Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

05
Jan 18

Podendo-se desde já ter a certeza (quase absoluta) de que com qualquer um destes a Presidente (e mantendo-se o Mundo normal), a Geringonça arrisca-se a Governar (Portugal) pelo menos mais 4 anos (a partir de 2019 num 2ºmandato) ‒ nem o Professor os salvando.

 

image.aspx.jpg

Santana Lopes

(Lisboa, 61 anos)

 

Para quem ainda tinha dúvidas sobre quem tem (prioridade de) acesso ao Poder, basta para tal conhecer quem são os candidatos do PSD (Rui Rio e Santana Lopes) para suceder ao seu anterior Presidente (Pedro Passos Coelho): a Pedro Passos Coelho (PSD) ex-1ºMinistro (fixando-nos no buraco e posteriormente sendo derrotado apesar de vencedor), sucedendo a (colocando-nos no buraco e atualmente a contas com a Justiça) José Sócrates (PS) e antecedendo a chegada (retirando-nos do buraco) de António Costa (PS) ‒ o tal da dita Geringonça mas que apesar de tudo (de toda a maledicência tão típica do português invejoso) ainda funciona ‒  sendo agora proposto aos militantes do PSD (numa tentativa de revitalizar o partido tentando de novo alcançar o Poder) mais dois dos seus mais conhecidos fósseis, pelo seu passado profissional e político (infelizmente misturando-se e confundindo-se como acontece com a esmagadora maioria da nossa classe política) nem se sabendo qual deles (poderá ser) o melhor (?!).

 

9dfdf167b50b44497617d13e4979718c.jpg

Rui Rio

(Porto, 60 anos)

 

Vivendo-se hoje em dia governado por uma Geringonça (assim denominada pelos seus detratores e acarinhada pelos seu criadores) e por um dos Ícone da TV (anos e anos na TV a dizer-nos o que fazer) Portugal encontra-se agora entalado entre um Governo que (como todos os outros e para sobreviver) Tenta Fazer (infelizmente a maior das vezes não sabendo como e nada fazendo, um hábito dos nossos políticos) e um Presidente (servindo-se de pretensos afetos) que Exige ‒ como se a História (de qualquer grupo) além de um Presente não tivesse igualmente um Passado.

 

E à falta de quem queira ou na realidade que o consiga (nestas ocasiões de indefinição e de difícil acesso ao Poder) sendo uma das vias de resolução (temporária, mas não de solução definitiva) o recurso às prateleiras (para cima tirando-os de lá/e dando-lhes um tacho, para baixo deixando-os ficar/esperando que desistam): de um lado com Santana Lopes (ex-1ºMinstro) e do outro com Rui Rio (ex-Presidente da C. M. Porto) ‒ qual deles o pior (para tal bastando recorrer ao dito na época sobre o primeiro/mesmo sendo temporário, ou pedir a opinião dos residentes no Porto sobre o cargo do segundo). Não se compreendendo que após a derrota mais absurda ocorrida desde o 25 de Abril de 1974 (já lá vão quase 43 anos) e tendo como principal responsável desta grande enormidade política o seu líder de então (ainda ocupando a cadeira), ninguém de Novo tenha avançado (inexplicável e especialmente do interior da nova geração política/JSD, sugerindo-nos com a sua ausência poder estar implicado em conluio com os mais velhos ‒ os que antes o promoveram) limitando-se a estes dois devendo já estar reformados.

 

(imagens: jn.pt/Lusa e rtp.pt)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 17:54

06
Abr 15

“Scott Joseph Kelly (born February 21, 1964) is an American astronaut, engineer and a retired U.S. Navy Captain. A veteran of three previous missions, Kelly was selected in November 2012 for a special year-long mission to the International Space Station, which began in March 2015.” (wikipedia.org)

 

11091483_457333597756900_320099211829139941_n.jpg

O poderoso foguetão de fabrico russo utilizado no transporte dos três astronautas

 

Foguetões russos transportando astronautas para a Estação Espacial Internacional? Mas como é que tal fenómeno seria possível sabendo nós de antemão que tecnologicamente a Rússia já era e que os norte-americanos jamais consentiriam em tal provocação? Era só o que faltava vermos os Estados Unidos da América dependente seja do que for (eles que fornecem os computadores e impõe sanções económicas), ainda por cima sob o comando do autista psicótico e ex-agente do KGB Vladimir Putin. Uma impossibilidade. Mais credível seria os EUA utilizarem por necessidade ou maior eficiência tecnologia alienígena.

 

10906063_457830894373837_2356268102134203949_n.jpg

Lançamento a partir do cosmódromo de Baikonur do foguetão com destino à ISS

 

Todos nós conhecemos o grande avanço científico e tecnológico dos EUA sobre todas as outras potências existentes à superfície da Terra e de como esta grande potência é capaz de um momento para o outro e nas condições mais difíceis de congeminar, de se superar e até de nos surpreender. E até das suas novas teorias de implantação geoestratégica em diversas regiões do globo terrestre, conseguindo conciliar sem nenhum tipo de adversidade, tudo e o seu contrário. Tornando-se pois natural senão mesmo banal que em determinadas circunstâncias se aceite como circunstancial e necessárias, as imperfeições do inimigo.

 

11133803_462547303902196_8522406096096336352_n.jpg

O Coelho da Páscoa comemora a sua data visitando a Estação Espacial Internacional

 

No fundo estávamos na quadra festiva e religiosa da Páscoa e com a alegria da sua chegada ainda vivo e consciente a bordo de um foguetão russo ao interior da estação espacial internacional (ISS), tal facto levou instantânea e naturalmente o astronauta norte-americano Scott Kelly ao lugar mais elevado das nuvens e à noção do seu acto heróico executado no interior de uma nave hostil. O Coelho é aparentemente mais um agradecimento aos seus companheiros de voo e de aventura Mikhail Kornienko e Gennady Padalka, com ele lançados do cosmódromo de Baikonur no passado dia 27 de Março, em direcção ao espaço exterior.

 

Agora (na quadra da Páscoa) comodamente instalados (nas poltronas da ISS) e talvez comendo ovos e conversando com o Espírito Santo.

 

(imagens – facebook.com/pages/NASA-Astronaut-Scott-Kelly)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 01:04

20
Abr 14

“Uma besta nunca vem só: traz sempre outra com ela, para se sentir acompanhada, assim como reflectida”

 

PPC, PP e o Indígena Indigente

 

Why is he staring at us?

 

O dia em que Coelho e Portas caíram por acaso e por necessidade no desgraçado planeta Terra e durante o qual se convenceram que já eram muito conhecidos e apreciados, podendo assim e como consequência ganhar eleições e conquistar o território – uma pequena e estreita faixa de terreno perigosamente inclinada para o mar devido ao excesso de peso por ela suportada, situação por sua vez provocada pela elevada concentração local de indígenas e de outros animais de carga; indígenas classificados pelo duo alienígena como amantes da comida e da boa vida e como tal potenciais indigentes (se viveram em cima também o podem fazer em baixo).

 

E não é que só de os olharem os portugueses se excitaram e se vieram em votando?

Correram com o Pinóquio – que até apresentava um apêndice bem comprido – para ficarem com uma praga de coelhos!

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:34

18
Fev 14

“Em apenas seis anos o PIB decaiu 6%.

Ou seja, dez milhões que viste a voarem da tua carteira.

Mas podes estar descansado: segundo o Coelho foi para teu bem.

E o Chefe tem sempre razão – assim o confirma o Mordomo CS”

 

Mas afinal o que foi o 25 de Abril de 1974? Um Golpe de Estado? Talvez nem isso!

Aposto mais numa revolta dos filhos ricos e remediados, contra o poder do dinheiro das velhas carcaças (os pais).

 

Só não cora porque não tem vergonha”!

(João Oliveira)

Verdade

 

1.ª Criatura de Cima – Paulinho das Feiras

(como gosta de ser conhecido para azar de quem acredita)

 

Comentário (2.ª Criatura de Baixo – Leitor Sol) – ao afirmado por João Oliveira:

“Vai Trabalhar Escumalha Comunista”!!!

 

É claro que dessa fossa asséptica – a democracia reinventada e alicerçada no Estado Novo – nada se podia esperar senão vê-los a obrar.

Agora que transformassem isso em arte e nos obrigassem a cheirar, ninguém o podia esperar.

Irrevogável...

 

(imagem: Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:32

26
Dez 13

Erdogan contra Gulen – e outras coisinhas...

 

O Mundo já está todo entregue e cada um de nós só está à espera da chegada do cobrador desde sempre nomeado e por todos aceite como inevitável (lembram-se da teoria do nosso Governo de Portugal?) – a Morte!

Os políticos vestidos de fraques são apenas os cangalheiros e nós os bem-fadados (fardados) somos os nossos próprios coveiros – mas com a esmagadora maioria sendo já um sem-abrigo.

 

Com a decadência acelerada da Europa (sob o comando da velha e ultrapassada Alemanha) e pela sua posição geoestratégica – entre o Ocidente e o Oriente – a Ucrânia e a Turquia tornam-se cada vez mais apetitosas para as grandes potências e para os novos Eixos do poder mundial como os EUA, a China e a Rússia

 

Mais uma vez um povo inteiro é instrumentalizado e utilizado para um combate ilusório que “nada lhe diz nem nada lhe trás” – a luta pelo controlo da Turquia entre o grupo de Erdogan e o grupo de Gulen – apenas porque aqueles que anteriormente tomaram de assalto o poder não o quererem agora entregar, pondo-o agora à disposição duma nova mas idêntica simulação democrática, actuando de acordo com as regras pré-estabelecidas de conquista e de dominação.

 

Tayyip Erdogan

Líder do partido islâmico no poder – AKP – e Primeiro-Ministro da Turquia

 

Fethullah Gulan

Líder do movimento oposicionista – Hizmet – e constituído por muitos ex-AKP

 

Tal e qual a situação em que a Ucrânia vive já há bastante tempo e na qual o seu povo – sem ter total consciência disso – está a ser instrumentalizado e a ser colocado entre a espada e a parede, pelo menos enquanto não houver uma decisão definitiva: ou a favor da Alemanha ou a favor da Rússia, nunca a favor da Ucrânia. No caso turco e como sempre acontece em todo o lado e em todas as economias globais, lá aparece uma grande e poderosa instituição financeira e bancária – o Halkbank – a movimentar ilegalmente milhões e milhões de dólares, neste caso através dum grande homem de negócios como o poderia ser através duma outra organização – como a Goldman Sachs.

 

A evolução económica portuguesa sob o consulado dos contabilistas da Troika e do adversário do Coelho Branco da nossa querida Alice

 

Quanto a Portugal poderemos continuar sossegados e tranquilos sempre como um bom cristão e aprendiz que tudo faz e nada pede, pelo menos enquanto quisermos continuar a ser considerados pela nossa protectora e governanta alemã (e com o auxílio dos miguelistas e leporídeos traidores) os bons, bem comportados e atrasadinhos dos portugueses – trabalhadores dedicados mas com necessidades educativas especiais.

Pelo menos enquanto a porta estiver aberta e não nos tivermos de atirar pela janela!

 

Matrix – Neo e o Coelho Branco

 

Invocado em produções tão marcantes para a evolução dos mercados mundiais e para a estabilização da economia global, como é o caso do sector da comercialização de imagens – sob a forma de produtos capazes por si próprios de criar mais-valias, neste caso sob a tutela de corporações e dos seus média associados – realizações como o são o filme Matrix (com Neo associada à figura do Coelho Branco) e a série Lost (com Jack seguindo o Coelho Branco), são exemplos bem marcantes e esclarecedores da contradição tremenda e equívoca que vivemos actualmente e que aparece bem espelhada na luta cruel e por vezes sem esperança entre os sonhos dum passado nunca concretizados e as visões dum futuro ainda ausente, por assente num presente vazio verificado como inexistente.

 

(imagens – Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 18:08

01
Nov 13

1 Novembro 2013

Dia de Todos os Santos

Ex-feriado nacional

Aprovação do Orçamento

(p/comemorarmos no Dia de Finados)

 

“E todos eles decretaram o nosso destino de miséria, como se já não chegasse a nossa miséria de quotidiano”.


Família Coelho: a única que conhece o caminho

 

O Novo Fascismo do Passo Atrás (Presente), recorre ao Velho Fascismo do Passo ao Lado (Passado), para fazer recordar as virtudes do Governo do Passo em Frente (Futuro): Passo em Frente para o Abismo, a opção original.

 

(imagem – retronaut.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 16:03

30
Dez 10

Portugal 2011

 

Sócrates – o filósofo ateniense – viu o seu nome usurpado durante anos no meu país de doutores e engenheiros. E ninguém veio defender o homem (apesar de ambos serem ligados de modos completamente distintos no espaço e no tempo, com razão ou não, à homossexualidade).

Já vamos para 2011 e lá continua “o outro” – o das habitações de emigrantes na zona da Covilhã –, pronto a refazer com o seu habitual carinho cretino e mau humor, o servicinho que nós lhe recomendamos: pretende servir a pátria, como muitos outros que se encontram em fila de espera e recusa-se a abandonar o árduo trabalho, que o seu país lhe pediu para cumprir.

Estes mártires sabemos hoje nunca nos abandonam. E a prova disso, é a sua conta bancária na face oculta da Lua, que esta justiça cega e virgem tanto protege – como um OVNI dos ficheiros secretos.

E todos sabem que a inveja é um traço comum dos portugueses – porque a verdade anda por aí!

E agora vêm aí os coelhos – mamífero que por vezes se reproduz, em quantidades insuportáveis.

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 17:47

Outubro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9


22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO