Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

24
Nov 15

À custa das suas maiorias (reais e imaginárias), Cavaco Silva e Passos Coelho poderão vir a ser com a imposição unilateral das suas brilhantes e inatacáveis opções políticas (impostas de uma forma prepotente mesmo no interior do seu partido de origem social-democrata), os grandes carrascos do PSD.

 

Pelo menos durante os próximos dois meses serão estes os dois protagonistas da política portuguesa (nunca esquecendo o presidente da Assembleia da Republica): um com contrato a termo incerto, talvez longo e na posse de todas as suas faculdades políticas (o que é bom), o outro com contrato a tempo certo, perto do fim e limitado nas suas faculdades políticas (o que é mau). Assim e da mesma forma que qualquer outra identidade religiosa logicamente o desejaria, esperemos que o Bem/Bom se sobreponha e acabe com o Eixo do Mal.

 

thumbs.web.sapo.io.jpg

António Costa e Cavaco Silva

 

Então lá para fins de Janeiro nascera um novo clone, à imagem do da esquerda ou então do da direita.

 

Com o candidato da direita a já ter sido inseminado, tendo poucas semanas até se certificar do seu sexo (da sua verdadeira posição ideológica face ao tão problemático quadro atual), mas terminando a sua gestação apenas ao fim dos nove meses (quando sendo o clone perfeito, demitirá logo o Governo): num pré-percurso bastante curto (e que o levará até ao ato eleitoral) mas sujeito a muitas marteladas, extremamente orientadoras e como tal inevitavelmente cerceadoras. Se não ganha à primeira (volta)…

 

Quanto ao candidato da esquerda, eles são muitos e recomendam-se. A sua escolha está em aberto e o cenário propiciasse: Presidente da Assembleia e Governo de esquerda, fase ainda inicial do governo PS (as eleições presidenciais estão aí à porta) e esperança ainda intacta de uma maior estabilidade para todos os cidadãos (sempre que algo muda, logo surge a esperança de que algo vá mesmo mudar – e se ninguém se mexer, então é porque já estamos mortos). É mesmo só quere e entretanto escolher. À primeira ou até à segunda volta.

 

(imagem: SAPO)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 12:32

05
Jan 15

"Que espera o presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, para, em nome dos portugueses, intervir quando dentro de poucos meses o poderão julgar a ele quando terminar o seu mandato presidencial?"

 

img_300x400$2013_11_22_09_33_47_210121.jpg

Mário Soares

 

O primeiro e velho pistoleiro português que fez há poucos dias noventa anos, a desafiar claramente e ao fim de quase trinta anos de opressão cultural e obliteração progressiva da nossa memória, o poder prepotente e castrador do nosso ainda actual e carismático Padrinho.

 

(texto em itálico: Jornal de Notícias – imagem: Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:48

05
Nov 13

Ou será que existem Criminosos Inimputáveis?


  • Caso Pontual

Onda de calor em Portugal matou perto de 1700 pessoas

 

"Quase que atingia os objectivos do governo. Para o próximo ano, os números serão certamente outros. Os idosos são um alvo a abater. O processo está em marcha!....E tu jovem, pensas que vais ser idoso neste país?...."

 

(leitor – CM)

  • Caso Menos pontual

Cavaco congela Conselho de Estado

 

“Pela primeira vez em cinco anos – desde que a crise financeira tomou conta do país – o Presidente da República não convocou o Conselho de Estado para os dias que antecedem a discussão do Orçamento do Estado na Assembleia da República.”

 

(notícia – Sol)

 

(imagem – Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 11:25

15
Mai 12

Os XXV Jogos Olímpicos de Verão serão realizados este ano na cidade de Londres de 27 de Julho a 12 de Agosto.

 

       

 

Espera-se que os atletas portugueses aproveitem bem este momento único das suas vidas, pois aquando do seu regresso a Portugal, terão necessariamente de bater recordes mundiais, se quiserem sobreviver em condições mínimas na companhia do RSI; caso contrário, serão dispensados sem indeminização ou deslocados como mão-de-obra barata – e forma de pagamento – para países de patrões irmãos, como Angola, o Brasil ou a China.

 

       

 

E ao mesmo tempo e como verdadeiros patriotas, estaremos a respeitar todos os desejos deste mundo e do outro, dos nossos grandes líderes espirituais (que se vão renovando constantemente, pois “só os estúpidos não mudam”):

Ter de emigrar é bom, ficar desempregado é bom, estar doente é bom, não ter educação é bom, ter crianças esfomeadas é bom, não ter casa é bom, ser roubado é bom, fazer de conta que não se vê é bom, ser vigarizado é bom, ser chefe é bom, dão-nos tudo o que é de bom!

 

       

 

Faz-me lembrar os últimos tempos como Chefe do Governo daquele Vivo-Morto recuperado posteriormente como Zombie e que dá agora pelo nome de Cavaco-Presidente e que para calar a boca daquela gente que passava a vida a protestar contra a sua política irresponsável e em declínio acelerado de credibilidade – no fim do seu último mandato – deu o incrível exemplo de África, em que as pessoas nem tinham tempo para essas pequenas ninharias, face à guerra que atravessava o continente e às centenas ou milhares de pessoas que ficavam mutiladas, sem braços e sem pernas. Espetacular!

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 11:49

Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13

19
20
21
22

24
25
27
28
29

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO