Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

25
Fev 21

Como se estivéssemos num “Jogo da Santa Casa” dito de sorte e de azar (por exemplo o totobola), depois do 1 de Costa (fortemente pressionado pelos lobbies, entre eles o da educação) significando abrir e do 2 de Marcelo (estando em 2º mandato, sendo mais cauteloso/com o povo e enérgico/com o governo) significando fechar, com Costa por precaução e quase fazendo o pino (próximo de marcar 2) agora a marcar X.

 

[Segundo sondagem Aximage para a TSF e JN]

(apresentada a seguir)

 

5839DFF6-A157-DC81-36A4DA4AF0CEAF72.JPG

Portugal em Tempos de Covid-19

 

80% dos portugueses acham que o estado de emergência (confinamento geral) durará mais duas semanas (até 16 de março);

 

70% dos portugueses acham que o estado de emergência (confinamento geral) não será o último (12º diploma submetido à AR);

 

46% dos portugueses acham que o estado de emergência (confinamento geral) durará até ao início de abril (ou seja, até à Páscoa).

 

[PS: Com o problema do levantamento do estado de emergência a poder ter solução, desde que para além do cumprimento dos nossos deveres (por parte do cidadão em geral) ─ mãos, máscaras, distanciamento, confinamento ─ as autoridades competentes (como o Governo) cumpram os seus: melhorando condições (estruturas/recursos humanos), testando e vacinando e claro está (básico) tendo um Plano (como afirma o Presidente). O qual ainda ninguém conhece nem sequer compreende (o impasse, mantendo-se tudo e todos estáticos, à espera não se sabe bem de quê e parecendo desnorteados), estando-se já na curva descendente desta última vaga.]

 

(imagem: José Sena Goulão/eldiadevalladolid.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:50

[Porque somos Objetos, apesar de sermos Sujeitos.]

 

file-20210223-14-cnfbpy.jpg

Sapo em Campo de Golfe

(GB)

 

Como de duas consequências da intervenção do Homem, uns aproveitam (os irracionais/inconscientes) ─ exemplo disso (1) os batráquios outros não (os racionais/inexperientes) ─ exemplo disso (2) os humanos.

 

Os primeiros (1) adaptando-se às condições (artificiais) de um campo de golfe (terreno terraplanado e depois comercialmente adaptado) ─ com imensos pontos negativos agregados (alterando o ambiente natural e poluindo o ecossistema)

 

Os segundos (2) apanhados desprevenidos por delegação de competências (como as autoridades/responsáveis/políticos) ─ e acreditando fanaticamente nos seus líderes (depois de formatados/condicionados) ─ abandonados, colapsando.

 

file-20210222-13-uzbzp0.jpg

Texas em Blackout

(EUA)

 

Num duelo terrestre (e adaptado) entre RACIONAIS & IRRACIONAIS (disputado numa faixa bem estreita, de uma bolha fechada) e sabendo-se em antecipação das condições de sobrevivência (básicas, às mesmas inerentes) de cada uma das espécies …

 

Partilhando este ínfimo e para nós (raça dita dominante) belo Ponto-Azul celeste, não contra todas as certezas ─ sendo o Homem a autointitulada Raça Superior (cientifico-tecnológica-espiritualmente) ─ mas confirmando todas as evidências (Alterações Climáticas/Aquecimento Global), afetando todas as outras espécies (não dominantes/inferioras),

 

Perdendo (mais uma vez) o HOMEM e triunfando (como é seu hábito prevenindo-se/evoluindo/adaptando-se) o IRRACIONAL: uns (1) vivendo um dos seus melhores momentos (nada melhor) os outros (2) um dos seus piores (ainda-por-cima podendo repetir-se).

 

(imagens: Erni/Shutterstock e Ricardo B. Brazziell/

American-Statesman/USA TODAY/Sipa em theconversation.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 11:45

[Não nas mortes (diretas) mas no desemprego (consequência).]

 

img5f84627bbab422001979ac11.jpg

Políticos (nas suas decisões) piores (nas consequências) que o Covid-19

 

Questão:

Qual o NOME DO 1º MINISTRO de Portugal (entre 9 candidatos) que nestes últimos 38 anos foi responsável pela MAIS ELEVADA TAXA nacional DE DESEMPREGO registada (nesse período indo de 1983 a 2020) ─ INCLUINDO nesse período, nesse máximo e nessas vítimas, a região do ALGARVE (e por tabela Albufeira)?

 

1º Ministro

Partido

Início e Fim do Mandato

Duração do Mandato

Pinto Balsemão

PSD

1981/1983

> 2 anos

Mário Soares

PS

1983/1985

> 2 anos

Cavaco Silva

PSD

1985/1995

≈ 10 anos

António Guterres

PS

1995/2002

> 6,5 anos

Durão Barroso

PSD

2002/2004

< 2 anos

Santana Lopes

PSD

2004/2005

< 1 ano

José Sócrates

PS

2005/2011

> 6 anos

Passos Coelho

PSD

2011/2015

> 3,5 anos

António Costa

PS

2015/Presente

> 5 anos

 

Informação/comentário adicional:

BATENDO mesmo a Pandemia do vírus SARS CoV-2 e com ela o nº de desempregados, registados nos Tempos (tão recentes, do início de 2020) COVID-19. Diga-se o, que se disser e à primeira vista (por vezes a forma mais fiel, por menos distorcida), achando-se inacreditável.

 

Ajuda:

Maior taxa de desemprego nacional registada entre 1983/2020, sendo de 16,2% em 2013 (em 2020 nos 6,8%).

Maior taxa de desemprego na região do Algarve registada entre 1983/2020, tendo atingindo quase os 40.000 desempregados em 2013 (em 2020 um pouco acima dos 30.000).

 

[E (não se iludam) seja qual for o candidato escolhido ─ oriundo do “Arco da Governação” (PSD/PS) ─ com o mesmo (achando-se pelo cargo inimputável) a poder invocar para sua defesa e como origem (nunca falando da importância do seu papel no argumento, para o qual foi então selecionado, para ser o protagonista) uma crise qualquer.]

 

(imagem: Getty/businessinsider.in)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 11:32

Fevereiro 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO