Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

08
Jul 13

 

 

 

O Incidente surgido recentemente no Brasil por altura da disputa da Taça das Confederações em futebol e que deu origem ao aparecimento inesperado e em avalanche de manifestações populares de contestação e de revolta tendo como alvo o governo brasileiro, ainda não teve até hoje uma explicação oficial e esclarecedora das suas causas e possíveis consequências futuras. Até porque se poderá estar em presença de um novo preambulo reorganizativo das infra-estruturas prioritárias da economia e da sociedade do Brasil, agora que este país se começou a transformar definitivamente num dos mais fortes faróis do poder económico da América Latina e dada a sua enorme riqueza mineral, numa futura grande potência mundial.

 

Mas a explicação para este Incidente poderá no fundo ser muito mais fácil de entender do que se pensava – desde que não acreditemos na manipulação exercida pela comunicação social, nem na confusão propositada por eles criada e deliberadamente instalada. Terminada a prova de futebol o que aconteceu a partir daí? Eu como cidadão comum francamente não sei de nada e presumo que tudo já acabou – como o Carnaval. Ou será que já estamos numa outra fase intermédia de todo este soluçante e estranho processo? É que ainda aí vem o Mundial de Futebol e a seguir os Jogos Olímpicos.

 

Interessante é perceber porque aconteceu este Incidente e conhecer a agenda dos seus verdadeiros promotores. Não nos podemos nunca esquecer da presença no governo do Brasil dum elevado número de políticos corruptos em lugares chaves do poder económico e da influência sempre activa dos poderosos interesses norte-americanos. Uma porta que Lula nunca poderá negar ter deixado escancarada e pronta para ser livremente ultrapassada sem qualquer tipo de regras nem moral, por regimentos de empresas e indivíduos sem nenhum tipo de vergonha ou de escrúpulos, apenas interessados em negócios baseados em critérios de violência e de corrupção.



E qual será a informação mais relevante que poderemos tirar deste Incidente? Certamente que não será o aspecto mais visível, o mais importante – o das manifestações – pois esse aspecto desapareceu e até parece nunca ter existido (apesar de eu achar que estamos numa fase intermédia e que acontecimentos deste género não se limitam ao Brasil, como se pode ver com o que está a acontecer na Turquia e no Egipto). No Brasil o que está em jogo é apenas a questão do Petróleo: a descoberta no litoral brasileiro duma das maiores reservas petrolíferas do mundo detidas pela Petrobrás, provocou desde logo a cobiça e o interesse das multinacionais ligadas ao ramo. Logo apareceram as empresas petrolíferas norte-americanas e empresas governamentais como a Blackwater e o seu serviço de mercenários. O problema é que se a corrupção ajuda os corruptores, também pode confundir por excesso de oferta os corrompidos. O que acontece agora é que até a China já está metida ao barulho – e contra os desejos estratégicos norte-americanos de conter o crescimento da economia chinesa, os brasileiros tiveram o desplante de se virarem para o gigante asiático e fornecerem o seu precioso ouro negro.

 

E isso os norte-americanos jamais irão consentir. Pelo menos sem a ocorrência de incidentes que façam o governo do Brasil considerar e pagar: este não será o primeiro nem o último, apenas mais um Incidente.

 

(imagens – retiradas da Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 16:59

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Julho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

20

24
27

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO