já denominado como “SUPER SÁBADO” prepara-se para, pelos vistos definitivamente (sendo tudo muito relativo, pelo menos em Londres, dado o constante adiar do acordo UK/EU), acabar com toda esta “Palhaçada” liderada por um punhado de BREXITEERS e encabeçada a nível interno por BORIS (tendo o seu partido os Conservadores, a maioria relativa no Parlamento) e a nível externo por FARAGE (tendo o seu partido o Brexit Party, a maior representação do Reino Unido no Parlamento Europeu): num processo da total responsabilidade dos Conservadores Britânicos, iniciado por Cameron (abrindo a “Caixa-de-Pandora”), continuado por May (gerindo o processo estilo “Governanta da Casa”) e nesta parte final − desta “Grande Bronca Política” – apanhando com um dos Brexiteers de referência (os mais extremistas) – de nome Boris − “de qualquer forma ou feitio e mesmo desrespeitando os princípios básicos da Democracia do Reino Unido (como o fez ao tentar “colocar de férias” o “incapaz e obstrutivo” Parlamento) querendo impor (unilateralmente, num Parlamento  esfrangalhado, pelo menos em Ideias & Opções, minoritário) o seu Rumo.

 

E assim aproveitando o “Momento (proporcionado pela votação do referendo do Brexit, já lá vão três anos, quando os eleitores Britânicos se encontravam divididos ao meio, uns a favor e outros contra as políticas da EU) – votando manutenção os urbanos (centrados sobretudo em torno de Londres, em geral os mais novos e integrando grandes comunidades de emigrantes) e saída os rurais (vivendo fora de Londres e das cidades mais próximas e estendendo-se pelo campo, em geral os mais velhos) − arriscando a Vida dos seus Eleitores, jogando na Lotaria (no Referendo) e por acaso ganhando (com quase 52% no referendo a favor da Saída), chegando-se hoje à que poderá ser a sessão final deste “CIRCO da VERGONHA e da HIPOCRISIA (pelo menos nesta 3ª Temporada de 2018/19) em que as vítimas em vez dos Animais (irracionais) serão os Britânicos − ficando “enjaulados e presos na Ilha” – entregues sem alternativa aos “Leões Esfomeados” e sendo passivamente observados (com a única intervenção resumindo-se à posição do dedo, para cima ou para baixo) pelo Imperador e sua Corte.

 

2164691b-0ed4-401f-9cab-444460d2839a.png

Composição atual do Parlamento Britânico

 

Assistindo-se impavidamente à regressão do Reino Unido no Cenário Político Mundial, com os UK a arriscarem-se a transformar-se num mero Entreposto Comercial Norte-Americano (num estilo, grande armazém CONTINENTE), não só Militar como também Económico: e de Colonizador passando a Colonizado, quando na realidade a maioria da sua população aparentemente nem sequer apoiava o BREXIT – fossem Trabalhistas (contra a saída da EU) ou Conservadores (no fundo atacando sempre a Europa, mas nunca na sua História se querendo totalmente desligar dela) … e desse modo colocando o Reino Unido na mão de dois homens, BORIS (passando no Parlamento o seu acordo) e FARAGE (confirmando-o na Europa). E sendo tudo possível (no presente e na Ilha) mesmo sendo este acordo agora apresentado ainda pior (do que todos os outros anteriormente apresentados e chumbados), tanto podendo vencer BORIS como ser derrotado, mas certamente continuando “este Espetáculo senão Insultuoso, pelo menos e pela decadência revelada, Desgraçado e Deprimente”. Sobrando aqui (por ultrapassada e excedentária) a Rainha.

 

“Ficando-se assim a aguardar pelo desfecho deste “SUPER SÁBADO (BREXIT/3ª Temporada) − dependendo de como votam agora, as diversas forças políticas (sobretudo as mais pequenas, no presente as decisivas) − podendo “ficar tudo na mesma, ou então sucedendo o contrário, na mesma tudo ficando”: logo à noite se verá (para que lado penderá a balança, sendo os Conservadores símbolo da saída e os Trabalhistas símbolo da opção por ficar – ambos aparentemente). Até Lá!”

 

Últimas Notícias

Brexit:

Parlamento britânico trava Boris Jonhson (por 322 contra 306)

e adia (mais uma vez) decisão sobre o acordo de saída da EU.

(24.sapo.pt)

 

 

(imagens: bbc.com − parliament.uk)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 16:02

Rui Manuel Jordão

 

1300.jpg

 

Sabendo da partida de JORDÃO (1952/2019) na área do DESPORTO um dos maiores futebolistas portugueses de uma das minhas juventudes

 

− Inicialmente como jogador do Benfica (uns cinco anos) e posteriormente do Sporting (uns dez anos) para além de outros como o Saragoça (um ano, entre o SLB e o SCP) e o Setúbal (dois anos, antes de terminar a carreira)

 

1300 A.jpg

 

10452848_692346330860698_2802237020385917719_o.jpg

 

Nada melhor neste momento de transição (certamente “Entre duas Vidas”) do que aproveitar (a ocasião apresentada, transformando-a numa “Celebração da 1ª Vida”) para revelar uma das facetas talvez mais misteriosa (ou então definidora) deste futebolista (para muita gente inesperada dado que “o que parece nem sempre é”) desta vez na área das ARTES:

 

Angolano natural de Benguela (mas com naturalidade portuguesa) e aos 18 anos já em Lisboa como jogador do Benfica, nunca abandonando definitivamente os estudos (apesar do futebol) e para além da sua formação académica inicial (finalizando os seus estudos na Escola Industrial e Comercial), concluída a sua vida como futebolista (por volta de 1990),

   

1300 B.jpg1300 D.jpg

 

Virando-se para outra PAIXÃO, agora utilizando outras artes (que não o Futebol, outra Arte) o “Desenho e a Pintura

 

– Depois de frequentar Belas-Artes (em Lisboa), frequentar um curso de Modelagem (conduzido pelo escultor Sebastião Quintino) e um atelier de pintura (com o pintor Jaime Silva), tudo isto entre 1097/2001 (ou por aí).

 

1300 C.jpg

 

Finalizando com a “cereja no topo do bolo” fundando o grupo METAMORFOSIS.

 

E partindo da sua Vida como Desportista, metamorfoseando-se e transformando-se no que ele sempre foi, um ARTISTA:

 

No futebol, como na pintura e como na Vida.

 

(imagens: maisfutebol.iol.pt e Rui Manuel Jordão/facebook.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 13:31

Outubro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9



27


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO