Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

18
Mar 19

Disputadas 22 provas (das 25) integrando o Circuito Mundial de Snooker (profissional/individual época 2018/19) – com 20 dessas provas sendo de Ranking Mundial (RM) e outras 5 não/RM – o inglês STUART BINGHAM (Campeão do Mundo em 2015) junta-se a um grupo restrito de 6 jogadores tendo ganho esta época 2 provas de RM (de entre cerca de 90 jogadores tendo pelo menos 1 vez atingido os oitavas-de-final ou seja os melhores 16 de cada prova): Ronnie O’Sullivan/ING (+2 provas de n/RM), Judd Trump/ING (+1 prova de n/RM), Kyren Wilson/ING (+1 prova de n/RM), Neil Robertson/AUS e Mark Allen/IRLN. E com este Sexteto Fantástico a ter ganho mais de 70% (16 no total) das 22 provas até agora realizadas.

 

Open de Gibraltar

(Meias-Finais e Final)

Detentor do Troféu 2018: Ryan Day/GAL

Vencedor do Troféu 2019:

Stuart Bingham/ING

 

bingigibral.jpg

Stuart Bingham

(Vencedor do Open de Gibraltar)

 

OPEN de GIBRALTAR

 

Fase

J

N

RM

F

J

N

RM

MF1

Ryan

Day

GAL

17º

4-2

Lu

Ning

CHI

74º

MF2

Stuart

Bingham

ING

12º

4-0

Yuan

Sujin

CHI

53º

Final

Stuart

Bingham

ING

12º

4-1

Ryan

Day

GAL

17º

(J: Jogador N: Nacionalidade RM: Ranking Mundial F: Frames)

 

Para a conclusão da época 2018/19 faltando realizar-se apenas 3 provas de RM – Coral Tour Championship (prova de RM fechada), Open da China e finalmente o Campeonato Mundial de 2019 – pelo que o interesse até ao início do Mundial (Qualificações iniciando-se a 10 de Abril) residirá essencialmente na definição do TOP 16 do RM (dando acesso direto à fase final do Mundial sem se ter que sujeitar a 3 rondas de Qualificação) estabelecido logo após a conclusão da prova chinesa (com a final marcada para 7 de Abril). E se todos os jogadores do Top 14 (atual) parecem (aparentemente) ter a sua posição garantida (de momento com Luca Brecel sendo o 14ºRM) já um outro grupo de (digamos) cerca de 4 jogadores terá ainda de lutar muito para alcançar tal objetivo (o Top 16) − e restando-lhes apenas o Open da China: Jack Lisovski (ING/15ºRM), David Gilbert (ING/16ºRM), Ryan Day (GAL/17ºRM) e Joe Perry (ING/18ºRM).

 

Coral Tour Championship

1ªEdição do Troféu

(Prémios: 150.000£/60.000£/40.000£/20.000£)

Atual Líderes da Coral Cup:

Ronnie O’Sullivan e Judd Trump

 

índice.jpeg

Mark Allen

(Líder do RM a um ano)

 

A partir de 19 de Março (terça-feira) e estendendo-se até domingo (24 de Março) desenrolando-se uma nova prova de RM (a 18ª da época) com participação por convite e limitada aos 8 melhores do RM a um ano − integrando praticamente todo o TOP 8 do RM exceção feita ao escocês John Higgins (com participação mais fraca esta época/depois de 2 anos finalista do Mundial, mas aí sendo derrotado, afetando-o na sua performance seguinte, apesar de ser o Vice-Campeão do Mundo) aqui substituído pelo inglês Stuart Bingham. No fundo com a atual Elite do Snooker Mundial (e neste caso sendo indevidamente beneficiada, em relação aos restantes jogadores, sem a qual essa mesma Elite não existiria) a decidir entre si o TOP 8 do RM, aí e entre 3 desses jogadores – MARK SELBY, RONNIE O’SULLIVAN e MARK WILLIAMS − indicando qual chegará ao Open da China como Líder do Ranking Mundial.

 

CORAL TOUR CHAMPIONSHIP

 

Fase

J

N

RM

J

N

RM

QF1

Mark

Allen

IRLN

Kyren

Wilson

ING

QF2

Neil

Robertson

AUS

Mark

Selby

ING

QF3

Judd

Trump

ING

Mark

Williams

GAL

QF4

Ronnie

O’Sullivan

ING

Stuart Bingham

ING

12º

(QF: Quartos-de-Final)

 

E com o Coral Tour Championship (na sua 1ª edição) sem transmissão televisiva (ou não fosse este já um torneio fechado), restando-nos agora e pacientemente (apesar de tudo sempre podendo ver algo antes via WEB) esperar pela chegada do OPEN da CHINA e pelo dia 1º de Abril (quando o mesmo começa). Entretanto e para finalizar e concluído o Challenge Tour (uma 2ª Divisão do Snooker dando acesso direto a provas de RM nos dois anos seguintes – ou seja para 2019/20 e 2020/21) com os ingleses BRANDON SARGEANT e DAVID GRACE a garantirem esse acesso direto sendo respetivamente 1º e 2º do RCT (Ranking Challenge Tour, englobando 10 provas esta época).

 

No dia 1º de Abril com o Snooker a voltar simultaneamente

À ação e aos ecrãs de TV

(na EUROSPORT).

E logo a partir de Pequim.

 

Com uma prova Milionária (atribuindo ao vencedor 225.000£)

Sendo o detentor do troféu Mark Selby (atual Líder do RM).

 

Infelizmente sem a presença (por opção do mesmo) do inglês Ronnie O’Sullivan

Mas talvez aí presente (esperemos) entre os comentadores Eurosport.

 

(imagens: abola.pt – snookerhq.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 19:32

16
Dez 18

Iniciado a 27 de Julho com a disputa do MASTERS de RIGA (vitória na final do australiano Neil Robertson batendo o inglês Jack Lisovski por 5-2 – prémio para o vencedor de 50.000£) realiza-se hoje (domingo 16 de Dezembro) a final da 10ª prova da época (2018/19) contando para o Ranking Mundial: a Final do OPEN da ESCÓCIA entre o norte-irlandês MARK ALLEN (à procura da 2ª vitória esta época depois de ter ganho o Campeonato Internacional) e o inglês SHAUN MURPHY (atingindo a sua 1ª final esta época). Regressando as provas de RM apenas em 2019 com a disputa do MASTERS da ALEMANHA (detentor do troféu Mark Williams/GAL) – com Ronnie O’Sullivan (mais uma vez de uma prova de RM) e Mark Allen ausentes.

 

WST0006_SO18_TourBanner.jpg

Cartaz de promoção do OPEN da ESCÓCIA de 2018

À frente com Neil Robertson/AUS detentor do troféu (conquistado em 2017)

tendo ao fundo duas lendas ainda vivas e bem ativas da modalidade (Snooker)

Mark Williams/GAL à esquerda e John Higgins/ESC à direita

(respetivamente atuais Campeão e Vice-Campeão do Mundo de Snooker)

 

Meia-Final do Open da Escócia

 

MF

J

RM

F

J

RM

1

Mark

Allen

(IRLN)

0-1; 0-2; 0-3

0-4; 1-4; 2-4

2-5; 3-5; 4-5

5-5; 6-5

Daniel

Wells

(GAL)

59º

2

Shuan

Murphy

(ING)

11º

1-0; 2-0; 3-0

3-1; 4-1; 4-2

4-3; 5-3; 6-3

Judd

Trump

(ING)

(MF: Meia-Final J: Jogador RM: Ranking Mundial F: Frames)

 

Uma prova que confirmará Mark Selby (1º), Mark Williams (2º) e Ronnie O’Sullivan (3º) como os três primeiros do RM – e quanto ao ranking da época com os três primeiros a serem Mark Allen (1º), Ronnie O’Sullivan (2º) e Mark Selby (3º) – e que manterá os 9 vencedores de provas (caso vença Allen) ou a estreia de um 10º vencedor diferente (caso vença Murphy).

 

Final do Open da Escócia

 

Jogador

MARK

ALLEN

SHAUN

MURPHY

Foto

Allne.jpg

Shaun-Murphy.jpg

Nacionalidade

Irlanda Norte

Inglaterra

Idade

32

36

Profissional

(desde)

2005

1998

RM

(e da época)

(1º)

11º

(31º)

Campeonatos do Mundo

MF

(no CM de 2001)

CM em 2005;

VCM em 2009 e 2015

Provas de RM

4

7

Outras provas

7

15

Vitórias entre ambos

(e frames)

6

(62)

12

(76)

Open da Escócia

(melhor resultado)

4ª R

(em 2004 e 2016)

2ª R

(em 2016)

(CM: Campeão Mundo MF: Meia-Final VCM: Vice-Campeão Mundo)

                                 

Na final a disputar este domingo (na Arena Emirates em Glasgow) e a realizar-se em duas sessões (14h e 20h locais) à melhor de 17 FRAMES (vence o jogador que ganhe 9) – e concluída a mesma – seja qual for o resultado com MARK ALLEN a reforçar a sua posição de Líder do Ranking da época e com Shaun Murphy caso vença a 9ºRM (ultrapassando Kyren Wilson e Neil Robertson de momento e respetivamente 9º e 10º).

 

(imagens: worldsanooker.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 02:14

04
Nov 17

Oppo Internacional Championship

29 Outubro/5 Novembro

Daqing ‒ China

Meias-Finais e Final

 

mark-selby-and-mark-allen.jpg

Mark Selby e Mark Allen

(Finalistas do Oppo Internacional Championship)

 

Resultados das Meias-Finais:

 

Fase

J

N

F

J

N

MF 1

MARK

SELBY

ING

9-3

MARTIN

GOULD

ING

MF 2

MARK

ALLEN

NIRL

9-2

YAN

BINGTAO

CHI

(J: Jogador N: Nacionalidade F: Frame MF: Meia-Final)

 

Apesar das boas prestações de Martin Gould e de Yan Bingtao nas 5 rondas anteriores (especialmente a do jovem chinês despachando dois ex-Campeões do Mundo Ronnie O’Sullivan e John Higgins), chegados às Meias-Finais com os mais experientes MARK SELBY e MARK ALLEN a deixarem bem expresso nos resultados a sua superioridade.

 

Final (a disputar Domingo dia 5, à melhor de 19 partidas):

 

Final

J

N

RM

-

J

N

RM

Final

-

MARK

SELBY

ING

1

VS

MARK

ALLEN

NIRL

6

-

Fase

J

N

RM

F

J

N

RM

F

Q

Ashley

Hugill

ING

116

6-1

Peter

Lines

ING

104

6-3

1ªR

Cao

Yupeng

CHI

69

6-4

Zhao

Xintong

CHI

73

6-4

2ªR

Tom

Ford

ING

32

6-4

Mark

King

ING

21

6-5

3ªR

Mark

Williams

GAL

17

6-4

Martin

O’Donnell

ING

83

6-5

QF

Robbie

Williams

ING

48

6-2

Judd

Trump

ING

3

6-5

MF

Martin

Gould

ING

19

9-3

Yan

Bingtao

CHI

37

9-2

(RM: Ranking Mundial R: Ronda QF: Quartos-de-Final)

 

Com esta a ser a 11ª Final individual desta época 2017/18 (do Circuito Mundial), com 3 provas não contando para o RM e outras 8 contando (para mesmo RM): em todas as 10 provas já disputadas tendo todas um vencedor diferente, tal como acontecerá de novo nesta 11ª prova estreando-se agora MARK SELBY ou MARK ALLEN. E no caso de ser o primeiro (Selby), atual Campeão do Mundo e Líder do RM, sendo apenas um caso de reerguer o Troféu (já conquistado o ano passado).

 

[Transmissão: EUROSPORT ‒ Domingo, 5 de Novembro de 2017 ‒ 1ª Sessão/07:00 e 2ª Sessão/12:30]

 

(imagem: snookerhq.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:09

Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

13
14

23

25
26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO