Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

29
Out 14

“Cada vez que olhamos para o Céu lembramo-nos que até lá há Lixeiras (e a Céu Aberto). Mas que também será a partir dele (o Céu) que Conquistaremos Novos Mundos (como os Grandes Descobridores Portugueses).”

 

S126-E-014918.jpg

ISS – Estação Espacial Internacional

 

Os satélites artificiais podem ter três tipos diferentes de órbitas: Elevada (satélites meteorológicos e de comunicação distando mais de 35.780km), Média (satélites de navegação e monitorização distando de 2.000 a 35.780km) e Baixa (satélites científicos distando de 180 a 2.000km).

 

orbits_schematic.png

Os três tipos de órbitas

 

A distância a que esses satélites se encontram da Terra tem influência directa no seu comportamento e desempenho. Como é o caso da velocidade a que cada um desses diferentes satélites se deslocam, sendo que quanto mais perto eles estiverem do nosso planeta, maior será a força da gravidade exercida sobre eles e maior a sua velocidade.

 

 

Órbita do Satélite Artificial Distância S/T
(km)
Velocidade S
(km/h)
Tempo Orbital S
(h)
Elevada > 35.789 11.199 1.436
Média 2.000 – 35.780 13.900 -
Baixa 180 – 2.000 27.500 1,65
Órbita do Satélite Natural Distância L/T
(km)
Velocidade L
(km/h)
Tempo Orbital L
(h)
LUA 384.000 3.679 40.320

 (S – Satélite Artificial; T – Terra; L – Lua)

 

 

Poderíamos ainda considerar um número indeterminado mas certamente elevado de pequeníssimos satélites rodando numa órbita muito próxima da Terra, de cuja presença todos nós já temos conhecimento e que vulgarmente denominamos como lixo espacial: potencialmente perigosos pela possibilidade de ocorrerem impactos imprevistos e fatais.

 

space_junk_leo.jpg

Lixo espacial – 95% dos objectos em órbita

 

Como o caso ocorrido entre um satélite norte-americano em pleno funcionamento e um outro satélite russo que já não funcionava, que ao colidiram em órbita da Terra se desintegraram criando imediatamente um verdadeiro campo de minas contendo 2.500 artefactos (detritos).

 

(dados e imagens – earthobservatory.nasa.gov)

 

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 14:17

Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

13
14

21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO