Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

21
Jul 18

I

 

Enquanto nos EUA os seus atuais líderes políticos prosseguem numa Espiral de Loucura,

 

‒ Com uns a fornecerem o Combustível (os Vencedores) e outros a fornecerem o Isqueiro (os Derrotados)

 

Denotando um comportamento tão típico e sintomático de um Imperio em Decadência (ultrapassada a última fronteira e despenhando-se já no abismo),

 

O6.jpg

 

A probabilidade de um ET vir observar o seu Aviário com o mesmo já a arder será certamente diminuta (só sendo para nos comer):

 

Sabendo-se ser Nova Iorque uma das Cidades da Moda (e do Mundo) certamente sendo outros, se não russos então chineses (ou até Drones da Amazon ou Norte-Coreanos).

 

II

 

Numa confirmação adicional e recente da vulnerabilidade (e facilidade de intrusão, não detetada nem prevista) do espaço aéreo Norte-Americano,

 

O2.jpg

 

‒ Ainda agora com os russos e aproveitando o encontro TRUMP/PUTIN de Helsínquia, a apresentarem todo o seu poderoso ARSENAL NUCLEAR e a ridicularizarem a eficiência (por completamente inútil) do SISTEMA ANTI-MÍSSIL dos EUA (quem ainda se lembra do projeto Guerra das Estrelas lançado em 1983 pelo então presidente Ronald Reagan?)

 

Um objeto voador não identificado atravessou na passada quarta-feira (dia 18 de Julho) sem autorização (ou sequer conhecimento) e como tal ilegalmente,

 

‒ Sabendo-se da proibição de tais voos sem o consentimento prévio do Departamento de Defesa Aérea dos EUA, dificultados ainda mais (na sua concretização) desde os acontecimentos trágicos do 11 de Setembro de 2001 (tendo igualmente como um dos seus alvos Manhattan/Nova Iorque)

 

Os céus de Nova Iorque/Manhattan.

 

O3.jpg

 

Registado em câmara por Florin Constantin e deixando-nos logo aí (ele) uma questão:

 

Can someone explain what I just recorded? It's that an UFO”?

 

E na sequência das imagens deste UFO/OVNI (ou outro artefacto ou montagem qualquer) recolhidas por FC (tão perto do local onde teriam estado as TWIN TOWERS),

 

Com um objeto voador surgindo repentinamente e vindo de trás de uma Torre de apartamentos (também alta e destacando-se), a aparecer num instante diante da ótica e a desaparecer em menos do que isso (um instante) quase sem se ver (numa fração de segundo).

 

O4.jpg

 

Não existindo para já reações (como sempre e invariavelmente sobre assuntos menores) das entidades oficiais (presidência, governo, estados, ou até serviços secretos),

 

‒ Ocupadas como estão na sua Guerra Civil interna (ainda com os derrotados não aceitando os resultados)

 

Mas não deixando certamente de preocupar os cidadãos norte-americanos (nesta inopinada aparição sobretudo os de Nova Iorque),

 

O5.jpg

 

- Já postos perante o saudita BIN LADEN (no passado);

 

- Visualizando os mísseis de VLADIMIR PUTIN (no presente);

 

- E podendo ser postos (no futuro e como se já não bastasse) sob a ameaça (possível ‒ já que o Homem é terrível e ainda não falamos dos chineses/para os conspiradores os Seres de Olhos em Bico e que Sobrevivem unicamente comendo Arroz, daí serem pequeninos) EXTRATERRESTRE.

 

(imagens: Florin Constantin/youtube.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:36

20
Dez 17

Para já com OUMUAMUA a limitar-se a ser um Calhau de origem Extrassolar (Natural apesar da sua forma pouco usual) e que por mero acaso passou pelo nosso Sistema (Solar) provavelmente com o Homem a nunca mais o voltar a ver (nas suas diversas e sucessivas gerações). Não havendo nenhuma indicação da presença de algum tipo de ser vivo alienígena no objeto interestelar para além da presença de algumas moléculas orgânicas (como o metano) formando as Tolinas (quando expostas a radiações ultravioletas).

 

is-oumuamua-alien-spaceship-nasa-ufo-cigar-asteroi

Com o alienígena Oumuamua a poder ser uma nave perdida no Espaço

 

Descoberto em Outubro (pelo telescópio Pan-STARRSA-1) e inicialmente designado como um cometa, posteriormente observado pelo Observatório Europeu (ESO) e dada a sua estranha forma sendo designado como um asteroide (alongado e com cerca de 400 metros de comprimento), o objeto Interestelar OUMUAMUA tal como a sua designação indica originário de uma outra estrela (que não o Sol) e de um outro Sistema (que não o Solar), despertou desde a sua primeira observação (anunciada a 19 de Outubro) a atenção de toda a Comunidade Científica (assim como de outros eruditos e leigos) dado ser o 1ºObjeto Extrassolar/Interestelar a ser registado pelo Homem a entrar no Domínio do SOL: introduzindo-se no interior do nosso Sistema Solar, fazendo a sua aproximação ao Sol e atingindo o seu periélio (relativamente a esta estrela e numa trajetória curva bem aberta) para de novo se começar a afastar (do Sol e da Terra) deslocando-se para as fronteiras do nosso Sistema Planetário, atravessando-a e finalmente alcançando o Outro Lado do Espaço ‒ nunca antes percorrido pelo Homem (exceto no que toca e de uma forma indireta às sondas automáticas PIONEER e VOYAGER) e segundo alguns (entre especialistas, curiosos e especuladores) deslocando-se para VEGA (a 25 anos-luz de distância) a estrela mais brilhante da constelação LIRA.

 

Esta semana de Dezembro (hoje dia 20) antecedendo o Natal e a Passagem de Ano (e com a observação de OUMUAMUA a ter-se iniciado já no fim de Novembro) com os responsáveis pela observação deste corpo celeste de origem INTERESTELAR a fornecerem-nos as primeiras informações sobre o mesmo (atualizando os dados já conhecidos sobre este estranho cometa ou asteroide), indicando-nos tratar-se certamente de um objeto de origem Natural (não produzido por algo/alguém logo não sendo artificial) e não transmitindo a partir do mesmo nenhum tipo de comunicações utilizando diferentes ondas (e frequências) de rádio ‒ e como tal (em princípio e não existindo dados Futuros apontando em sentido contrário) não envolvendo ET’S. Um objeto interestelar agora e de novo referenciado como um cometa (cometa → asteroide → cometa mas estranho), sob os efeitos da luz (visível) revelando uma tonalidade avermelhada e sob luz infravermelha um tom mais acinzentado (o expetável de ser detetado num cometa constituído por gelo e por poeiras e exposto à ação dos raios cósmicos) mas que sendo designado como um COMETA não deixa de ter um comportamento não habitual como aquando da sua recente aproximação ao Sol: não sendo visível aquando da sua passagem no periélio (relativamente ao Sol e concretizado no seu ponto de maior aproximação) nenhuma cauda no cometa nem sinais de sublimação. No caso de Oumuamua com o fenómeno a ser explicado através de uma maior e inesperada presença de material especialmente rico em carbono (a falta de cauda/de sublimação), dando-lhe uma tonalidade diferente para o avermelhado (segundo os especialistas uma das caraterísticas para objetos localizados para lá de Neptuno) e até nomeando os seus responsáveis: as TOLINAS.

 

is-oumuamua-alien-spaceship-nasa-ufo-cigar-asteroi

Telescópio de GREEN BANK associado à observação de Oumuamua

 

“Tolina é uma molécula formada pela ação de radiação ultravioleta solar em compostos orgânicos simples como metano e etano. Tolinas têm cor vermelha ou marrom e não são achadas naturalmente na Terra atual, mas são abundantes em corpos gelados no Sistema Solar externo, como Titã. Acredita-se também que elas são um dos precursores químicos da vida na Terra.” (wikipedia.org)

 

Assim de momento e em conclusão (passados estes primeiros dias de observação do objeto Interestelar Oumuamua) com os esforços da organização Breakthrough Listen a serem todos em vão, não conseguindo receber qualquer tipo de comunicações (via rádio) oriundas de Oumuamua: com as observações levadas a cabo pelo telescópio de Green Bank (e outros observatórios em colaboração) a não detetarem nenhum sinal mantendo-se o estatuto do objeto (sendo asteroide ou cometa) de origem Natural. Negando-se portanto a versão de ter origem artificial e até ligações a ET’s (porque será que nada dizem?) e de ser apenas um (simples) calhau viajando pelo Universo (local). Não deixando no entanto a sua passagem por cá e o seu estudo mais profundo de ser deveras interessante (e importante), podendo-se aprender com Oumuamua muito do nosso Universo (e da sua Evolução) e até do que poderá existir para lá da nossa Membrana (de limite imaginário e talvez de proteção real) ‒ As Fronteiras do Sistema Solar. Mas (por outro lado) desiludindo muitos, por mais uma facada na sua (já tão mal tratada) Esperança (mesmo que louca ou delirante): “Oumuamua might be a massive cylinder-shaped generation ship or some alien space probe sent to communicate with the whales! I guess first contact – and hence, proof we are NOT alone in the Universe – is something we’ll have to wait a little longer for.” (Mat Williams/universetoday.com)

 

(imagens: GETTY+NASA e GETTY em express.co.uk)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:41

03
Jun 16

“The time-space age has begun.”

(Andrew D. Basiago)

 

Agora que os candidatos às Presidenciais Norte-Americanas de Novembro de 2016 – dos dois únicos partidos com acesso à hierarquia do poder político nos EUA – já estão praticamente definidos – a Democrata pró-sistema Hillary Clinton e o Republicano antissistema Donald Trump (na perspetiva de representarem de facto lados diferentes da mesma moeda) – atingiu-se o momento de nos debruçarmos um pouco mais sobre outros possíveis candidatos.

 

Andy-2016-Official-Campaign-Photograph.jpg

Andy 2016

Candidato independente às Eleições Presidenciais norte-americanas de Novembro de 2016

(pretensamente tendo já estado ao serviço do departamento de Defesa dos EUA em Marte)

 

Como é o caso do candidato Independente ANDREW D. BASIAGO – um reputado advogado norte-americano nascido a 18.09.1961 no estado de New Jersey – uma das figuras mais importantes do Movimento Verdade e o grande impulsionador do Projeto PEGASUS: tendo essas iniciativas em comum a tentativa de forçar os EUA a desclassificarem e divulgarem certas informações relacionadas c/ as Viagens no Tempo e c/ a existência de seres vivos em Marte.

 

"Imagine a world in which one could jump through Grand Central Teleport in New York City, travel through a tunnel in time-space, and emerge several seconds later at Union Teleport in Los Angeles. Such a world has been possible since 1967-68, when teleportation was first achieved by DARPA’s Project Pegasus, only to be suppressed ever since as a secret weapon. When my quest, Project Pegasus, succeeds, such a world will emerge, and human beings linked by teleportation around the globe will proclaim that the Time-Space Age has begun!" (Andrew D. Basiago)

 

Um indivíduo aparentemente com um passado propício à aceitação das suas razões e opiniões (mesmo que parecendo radicais), desde ter sido considerado uma criança com dotes especiais como o de fazer levitar objetos e ler a mente dos outros, apresentar um QI bem acima da média, ter sido utilizado em programas governamentais nos anos 60/70 tendo como tema as viagens no tempo e finalmente ter sido de novo convocado pelo seu Governo nos anos 80 efetuando diversas viagens a Marte.

 

M0400291.gif

Estruturas de tubos de vidro visíveis sobre a superfície de Marte onde circulariam criaturas com formas humanoides

(segundo Andrew D. Basiago)

 

"I am leading the campaign to achieve political recognition that Mars is inhabited – and that American chrononauts first visited Mars via jump room on behalf of the CIA over 30 years ago – because we must enact an international treaty to protect the ecology and civilization of Mars.  We must remember that Mars does not belong to us. Mars belongs to the Martians. If we fail to recognize this, then we will fail our first major test of cosmic citizenship. I believe that the people of the Earth are ready for cosmic citizenship and I believe that they are ready for the truth!" (Andrew D. Basiago)

 

Um candidato apresentando-se às Presidenciais norte-americanas sob o lema “Um Homem em nome da Verdade”. Prometendo se for eleito revelar toda a verdade sobre as Viagens no Tempo e as Visitas ao planeta Marte, ele que se reclama de já ter utilizado (a máquina do tempo) e feito (a viagem a Marte) – em duas operações levadas a cabo pelo Departamento de Defesa dos EUA e tendo como destino Marte.

 

Apresentando na sua candidatura nada mais, nada menos do que 100 propostas, sob a designação “Uma Nova Agenda para uma Nova América”. E das quais apresentamos apenas 6 e dedicadas unicamente a um dos contextos das várias propostas – nesta caso a procura da Verdade/TRUTH (consulta em andy2016.com/proposals):

 

Proposals The President should

Pardoning

Snowden

Pardon Edward Snowden and give him the Presidential Medal of Freedom

Extraterrestrial

Disclosure

End the ET cover-up in a live, televised address to the American people

Mars

Transparency
Disclose the existence of the secret US presence on the Red Planet

Space

Transparency

Declassify the secret space program and treaties with off-planet civilizations

Reinvestigating

9/11

Appoint a new 9/11 commission and release the 28 classified 9/11 report pages

Missing

Trillions
Search for the $2.3 trillion that went missing the day before 9/11

 

Uma candidatura que se for capaz de ser levada até ao fim, pelo menos terá a virtude de abrir mais um bocado os olhos daqueles que julgam que o mundo e a vida se resumem unicamente ao seu buraco – com um cantinho guardado para Deus – e que para além do mesmo nada mais existirá – pelo menos enquanto não vier uma ordem em contrário. Pelo menos para aqueles que ainda pensam que é o Sol que gira à volta do Homem.

 

(imagens: andy2016.com e mssss.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:42

06
Mar 16

“Na sua caminhada espacial em direção a MARTE (com HUMANOS a bordo das naves) EM certamente terá que lidar com os ET (provavelmente preocupados face a esta MIGRAÇÃO) – que como todos sabem (e vêm) já andam por aí!”

 

A empresa de exploração espacial SPACE X do milionário sul-africano ELON MUSK, lançou na passada sexta-feira no cumprimento da sua Missão SES-9, o seu foguete FALCON 9 transportando a bordo um satélite de comunicações.

 

107ceb57-f053-489e-ba70-efb15f19b337_640x427.jpg

Lançamento do satélite de comunicações SES-9 utilizando o foguetão FALCON 9 da SPACE X

 

A operação decorreu de acordo com o que estava previsto pelos técnicos responsáveis pela missão, acabando o satélite por ser colocado em órbita geoestacionária a cerca de 36.000Km da Terra. Em mais uma operação com sucesso por parte da iniciativa privada (norte-americana) e que coloca mais uma vez em causa o papel desempenhado atualmente pela agência espacial governamental NASA – desde que abandonou a Lua e os voos tripulados.

 

A única etapa deste voo que não decorreu conforme o planeado (mas previsível dado o peso adicional do satélite de comunicações SSE-9 transportado – 5.300Kg) foi a da aterragem do foguete FALCON 9, que devido ao peso do satélite e à prioridade da sua proteção e segurança acabou por gastar mais combustível na ascensão, diminuindo-o e tornando-o insuficiente nas manobras da travagem para a descida: ao contrário da última aterragem (perfeita) executada em terra, desta vez a aterragem numa plataforma oceânica improvisada foi demasiado brusca (fracassando) e como tal não tendo sido eficaz neste importante objetivo (financeiro pela recuperação do foguete).

 

19.16.jpg 19.16 B.jpg

Objeto Voador Não Identificado

 

No entanto e segundo ELON MUSK, com o decorrer de todo o processo este pormenor será fácil e rapidamente resolvido – deixando assim a NASA entretida e cada vez mais isolada num cantinho do ESPAÇO com as suas sondas telecomandadas (e seu brinquedo preferido a ISS) e abrindo à SPACE X (e a todos os outros privados que o desejem como a VIRGIN GALATIC do milionário britânico RICHARD BRANSON) o caminho livre para a Conquista de Espaço e para a Colonização do planeta Marte (um dos sonhos/realidades de ELON MUSK).

 

Entretanto e apesar de este ser mais um feito extraordinário oriundo da iniciativa privada e do conhecimento e capacidade do Homem, não foi o acontecimento em si que me chamou a atenção, mas alguns pormenores da transmissão ao vivo do voo do foguete FALCON 9 quando este se encontrava já a cerca de 165Km do nosso planeta (deslocando-se a v=27.000km/h) para proceder à colocação do satélite de comunicações SES-9 em órbita (geoestacionária) – com vários objetos estranhos atravessando constantemente o ecrã (o que a NASA mais preventiva e calejada costuma sempre eliminar, interrompendo temporariamente as ditas transmissões).

 

V.jpg

Ampliação do objeto voador

 

O que parece vir a comprovar a afirmação feita por muitos observadores independentes (desde leigos a eruditos e/ou passando por entidades mais ou menos oficiais) de que não estaríamos sós (no Universo) mesmo nas proximidades da Terra (ou no interior do Sistema Solar): o nosso planeta estaria mesmo num momento de intenso movimento exterior, comprovado factualmente pelo contínuo avistamento de objetos estranhos sobrevoando as imediações da Terra. E aí estas imagens parecem ser (pelo menos) mais um contributo válido para a continuação da especulação em redor deste tema (tão misterioso e interessante como credível), tão claras elas foram e tantas vezes repetidas.

 

É certo que em muitas destas imagens os objetos que aparecem no ecrã são mero lixo espacial, muito dele provocado pela passagem do foguete FALCON 9. No entanto são visíveis por diversas vezes objetos a descreverem trajetórias retilíneas, atravessando o horizonte visual da câmara instalada no veículo da SPACE X. O que também sucede neste caso aqui apresentado em que um objeto voador não identificado (aparentemente de forma cilíndrica) é observado a atravessar o campo visual da câmara apontada para as traseiras do foguete FALCON 9: mais lixo ou algo de mais?

 

“Our sun is one of 100 billion stars in our galaxy. Our galaxy is one of billions of galaxies populating the universe. It would be the height of presumption to think that we are the only living things in that enormous immensity.” (Wernher von Braun)

 

(EM: Elon Musk – ET: Extra Terrestre)

 

(imagens: spacex.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:29

01
Fev 16

Desculpem lá esta coisinha mas os norte-americanos são irresistíveis!
(de mais estas vindas dos Estados Unidos e com as presidenciais no horizonte)

 

I

 

A Razão pela qual HC poderá não ser Presidente

 

Na procura incessante das respostas que nos possam “Oferecer o Mundo” (por vezes por simples fenómenos de ação/reação de algum tipo de enzima que nos proporcione tais atitudes/comportamentos), chegamos sistematicamente e sem saber bem porquê às suposições do costume (oficiais e indiscutíveis): desde que atribuídas a Entidades Superiores (as Chefias) previa e devidamente certificadas (com a anuência coagida mas democrática dos seus respetivos subalternos).

 

Nesse sentido e no cumprimento do seu dever (como um qualquer rebanho dirigido pelo seu chefe ocasional), demonstrando uma capacidade qualitativa diminuída mas quantitativamente insuperável (o que deles esperamos é a Continuidade ou seja indiferença e status quo), muitas vezes desmentidas por ações e (vejam lá) por meras expressões físicas, momentâneas e comportamentais (simulações faciais). Sendo esse o “caso contrário” de HC ao mesmo tempo convidando-nos ao lado mau do espanto e simultaneamente ao lado bom da indiferença (no fundo a algo e ao seu contrário) – como se acreditasse em ET’s, gozasse com a sua existência e fosse (apenas) um deles (mais um)!

 

Convencendo-nos da verdade (evidente) de que nós também o somos (alienígenas) – até agora vistos como estranhos numa terra também estranha.

 

À primeira vista até parece!

 

Hilary-UFO-631308.jpg

Estará HC numa posição privilegiada?
Ou será apenas mais uma máscara?
(talvez disso dependendo a sua eleição a Presidente)

 

E como eu sei que a “Verdade anda mesmo por aí” (que o digam os X-Files) acredito mesmo que HC não deverá ser deste Mundo. E se alguém ainda tiver algum tipo de dúvidas (de que estamos perante uma luta de morte entre a preservação do Estado Corporativo e o Estado das Corporações), basta olhar para a sua ação e para a sua expressão: se eu fosse um alienígena afirmaria o mesmo sobre ela (HC). O que desperta entre todos (neste caso os eleitores) um sentimento de desconfiança (e de apreensão): será que eu estive durante anos, olhando sempre para o Céu (alguns diziam para a Lua chamando-me mesmo lunático), à procura de um Deus (algo que fosse o objeto original, mas jamais à nossa imagem) e no encalce de um milagre (a sua obra suprema superando a nossa realidade), apenas para me darem um boneco (insuflável e disponível) orientando-se pelas marés? Com tantos pontapés (na inteligência e no rabo) é claro que não!

 

Razão pela qual também não sou certificado (mas já o tendo sido antes – já agora falo de mim) hoje em dia perdido e sendo apenas tolerado (reconhecendo que para já, pois amanhã logo se verá). E pela qual outros subprodutos (que não eu) atingem a celebridade (a única forma que o poder tem para se perpetuar esmagando a concorrência – boa, má ou de outra origem qualquer) e até ganham eleições (poder): mesmo não acreditando nisso e face a opositores de grande peso (mais terrestres do que extraterrestres). Como sempre nestas histórias com o mesmo resultado: não ganha o terrestre, não ganha o extraterrestre…ganha sempre o capataz – “3 vezes 9 vinte e sete, 2+7 dá nove e 9’s fora dá nada” um verdadeiro Zero (e já agora neste esquema qual é o teu verdadeiro lugar?)!

 

(imagem: WEB)

 

II

 

A Influência Extraterrestre nas Presidenciais US 2016

 

“Para a concretização eficaz de um projeto toda a influência deve ser contabilizada”
(pelo menos é o que parece pensar a candidata Hillary Clinton)

 

hillary-ufo-embed.jpg

Autoestrada Extraterrestre
(destino Casa Branca)

 

Clinton promises to investigate UFOs
(conwaydailysun.com)

 

Se alguém ainda tinha dúvidas sobre a supremacia demonstrada pelos US durante anos e anos consecutivos e progressivamente generalizada a nível global (falando naturalmente do planeta Terra), com a campanha presidencial de 2016 ficamos a saber que a estratégia de alguns dos seus candidatos não se limita apenas à Terra (e aos seus habitantes) estendendo-se agora numa tática de expansão (e se possível de colonização) ao longo do Espaço Exterior (e aos prováveis alienígenas).

 

Here's Why 2016 Might Be the UFO Disclosure Year
(hubpages.com)

 

Sendo portanto uma evidência que a pouco-e-pouco e de uma forma bastante silenciosa (o segredo é a alma do negócio) os US vão apontando as suas baterias duma forma decisiva e irreversível para a conquista do exterior, com a próxima fronteira a ser alcançada (e ultrapassada) a apontar para o Espaço.

 

They say that if elected President of the United States, Hillary Clinton will likely continue her husband's efforts to gain access to the classified UFO files, and to finally disclose what the government knows about the issue.
(hubpages.com)

 

a3711229447_16.jpg

Identificando o verdadeiro problema?
(weeklyworldnews.com)

 

E com a Terra a atingir os seus limites de população, exploração, extração e poluição facilmente se chega à conclusão que o espaço disponibilizado pelo nosso planeta é cada vez mais diminuto (para tanta ambição de tão poucos) tornando-se obrigatório que para a sua manutenção, transformação e evolução se expanda e reproduza – pois só replicando processos se controla um sistema usufruindo-o e sobrevivendo (a esperança não concretizável de tantos – caso contrário seria o suicídio do sistema e da sua própria elite). Isto porque obviamente e seguindo uma linha de pensamento estritamente comercial (sem trocas e negociações não há movimento nem vida) o espaço não se partilha explora-se!

 

We'll Find Alien Life in This Lifetime, Scientists Tell
(space.com)

 

E nisso os US poderão continuar a ser a vanguarda como especialistas na Terra e descobridores de outros mundos – apesar de ultimamente, ao contrário do que agora sugerem (fazendo o Homem abandonar a Conquista do Espaço e atribuindo essa função a meras máquinas) e ao contrário do que na realidade tem feito (investido) reduzirem drasticamente o orçamento da NASA, à primeira vista com a intenção de acabar com ela mas agora mesmo de vez (tornando-a mais soft, de carater educativo e de ligação com a sociedade, mas trabalhando na sombra de uma outra agência mais poderosa, secreta e controlada financeiramente por privados e militares). Mesmo com contributos de outros.


In June, the Russian billionaire Yuri Milner pledged $100 million to fund an ambitious new research program, spread across several academic institutions. That’s the largest cash gift in SETI’s history, and Siemion hopes it will inspire others.
(theatlantic.com)

 

FBI-and-WIKILEAKS-CONFIRMS-Extraterrestrials-Visit

A presença extraterrestre
(nos EUA)

 

Ou não soubessem os políticos de antemão que tudo é de aproveitar se queremos mesmo ganhar – ou não andasse a verdade por aí e na companhia de alienígenas (até dos alieno-mexicanos de Trump).

 

(texto: escrito a partir de informações aqui a negrito tiradas do artigo: An Alien Hunter’s Guide to the 2016 Election/Daniel Oberhauss/January 26, 2016/vice.com – imagens: bendedreality.com e usatwentyfour.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:37

31
Mai 14

Depois do êxito conseguido por Steven Spielberg com o seu filme Encontros Imediatos do Terceiro Grau, o director norte-americano resolveu lançar-se numa continuação do mesmo com a produção de um novo filme: Céus Nocturnos. Uma das estrelas convidadas para a constituição do elenco principal do filme foi o até hoje desconhecido pai de ET (criado pelo especialista em efeitos especiais Rick Baker). No entanto o filme nunca chegou a ver a luz do dia, sendo o seu projecto abandonado e o pai de ET dispensado. Mais um desempregado de longa duração em Hollywood!

 

O Pai de ET

Dispensado antes do início de Céus Nocturnos

 

Desse modo nunca chegou a ser conhecida a verdadeira identidade do pai de ET nem a sua real fisionomia: que como poderemos ver pela imagem não era nada agradável. No entanto mais tarde Steven Spielberg lançar-se-ia com o seu novo filme ET O Extraterrestre, aproveitando o trabalho anteriormente desenvolvido por Rick Backer para criar o famoso e querido ET. O pai de ET não tendo conseguido com a sua apresentação abortada atingir os seus objectivos intrusivos, delegou apesar de tudo no seu sucessor a divulgação da sua mensagem: as aparências iludem!

 

(boneco criado por Rick Baker)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 22:41

25
Fev 11

ET

 

Ouvi dizer que o que se está a passar nos países árabes é obra dos extraterrestres!

Já Kadhafi afirmara antes, que os líbios estavam a actuar completamente drogados, sob a influência e direcção de Bin Laden!

A utilização da força aérea líbia, devia-se apenas a uma medida de prevenção contra possíveis ataques de ovni´s e nunca para operarem contra o seu próprio povo, até porque se fosse o caso, nunca disparariam, lançariam bombas e mísseis, método muito mais eficaz.

Um extraterrestre é um ser que se introduz entre nós sem que dêmos pela sua presença, apenas porque é igual a nós!

Temos que nos defender!

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:22
tags: ,

Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

13
14

19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO