Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

12
Ago 19

[Com a distância atual entre o planeta TERRA e o planeta JÚPITER, a ser aproximadamente de 711,9 milhões de Km – e aumentando até final deste ano.]

 

'Totally breathtaking’

 Meteor EXPLOSION on Jupiter captured in rare footage.

(RT/rt.com)

 

pia22949.jpg

1

Júpiter a partir da composição de 4 imagens recentes

(obtidas a 29.05 pela sonda JUNO e posteriormente editada numa só)

Num registo obtido a uma distância de apenas 8600Km/18600Km do Gigante

(imaginando-se o “sofrimento” da sonda circulando sob o poderosíssimo Campo Magnético)

 

Com o ESPAÇO a ser uma VIA de COMUNICAÇÃO no nosso caso integrando “Pontos, Planos e Dimensões” constituindo o nosso SISTEMA PLANETÁRIO (Sistema Solar) − onde naturalmente existem Veículos aparentemente Estáticos (parados) e outros mais ou menos Dinâmicos (em movimento), mas na Realidade com “todos eles mexendo-se, demonstrando pertencerem a um mesmo Conjunto e estarem VIVOS” – centrado numa estrela particular e Extraordinária (o SOL) assim considerada (e relevada) por nela integrar um Mundo (até agora único e exclusivo por nele aparecer Vida e entre ela o HOMEM) não só Mineral como simultaneamente ORGÂNICO (com algo de semelhante ainda não tendo sido encontrado neste sistema e até na galáxia que o alberga, a VIA LÁCTEA), torna-se sempre interessante não só pelo mistério que o envolve como pelo conhecimento que desses fenómenos poderemos obter (usufruir e desenvolver) – ainda por cima para quem a partir da Terra observa o Espaço que a envolve (em constante transformação desde a sua formação, ocorrida há biliões de anos), parecendo parado face à referência por nós ocupada (um ponto) e ao movimento dos outros Corpos Celestes (um conjunto) – quando um Veículo no seu trajeto habitual e cumprindo-o como sempre sem incidentes de assinalar, um dia é impactado por um outro veículo em passagem (um Viajante interno ou externo ao nosso Sistema, talvez sendo mesmo Intergaláctico) criando desde aí um elo de ligação (forte) entre ambos: integrando-se um no outro e neste caso com o maior (JÚPITER) a engolir e deglutir o mais pequeno (eventualmente um Asteroide).

 

EBbdVtJX4AAcxOu.jpg

2

Impacto de um meteoro, com a atmosfera de Júpiter

(cerca das 04:07 UTC de 07.08.2019)

 

Segundo notícia RT (rt.com) baseada numa observação de um astrónomo-fotógrafo amador do TEXAS (EUA) − Ethan Chappel – com este “Observador de Estrelas” norte-americano na passada quarta-feira (7 de Agosto) e após um registo de vídeo tendo como protagonista o maior planeta do nosso Sistema o GIGANTE GASOSO JÚPITER, a constatar mais um Impacto de um objeto (asteroide/cometa) com o protagonista do registo: com um meteoro a impactar Júpiter, a explodir de imediato aquando do encontro (com a sua atmosfera e cobertura de nuvens) e a fragmentar-se, perdendo-se de seguida na densa, poderosa e turbulenta atmosfera do Gigante. Num caso em tudo semelhante ao registado em JULHO de 1994 (sendo tudo instantâneo, comprovando a semelhança do tempo de vida de uma mosca e de um Homem, já lá vão não o parecendo no espaço, 25 anos) quando o cometa SHOEMAKER-LEVY 9 no seu trajeto orbital e após se partir aos pedaços (em vários fragmentos menores), movimentando-se na direção de Júpiter acabou por o encontrar e impactar: oferecendo-nos aí as primeiras imagens por nós observadas e registadas (pelo HOMEM) de um impacto direto e ao vivo entre dois corpos (extraterrestres) pertencentes ao Sistema Solar.

 

EBiHW29WsAA97n5.png

3

Júpiter com uma das suas 79 luas Europa, à esquerda

(a 07.08.2019 meia-hora após o impacto do meteoro com Júpiter)

 

“Cálculos mostraram que o cometa passou o LIMITE de ROCHE de Júpiter em julho de 1992, e as FORÇAS da MARÉ do planeta fizeram com que ele fosse fragmentado em vários pedaços de até 2 KM de DIÂMETRO. Esses fragmentos colidiram no HEMISFÉRIO SUL de Júpiter entre 16 de JULHO e 22 de JULHO de 1994, a uma velocidade de 60 KM/S. As manchas que o impacto causou foram mais fáceis de visualizar do que a GRANDE MANCHA VERMELHA e ficaram visíveis durante meses.”

(wikipedia.org)

 

Um registo de ETHAN CHAPPEL apontando para a parte sul da cintura equatorial do planeta, pelo Tempo/Espaço escolhido acidentalmente (aleatoriamente, talvez por predestinação), mostrando-nos um espetáculo astronómico raro de se ver, mais entre nós (na Terra) do que “lá longe−  com a taxa de impactos em Júpiter se comparada com a da Terra a ser 2000X a 8000X superior (muito maior), razão pela qual poderemos considerar o nosso GIGANTE como o nosso 1º Defensor, a nossa grande Muralha de Proteção contra possíveis invasores e seus ataques (a nossa “Muralha da China”) e talvez o verdadeiro motivo pelo qual ainda hoje existimos, considerando o TRIO FANTÁSTICO composto pela TERRA, a VIDA e o HOMEM. E para lá do registo do astrónomo norte-americano Chappel, aguardando-se agora os possíveis dados e imagens recolhidas pela sonda JUNO: a única sonda ainda no ativo (para lá das ainda e para sempre em viagem como as sondas VOYAGER ou “as já estacionadas ou suicidadas” como a sonda CASSINI) naquelas regiões distantes do nosso Sistema Solar. E ainda sem tripulantes no Local (nem na LUA e muito menos em MARTE) exceto na única estação (de Partida) – a ISS (Estação Espacial Internacional) − há muito concluída e já em decadência: sem carris visíveis nem apeadeiros entretanto construídos (nem sequer pensados).

 

skymap.png

4

Mapa do céu a 11 de Agosto de 2019

Mostrando-nos a localização de 2019 OU1

(com a sua maior aproximação à Terra para 28 do mesmo mês)

 

[E já agora, depois da passagem recente de dois NEO (Objetos Passando nas Proximidades da Terra) não sendo PHA (Objetos Potencialmente Perigosos) – dada a sua dimensão menor que 100m (22m e 38m) − muito próximos de nós (pouco mais de 2X a distância Terra/Lua) e ainda de um outro “monstro(de 339m) mas passando já bem afastado ( a 7,5 milhões de Km), a notícia de que um outro objeto (com 90m/160m) além de NEO sendo-o igualmente PDA, passando a uma V= 13/18 Km/s e a apenas 1 milhão de Km de nós: curiosamente observado pela 1ª vez há pouco mais de 15 dias e considerado de código 8 – numa escala de 0 a 9 indicando-nos tratar-se de um objeto com um órbita bastante incerta (podendo-se desviar do trajeto inicialmente previsto e até no limite impactar), aparentemente apenas definida hoje (dia 11). Como se vê com tudo sendo feito à “Última da Hora” com o Impacto a poder “tocar o joelho” e provocar uma reação reflexa instantânea (sem possibilidade de resposta/reação) de consequências tão inesperadas como trágicas.]

 

(imagens: (1) Juno/Kevin M. Gill/nasa.gov − (2/3) Ethan Chappel/Chappel Astro@ChappelAstro/twitter.com − (4) theskylive.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:26

29
Mai 12

LFS descobriu a bandeira portuguesa e desde aí usamo-la como pano para limpezas

 

Código PD 06.12

 

De pé ou sentados parecem preservativos

 

SS o grande líder do grupo JM resolveu pegar em 23 dos seus mais referenciados funcionários em artigos de revistas internacionais (agora 24) e pô-los à venda e à disposição de todos os portugueses com um desconto que poderá chegar em certos casos até aos 100% ou mesmo ultrapassá-lo. Lavados, alinhados e finalmente numerados estes 23 artigos – alguns de origem portuguesa duvidosa – a cadeia de distribuição nacional que os irá transacionar, divulgará num catálogo promocional a lançar brevemente no estrangeiro as virtudes destes produtos e as vantagens futuras que poderão ter para os seus utilizadores.

 

A campanha já se estendeu fortemente e com imenso sucesso à Polónia, esperando SS ter terminado esta operação de renovação de Stock, nos primeiros sete dias de Junho. Os bonecos serão vendidos em séries de três, com pilhas normais ou alcalinas, conforme o tempo de duração desejado pelo comprador – deve-se evitar pilhas recarregáveis pois a duração deste produto é deveras limitado no tempo.

 

O antigo coordenador destas almas penadas foi visto a pedir à porta de um hotel de um país vizinho da Polónia – juntamente com o Presidente do seu país que já se tinha queixado da sua penúria crescente – perdido na sua loucura e anunciando constantemente outra lista suplente de bonecos escolhidos por ele, mas sem as caraterísticas fundamentais para tal exercício e atividade.

 

Entretanto soube-se há poucos momentos que uma nova campanha de promoção comercial do PD em parceria com uma marca conhecida de preservativos que os irá promover como excelentes (e extensíveis) sacos de compras para estas ocasiões solenes, irá arrancar brevemente e com descontos fenomenais.

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 15:28

Setembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

16
18

22
23
24
25
26
27
28

29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO