Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

27
Set 16

O círculo das Presidenciais Norte-Americanas de 2016 fechou-se ontem (dia 28) em torno dos dois candidatos apoiados pelas duas mais poderosas estações de televisão – HC apoiada pela CNN e DT apoiado pela FOX. No exterior deste círculo presidencial ficaram os outros dois candidatos que não conseguiram o apoio de nenhuma outra grande estação de televisão: Gary Johnson pelos Libertários e Jill Stein pelos Verdes. Não havendo notícia para já que algum deles tenha sido preso (por protestos – situação recorrente em eleições anteriores).

 

Candidato Partido  

Sondagem

(%)
 

Resultados 2012

(%)

Hillary

Clinton

Democrata 43  

51.2

(outro candidato)

Donald

Trump

Republicano 42  

47.3

(outro candidato)

Gary

Johnson

Libertário 7  

1.0

(mesmo candidato)

Jill

Stein

Verde 2  

0.4

(mesmo candidato)

(Média das ultimas sondagens anteriores ao 1ºdebate televisivo de 28.09)

 

Terminado o primeiro debate televisivo envolvendo apenas os dois candidatos presidenciais apoiados pelas estações CNN e FOX (com as suas próprias projeções a decidirem quais os candidatos oficialmente certificados – obrigatoriamente acima dos 15% das intenções de voto entre os apoiantes Democratas ou Republicanos consultados), as únicas constatações a tirar de um debate que felizmente eu não vi (mas que dizem ter sido morno para as duas feras em presença) resumem-se à difusão global do mesmo e à alegria/gritaria Democrata face a uma aparente vitória no debate: com os apoiantes de CLINTON entusiasmados e delirantes face à perspetiva da sua líder se distanciar definitivamente de TRUMP. Como se os eleitores norte-americanos que votarão a 8 de Novembro no seu próximo Presidente, estivessem na noite de ontem amplamente representados na elite aí presente ou em todos aqueles que estrategicamente e por interesse desde sempre os bajularam (sejam eles do seu campo ou do outro).

 

27poll-debate.jpg

Trump vs. Clinton

Que venha o Diabo e que escolha

 

Dentro de dias veremos até que ponto a descida contínua de CLINTON nas sondagens se mantem (antes do debate igualada ou mesmo ultrapassada por TRUMP) ou se a campanha avassaladora da esmagadora maioria dos órgãos de comunicação norte-americana apoiando os DEM e declaradamente ANTI-TRUMP resulta mesmo pelo menos em estúdio. Pelos últimos sintomas observados e pela evolução verificada nas sondagens à medida que o dia da decisão se aproxima, tudo parecendo apontar para uma luta até ao último segundo, com CLINTON contando com o apoio garantido de certos Estados (e com o seu conservadorismo) e por outro lado para tudo inverter em seu benefício, com TRUMP a apelar à mudança e à revolta da classe média (exibindo o seu radicalismo ANTI-SISTEMA como resposta aos bem instalados no mesmo – curiosamente ANTI-TRUMP).

 

Não se devendo nunca esquecer que aqueles que se riam de TRUMP retratando-o como um palhaço (não só Democratas como até Republicanos) já engoliram o riso faltando apenas o fato (agora sua pertença e única indumentária): e já vestidos os REP os DEM que se cuidem.

 

[Os candidatos presidenciais às eleições norte-americanas não se resumem apenas a estes 4 candidatos (incluindo o Democrata e o Republicano que concorrem a todos os Estados) – visíveis nas sondagens: 1 quinto partido tal como o partido Libertário e o partido Verde concorrem em mais de vinte Estados (Partido Constitucionalista), outros 4 partidos ou Independentes concorrem em menos de 20 Estados e por volta de 20 em menos de 5 Estados – invisíveis nas sondagens.]

 

(imagem: rediff.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 19:15

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Setembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
15
17

23

29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO