Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Brasil ─ Depois de Fogo nas Árvores, Fogo no Povo

Quarta-feira, 31.03.21

E enquanto os incidentes em MYANMAR (antiga Birmânia) se intensificam crescendo o número de vítimas mortais ─ numa luta envolvendo dos dois lados, militares e políticos golpistas e corruptos, um deles sendo mulher e ainda Nobel da Paz ─ sendo acompanhados pelas centenas de desaparecidos em Cabo Delgado (Moçambique) ─ tudo se resumindo a uma luta entre duas partes interessadas no mesmo, a exploração de gás na região (pela Total), de um lado tendo mercenários (da Total) e do outro terroristas (do ISIS) ─ no outro lado do Atlântico, tomando como referência o “país-irmão” (Portugal) e literalmente “A Morte Continua Na Rua”:

 

“Brazil on Tuesday reported 3.780 COVID-19 deaths, a new record.”

(Brasil/São Paulo/Reuters/yahoo.com/30.03.2021)

 

2021-03-30-bolsonaro-covid.jpg

Jair Bolsonaro

Conferência de Imprensa (sobre o Covid-19)

Palácio da Alvorada ─ Brasília ─ 24.03.2021

 

Com o coronavírus responsável (SARS CoV-2) pela Pandemia de Covid-19, causando no país de JAIR BOLSONARO o BRASIL num só dia 1/4 do total global de mortes registadas ─ um recorde mundial.

 

Tendo inicialmente lançado o Brasil numa grande crise socioeconómica (já vinda de trás, mas com a sua política agressiva e prepotente do presidente, sendo agravada) por falta de decisões concretas e eficazes cada vez mais próxima do limite (do suportável), vendo a situação a “embrulhar-se” perigosa e aceleradamente com a chegada do VÍRUS, deparando-nos aí com um JAIR BOLSONARO à deriva incapaz de reconhecer o que ele próprio via e optando pelo Negacionismo:

 

2021-03-29-brazil-graves.jpg

Campo da Esperança

Fila de sepulturas novas (Covid-19) ainda recentes

Cemitério Campo da Esperança ─ Brasília ─ 23.03.2021

 

E entre demissões e admissões sucessivas de vários “Ministro-Bolsonaro” tentando adiar o inevitável demitindo/admitindo mais meia-dúzia e manipulando números ─ dado o elevado nº de mortes e a situação incontrolável, os “Números Covid-19”.

 

Mas nunca podendo esconder os números conhecidos (devido à manipulação, facilmente podendo ser X2 ou X3) neste início de quarta-feira 31 de março pelas 23:00 TMG registando: um total de 12.664.058 Infetados (2º Ranking Mundial/RM), de 317.936 de mortes (2ºRM), de 1.271.639 ainda ativos (3ºRM), de 8.318 em estado grave/crítico (3ºRM) e de 1.488 mortes/1 Milhão (aqui e pela sua extensão ─ não vá Bolsonaro aproveitar ─ 19ºRM).

 

maxresdefault.jpg

Fórum Covid-19

Brasil ─ Crise e Pandemia de Coronavírus

Harvard ─ 30.03.2021

 

Faltando apenas conhecer o que acontecerá a Bolsonaro tendo já nas suas mãos mais de 300.000 mortos:

 

Sendo ele conhecido nacional e internacionalmente ─ até pelo que diz e pelo que faz (infelizmente de mal e muitas vezes criminoso ─ veja-se antes a Amazónia e depois a Covid-19) ─ como um dos maiores do mundo no combate contra o tratamento da doença Covid-19, apenas por segundo ele “tal doença não existir” (sendo uma Gripe).

 

Esperando-se brevemente uma resposta dos EUA ─ ou não fosse Bolsonaro, o “Trump Sul-Americano” ─ podendo até (e pela grande emergência) ser mesmo um ataque (dado os norte-americanos andarem por todo o lado).

 

[Entre árvores (da Amazónia) e povo (do Brasil) a grande obra-inimaginável e prima (ou outro familiar qualquer) de Jair Bolsonaro.]

 

(imagens: Eraldo Peres/AP/pri.org ─ i.ytimg.com)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 12:26


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.