Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

09
Mar 20

Nesta MINI TERÇA-FEIRA 10 de março SANDERS saberá em definitivo

– Tantos os ex-candidatos em correria

para serem os primeiros a apoiarem BIDEN –

Se ainda é na realidade candidato.

 

Barack-Obama-and-Joe-Biden-Election-Campaign-Poste

Barack Obama and Joe Biden Election Campaign Poster

(em freakingnews.com)

 

Ponto de situação (valores aproximados) das primárias DEMOCRATAS (DEM) e REPUBLICANAS (REP), destinadas à escolha dos candidatos (pelos respetivos partidos) à nomeação para as Eleições Presidenciais EUA 2020 (a realizarem-se a 3 de novembro de 2020).

 

Convenção DEM

1.499 dos 4.750

(3979+771)

biden1000.jpg

J.B.

Na liderança com mais de 45%

C

 

DE

%

SD

%

TD

T%

Joe

Biden

664

44,3

125

49,6

789

45,1

Bernie

Sanders

573

38,2

25

9,9

598

34,1

Tulsi

Gabbard

2

0,1

1

0,4

3

0,2

(Outros)

 

158

10,6

101

40,1

259

14,8

Por

atribuir

102

6,8

0

0,0

102

5,8

Total

 

1.499

100,0

252

100,0

1.751

100,0

37% dos Delegados à Convenção Democrática atribuídos

(C : Candidato DE : Delegados Eleitos SD : Super delegados

TD: Total Delegados T%: Total em %)

 

Após a corrida de vários candidatos DEM agora desistindo e apoiando esmagadoramente JOE BIDEN (apenas Elisabeth Warren ainda não se tendo decidido entre apoiar Biden ou Sanders), c/ o candidato oficial DEM e apoiado pelo DNC (referido como democrata-moderado) a parecer distanciar-se definitivamente do candidato rebelde (referido como socialista-comunista): c/ 1.751 delegados já atribuídos e incluindo já os SUPERDELEGADOS, c/ a verdadeira distância BIDEN/SNDERS a cifrar-se já em 191 DELEGADOS ou seja, 11% (aproximadamente) −  perspetivando-se à distância uma vitória de JOE BIDEN tal como há quatro anos sucedeu (c/ Hillary Clinton), aí c/ o candidato oficial DEM/DNC a vencer as Primárias mas perdendo de seguida (e surpreendentemente) as Presidenciais 2016.

 

Convenção REP

1.024 dos 2.550

(2.443+107)

f_dc_trump_protest_160311.nbcnews-ux-1080-600.jpg

D.T.

Na liderança com quase 100%

C

D

%

Donald Trump

1.023

99,9

Bill Weld

1

0,1

Joe Walsh

0

0,0

(Outros)

0

0,0

Por atribuir

0

0,0

Total

1.024

100,0

40% dos Delegados à Convenção Republicana atribuídos

 

Por acaso p/ Donald Trump agora candidatando-se a um segundo mandato − à sua reeleição (quem diria) e de momento sendo o favorito (nas sondagens, seja qual for o seu rival na corrida presidencial, Biden ou Sanders). E pela “atual maré DEM” se Sanders sobreviver às próximas Primárias, sendo “um espanto”.

 

7a8a430525f15be89339a3c6b83296f5.jpg

Enough is Enough

(em Pinterest.com)

 

P/C

DE

Joe

Biden

Bernie

Sanders

Tulsi

Gabbard

Democrats Abroad

13

-

-

-

Idaho

20

-

-

-

Michigan

125

54

33

-

Mississippi

36

-

-

-

Missouri

68

50,5

37,5

-

North Dakota

14

-

-

-

Washington

89

41,5

39,5

-

Sondagens média RCP

09.03.2020

(P/C: Primária/Candidato)

 

Nem sequer falando dos SUPERDELEGADOS esmagadoramente apoiando Biden, com as perspetivas para Sanders nesta MINI TERÇA-FEIRA (em eleger delegados) pelo que nos dizem as sondagens a serem algo reduzidas: apenas em Washington (não chegando) podendo ter algumas esperanças. Em princípio e desde que as máscaras caíram, formando um cortejo e sendo no fim todos BIDEN (todos desistindo, quase todos o apoiando) com o destino de Sanders a estar traçado como numa 2ª edição (réplica) de 2016: que (tal como agora nas mãos de Hillary e do DNC) também teve um começo, um meio e um fim.

 

(imagens: freakingnews.com – canoe.com – nbcnews.com − pinterest.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 12:25

05
Mar 20

Com a sombra de Hillary Clinton ainda a pairar lá por cima servindo-se sem hesitar de todo o seu peso esmagador, exercendo forte pressão (claustrofóbica) sobre os seus próprios e mais que fieis eleitores e apoiantes: servindo-se deles (tal como os outros, sejam DEM ou sejam REP) deploravelmente.

 

The-Life-of-Joe-Biden-as-a-College-Student.png

Joe Biden

De estudante a senador, VP e agora podendo ser Presidente

(escolhido o adversário do REP DONALD TRUMP)

 

Restando 3 candidatos e com os últimos desistentes (4), 3 deles apoiando BIDEN (Bloomberg, Buttigieg e Klobuchar) e 1 outro para já nada dizendo (Warren) – como conclusão, nenhum deles apoiando SANDERS – cada vez se tornando mais claro quem será o candidato à nomeação Democrata concorrendo para a Presidência dos EUA − numas eleições a realizarem-se a 3 de novembro de 2020 tendo como adversário o candidato REP e atual presidente Donald Trump: falamos naturalmente de JOE BIDEN − bastando olhar para a reviravolta registada na SUPER TERÇA-FEIRA (março, 3) quando os primeiros desistentes logo ali apoiaram Biden − o candidato oficial Democrata, não só sendo apoiado pelo topo da hierarquia DEM como também pelo DNC. E disso certamente já se tendo apercebido Sanders, esperando uma repetição do sucedido em 2016 (antes com Hillary, agora com Biden), mas mesmo assim não desistindo − até por respeito ao seu projeto e aos seus apoiantes e eleitores (algo que pelos vistos os outros não se respeitando, não respeitam).

 

[Imposta a lei do mais forte – o DÓLAR com as suas duas faces – com os dois candidatos presidenciais certificados oficialmente, a serem do lado REP TRUMP e do lado DEM BIDEN. E tendo-se apenas duas faces (mesmo sendo-se INDEPENDENTE, como Sanders, tendo de se estar integrado) não se permitindo (não se dando hipóteses) a outros candidatos. Apesar de a 3 de novembro de 2020 outros nomes aparecerem (Libertários, Verdes, Constitucionalistas e ainda, Independentes, entre outros).]

 

Designação

Candidatos

Joe

Biden

Bernie

Sanders

Tulsi

Gabbard

(Restantes)

DE

1.303

609

541

2

151

 %

100,0

46,7

41,5

0,2

11,6

Sondagens

 

Votações

de

10.03

(3ªfeira)

 

DE

(+SD)

 

Idaho

20

(+5)

-

-

-

-

Michigan

125

(+22)

21,3

27,4

1,2

-

Mississippi

36

(+5)

-

-

-

-

Missouri

68

(+10)

22,0

11,0

-

-

North

Dakota

14

(+4)

-

-

-

-

Washington

89

(+18)

12,4

25,2

0,5

-

Democrats abroad

13

(+4)

-

-

-

-

Total

365

(+68)

Joe

Biden

Bernie

Sanders

Tulsi

Gabbard

(Restantes)

(DE: Delegados Eleitos SD: Super Delegados)

05.03.2020 21:00 Lisboa

npr.org (delegados) e wikipedia.org (sondagens)

 

Peace-Action-endorses-Sanders-for-President-meme.j

Bernie Sanders

Não lhe servindo de nada ser contra o complexo Industrial-Militar

(e mantendo-se a vítima do duo HILLARY/DNC)

 

E assim na próxima terça-feira disputando-se mais umas quantas primárias DEM (num total de mais 365 delegados e infiltrando-se mais 68 SUPERDELEGADOS) com BIDEN no COMANDO, SANDERS ainda tentando controlar o LEME e GABBARD não sabendo bem o que por lá anda a fazer (“ela sabe, ela tenta, mas sem o essencial o dinheiro, não lhe servindo de nada”). Com poucos dados disponíveis sobre estas 7 potenciais eleições (realizando-se todas) e apenas se sabendo algo sobre três (3) delas – por sinal elegendo 282 dos 365 (ou seja, 77% dos DE) em jogo – em função do cenário agora montado numa corrida só a 3 (na realidade a 2), pondo de lado Gabbard (naturalmente uma futura apoiante de Sanders, tal como em 2016) e ficando a dupla BIDEN vs. SANDERS, muito podendo depender (para Sanders, indo em segundo) das primárias de Michigan e de Washington: (não se confirmando as sondagens) perdendo podendo “estar feito” e de novo, pronto a ser engolido.

 

[A 10 de março se verá − e até ao fim de março com mais sete (primárias) em disputa – mas certa e rapidamente se encontrando um vencedor: entre um velho de 77 e outro de 78, como se sabe mais suscetíveis − por idosos − ao contágio/infeção do novo coronavírus (covid-19):  razão para nos questionarmos, mas onde está a prevenção? Só se for no VP (Vice-Presidente a ser escolhido pelo Presidente)!]

 

(imagens: tun.com − sfbayview.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:01

19
Fev 20

OLIGARCH TRUMP VS. OLIGARCH BLOOMBERG

(e despachando o “socialista” Sanders)

 

[Com os antigos grandes amigos (e nova iorquinos) Trump e Bloomberg, hoje grandes inimigos e podendo mesmo defrontar-se, um pelos REP e o outro pelos DEM: nas Presidenciais EUA 2020 e desse modo, completando as duas faces da mesma moeda (o Dólar).]

 

If it ends up being Bloomberg versus Donald Trump, then that means you’ve already lost. It’s oligarch versus oligarch. It’s billionaire New Yorker versus billionaire New Yorker. It’s Wall Street versus Wall Street. They win no matter what.

(Lee Camp/Redacted Tonight)

 

bloomberg_sanders_trump.jpg

Michael Bloomberg (DEM), Bernie Sanders (DEM) e Donald Trump (REP)

 

Numa 2ª tentativa de se descartarem do candidato à nomeação presidencial Democrata BERNIE SANDERS (a 1ª tentativa tendo sido levado a cabo − com sucesso e há 4 anos − na nomeação Presidencial de 2016), se tal for necessário com os DEM a perfilharem um outro oligarca (multimilionário) para fazer frente ao oligarca atualmente no poder: Michael Bloomberg (entrando já no próximo debate DEM).

 

E no final (a 3 de novembro de 2020) o que dirão de tudo isto os eleitores? Entre dois oligarcas e seguindo a tradição, tudo apontando (salvo se Boomberg começar a oferecer viagens, eletrodomésticos, automóveis, casas, etc.)  para a reeleição de Donald Trump.

 

(imagem: AP/Reuters/Carlo Allegri/David Becker/Seth Wenig

/Photo montage by Salon/salon.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 15:10

14
Dez 19

Apesar do testamento do pai BO nomeando em 2016 HC como sua legítima herdeira, a 8 de novembro de 2016 o poder da família DEM − considerando-se a dona dos EUA − foi inesperada e brutalmente atacada num golpe dito como legal com o vencedor a obter menos 3 milhões de votos que o derrotado − destronando a esperada Rainha (HC) e lá colocando um herdeiro, mas bastardo: DT, mas da família REP.

 

“Os Salvadores da América tentando salvar o Mundo”

E deles, quem nos salva?

 

315e9046-17d2-4d91-bed7-238ca5b284b6-nadler.JPG

Na Versão DEM (um dos lados do DÓLAR) e como resposta aos REP (o outro lado do DÓLAR) os “Salvadores da América” (nesta circunstância sendo DEM, como poderiam ser REP) não se apercebendo estar verdadeiramente o poder ao lado de quem controla as IMPRESSORAS (digamos até para facilitar, o DEEP STATE)

 

Deixando o clã representante desse poder e de tudo a ele associado − os grandes conglomerados e corporações multinacionais sediadas em Washington, suportados pela força do dólar (a moeda de referência global) e pelas armas (EUA/Maior Potência Militar Global) e disseminados um pouco por todo o Mundo através de “filiais e concessões (o verdadeiro poder, o “Estado Profundo”, pelo seu absolutismo e secretismo decisório) – verdadeiramente de mãos-livres (“com auscultadores, mas sem o respetivo telemóvel”), estendidas (entre a força do punho e a necessidade do peditório) e vazias (com milhares de bocas de “auxiliares” para alimentar) e “sem saber o que fazer, com a restante Nobreza (acompanhada como sempre por alguma plebe) vendo a sua Realeza a arder na “fogueira do poder e das vaidades” pela mesma igualmente (numa conjugação das duas faces da mesma moeda, uma DEM outra REP) construída (sinais da sua degenerescência), no “sacrifício político” colocando-se ao lado deles − do REI e da RAINHA C − em vez de se colocarem ao lado do seu Povo, sendo seus representantes.

 

De um lado o Clã CLINTON e do outro o Clã TRUMP, um representando uma classe − os POLÍTICOS PROFISSIONAISo outro representando a outra – os MILIONÁRIOS PROFISSIONAIS: e com os segundos (como patrões) a despacharem os primeiros (seus empregados) e lá colocando a família (e amigos), originando a guerra entre “amigos (agora separados): algo a que estes amigos estavam habituados mas (“democraticamente e seguindo a Pirâmide”) a praticar sobre os seus inferiores.

 

“A Besta REP como face da mesma moeda Diabólica”

666?

 

51qvU0YurPL.jpg51qvU0YurPL.jpg51qvU0YurPL.jpg

The Fourth Beast: Is Donald Trump The Antichrist? (Lawrence R. Moelhauser)

Moelhauser shows us how Trump’s lies and rhetoric feed off people's worst fears to spread hate, racism, misogyny, Islam-a-phobia, unabashed bigotry and discrimination, and how that rhetoric coincides, point for point, with the prophesies regarding The Antichrist.

 

Em consequência de tudo isto – “no fundo não sendo nada” – e relativamente ao desenvolvimento de um território e dos seus cidadãos aí residentes − colocando a dita Maior Potência Global num estado de HIBERNAÇÃO, já durando ininterruptamente há mais de 36 meses, com os derrotados (olhando p/ os seus parâmetros pessoais) não tendo aceitado a derrota – com esse Grande Território a perder-se numa luta sem tréguas e sem limites entre o topo da hierarquia política (REP e DEM) numa pratica fratricida e bipolarinstigando massas populares a lutarem umas contra as outras no fundo exterminando “os deploráveis (dos dois lados) – quando o que na realidade se passa é o reconhecimento de quem tem o Dinheiro (os Milionários, representando as grandes empresas/corporações) da inutilidade e dispensabilidade da generalidade da Classe Política − como meros parasitas e intermediários do sistema (e da Máquina) que são, ainda-por-cima gastando-se dinheiro com eles muitas vezes sem grande retorno – começando a eliminá-los e a substitui-los por elementos mais próximos e de confiança (obrigatório para qualquer tipo de negócios) os seus Familiares & Amigos: e aí torcendo-se “o Rabo à Porca” colocando toda a pocilga (como se nenhum dos animais presentes tivesse “PSIQUE”) num tumulto histérico, extremo e descontrolado, com os mesmos a exigirem seguindo a “doutrina e os rituais de 1984 de Orwell”, a demissão do Porco REP para lá colocarem um Porco DEM, sendo obviamente ambos omnívoros e alimentando-se se necessário e para sua sobrevivência de tudo, até da sua própria espécie.

 

Beware the Dogs of War

Is the American Empire on the Verge of Collapse?

(John W. Whitehead/thelibertybeacon.com)

 

American-empie-1.jpg

It’s a wonder the (US) economy hasn’t collapsed yet

 

President Trump:

Wants to increase military spending by $54 billion.

The government:

Is $19 trillion in debt, has spent $4.8 trillion on wars abroad since 9/11 with $7.9 trillion in interest, lost more than $160 billion to waste and fraud by the military and defense contractors.

Spends more on wars (and military occupations) abroad every year than all 50 states combined spend on health, education, welfare, and safety.

The Pentagon’s:

Annual budget consumes almost 100% of individual income tax revenue.

Taxpayers:

Are being forced to pay $1.4 million per hour to provide U.S. weapons to countries that can’t afford them.

Soars (the burden) to more than $11.5 million a day, add in the cost of waging war in Syria (with or without congressional approval).

thelibertybeacon.com

15.04.2017

 

Uma série indo já na sua 4ª e talvez última temporada (ainda no seu início e terminando em 2020) já se falando numa possível renovação por mais 4 anos – incompreensivelmente, e apesar da repetição do guião e do vómito já provocado, ainda tendo significativas audiências (não só entre o POVO pretensamente mais próximo de desprovido de PSIQUE, mas também entre a ELITE os ditos ILUMUNADOS ou IMPREGNADOS). E pelos resultados até agora obtidos − sendo DT (e os REP apoiando-o) inteligente e a família DEM fiel à sua (pelos vistos eterna) Madrinha HC − bastando ao “Bastardomanter a postura (sem se deixar levar, pela tentação de responder) aguardando mais uma vez que os outros (os DEM) legitimem o novo Legítimo (JB), sucedendo ao Legítimo anterior (HC), aí tendo chegando eliminando o verdadeiro e desejado Legitimo (BS). Confuso? Não, por norte-americano e bipolar.

 

Deixando para as minorias uma única escolha (sendo a mesma, apesar de aparentar ser duas) de se “ser a Favor ou se ser Contra (no fundo e para eles “Pró ou a Favor”) quando o Mundo não se limita a ser “a Preto & Branco”. No fundo “Sinais da Decadência de um Império” não se querendo (em desespero) reconhecer a chegada de outro (Império) − principalmente pelos Mortos-Vivos dirigindo o Império agora (até pela Evolução) sendo descontinuado.

 

(imagens: yahoo.com − amazon.com − thelibertybeacon.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 17:17

28
Fev 16

No dia 08.11.2016 os EUA elegerão o seu próximo Presidente. Até lá realizar-se-ão as Convenções dos partidos DEM (25/28 Julho) e REP (18/21 Julho) para a escolha dos seus candidatos. De momento não se conhecem candidaturas alternativas Independentes.

 

Seal_of_the_President_of_the_United_States.svg.jpg

 

Após a realização da próxima SUPER TERÇA-FEIRA os dois candidatos DEMOCRATAS (Hillary Clinton e Bernie Sanders) terão cumprido 36% do seu percurso para a sua nomeação em CONVENÇAO como o candidato presidencial DEM.

 

IMG_2644.jpg

 

Por seu lado os cinco candidatos REPUBLICANOS (Donald Trump, Ted Cruz, Marco Rubio, John Kasich e Ben Carson) terão cumprido 61% do seu percurso para a sua nomeação em Convenção como candidato presidencial REP.

 

IMG_2647.jpg

 

O que nos conduz à conclusão imediata de que após o dia 1 de Março tanto o candidato presidencial DEM como o candidato presidencial REP (se nada de extraordinário acontecer) estarão praticamente escolhidos: Hillary Clinton pelos DEM e Donald Trump pelos REP.

 

(imagem: wikipedia.org)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 15:56

Junho 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO