Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

05
Abr 18

À entrada dos Quartos-de-Final do OPEN da CHINA (Pequim 2/8 Abril) apenas 2 jogadores (entre 8) não integrando o TOP16, ultrapassaram a 3ª ronda da prova: (os ingleses) Jack Lisovski e Tom Ford. Sem dúvida que entre os 8 apurados a ser Tom Ford a ter o percurso mais acessível (enfrentando jogadores menos cotados e até um outro s/RM), tendo no entanto eliminado Elliott Slessor o carrasco de Ronnie O’Sullivan (eliminando The Rocket logo na 1ª ronda, despachando-o por 6-2). Tendo como melhores prestações (desde 2003) a presença na final do Paul Hunter Classic (de 2016) e a presença nas meias-finais do Players Championship (de 2012) e do Shoot-Out (de 2011).

 

Quartos-de-Final

6 Abril

01:00 e 07:30 (hora de Portugal)

 

[Contando ainda com a presença dos 2 finalistas do Open da China 2017: Mark Selby e Mark Williams (na Final com o inglês a bater o galês por 10-8) – e desde já enfrentando-se!]

 

1024px-Tom_Ford_PHC_2016-2.jpg

Tom Ford

(34 anos)

 

QF

J

N

RM

RQ

1ªR

2ªR

3ªR

1

Mark

Selby

ING

1

Wang

Yuchen

(91ºRM/CHI)

6-4

Scott

Donaldson

(60ºRM/ESC)

6-4

Ben

Woollasten

(41ºRM/ING)

6-3

Lu

Haotian

(68ºRM/CHI)

6-1

 

Mark

Williams

GAL

6

Ian

Preece

(83ºRM/GAL)

6-1

Thepchaiya

Un-Nooh

(58ºRM/TAI)

6-1

Michael

Holt

(28ºRM/ING)

6-1

Mark

Allen

(16ºRM/IRLN)

6-5

2

Jack

Lisovski

ING

30

Gerard

Greene

(90ºRM/IRLN)

6-4

Anthony

Hamilton

(29ºRM/ING)

6-1

John

Higgins

(5ºRM/ESC)

6-2

Gary

Wilson

(39ºRM/ING)

6-2

 

Kyren

Wilson

ING

10

Li

Yuan

(95ºRM/CHI)

6-0

Andrew

Higginson

(59ºRM/ING)

6-3

Mark

King

(20ºRM/ING)

6-4

Ding

Junhui

(3ºRM/CHI)

6-5

3

Neil

Robertson

AUS

11

Robin

Hull

(109ºRM/FIN)

6-4

Robbie

Williams

(48ºRM/ING)

6-3

Sam

Craigie

(75ºRM/ING)

6-5

Zhou

Yuelong

(32ºRM/CHI)

6-1

 

Stuart

Bingham

ING

12

Jimmy

White

(101ºRM/ING)

6-2

Mattew

Stevens

(52ºRM/GAL)

6-5

Ricky

Walden

(27ºRM/ING)

6-5

Graeme

Dott

(21ºRM/ESC)

6-2

4

Barry

Hawkins

ING

8

Josh

Boileau

(111ºRM/IRL)

6-4

Sam

Baird

(63ºRM/ING)

6-3

Michael

White

(31ºRM/GAL)

6-1

Cao

Yupeng

(38ºRM/CHI)

6-5

 

Tom

Ford

ING

33

Jamie Curtis-Barrett

(115ºRM/ING)

6-3

Yuan

Sijun

(100ºRM/CHI)

6-2

Elliot

Slessor

(69ºRM/ING)

6-4

Lu

Honghao

(s/RM/CHI)

6-2

(QF: Quartos-de-Final J: Jogador N: Nacionalidade RM: Ranking Mundial R: Ronda Q: Qualificação)

 

Nos 8 apurados para os QF com a maior comitiva a ser a inglesa (6), seguida da galesa (1) e da australiana (1). E entre eles contando com 4 Campeões do Mundo: Mark Selby (2016 e 2017), Mark Williams (2000 e 2003), Neil Robertson (2010) e Stuart Bingham (2015). De momento com a maior tacada (centenária) atribuindo um prémio (extra) de 50.000£, a estar dividida (25.000£ para cada um) entre o inglês Stuart Bingham e o eliminado (e seu compatriota) Ronnie O’Sullivan (com 147). Podendo ainda o galês Mark Williams caso ganhe o Open da China vencer a sua 4ª prova da época (2017/18) e aproximar-se do líder o inglês Ronnie O’Sullivan (com 5 mas todas contando p/RM).

 

(imagem: wikipedia.org)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 22:45

Abril 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

16
18
21

22
25
27



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO