Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

29
Mar 20

Como se já não bastasse o surto epidémico de Covid-19 (definido como uma Pandemia) atravessando todo o nosso planeta e igualmente atingindo Portugal (e a Região do Algarve),

 

acesso-praias-albufeira-scaled.jpg

COVID-19: Albufeira fecha estacionamentos e acessos às praias

(Praia da Galé)

 

Sendo agora acompanhado na região algarvia pelo assassinato “macabro” de um jovem (de 21 anos de idade, técnico de informática trabalhando em Porches e antigo aluno da Escola Secundária de Albufeira), há cerca de uma semana dado como desaparecido e agora parcialmente encontrado – assassinado e esquartejado e ainda com partes do seu corpo por encontrar – tendo agora de nos socorrer pretendendo-se saber algo sobre a evolução deste vírus mortal na região, dos poucos órgãos de comunicação social escrita existente no Algarve (como por exemplo o real relatório da situação epidemiológica em Portugal, como é o caso da Região do Algarve, onde resido há mais de 35 anos) − já que pelos vistos os “matemáticos da DGS” não serão assim tão matemáticos como isso (pelo menos na recolha, tratamento e compreensão de dados) – depois da consulta de vários jornais algarvios e sabendo estes de antemão os números não estarem corretos, ficando-se a conhecer finalmente (em números sempre em evolução, podendo neste momento já estar alterados),

 

Região

Confirmados

Vítimas Mortais

%

%

Norte

3550

59,5

61

51,3

Centro

709

11,9

28

23,5

Lisboa/V.Tejo

1478

24,8

28

23,5

Alentejo

41

0,7

0

0,0

Algarve

108

1,8

2

1,7

Madeira

43

0,7

0

0,0

Açores

33

0,6

0

0,0

Total

5962

100,0

119

100,0

Portugal Continental e Ilhas

Confirmados/Vítimas Mortais

(Dados: DGS/29.03.2020/11:00)

 

Que o número de vítimas mortais registadas até ao momento na região, não serão nem os números apresentados pela DGS e pela ARS Algarve de apenas 1 indíviduo falecido, nem os números divulgados pelas Redes Sociais apresentando (acreditando neles, desde o início de março) uma lista já extensa de mortes em toda esta região (mais a Sul de Portugal) – só em Albufeira talvez a caminho de uma dezena e até com alguns deles identificados (provavelmente um dia destes, tendo que forçosamente de sair de casa e aparecer, provando estarem vivos), já que “para estas fontes adorando o impacto do sensacionalismo (de preferência trágico) todas as mortes serem Covid” – a notícia de que esse número (pelo menos no início deste domingo 29 de março) seria de 3: depois do idoso de 77 anos residente e falecido em Albufeira, sendo seguido dias depois pelo professor da Escola Manuel Teixeira Gomes (de Portimão) residindo em Carvoeiro (Concelho de Lagoa), surgindo hoje o caso do idoso de nacionalidade britânica de 77 anos residente em Benagil (o primeiro estrangeiro residindo na região vítima do Covid-19, segundo registado em Lagoa). E com todas as outras mortes sendo associadas ao novo coronavírus − pelas inúteis e por vezes (já agora recorrendo ao nosso 1º Ministro)repugnantes” Redes Sociais − nada tendo a ver com o mesmo.

 

Concelho

Confirmados

Vítimas Mortais

Recuperados

%

%

%

Portimão

20

17,7

0

0,0

1

100,0

Lagoa

4

3,5

2

66,7

0

0,0

Silves

3

2,7

0

0,0

0

0,0

Albufeira

25

22,1

1

33.3

0

0,0

Loulé

18

15,9

0

0,0

0

0,0

Faro

30

26,5

0

0,0

0

0,0

SB Alportel

1

0,9

0

0,0

0

0,0

Olhão

2

1,8

0

0,0

0

0,0

Tavira

3

2,7

0

0,0

0

0,0

VRSA

7

6,2

0

0,0

0

0,0

Restantes

0

0,0

0

0,0

0

0,0

Total

113

100,0

3

100,0

1

100,0

Concelhos da Região do Algarve

Confirmados/Vítimas Mortais/Recuperados

(Dados/já corrigidos: ARS Algarve/29.03.2020/14:00)

 

Segundo dados recolhidos consultando os jornais de hoje (domingo, 29 de março) da Região do Algarve, registando-se até agora 113 casos (DGS/108) confirmados de Covid-19 e 3 vítimas mortais (DGS/1), numa taxa de mortalidade (calculada sobre  amostra) de 2,7% (Portugal Continental/Ilhas/Estrangeiro de 2,0%) − ambos números aceitáveis sabendo-se que anteriores coronavírus (nas amostras consultadas muito longe do impacto deste, sendo este e em princípio muito mais violento) andaram por uma taxa de mortalidade de cerca de 2% (pelo menos não superiores) e que no caso do Covid-19 a taxa de mortalidade (até ontem/hoje) andava nos 4,7%. Itália nos 11%!

 

(legenda/imagem: jornaldoalgarve.pt)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:34

[Querendo chegar à secção (por exemplo, um de nós) e fazendo-lhe umas festinhas (o sinal indicativo), com o funcionário da loja (um gato sem abrigo, trabalhador numa loja de alimentos) imediatamente orientando o cliente para o local pretendido.]

 

“Stray cat leads convenience store customer to pet food shelves”

(boingboing.net)

    

Screenshot_2020-03-29 Stray cat leads convenience   Screenshot_2020-03-29 Stray cat leads convenience

 

Enquanto na Região do Algarve (tal como na do Alentejo) muitos dos privilegiados  do nosso país (certamente muitos deles, no mínimo até pela sua cultura e conhecimentos com responsabilidades morais e éticas) – os falsos mas certificados  “Doutores & Engenheiros− pensando apenas neles – ou seja, como salvarem a sua pele, mesmo podendo-se matar e no desenrolar do processo, matando igualmente outros – se puseram há dias atrás em fuga antes que fechassem as grandes vias e fossem impedidos de o fazer (consumando um ato individual de traição para com toda a coletividade), facto esse de fácil comprovação deslocando-nos hoje a certos sectores essenciais como os da Área da Alimentação –

 

Lacking money and hands, this cat was waiting for someone

with both to come along and offer assistance

    

Screenshot_2020-03-29 Stray cat leads convenience   Screenshot_2020-03-29 Stray cat leads convenience

 

Ao entrarmos em muitas dessas lojas como consumidores habituais nessas áreas (com estreitas ligações entre clientes e funcionários) e conhecendo necessariamente os nossos acompanhantes habituais de compras, quase que nos sentindo como “estranhos numa terra estranha (residindo nós nela) face ao número crescente do que parecem “marcianos” quase que nos olhando de lado como se fossemos nós os infetados COVID – chegando protegidos no interior dos seus quase escafandros, quando muitos dos aqui residentes nada têm para se proteger (nem luvas, nem máscaras, nem produtos de desinfeção)  

 

“Stray cats follows you into the store and guides you to his fav cat food”

(boingboing.net)

    

Screenshot_2020-03-29 Stray cat leads convenience   Screenshot_2020-03-29 Stray cat leads convenience

 

Um exemplo de animais sem psique (ainda-por-cima “sem-abrigo”) conduzidos por outros animais (efetivamente) com psique, colaborando nesta campanha necessária e vital contra este agente infiltrado e invisível” e assim (mesmo que inconscientemente, mas sendo eficaz), protegendo-nos (talvez salvando-nos) a todos (numa curta notícia, boingboing.net): com um gato de rua, perdido e sem-abrigo, certamente depois de treinado para tal e em troca sendo recompensado (em troca de casa, de comida e de afeto) − e ainda dizendo os exibindo a sua pretensa psique, não terem estes direito psique – a encaminhar os clientes para o setor da loja que mais conhece (a seção de alimentos para cães e gatos e restantes animais) e desse modo auxiliando-os na procura.

 

(legenda e imagem: r/funny - minreii/reddit.com - boingboing.net)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 19:49

Março 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

15




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO