Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

02
Jan 14

 

 

Preocupado com o seu futuro e o com o futuro do seu planeta – a população mundial que hoje já atinge o número extraordinário de 7 biliões poderá rapidamente aumentar para 8/9 biliões – o também extraordinário Bill Gates descobriu finalmente a solução para o seu problema, adoptando a seguinte fórmula mágica:

 

CO2 = P x S x E x C

 

Nesta fórmula divina P representa a população mundial, S o número de serviços utilizados por cada indivíduo, E a energia gasta em cada um desses serviços e C o dióxido de carbono emitido anualmente por cada unidade de serviço.

 

O resultado obtido representa a quantidade total de CO2 emitida pela população mundial durante todo o ano.

 

A partir daqui e tendo adoptado a fórmula anterior como a solução para o grave problema com que o nosso planeta se debate e que vai dar sempre ao excesso populacional e ao seu crescimento exponencial, é fácil de se constatar qual a solução e qual o objectivo pretendido: reduzir desde já e drasticamente a população mundial – pelo menos uns 10/20% – e desse modo contribuir decisivamente para o fim do aquecimento global e para a redução de emissões de CO2.

 

Assim e segundo o Iluminado Bill Gates – um indefectível apoiante da Fórmula de Deus – o principal problema somos nós, considerados como os principais culpados pela situação catastrófica a que chegamos com as nossas actividades quotidianas – como se tivéssemos sido nós a escolhê-las e não o mercado que nos foi imposto – actividades essas que contribuíram decisivamente para o aquecimento global e para as dramáticas alterações climáticas que hoje se verificam.

 

Logo se essa teoria que relaciona humanidade/aquecimento for aplicada – teoria que até hoje ninguém comprovou e que como tal continua a ser uma falsa premissa – o que Bill Gates diz é que muitos de nós estamos a mais neste mundo, não restando outra solução senão a eliminação – por processos de intervenção directa (criação de novas guerras e conflitos) ou indirecta (por “inovações” introduzidas na saúde).

 

Fórmulas destas já não são originais, tendo sido teorizadas e aplicadas anteriormente durante a II Guerra Mundial pelo regime Nazi.

 

(imagem – Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 16:58

Janeiro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9


23



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO