Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

17
Mar 21

Tudo se iniciando numa notícia oriunda da Austrália informando-nos sobre a existência de mais uma ave em “perigo de extinção”, face a outros casos passados com outras aves (semelhantes) podendo indiciar e confirmar esse seu destino fatal (a curto-prazo): protagonista com o seu canto (rico/várias tonalidades) em centros urbanos populosos, decaindo no seu “palrar” isolando-se, diminuindo as possibilidades de acasalar e de “orientar” as suas crias ─ e desse modo condenando de vez, a sua já tão reduzida espécie. Aves conseguindo imitar outros (pássaros) que não os seus e que os cientistas e investigadores ainda esperam ensinar a cantar (em cativeiro) com gravações (talvez algo mais de 300, em liberdade).

 

Screenshot_2021-03-17 Este pássaro australiano es

Anthochaera phrygia ou Regent honeyeater

(espécie endémica do sudeste da Austrália)

 

Ficando agora com medo (e receio) de que saindo da cidade e indo viver para o campo (algo de semelhante, ao sucedido com a ave), o meu afastamento de um grande centro populacional (e comercial) esteja a contribuir para o meu isolamento por maior distanciamento aos da minha espécie deixando progressivamente de comunicar (falar) e  de conviver e de partilhar (com machos e fêmeas como eu), podendo ser um sinal (aviso/alerta) de estar mesmo em “vias de extinção”: isolando-me mais e perdendo o pio (a voz), pondo de lado a memória e a cultura (dois pilares fundamentais da minha evolução) e deixando de transmitir os meus valores aos meus próprios descendentes (filhos, netos, etc.), deixando-os (como consequência) entregues a si mesmos, expostos a todos os perigos deste Mundo, tornando-os por não entrega do meu testemunho (mantendo a minha postura) em seres “incapazes de sobreviver”. Antecipadamente e estando eu ainda por cá, simplesmente me apagando e no final desaparecendo.

 

(dados e imagem: viagens.sapo.pt)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:04

11
Jan 19

De acordo com um estudo recente

As Plantas não só Pensam como também Comunicam.

 

230315_Bees_1.jpg

Com o Mundo Vegetal (Plantas)

E o Mundo Animal (Abelhas)

Comunicando entre Si

 

Habituados a uma abelha-animada que fala (na BD e nos Desenhos Animados) e informados de que para além de nós (animais racionais e porque não irracionais) as plantas também pensam, investigadores (da Universidade de Telavive) colocam agora a possibilidade (em dois estudos seus agora publicados) das plantas para além de pensarem também comunicarem

 

– Através de ondas de ultrassons emitidas pelas mesmas.

 

E segundo esses mesmos investigadores trabalhando em Israel, com os sons emitidos pelas plantas a poderem ser escutados a alguns metros de distância, não só por outras plantas como até por animais:

 

Segundo as suas investigações e experiências levadas a cabo com Abelhas (aproveitando a conhecida relação Abelhas/Flores conferida pela polinização) (1) com as plantas (a serem polinizadas) a reconhecerem a aproximação das abelhas (os polinizadores) através dos sons pelas mesmas emitidas começando a produzir o seu néctar em poucos minutos

 

E para além disso (2) com as mesmas plantas (noutras ocasiões) a chegarem a comunicar (para o exterior) igualmente pela transmissão de sons com outras plantas (e até com animais).

 

No caso desta investigação e cingindo-nos às plantas com os cientistas a utilizarem (nas suas experiências) o Tomate e o Tabaco, recolhendo e relacionando a reação das mesmas com as alterações das condições de saúde, de humidade e de outros fatores (importantes) ambientais

 

– Notando-se uma variação nos ultrassons pelas mesmas plantas emitidas, correspondente à alteração dos valores dos parâmetros pelo meio ambiente oferecido.

 

Ultrassons na ordem dos 55Khz não audíveis por nós, mas sendo-o por outros animais (que ouvindo-os e como reação, sempre poderão responder).

 

Mas para estar mais bem informado sobre mais estas revelações envolvendo o Mundo Vegetal nada melhor do que consultar os dois artigos agora publicados:

 

Flowers respond to pollinator sound within minutes by increasing nectar sugar concentration” e “Plants emit remotely detectable ultrasounds that can reveal plant stress”.

(biorxiv.org)

 

(imagem: Getty Images)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 11:45

Abril 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9


19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO