Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

19
Set 19

[Ou, “O Paraíso dos nossos Políticos – As P-M de PT]

 

E como “putas-mentais” que somos (em Campanha Gourmet, por Eleitoral) – mais de 10 milhões só dentro do aviário dito climatizado – depois da Sardinha (felizmente já reabilitada) e do Croissant, chegando a vez do Bife de Vaca.

 

Sardinha-Assada.jpg

A Sardinha

 

E depois dos Terroristas-Alimentares-Globais (trabalhando para os mesmos monopólios industriais Químico-Alimentares, mas aqui com muitos deles estrategicamente pintados de Verde) disfarçados sobre os mais diversos costumes (como por exemplo de doutores Nutricionistas) nos aconselharem “o que devemos meter na boca para sair sem qualquer tipo de problemas de saúde pelo cu– veja-se o caso da Sardinha (a mais pequenina a algarvia sendo a mais saborosa), um alimento para a nossa saúde antes considerado desaconselhável e perigoso, mas agora tendo sido reabilitado e tornado aconselhável (de integrar na nossa alimentação) sendo considerado um alimento indispensável e rico – eis que os nossos Terroristas-Alimentares-por-Contágio (portuguesinhos tendo que seguir o caminho dos outros “doutores/especialistas/estrangeiros” mais avançados) já depois de terem eliminado os saborosos croissants das nossas (não deles por procuração) cantinas públicas (nas outras as privadas não, porque dispensando fanáticos/fanatismo, se não houver não lá vamos e logicamente não pagamos), se preparam agora por eliminar da nossa ementa o já tão tradicional bifinho de vaca, o nosso já antigo prego no pão ou no prato: esmagado pelo extraordinário hambúrguer, comido tanto pelos amigos como pelos inimigos da vaca como do boi. E então o porco, o frango, o peixe, a fruta, os vegetais, etc., todos eles (alimentos) sobrecarregados com outros componentes anteriormente não fazendo parte da nossa (e da sua) constituição e hoje já o fazendo como o é o caso dos Plásticos?

 

croissants-1-copy.jpg

O Croissant

 

E de início lá vindo os mesmos doutores-especialistas (convenientemente certificados/ordenados/pagos em conformidade) elogiando a Coca-Cola pelo empenho desta (mesmo sem dados confiando cegamente e por obrigação, de correspondência na hierarquia) quando a mesma pouco ou nada fez como a mesma o comprova, não eliminando os prometidos 25% de plástico (do desperdício vindo das suas garrafas) ficando-se talvez por uns miseráveis, insultuosos (podendo ser mesmo 0%) e oficiais 5%. E assim com as mesmas bestas-quadradas que nos impingiram como fulcral e determinante a resolução do problema da SARDINHA, do CROISSANT e do BIFE de VACA, considerando a nossa bestialidade intrínseca (ignorância/imbecilidade) notoriamente superior à deles (daí a ser-nos impunemente e com o nosso consentimento aplicada), logo no início do ano letivo e não deixando um único segundo em paz (e sossego) a cabeça dos nossos jovens (de modo a não pensarem e a tudo e nada desejarem, tal como o fazem no regresso às aulas todos os “modelos/continentes”), em vez de os ajudar no seu percurso (dito importante, de formação) fazendo-os perder tempo com inutilidades (de adultos, julgando-se no direito de não educar mas comandar jovens) por não interiorizadas e repercutidas: para quê proibir “AQUI” quando existe um número infinito de “ALI– sendo só “IR”.

 

Bifes-de-Vaca-a-Portuguesa-TC_005.jpg

O Bife de Vaca

 

Procurando-se ainda a razão pela qual se proíbem certas coisas num espaço limitado (por exemplo numa escola ou noutra instituição oficial e hierarquizada), quando fora e próximo dele os mesmos (sempre no topo de hierarquia e obrigatoriamente devendo ver tudo melhor, como o lobo-mau com a avozinha) tudo consentem.

 

[P-M: Putas-Mentais e PT: Portugal]

 

(imagens:  aosdomingosnacozinha.com − monpetitfour.com − teleculinaria.pt)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 01:55

Setembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

16
18




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO