Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

28
Mar 17

A caminho do Campeonato do Mundo de Snooker de 2017 a disputar em Sheffield (ING) de 15 de Abril a 1 de Maio, jogou-se hoje a 1ªronda da penúltima prova do Circuito Mundial de Snooker o OPEN da CHINA. Com as maiores surpresas a serem a eliminação de Anthony McGill (ESC), Liang Wenbo (CHI), Joe Perry (ING), Robert Milkins (ING) e Mark King (ING).

 

1ºronda do Open da China

C7717VYX0AInQCq.jpg

Eden Sharav

(94ºRM/ESC)

Na 2ªronda em confronto com Judd Trump

 

Entre os 32 jogadores apurados para a 2ªronda com 14 deles integrando os 24 melhores do RM (logo à cabeça com os 6 melhores do RM liderados pelo inglês Mark Selby) e dos restantes 18 com o menos pontuado no RM a ser o escocês Eden Sharav (96º). Com a 2ªronda a decorrer amanhã (quarta-feira,29) a apresentar alguns confrontos interessantes:

 

J

N

RM

J

N

RM

Shaun

Murphy

ING

5

Gary

Wilson

ING

44

Allister

Carter

ING

10

Michael

White

GAL

28

Michael

Holt

ING

23

Mark

Williams

GAL

22

Mark

Davis

ING

36

John

Higgins

ESC

6

Mark

Joyce

ING

51

Ronnie

O'Sullivan

ING

13

Zhou

Yuelong

CHI

37

Ding

Junhui

CHI

4

 

Com os jogadores eliminados nesta 2ªronda a receberem 6500£ e com os 16 apurados a receberem respetivamente 8000£ ou 12500£, caso sejam eliminados na 2ªronda ou passem aos quartos-de-final. Uma questão importante para alguns dos jogadores ainda presentes nesta prova, tentando ainda integrar a lista dos 16 melhores do RM (com entrada direta no Mundial). Sendo eles Martin Gould (ING), Ricky Walden (ING), Mark Williams (GAL), Michael Holt (ING) e Stephen Maguire (ESC) – e para tal tendo no mínimo de atingir a final do Open da China.

 

Com o maior contingente de jogadores presentes em Pequim e continuando ainda em prova (num total de 32) a serem oriundos das Ilhas Britânicas (19/ING+4/GAL+3/ESC=26) e com os restantes oriundos da Ásia (4/CHI+1/TAI+1/IRA=6): ou seja com os jogadores ainda em prova e disputando o Open da China na universidade da capital do país Pequim, a falarem esmagadoramente língua inglesa: 81%. Veremos quantos sobram no final de quarta-feira.

 

[O Open da China é transmitido na EUROSPORT]

 

(imagem: worldsnooker.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 17:09
tags: ,

Março 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9



26


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO