Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

19
Fev 14

As imagens referem-se ao vulcão Sinabung particularmente activo desde o início deste ano de 2014. Situado na Indonésia o vulcão tem estado num nível máximo de actividade, tendo já provocado diversas vítimas, levado à evacuação das populações situadas nas suas proximidades e destruído todas as culturas agrícolas em seu redor: a paisagem aparece agora com uma tonalidade acinzentada, resultante da queda da cinza vulcânica existente na atmosfera – originada pelas fortes e constantes erupções do Sinabung – e pela sua posterior queda na superfície da Terra – cobrindo os campos, os telhados das habitações e todos aqueles que se atrevam a circular.

 

        

Evolução num período aproximado de dez anos: 19 Maio 2003 e 7 de Junho de 2013

(verde/verde)

 

Este vulcão despertou subitamente em Agosto de 2010, sem apresentar nenhum registo histórico anterior: ele era o centro duma rica e tranquila região agrícola, que o rodeava e guardava como um simples vulcão adormecido e desde que o conheciam inactivo. Por essa altura e estendendo-se pelo mês de Setembro o seu despertar violento obrigou à evacuação de 30.000 habitantes vivendo na sua periferia. No entanto acabou por ir diminuindo a sua actividade acabando por adormecer de novo, o que levou ao regresso de todos os seus habitantes anteriormente em fuga. Apesar de tudo e como se pode ver nas duas imagens anteriores a paisagem pouco se modificou na sua globalidade durante dez anos (2003/2013).

 

        

Evolução num período inferior a um ano: 7 Junho 2013 e 6 Fevereiro de 2014

(verde/cinzento)

 

Mas tal como nós acordamos e adormecemos todos os dias, no caso do vulcão Sinabung uma situação semelhante acontecera no ano de 2010. Melhor: este dera um sinal claro do que aí viria três anos depois, com uma sucessão de erupções vulcânicas que de novo acordaram o vulcão em Junho de 2013, pondo em causa as culturas e o povo que delas vivia. Não foi pois de espantar que a 1 de Fevereiro de 2014 o vulcão entrasse de novo em erupção duma forma bastante violenta, acabando por vitimar quinze pessoas e pôr muitas outras em fuga: a erupção provocou o aparecimento dum nuvem piroclástica que atingiu na sua progressão uma distância de quase 5km, acabando os detritos transportados pela mesma por ser depositados sobre a superfície, transformando-a de cor verde e viva em cor cinzenta e moribunda.

 

(imagens – The Watchers/NASA)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 10:48

Fevereiro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO