Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O Brincalhão e o Sério

Segunda-feira, 17.01.22

Para quem individualmente não tem mesmo nada na cabeça (como eu, como todos nós, acham eles) e para preencher pelo menos um seu cantinho (o todo estando cada vez mais vazio), recorre a um coletivo pouco mais tendo na sua cabeçona (no fundo um amontoado de crânios), olhando para a intervenção destes últimos, de “uma formiga transformando-a num Elefante” e deixando-nos levar (perdida até a nossa força mental) pela força impetuosa da corrente ─ poderosa, própria dos Média, pagos por alguém para dizer algo

[Rio tendo dito que Costa iria votar antecipadamente no Porto a 23 (opção escolhida por Costa), não em Lisboa a 30 (sendo utilizada essa alteração para a brincadeira de Rio).]

Screenshot 2022-01-17 at 00-17-26 (Imagem WEBP, 77Screenshot 2022-01-17 at 00-17-49 (Imagem WEBP, 77

O Brincalhão e O Sério

De uma “brincadeira alegre e com alguma piada”, chegando-se a uma “graçola e ao desconhecimento do que é uma democracia”.

Podendo-se concluir estarmos perante a tentativa de criação de uma notícia, através da introdução do que seria noutras circunstâncias um mero episódio ─ tendo verdadeiro conteúdo para inserir na campanha eleitoral em curso (começando oficialmente no dia de hoje), não passando daquilo que é, face à nossa situação, obviamente nada e de interesse nulo ─ como tal, em função do resumidamente exposto e colocando-nos no nosso devido lugar ─ os “Deploráveis” (a imensa base de sucessivas camadas da pirâmide social) ─ à falta de melhor propondo-nos a opção ─ decisiva a 30 ─ entre o “Brincalhão” e o “Sério”.

Não merecendo que se goze, quem mais sofre e trabalha (para eles e para nós).

(imagens: MadreMedia/Lusa/24.sapo.pt)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 01:23


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.