Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

01
Abr 17

Final

Open da China

Universidade de Pequim – 02 ABR 2017

(07:00 de Lisboa – Eurosport)

 

MARK WILLIAMS – MARK SELBY

 

Para quem ainda pretender adivinhar o vencedor do Open da China agora que só restam 2 jogadores em prova, nos embates anteriores entre ambos Mark Williams leva uma ligeiríssima vantagem sobre Mark Selby de 52% para 48% em jogos ganhos e de 51% para 49% em frames ganhos. E com MW como profissional há 25 anos (42 anos de idade e quase 5 milhões de libras ganhas) e MS há 18 anos (33 anos de idade e já com 4 milhões de libras ganhas).

 

hqdefault.jpg

Mark Selby e Mark Williams

(Dafabet Masters – Jan 2017 – 1ªronda – Vitória de Mark Selby por 6-5)

 

Com a vitória do galês Mark Williams e do inglês Mark Selby nas suas respetivas meias-finais, estão encontrados os dois finalistas do OPEN da CHINA: numa final certamente bem disputada entre dois bicampeões do Mundo (MW em 2000/2003 e MS em 2014/2016) e com ambos tendo já vencido o Open da China (MW 3X em 2002/2006/2010 e MS 1X em 2015). Ainda-por-cima para além do objetivo de ganhar esta prova (85.000£ para o vencedor e 35.000£ para o vencido) tendo para os dois jogadores importância extra e preciosa: caso Mark Williams ganhe passando a integrar os 16 melhores do RM e apurando-se diretamente para o Mundial a iniciar-se a 15 deste mês (não tendo de se sujeitar às 3 rondas de qualificação); caso Mark Selby ganhe reforçando ainda mais a sua posição de liderança do RM e deixando apenas a Judd Trump a hipótese de o destronar na última prova da época – precisamente o Mundial se Judd Trump o vencesse e se Mark Selby fosse logo eliminado na 1ª/2ºronda.

 

J

N

RM

RQ

1ªR

2ªR

OF

QF

MF

(A/MF)

Mark Selby

ING

1

5-3

5-0

5-1

5-4

5-1

6-4

(Kyren Wilson)

Mark Williams

GAL

17

5-3

5-1

5-2

5-4

5-1

6-1

(Hossein Vafaiev)

 

Com o currículo dos dois finalistas do Open da China 2017 relativo à época de 2016/17 (se comparado) a ser bem distinto e claramente favorável ao inglês (analisando as presenças em Finais e Meias-Finais contando para o RM – num total de 22 de 24 provas já concluídas):

 

J

N

RM

V

PF

PMF

Mark Selby

ING

1

3

5

6

Mark Williams

GAL

17

0

1

2

 

A duas provas da conclusão da época e para além de Mark Selby com vitórias em mais do que uma prova (3), só tendo vencido 2 vezes o inglês Judd Trump e o escocês Anthony McGill. Com Judd Trump a atingir mais vezes as Meias-Finais (7 contra 6 de Mark Selby) e a estar empatado com Mark Selby nas presenças em Finais (5). A estes três podendo-se juntar ainda o chinês Ding Junhui (1 vitória contando para o RM e 1 vitória não contando) e o escocês John Higgins (3 vitórias não contando para o RM). E amanhã em duas sessões a decorrerem às 7:00 e 12:30 de Lisboa na Universidade de Pequim, um inglês e um galês numa partida à melhor de 19 frames (ganha o primeiro a atingir 10) tentarão levar de vencido o troféu e com eles os 85.000£ em disputa.

 

(imagens: Snooker 4All/youtube.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 18:37

Abril 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9

18

24
28



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO