Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

23
Fev 21

NASA ─ MISSÃO MARS 2020 ─ ROVER PERSEVERANCE

HELICÓPERO INGENUITY ─ SOM DE MARTE

(terror e marcianos)

 

PIA24422.jpg

 

Fazendo parte da missão MARS 2020 a chegada ao ainda misterioso PLANETA VERMELHO (na nossa imaginação infantil, visionando ainda os seus CANAIS) da sonda espacial norte-americana PERSEVERANCE, para além da sua sonda orbital estando ainda equipada de um MÓDULO de ATERRAGEM transportando consigo um ROVER e (sendo o pioneiro) um helicóptero ─ o INGENUITY.

 

Screenshot_2021-02-22 Vídeo da NASA mostra os momScreenshot_2021-02-23 Vídeo da NASA mostra os mom

 

Screenshot_2021-02-22 Vídeo da NASA mostra os momScreenshot_2021-02-22 Vídeo da NASA mostra os mom

 

Nesta sequência de oito imagens da responsabilidade da NASA (delas usufruindo certamente e com imenso prazer, o público em geral) ─ tratando-se de um Evento cultural, educativo e proporcionador de memória ─ podendo-se ver diferentes momentos das manobras de aterragem, desde a entrada em ação dos paraquedas, à rápida e cautelosa aproximação ao planeta, ao momento próximo do toque e concluindo-se (a exposição), com o contacto final com a superfície marciana e (concretizada a mesma com êxito) com as comemorações e festejos naturais e toda a equipa.

 

Screenshot_2021-02-22 Vídeo da NASA mostra os momScreenshot_2021-02-22 Vídeo da NASA mostra os mom

 

Screenshot_2021-02-22 Vídeo da NASA mostra os momScreenshot_2021-02-23 Vídeo da NASA mostra os mom

 

Por ser considerado um dos momentos mais difíceis e delicados da missão (da sonda PERSEVERANCE), sendo atribuído a esse período temporal a denominação dos “7 Minutos de Terror”, para tal associando este caso com um outro já vivido (noutro espaço e noutro tempo) mas aí com a presença de seres humanos: quando as missões tripuladas APOLLO se aproximavam da LUA entrando pela 1ª vez em órbita e passando do outro lado (da Lua não se sabendo se corretamente inseridos) deixando-nos uns minutos em suspense.

 

Neste caso e falando-se de “7 Minutos de Terror” (não havendo humanos presentes) ─ para não falar da muita sucata por lá já deixada (e não sendo apenas por uma entidade) ─ terror só se fosse mesmo para os marcianos (aqui os invadidos por alienígenas).

 

(imagens: nasa.gov)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 13:53

01
Fev 21

Talvez um dia os alienígenas, nos ofereçam o antídoto.

 

Demonstrando a sua inteligência avançada e cumprindo respeitosamente a regra dos três parâmetros (R-3P) ─ “distanciamento, máscara e mãos” ─ eis que os nossos alienígenas (por ser nossa criação) socorrendo-se da sua tecnologia revolucionária (pelo menos aplicada às viagens), provam mais uma vez ─ por uma razão qualquer, por mais estranha que seja ─ continuarem interessados em nós. Seja por necessidade ou por acaso  (deles, como poderia ser de nós, podendo haver contactos) passando a curta ou média distância (de nós). Ainda hoje pela parte deles (alienígenas, cumprindo na integra a R-3P) sem provas irrefutáveis (credíveis para os 8 biliões de terrestres) da sua existência.

 

impacts-moon-surface.jpg

Três impactos (brilhantes) na Lua

 

Something Huge Appears Next To the Sun - Helioview

E enorme objeto (passando) perto do Sol

 

Visitando o Sol e a Terra (entre outros corpos celestes) como provavelmente o fazem desde que nos conhecemos (nos tornamos conscientes) ─ mesmo antes, tendo a Terra mais de 4 biliões de anos ─ saltando na sua observação histórica (Terra/Homem) diversos ciclos civilizacionais (réplicas temporais) onde o Homem predominaria e nos múltiplos trajetos pelos mesmos (alienígenas) estabelecidos, acompanhando a evolução do sistema (o Sistema Solar de hoje, não será igual ao da sua origem) e o desenvolvimento do Homem (e da Vida). Neste início de século (XXI, segundo a cronologia terrestre) passando por cá amiúde, neste contexto espácio-temporal em “tempos de covidário”.

 

ufo-fastwalker.jpg

Objetos não identificados, um voando

 

ufo-ocean-florida.jpg

O outro voando e mergulhando no oceano

 

Surgido a partir de uma mera singularidade ─ conjugando Espaço/Tempo, Matéria/Eletromagnetismo ─ o Universo e os seus triliões de galáxias datados de quase 14 biliões de anos (a Terra terá aparecido 10 biliões de anos depois), continuam no presente no seu processo contínuo de expansão ─ talvez no seu estado inicial (diâmetro do Universo superior a 90 biliões de anos-luz). Na prática, respeitando a coexistência e a distribuição em diferentes regiões do espaço (e sua evolução, expansão) dos Mundos Mineral e Orgânico (unidos pelo eletromagnetismo, a Alma Universal) ─ em fases diferenciadas do processo, uns (em termos relativos e na sua viagem) mais velhos (+distantes) outros mais novos (+próximos) ─ com a situação a sugerir a existência no Universo de diferentes civilizações, umas vistas (tal e qual como na Terra) como avançadas (deuses) outras muito mais atrasadas (primitivas). Pelo que se estes visitantes não forem terrestres (pertencendo por ex. a um anterior salto civilizacional), poderão certamente ser oriundos de muitas outras paragens ─ bastando para tal ter um veículo, capaz de manipular (torcendo-o, expulsando um deles) o Espaço e o Tempo.

 

(imagens: ufosightingshotspot.blogspot.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 14:28

25
Jan 21

Se existem buracos-negros, alguém os poderá estar já a utilizar.

 

black-hole-theory-proves-aliens-exploit-black-hole

In 1969,

British physicist Professor Roger Penrose proposed

energy could be generated

by lowering an object into the black hole’s ergosphere,

the outer layer of the black hole’s event horizon.

(bigworldtale.com)

 

Num Mundo onde tudo se repete a partir de uma estrutura básica dita consciente (como será o caso dos animais, como por ex. o Homem) ou em alternativa dita inconsciente (como será o caso dos minerais, como por ex. as rochas), será fácil de concluir que se analisarmos em extensão/compreensão o Espaço/Tempo a nós disponibilizado, tudo o que se passa à nossa volta desde o elemento/conjunto mais pequeno ao considerado maior, se resume à observação de um Mundo na sua estrutura baseado num mesmo molde e sujeito no seu funcionamento aos mesmos mecanismos: e se podemos associar a imagem que temos de um buraco negro a uma válvula de escoamento de um lavatório ─ engolindo tudo o que o cerca e transportando-o para outros lugares (sugando a água) e tal como no caso do buraco negro, enviando-o/ligando-o e levando-o a comunicar (sugando a luz) com outros Mundos (paralelos) ─ porque não imaginar que esses mesmos buracos-negros poderão ser em alternativa poderosas fontes de energia. Faltando-nos apenas ter acesso a tecnologia avançada (de que ainda não dispomos) possibilitando a utilização de tal processo de obtenção de Energia:

 

aliens_from_the_black_hole_by_csuk_1t_dalcwli-pre.

Nobody really knows what the whole story is about

the existence of Black Holes in outer space.

Some have theorized that they may be a way of interstellar travel

but until the day that someone goes through, and returns, we will never know.

Could Alien lifeforms be visiting our galaxy

through the use of one of these spacial anomalys?

(deviantart.com)

 

Disponibilizando-nos a partir de uma fonte de energia poderosa (o buraco negro) e de um processo viável de extração (para já, limitando-nos à Terra, à Lua, a Marte e a um ou outro asteroide), energias tais capazes de alimentar Sistemas e Galáxias, tal como já o fazemos hoje e ainda aplicamos na exploração do petróleo, de um buraco (poço de petróleo) obtendo como produto final energia (sob a forma de combustível). E ainda por outro lado e dada a nossa incapacidade (do Homem) para a concretização de tal processo tecnológico, podendo-se supor que existindo tais buracos-negros e podendo estes ser aproveitados, os mesmos poderão desde já estar a ser utilizados não por nós mas por outras espécies muito mais avançadas, alienígenas: daí algumas manifestações ainda incompreendidas (como algumas chamas de plasma e gases que vão aparecendo nas suas vizinhanças) oriundas dos buracos-negros, podendo indicar que para além de nós existem outros ─ podendo estes ser um dos pontos onde poderemos então observar a intervenção de espécies alienígenas, provando definitivamente a sua existência e assim sendo um ponto de concentração (e observação) destes. Sendo, no entanto, que o mais próximo buraco-negro estará a mais de 1.000 anos-luz de distância da Terra e como tal estando inacessível, dada a distância a que está e ao tempo (mais de 1.000 anos à velocidade da luz) que demoraríamos a lá chegar.

 

(imagens: bigworldtale.com e deviantart.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 20:57

31
Mar 20

Agora que estamos em casa sem saber o que fazer e verdadeiramente não nos apercebendo o que está realmente a acontecer,

 

Screenshot_2020-03-31 Space online - SPACE-START N

ISS

Com as suas duas câmaras offline

 

− Constatando apenas que somos o alvo de qualquer coisa,

pelo número de mortes que estão a acontecer –

 

Entre vários sites que antes não tínhamos disponibilidade de tempo para consultar até porque não passavam de meros loucos adeptos das “Teorias da Conspiração”, muitos deles já sem qualquer tipo de credibilidade pois há muito afastados do acesso aos canais oficiais e certificados, e sistematicamente utilizados pelos mesmos que em público os denegriam, com outras intenções que não as propaladas pelos seus editores e responsáveis,

 

− Caso de sites de base norte-americana como “Above Top Secret (muitas vezes no passado recente sendo colocado curiosamente “Off Line” em períodos coincidindo com tempos de crise e de paralisia Governamental, não havendo dinheiros injetados e simples e temporariamente fechando/hibernando) e “Before Its News (já na altura pelo seu conteúdo sendo suspeitos e agora esmagados pelo “lixo que cada vez mais noticiam”)

 

Screenshot_2020-03-31 Aliens Are Observing Us Whil

Nas proximidades da ISS

Objetos Voadores – 1ª vaga

 

E sendo no presente (hoje 31 de abril) completamente surpreendidos (tipo “estalada ou murro na cara”) após semanas ininterruptas de divulgação de registos sucessivos oriundos da transmissão “Live Feed” da Estação Espacial Internacional (ISS) observando objetos estranhos passeando-se em frente à ISS (com cortes de transmissão aparecendo pelo meio, quando não dispondo de qualquer tipo de justificação oficial minimamente aceitável) pela interrupção total de qualquer tipo de imagem daí oriunda (câmaras 1 e 2 da ISS) como até de outros satélites (satélite Gosat),

 

– E como já afirmado antes, tendo tempo de sobra para encetar uma busca mais profunda e sistemática, reparando desde logo no desaparecimento em massa de muitas dessas notícias (e sites dedicados ao tema), ao mesmo tempo que (colocando na procura por exemplo o tema Espaço, nada aparecendo de novo e sendo massacrados em substituição pelo surto epidémico do novo coronavírus) em seu lugar aparecia o nosso novo companheiro de viagem interior (e terrestre)

“o agente infiltrado, invisível e mortal Covid-19”

 

Colocando-se definitivamente a questão suportada pela nossa natural estupefação, de saber e logicamente tentar compreender (sendo dotados como todos os entendidos afirmam de Psique, ao contrário dos outros animais definidos por nós sem psique, apenas aqui presentes para nos servirmos deles, por exemplo comendo-os) o que está na realidade a passar-se:

 

Screenshot_2020-03-31 ISS 1 camera online - SPACE-

ISS

Câmara nº 1 offline

 

Para lá de não se entender nada bem como estes Teóricos da Conspiração foram afastados e substituídos  por estes novos sites/notícias sobre este novo coronavírus (francamente “qual será a relação?”), tendo-se logicamente de concluir (existindo ou estando − sim ou não − por perto, os tais alienígenas) que em princípio as explicações para o sucedido (e constado, não existindo para já emissão) se resumirão apenas a três (uma interna, outra externa e a outra sendo mista) − da simples fatia de pão com manteiga, até à mais elaborada tosta mista.

 

Uma entrada em hibernação destes sites devido à crise Global sanitária instalada (por ação de agentes internos), uma ausência de difusão de notícias passando-se mesmo algo no exterior ao nosso Ecossistema (por ação de agentes externos) ou então uma operação conjunta agora por qualquer razão levada a cabo e envolvendo uma Coligação a nós estranha por desconhecida e não claramente visível (por ação de agentes internos e externos):

 

Screenshot_2020-03-31 Space online - SPACE-START N

Satélite Gosat

Câmara off-air

 

Mas desde logo reconhecendo nunca tendo visto um objeto estranha nem o seu tripulante, podendo-se tratar obviamente (sendo mais rigoroso, na utilização da palavra) não de uma intervenção de terrestres e/ou alienígena, mas de uma constatação de que poderão existir terrestres habitando ainda a Terra e outros tendo há muito partido desta (sabendo-se que tal como o fazem os emigrantes muitas vezes para sobreviver tendo-se mesmo que partir, só o animal morto logicamente não se mexendo − ficando-se sem movimento e parado, estando mortos ou a caminho disso).

 

Com o Sistema Solar e os seus biliões de anos (de existência) “podendo já ter passado por vários Ciclos (não de extinção, mas de desaparecimento/reaparecimento) e diversos Saltos (Civilizacionais)”:

 

Sendo natural não encontrarmos qualquer tipo mesmo que mínimo de sinais ou de vestígios com estas hipóteses relacionados (até como prova) sabendo-se que num segundo se vai a carne sendo os ossos uma questão de tempo (cronologicamente apenas nos reportando no passado à Idade dos Dinossauros).

 

Screenshot_2020-03-31 ISS 2 camera online - SPACE-

ISS

Câmara nº 2 offline

 

E assim com a única explicação a ser a da sua não existência (de UFO´S e ALIENAS) sendo pois natural que num momento de Crise Planetária (podendo levar-nos ao colapso) se invoque o mais importante (a nossa sobrevivência), dirigindo toda a nossa atenção exclusivamente para o que aqui se passa  não nos distraindo do fundamental e urgente:

 

Num Mundo em que milhões e milhões morrem num curto espaço de tempo (sem que ninguém ligue, ou sequer se incomode) pouco se incomodando com as consequências da Guerra, com o Mundo colocado em histeria por apenas uns milhares de mortes

 

− Ou seja, sendo mais profícuo e barato para quem nos controla e manipula, em vez da utilização do poder das armas como fator decisivo (não o sendo como se vê, com guerras localizadas e da maioria dos Povos afastada), optar-se por utilizar o Poder Ilimitado do Medo servindo-se apenas um simples organismo básico, mais barato, eficiente e a qualquer momento podendo-se ligar ou desligar (por alguém interior, exterior ou misto ou com outra forma qualquer).

 

Screenshot_2020-03-31 Aliens Are Observing Us Whil

Nas proximidades da ISS

Objetos Voadores – 2ª vaga

 

Deixando-vos aqui as imagens à vossa apreciação (usufruto, neste “tempo de nada e de cabeça rapada” com prazer ou então não), no mínimo (não se deixando levar muito pela psique, podendo-nos induzir em erro) para nosso divertimento e para assim passarmos o tempo, algo a que já estamos bem habituados “deixando sempre para amanhã, a vida que poderíamos ter hoje”

 

− E como católico-romanos esperando a nossa vez de chegarmos (depois de mortos) ao Paraíso, é certo que não os dos pagãos cheios de mulheres e de virgens.

 

(imagens: space-start.net − ufosightingshotspot.blogspot.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 19:38

12
Mar 20

Great capture of UFOS appearing

on NASA international space station (ISS).

(UFOGent)

 

snapshot 1.jpg

Formação de objetos voadores desconhecidos (porque não um único, de grandes dimensões) e como que liderado (pelo objeto indo à frente) − OVNI/UFO − movimentando-se (da esquerda p/ a direita) nas proximidades da Terra e da ISS (e do Sol distando apenas 1UA).

 

Utilizando a mesma estante e se não usando a mesma prateleira servindo-se de uma próxima − tal como aquelas autoridades que não sabendo bem o que fazer, tanto podem ser a favor como contra, conforme a situação “estritamente económica” o exija (sendo a mesma hierárquica-financeiramente dependente do Sistema) – agora que o Mundo se encontra sob a ação de mais um vírus mortal espalhando a preocupação e o medo um pouco por todos os Cinco Continentes (escapando apenas os gelados ártico e Antártida) e não encontrando o mesmo e para já solução para esse surto epidémico já promovido  a Pandemia – apontando (nada tendo feito até agora, os EUA, Terra de Excecionais) desde já e sem hesitação o seu dedo indicador para os culpados, como será o caso dos asiáticos (compreenda-se os Chineses, podendo até ser os criadores do vírus) e agora até os Europeus (os relaxados e irresponsáveis italianos) – porque não contribuir um pouco mais para esta grande confusão (numa luta de morte entre o sujeito e o objeto, entre as nossas necessidades e as da economia) introduzindo-lhe mais um ou outro ingrediente, de preferência (para não se tornar monótono e indiferenciado) não habitual mas que seja “aromático (e tenha outras propriedades organoléticas – como cor, textura, som, sabor, etc. − ou outras, que nos entusiasmem): adicionando ao aparecimento desta nova versão de coronavírus o COVID-19, o aparecimento de formações de objetos voadores movimentando-se nas imediações da Terra (e do Sol) e visíveis da ISS (Estação Espacial Internacional) e ainda a possibilidade de dado estarmos num período de transição entre ciclos solares (do 24º para o 25º) podendo repentinamente e como já tem sucedido em casos anteriores o Sol inesperadamente lançar sobre nós uma intensa “Tempestade Solar” – e aí podendo criar um cenário explosivo (para nós e para a Terra) juntando na mesma “panela terrestre” Epidemias, Tempestades Solares e Alienígenas, pelos vistos uma situação já tendo sucedido antes (em 2013). E consultando o site UFO Sightings Hotspot (ufosightingshotspot.blogspot.com) até para nos relaxarmos e nos libertarmos de todas estas tragédias “tão terrestres” − evitando-se indo-se para a praia (os formandos) de sermos tratados como estúpidos (pelos formadores), estando estes lá também, mas mais bem disfarçados (outras piscinas/outras praias) – aproveitando-se a leitura (a cultura nunca +é demais) e ficando-se a saber (utilizando-se e fazendo-se exercícios de memória):

 

Screenshot_2020-03-12 UFO Fleet Seen In The Dark .

E após a passagem da frota de objetos desconhecidos (deslocando-se da esquerda p/ a direita) podendo ser de origem Alienígena − OVNI/UFO − com um último objeto (mancha branca, canto inferior esquerdo) seguindo-os e correndo atrás deles.

 

Segundo alguns e como o afirma Edward A. Dames (neste caso um militar norte-americano, falando por já estar retirado) − em parte por experiência própria, outra por autoconvencimento (“capacidade de se ver mais além”) e desde 2013 (onde pela 1ª vez percecionou e previu um possível futuro) − podendo-se estar à entrada (sete anos depois em 2020) de um Evento extremamente importante.

 

Em 2013 e na sequência de um conjunto de Eventos sem precedentes (nunca se tendo visto antes, pelo menos nesta transição entre um fim de século/início de século seguinte) − como o surto epidémico popularmente denominado como a “gripe das aves” (vírus influenza H5N9, versão de 2013) e a intensa atividade do Sol após um período de ligeiro adormecimento, podendo−  sendo o planeta exposto a uma forte Tempestade Solar − sofrer as consequências (de um “Tiro-Solar” intenso e dirigido à Terra) – com o Major (reformado) do Exército dos EUA servindo-se de sinais pouco visíveis mas presentes (e passadas) e das suas (aparentes) capacidades de conseguir prever o que iria suceder no futuro, hoje (desde 2013, 7 anos no futuro) sentindo intensamente a proximidade da replicação dum mesmo tipo de Evento, suportado em si pelos mesmos tipos de acontecimentos (e fenómenos), extremados podendo afetar gravemente todo o Mundo e levar (no fim de linha, não se tendo descoberto alternativa) ao seu colapso: com um novo coronavírus a dizimar a população (Covid-19) e com uma Tempestade Solar a concluir o trabalho (na transição de ciclo e depois de algum tempo adormecido, com o Sol a despertar e a atingir-nos direta e violentamente). E para nos alertar ainda mais (preocupar, amedrontar, enlouquecer) para o que por aqui se anda a passar (na Terra e em redor dela) nesta dupla VÍRUS/SOL, inserindo-se uma outra: agora com uma frota espacial de ET passando por nós a pouca distância e no meio deles ainda se notando, a presença da (pelos vistos “terrível” pelas más consequências) Roda de Ezequiel”.

 

(imagens: UFOGent/youtube.com/11.03.2020)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:42

06
Mar 20

“Com os únicos alienígenas presentes nas imediações

(bastando para tal ver como nos tratamos e à Terra,

como se ela não fosse nossa e estivéssemos aqui de visita − será?)

a sermos nós!”

 

Com a ISS movimentando-se a pouco mais de 7,6Km/s e a 420Km de distância da Terra, sobrevoando o seu lado iluminado a nordeste da Austrália.

 

Screenshot_2020-03-05 Live_ISS_Stream.jpg

DIA na ISS

Figura 1

Sobrevoando o Pacífico e deixando o Sol para trás

(a caminho do lado não iluminado da Terra)

 

Cumprindo a sua órbita em volta da Terra em pouco mais de 90 minutos (92/93) e de momento (fig. 1) sobrevoando o Oceano Pacífico, a caminho da ponta sul do continente Americano.

 

Screenshot_2020-03-05 Live_ISS_Stream(1).jpg

NOITE na ISS

Figura 2

Sobrevoando o Atlântico e a caminho de África

(já do lado não iluminado da Terra)

 

E perto das 22:00 (hora de Lisboa) interrompendo-se a transmissão, mas apenas por segundos e s/ nada de estranho à vista (como UFO’S c/ ALIEN’S). Momentos depois (fig. 2) a noite.

 

Screenshot_2020-03-05 Live_ISS_Stream(2).jpg

DIA na ISS

Figura 3

No Índico a caminho do Pacífico e ainda do Sol

(de novo no lado iluminado pelo Sol)

 

Viajando no interior do lado temporariamente não iluminado da Terra ficando tudo escuro (o ecrã do monitor) tendo para a obtenção da próxima imagem de esperar ainda uns momentos   até voltarmos de novo a ver a ISS (fig. 3) passar (sobrevoando-a) ao lado (da Austrália).

 

Por volta das 23:00 (hora de Lisboa) sem que nada de estranho se percecione (UFO/ALIEN) e cumprida mais uma órbita da ISS à Terra: aqui a uma V = 7,6Km/h e a altitude de 420Km (igual à volta anterior).

 

0f5a3cd3-478e-4def-a718-520ebe372956.jpg

Um corte neste Live Feed da NASA

Figura 4

Objeto misterioso nas imediações da ISS

(podendo ser um meteoro e cortado, alimentando conspirações)

 

Ao contrário de tantos e tantos outros já tendo encontrado a presença de objetos (mais ou menos) estranhos, antes vendo-os a partir da Terra agora a partir da ISS (fig. 4): e eu, nada!

 

E já dentro de poucos momentos com a colocação de milhares (ou dezenas de milhares) de satélites em órbita em redor do nosso planeta (SPACEX de ELON MUSK) deixando de estarmos sós, mas acompanhados e vigiados (monitorizados) por uma espécie de sucata agora presente nos céus (não sendo Deus): talvez umas espécies de minas a utilizar contra ET’S.

 

(imagens: ISS/NASA e NASA/Live Feead/youtube/newsmax.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:29

27
Fev 20

[Vivendo num Universo Vivo e tendo Alma, Eletromagnético.]

 

Estando presentes na Terra (e considerando-a como um descendente próximo do hipopótamo) desde há uns 30/40 milhões de anos − a BALEIA, uma das maiores criaturas do Mundo, capaz de viajar mais de 16.000Km – e sendo assim sujeita a todos os fenómenos que possam condicionar a evolução do ecossistema (terrestre) onde vivem – internos como os fenómenos sismológicos e de vulcanismo, externos como as tempestades solares e o geomagnetismo terrestre – estes mamíferos marinhos percorrendo todos os oceanos do planeta, também poderão por vezes ser afetados e verem o seu quotidiano perturbado (muitas vezes, significativa e perigosamente alterado).

 

225114_web.jpg

Baleias!

(sob efeito de tempestades solares)

 

Resultando para esta velha e resistente espécie danos que poderão ser mais ou menos extensos (potencialmente graves) sejam eles físicos e/ou psíquicos (partindo do princípio que estes animais têm psique): como por exemplo confusão e desorientação “ao nível mental da baleia”.

 

mystery-craft-ufos-space.jpg

UFO-Moon.jpg

v-shaped-ufo-nasa-iss-live-stream.jpg

Alienígenas?

(sob efeito de tempestades solares)

 

E se estes experientes (e inteligentes) animais acompanhando a evolução da Terra há algumas dezenas de milhões de anos (3 a 4 com o Homem andando por cá, há apenas uns 0,3 milhões de anos) nas suas habituais viagens anuais e interoceânicas (e intercontinentais) por vezes se deparam com obstáculos imprevisíveis (ou não o sendo, manifestando-se aleatoriamente) tendo que os ultrapassar, caso contrário deixando-se levar por eles (com tudo o de negativo que tal reação possa acarretar) e tendo que se sujeitar (adaptar ou extinguir),

 

Porque não pensar que as baleias tendo de se habituar (sujeitar, confundir, por vezes perecer) aos efeitos provocados na Terra (no Interior do seu ecossistema) pelas Tempestades Solares e pelas alterações no Magnetismo Terrestre − aqui confundindo-as na sua navegação

 

Eschrichtius_robustus_01-cropped-580x368.jpglitd-solar-prominence.jpg

Qual será a relação entre o comportamento das baleias

e as alterações no campo magnético terrestre originadas pelo Sol

 

O mesmo tipo de fenómeno não se poderá replicar no ambiente exterior (o Espaço) ao nosso planeta, afetando quem por lá anda (seja de origem natural ou artificial, terrestre ou hipoteticamente extraterrestre) da mesma forma: ficando confusos (nós ou eles?) como “baratas tontas”.

 

[Com a Terra a viver no presente − fim do mês de fevereiro de 2020  − sob um Mínimo de Atividade Solar, coincidindo com a mudança de ciclo do 24º para o 25º: com menor incidência dos raios solares (quantidade/intensidade), sendo substituídos por estas alturas e por outros, os raios cósmicos (muito mais energéticos e penetrantes, logo mais perigosos). E afetando (o Sol) o comportamento do campo magnético terrestre.]

 

(imagens: universetoday.com − ufosightingshotspot.blogspot.com

− Merrill Gosho/NOAA − NASA/SDO/J. Major.)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 19:14

02
Out 19

“Os Alienas não existem, é certo que posso estar enganado, mas se na realidade o estiver, certamente (não nos tendo matado até hoje) sendo bonzinhos.” (Ideias de Elon Musk sobre Alienas)

 

elon-musk-01-758x426.jpg

 

No passado dia 28 de setembro com o milionário e dono da SPACE X (empresa espacial privada) ELON MUSK, a afirmar (para desgosto de muitos e certamente incluindo muitos dos seus apoiantes) que os Alienígenas não existem (e segundo o que de mais se pôde concluir, pelo menos na nossa Galáxia, a VIA LÁCTEA):

 

"As far as we know, we're the only consciousness, or the only life that's out there. There might be other life, but we've seen no signs of it."

(Elon Musk)

 

Por experiência e conhecimento pessoal (adquirido), não nos conseguindo indicar por onde poderiam andar os (hipotéticos) Alienígenas, nunca tendo ele visto algum e nunca tendo notícia da existência de ALIENS mesma na tão falada (até pela concentração de 20 de setembro) ÁREA 51. E assim dando-nos (e às nossas teorias alternativas por imaginativas) mais uma machadada:

 

"People often ask me, 'What do you know about the aliens?' and I'm like, 'Man, I tell you, pretty sure I'd know if there were aliens. I've not seen any sign of aliens.'"

(Elon Musk)

 

Algo de estranho de se fazer na apresentação do seu “Foguetão e Nave Espacial MARK-1” (realizada nas suas instalações do Texas), um meio de transporte inicialmente destinado a transportar carga (para a órbita da Terra) mas a curto-prazo podendo ser igualmente dirigido para o transporte de pessoas não só para a ISS, como para a LUA e finalmente para MARTE − e posteriormente (a médio-prazo) na prossecução das primeiras Viagens Interplanetárias, podendo-se estender (tendo a Lua e Marte como Entrepostos) por todo o Sistema Solar.

 

656c7ece-7a81-4a03-bad9-cf64336d45f1.jpg

 

"The reality is, as far as we know, this is the only place, at least in this part of the galaxy or in the Milky Way, where there is consciousness."

(Elon Musk)

 

Daí não se entender muito bem o pensamento de Elon Musk, por um lado como que a dizer-nos para “deixarmos de o chatear com os alienígenas e nos calarmos definitivamente com essa conversa”, mas por outro lado querendo cativar todo o Mundo (toda a Terra e especialmente os Investidores) levando-os hipnotizados atrás dele, decapitando inesperada e brutalmente expetativas mesmo que para nós bem distantes mas para os nossos continuadores Vitais. Deixando-nos (com o tiro-no-pé) perplexos. Por momentos:

 

"I hope I'm wrong. If they are here, I hope they're nice. You know, they haven't killed us yet so they must be not that bad."

(Elon Musk)

 

Um projeto tendo como objetivo atingir “Outros Mundos”, para além do nosso − de preferência com Água e com Vida e num ambiente aceitável para o Homem – se não possível de encontrar nas nossas proximidades (viagens interplanetárias e Interestelares) um dia podendo ser descoberto numa outra galáxia para além da Via Láctea (viagens intergalácticas), para já utilizando a sua nave espacial MK-1 − com capacidade para transportar uma centena de pessoas – para alcançar futuros Entrepostos (aí instalando bases) como Marte (aí pretendendo construir uma cidade, auto sustentável), ponto de partida para outros objetos (como as Luas de Galileu, três delas com reservas potenciais de Água) e para todo o Espaço além fronteiras. Transformando a Humanidade uma Espécie Multiplanetária.

 

(imagens: alien-ufo-sightings.com – nasa.gov/slate.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 14:32

11
Jan 19

Com Seres Vivos Pelo Meio

 

DEM Obama e REP Trump:

Na prática unidos na mesma luta (contra a invasão alienígena)

Mesmo que tal não o pareça (tal a esquizofrenia reinante).

20160730_woc906.jpg

O Muro do Presidente Trump

Começado a ser construído no ano de 1994

Com Bill Clinton então Presidente

Faz este ano um quarto-de-século

Neste contexto Muro/Alienígenas sendo conveniente recordar a coincidência do primeiro mandato como 44º Presidente dos EUA do DEM Barack Obama (2009/2013), com o período correspondente ao maior número de deportações em toda a História da América e de todos os Presidentes dos EUA (2008/2013); começando a descer (o nº de deportados) por volta de 2013 e estabilizando esse número em 2015 – ainda assim acima dos valores do 43º Presidente e REP George W. Bush assim como do 45º Presidente e igualmente REP Donald Trump. E não tendo este Presidente para já construído nada do muro, ficando-se ainda por saber a quem verdadeiramente (o muro) interessa. Enquanto na fronteira nos mostram Droga, Dinheiro e Armas (pelas mãos de DT representante REP e contando com a colaboração da FOX e o boicote generalizado/insultuoso ao atual Presidente de estações DEM lideradas pela CNN) e por outro lado os DEM se refugiam na sua única (e esquizofrénica) função de Incinerar Trump (mesmo recorrendo a manipulações como pôr guardas fronteiriços aparentemente sobre ordens de trump a destruírem garrafões de água de auxílio aos emigrantes, quando essas imagens se referiam a um período anterior com Obama Presidente) em vez da procura de uma verdadeira alternativa (sem os Clinton & Associados) no interior do seu partido e mais próxima das suas tão diversificadas (e ricas) bases de apoio: por parte dos brancos, das mulheres e das minorias – como a população negra e indígena – assim como das crescentes e cada vez mais importantes comunidades latino-americanas (como as oriundas do México e da América Central). Só assim se eliminando (de vez) as associações Trump & Cinton, adotando o desejo de grupo e não a ambição de um indivíduo.

 

Trump, Muro, Shutdown e Emergência Nacional

(contra a Invasão Aliena oriunda lá do Sul)

 

xip1d486mv4x.jpg

Procurando-se com afinco a diferença

Entre um Trump e um Clinton

Na sua grande semelhança

Seeming the same shit

 

Para além de tudo o que se possa passar na realidade socioecónomica (para já não falar na financeira) registada no interior do território dos EUA

 

– Limitado a norte pelo Canadá (podendo ser considerado o 51º estado norte-americano, mas com um estatuto de maior autonomia), a sul pelo México (origem dos alienígenas sobretudo mexicanos) e nas laterais pelo oceano (Atlântico e Pacífico) –

 

O que passa cá para fora depois de extremamente filtrado (por estações como a CNN por um lado/DEM e a FOX pelo outro/REP) e neste início de fim-de-semana (de 11 de Janeiro do Ano Novo de 2019),

 

Refere-se mais uma vez ao sempre presente (uma das promessas eleitorais de Donald Trump) MURO de TRUMP e às consequências de mais uma embrulhada (em tudo muito semelhante a outra ocorrida antes com Obama) envolvendo DEM’S e REP’S (as duas faces da mesma moeda o Dólar):

 

Com cerca de 800.000 funcionários (públicos) ao serviço do Governo dos EUA a verem temporariamente (por tempo indeterminado, podendo ser semanas ou meses) os seus ordenados suspensos – tendo e tal como todos os meses compromissos a cumprir – ficando a aguardar em casa que os chamem de novo ao trabalho

 

gettyimages-182994128.jpg

Devido ao encerramento das agências governamentais

Com os Parques Nacionais fechados

Exceção feita confirmando a regra

À Presidência, ao Senado e ao Congresso

 

E simultaneamente com o Presidente dos EUA face à irredutibilidade dos DEM em relação à construção do Muro e ao seu financiamento,

 

A declarar o Estado Nacional de Emergência (uma prerrogativa do Presidente ultrapassando o Congresso) forçando assim a sua pretensão (de prosseguir com o Muro) e ao mesmo tempo e como consequência terminando com o encerramento (Shutdown) dos Serviços Governamentais (para descanso dos funcionários).

 

Numa ação semelhante (de Trump), dirigindo-se ainda aos mesmos (funcionários e emigrantes), mas com patente detida (pelo menos anteriormente) pelo seu antecessor (Obama).

 

E numa estratégia Democrata para derrotar Donald Trump – e o partido Republicano – nas Presidenciais de 2020, que pelos resultados (para já) obtidos não parece favorecer em nada as pretensões dos Democratas em lá colocar Hillary:

 

Agora que até Bernie Sanders (último adversário de Hillary Clinton/HC) está na lista (reservada) do movimento Me Too e sabendo todo o Mundo (e o Povo) que à 3ª (de HC) é que é de vez!

 

(imagens: economista.com – reddit.com – businessinsider.in)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:51

11
Jul 18

 

Breve Nota Introdutória

(devendo ser vista, mas não desvalorizada, como uma leitura de Verão ‒ agora que o tempo por aqui parece estar mesmo a aquecer)

Screenshot_2018-07-11 Billboard of alien Trump ins

Trump o Alienígena

Entendido como o Bom

Para além da Intervenção Alienígena (BOA) e do seu declarado e óbvio apoio aos EUA (ou não se declarasse este a maior potência sobre o nosso planeta e não fosse mesmo o destino privilegiado de muitas das mais antigas e famosas visitas como terá sido o caso Roswell em 1947), nunca sendo de desprezar a intrusão de sectores marginais e minoritários derivando pela nossa Galáxia (ao qual pertence o nosso Sistema Solar a Via Láctea), à sua chegada (não declarada e inopinada) inevitavelmente e à falta de intermediários representativos (hierárquica e oficialmente), credíveis (na Política, na Religião, na Ideologia) e como tal maioritários (o cerne da questão e o alvo das democracias totalitárias, objetivamente não nos dando tempo para pensar/trabalhar/criar, mas unicamente para perpetuar/replicar/morrer), obrigatoriamente direcionando-se para o Outro Lado (o Eixo do Mal corporizado na China/hoje pelo seu Presidente Xi e na Rússia/hoje pelo seu Presidente Putin) e simultaneamente para outro tipo (necessariamente e por uma questão de exposição mediática/sobrevivência oposto) de Intervenção Alienígena (MÁ): refletida já no presente pelas contínuas tentativas Russas e sobretudo Chinesas de ultrapassarem os EUA (e os seus súbditos e Aliados Ocidentais) na prossecução do seu objetivo central (e fundamental para a conservação dos Impérios) do controlo e da manutenção da sua Supremacia Global ‒ de um lado (dos euroasiáticos) com incidentes e/ou intrusões (entre outros mais visíveis) na Ucrânia (Crimeia), na Síria (Guerra Civil), na Inglaterra (envenenamentos/assassinatos) e até na Alemanha (impondo novos pipelines e forçando os alemães a dependerem energeticamente do oriente não do ocidente); e do outro lado (aqui 100% asiáticos) com instituições financeiras poderosas e competindo com o original Banco Mundial (com os primeiros sediados nos EUA e os seguintes na China) ‒ reforçando e consolidando todo este Novo Edifício de Poder (em evidente e exponencial ascensão) e baseando-o inicialmente (o alicerce de sempre) no domínio, controlo e supremacia Económica Global. Levando desde já o representante na Terra com BIA (Boa Intervenção Alienígena) a um rápido périplo pela Europa para lhes recordar (intoxicados como estão pelo Mundial ainda por cima entronizando um país Aliado, súbdito e Europeu) quem manda e o mal que sempre advirá da Terra dos MIA (Má Intervenção Alienígena). E como se diz por aqui (na nossa terrinha) Quem Te avisa teu Amigo É”. Só não nos avisando poder ser neste caso um “Amigo da Onça”.

 

[Ou mesmo de Triplo Impacto: Extraterrestre (1 ogiva) e Terrestre (2 ogivas).]

 

UFO crashes 80 miles world cup match site (2).jpg

O objeto não identificado

E o incêndio provocado

 

No passado dia 7 de Julho (um sábado) quando em Samara (na Rússia) se disputava um dos jogos dos Quartos-de-Final do Mundial (de Futebol ‒ FIFA Rússia 2018) ‒ entre a seleção da Inglaterra e a seleção da Suécia (que os ingleses venceram por 2-0) ‒ a pouco mais de 120Km de distância perto da localidade de Bostandyk (já situada no Cazaquistão, uma ex-província da extinta URSS) um objeto voador não identificado despenhou-se no solo, explodindo e provocando (em seu redor e como consequência) um pequeno incêndio: um objeto emitindo uma luz brilhante e cintilante, em forma de uma bola (de fogo) e com um diâmetro de cerca de 3 metros, e que ao atingir o solo e ao explodir além de provocar o tal incêndio (destruindo alguma vegetação sobretudo arbustos e ervas secas rasteiras numa área de aproximadamente 100 hectares) colocou as casas nas proximidades todas a tremer, devido aos efeitos provocados pela respetiva (devido ao impacto do objeto com o solo) onda de choque.

 

maxresdefault.jpg

A verdadeira questão

Ficando por confirmar a respetiva ligação

 

E com a inserção final do Objeto na atmosfera (terrestre), a sua imediata entrada em combustão (devido ao fortíssimo atrito associado), o seu impacto e explosão (desintegrando-se) e os posteriores efeitos de tal acontecimento ‒ incêndio, onda de choque e queda das comunicações (para os locais tornando o cenário ainda mais assustador, devido a ser uma área remota/pelos vistos com o objeto caindo, muito próximo de uma autoestrada) ‒ com os locais face ao sucedido e ao incêndio então em curso, a deslocarem-se para a área e a aí encontrarem vários fragmentos desse mesmo objeto: e entre eles, um objeto colorido (prateado), parcialmente enterrado, aparentemente selado/fechado (como se fosse uma porta) e até com uma válvula exterior e no seu conjunto parecendo mesmo (de origem) terrestre. Pela descrição do referido evento (e forma do objeto) tudo podendo apontar para um objeto artificial certamente oriundo de cá (da Terra) e sendo os restos de um (qualquer) satélite, mas apesar de tudo não deixando de ser um acontecimento anormal envolvendo alienígenas (nos EUA os Mexicanos) exteriores ao Cazaquistão.

 

UFOeast2west4.jpg

Entrando na atmosfera perto de Samara

Talvez devido à FIFA WORLD CUP

 

Face a este acontecimento, ao seu local de execução e às partes eventualmente envolvidas ‒ diretamente Suécia/Inglaterra e indiretamente Rússia/Croácia ‒ e ao que se lhe sucedeu posteriormente (da conclusão das partidas), levantando-se de novo a suspeita de Doping Russo Efetivo (durante a competição) na obtenção de (bons) resultados, primeiro com o Novochic (o melhor a matar), depois com o amoníaco (o melhor a recuperar) e agora (para amedrontar) até com um UFO (integrando alta tecnologia de leste certamente com intervenção alienígena, diferenciada da norte-americana onde os alienas são mexicanos): “The UFO material does not look like metal. It is soft like fabric (uma testemunha). E como mais que óbvia consequência (ou não fosse Ocidental, pró-norte-americano e deficiente mental ‒ um cidadão de desgaste, descartável e como tal normal) da obsessão atual e respetivas coordenadas ‒ neste momento de Mundial (de Futebol), com todos focados na Rússia e no seu líder Vladimir Putin ‒ sendo esta Tríade Vermelha (Novochic/Amoníaco/Ufo) mais uma vez responsável por ato de Introdução, Manipulação, Doping e Intoxicação. Saindo-lhes mesmo ao lado a fé e a esperança de um duelo RUSSIA (Putin) Vs. ENGLAND (May). Já com outros alienas (como os portugas) em casa ou então mudando dela (como o aliena CR7).

 

“Conspiracy theorists have now started claiming that this spherical object might be an alien expedition craft from outer space. As there were no aliens in the remnants, these theorists argue that this vessel might be an exploration vehicle sent by aliens, in the same way, we sent rovers like Curiosity to Mars.” (Nirmal Narayanan/ibtimes.co.in/08.07.2018)

 

(imagens: scmp.com ‒ mirror.co.uk ‒ youtube.com ‒ unilad.co.uk)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:50

Março 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO