Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

11
Fev 21

[Utilizando um animal (como eles o definem) irracional (um gato).]

 

Próximos do Dia dos Namorados ─ 14 de fevereiro, domingo ─ quando seguindo os padrões do regime deveríamos estar mais perto uns dos outros (dilema Paz vs. Guerra), mesmo que retirando momentaneamente a nossa respetiva máscara (Carnaval a 16 de fevereiro), não resistindo a exteriorizarmos o nosso conteúdo subliminar (inserido por quem de direito para nos controlar): expressando-nos na comunicação utilizando (como reação inconsciente ou então válvula de escape) ações por vezes pouco claras mas no fundo agressivas (com maior ou menor magnitude e com direções indiferenciadas), desde fazer desaparecer alguém (mais grave) ou no mínimo agredi-la (menos grave). Tal como com a nossa moeda de referência (o Dólar) sujeita a duas únicas alternativas (faces), boas ou más, indistintas: até pela nossa evidente limitação deixando a porta completamente escancarada, à entrada das outras réplicas (artificiais).

 

144067146_10158928076124378_7072869534353384669_n.

Do you know what’s crappier than a room full of litter boxes? Exes!

Allow our cats to demonstrate your disgust for your ex with our smear campaign.

For only a $10 donation, your ex’s name will be written in one of our litter boxes

– waiting for our cats to literally 💩 on them. Lexington Humane Society

 

Por iniciativa da LEXINGTON HUMANE SOCIETY (associação norte-americana dedicada ao auxílio de animais abandonados) promovendo uma campanha de angariação de fundos, para tal sugerindo uma aplicação (decorativa) para uma venda (por donativos) de caixotes dos gatos (para fazerem as suas necessidades): aproveitando-se de certos conflitos entre eles familiares (entre eles as situações derivadas, da ocorrência de um divórcio), propondo-se aos divorciados sentindo-se injustiçados (no processo pelos ex-companheiros) uma pequena mas fácil (de cumprir) vingança. Na aquisição do caixote tendo-se apenas de contribuir com um (donativo) mínimo de 10 dólares, dando o direito ao doador de inscrever no seu caixote ─ onde o gato “mija & caga” ─ o nome do seu ex-marido (ou ex-mulher): “cagando-se o gato nele”. E de uma simples “caixa de areia de gatos” ─ apesar do humor e da diversão ─ obtendo-se uma arma (real).

 

(legenda: Lexington Humane Society ─ imagem: facebook.com/lexingtonhumanesociety/photos)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 18:41

Fevereiro 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO