Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

25
Fev 20

[Dados: Johns Hopkins CSSE/gisanddata.maps.arcgis.com – 25.02.2020 às 12:53:02]

 

Screenshot_2020-02-25 Coronavirus COVID-19 (2019-n

Mapa da distribuição Global do coronavírus COVID-19

 

Como se pode ver pela [tabela 1] com a China a continuar a ser o epicentro deste surto epidémico, com quase 97% dos casos e [99%] das mortes; com a Europa para já com as primeiras mortes registadas, resultando uma taxa de mortalidade de [0,3%]. Com a Organização Mundial de Saúde a não considerar (pelo menos para já) este surto como uma Pandemia, esperando que os primeiros sinais de recuo do vírus na China (continental) continuem e que outros polos que parecem querer surgir (outros na Ásia, como no Oriente e na Europa) estabilizem.

 

Casos

Total

Na China

Na Europa

%

%

%

Confirmados

80.289

100,0

77.660

96,7

319

0,4

Mortes

2.704

3,4

2.663

98,5

8

0,3

Recuperados

27.840

34,7

27.591

99,1

40

0,1

Tabela 1

 

Observando a [tabela 2] e comparando o impacto do vírus Covid-19 na China (no Epicentro) e na Europa (lá longe), sendo fácil de constatar a incidência brutal do vírus no seu epicentro − ou não vivessem na China perto de 1,5 biliões de almas, a caminho dos 20% da população Mundial, sendo de um total de mais de 80.000 infetados quase 78.000 chineses – com taxa de mortalidade nos 3,4 e taxa de recuperação 10X superior: algo que nos deve preocupar no mínimo um bocadinho, pois se os infetados para já sendo poucos (se comparados com os da China) e a taxa de mortalidade estando dentro dos limites (2%/3%), já a taxa de recuperação na Europa sendo bem menor que a da China − não se percebendo bem porquê (tendo a Europa e os EUA como exemplo) sendo apenas 1/3 da chinesa. Para já e para lá da China, com as maiores preocupações a dirigirem-se (até pelo número de vítimas mortais até agora registadas) para o IRÃO (16 mortos), Coreia do Sul (10) e Itália (7), esta última aqui tão perto: nas últimas notícias (17:30 desta terça-feira) e referidas a Itália, registando-se já entre 280 infetados 10 mortos.

 

Taxas

Na China

Na Europa

Nº de Infetados

77.660

319

Mortes

3,4%

2,5%

Recuperados

35,5%

12,5%

Tabela 2

 

No que concerne ao coronavírus e às suas versões mais virulentas e impactantes (por mortais) – SARS, MERS e COVID-19 na versão de 2002/03 com uma epidemia de SARS (síndrome respiratório severo e agudo) a afetar 8.008 indivíduos provocando 774 vítimas mortais (num período de 9 meses e espalhando-se por 18 países) atingindo uma taxa de mortalidade aproximada de 9,6% (sobretudo na China continental e em Hong Kong) e na Europa em 34 casos provocando apenas 1 vítima mortal (nem 3%); já na versão de 2012 e referindo-nos à epidemia de MERS (síndrome respiratório do médio-oriente) − inicialmente referenciada à Arábia Saudita (como seu epicentro) − com diversos surtos a terem já afetado a população (como o de 2015 da Coreia do Sul e o de 2018 na Arábia Saudita, entre outros), com as taxas de mortalidade variando (tal como as registadas entre 2012/15) no epicentro e nos países próximos, entre os 44% na Arábia Saudita (452 mortos em 1029) e os 20% da Coreia do Sul (38 em 184) − num total nesse período (de tempo) de 1360 infetados, 527 morrendo ou seja 39%; finalmente na atual versão de 2019/20 do novo coronavírus, com a epidemia de COVID-19 apesar de parecer mais contagiosa (do que as outras anteriores) e estendendo-se já a quase três dezenas de países (de todos os continentes), pela evolução da mesma e pelo número de pessoas afetadas para já fixando-se por uma taxa de mortalidade (aceitável para o vírus que é ou poderia ser) em torno dos 2%/3%. Faltando ver agora como o novo vírus (COVID-19) evolui, saltada a fronteira da China e chegando ao resto do Mundo: e então aí se verá a competência da China face à competência da Europa − para lidar com estes casos.

 

[E às 16:03:06 de hoje, com os dados já alterados: 80.350 casos (100,0%), 2.705 vítimas mortais (3,4%) e 27.878 recuperados (34,7%).]

 

(imagem: gisanddata.maps.arcgis.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 17:56

Fevereiro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9


23


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO