Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

27
Mai 19

E agora, até os Cientistas (tal como a Gente com os seus ditos Populares) indicam, que (“para além das Mulheres”) os Animais (sendo bem utilizados) querem-se Pequeninos. Como os Pardais.”

 

190523091259_1_900x600.jpg

The white-browed sparrow-weaver

is one of the

'winners'

(Bernie/Adobe Stock)

 

Num estudo levado a cabo na Universidade de Southampton (GB) e agora divulgado (23.05.2019), com um grupo de investigadores a prever para os próximos Cem Anos uma mudança visível na estrutura e aspeto geral dos Animais, progressivamente “diminuindo a sua estatura” e simultaneamente (como justificação para o sucedido) com os Animais de menor porte (já existentes ou vindo a nascer) a serem “os mais adaptáveis e resistentes (ao Meio ambiente envolvente e ao seu Ecossistema): com os Animais mais pequenos tornando-se Predominantes e com os maiores, mais pesados e mais lentos, sendo vencidos (pelos três fatores antes mencionados) tornando-se definitiva e irreversivelmente (a Evolução não suporta “a nossa marcha-atrás”) vítimas de Extinção.

 

2 (+alguns)

Animais Predominando no Futuro

(próximos 100 anos)

2 (+alguns)

Animais Extintos no Futuro

(próximos 100 anos)

Gerbo

- Gerbo-anão

(um roedor)

Águia

- Águia-rapace

Pardal

- White-browed sparrow-weaver

(um pardal-castanho de origem Africana)

Rinoceronte

- Rinoceronte negro

(um mamífero de grande porte)

Rato (canguru), Aranha (saltadora-do-himalaia), Barata (comum), Tubarão (da groenlândia), Rã (da floresta)

Leopardo (de-amur), Gorila (das-montanhas), Tartaruga (de-pente), Tigre (do-sul-da-china), Elefante (de Sumatra)

 

E no decorrer dessa investigação envolvendo Mamíferos e Pássaros (mais de 15.000 como amostra) com os cientistas a centrarem-se em 4 aspetos essenciais, relacionados com o papel a desempenhar por cada um desses animais (estudados/analisados) com a Natureza (o meio onde se integram): massa corporal, dimensão, tamanho do habitat, dieta e tempo entre gerações. E como referido (no artigo) adicionando ainda um outro aspeto pertinente (como a Lista-Negra das Espécies em Vias de Extinção fornecida pela IUCN) tentando determinar entre todos os Animais quais os mais sensíveis à Extinção, agora e no próximo século. Concluindo (e prevendo) para o Futuro:

 

The researchers predict the average (median) body mass of mammals specifically will collectively reduce by 25 per cent over the next century. This decline represents a large, accelerated change when compared with the 14 per cent body size reduction observed in species from 130,000 years ago (the last interglacial period) until today.”

(University of Southampton)

 

No fundo e como conclusão (tirada por estes investigadores da Grã-Bretanha) com a perda de mamíferos e de pássaros a não ser devido a um fenómeno ecológico aleatório, mas na realidade e de facto a um processo rigoroso de seleção, “filtrando” as espécies existentes e deixando ficar apenas as mais aptas e adaptadas (as mais fortes e menos vulneráveis). Podendo uma delas ser o Homem (ou talvez não) e mesmo assim, “não sendo este o nosso Fado, mas a nossa Evolução” (dependendo apenas da Ação).

 

(imagem: sciencedaily.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:57

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Maio 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
16

21
23



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO