Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

28
Jun 11

Praia dos Pescadores

 

Já existiu para a alegria e tristeza de muita gente desta terra.

 

Hoje ainda lá está o espaço, alguns edifícios ainda se reconhecem, mas o povo que a fez viver e a viu morrer, já se foi embora com ela.

 

Ainda conheci alguns descendentes desta espécie extinta, já perdidos debaixo das promessas abundantes do turismo e esmagados pelas teorias dos invasores progressistas.

 

Tudo ofereceram, até sexo e dinheiro estrangeiro, mas hoje, mesmo para um migrante como eu, de quase trinta anos de Albufeira, me custa lembrar a alma de uma terra que em menos do que uma geração, se incendiou e extinguiu.

 

Dando origem a uma nova espécie invasora.

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 11:51

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Junho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
15
17
18

19
20
21
22
25

27
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO