Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

06
Ago 14

Rússia mobiliza 20.000 homens para a fronteira com a Ucrânia

(Título – RR)

 

 

Empurrados pelos interesses geoestratégicos norte-americanos (a nível global), os cidadãos europeus caminham heroicamente em direcção ao seu próprio abismo, ao provocarem a única potência capaz de esmagar e colonizar a Europa: a Rússia. Estilo – “Lá vamos cantando e rindo!”

 

Tal como já acontecera com a destruição da Jugoslávia – que se decompôs em estados colaterais – a Europa vê-se agora perante o cenário inacreditável da destruição dum estado europeu como a Ucrânia, ainda ontem local de peregrinação mundial para um Mundial de Futebol e actualmente mais um dos muitos palcos de demonstração da hegemonia militar e económica da ainda maior potência mundial: os USA.

 

Só que agora a provocação é máxima, com os Estados Unidos da América do outro lado do oceano Atlântico a servirem-se do argumento da NATO, para fazerem avançar as gloriosas e democráticas fronteiras ocidentais: adquirido o virtual apêndice ucraniano da empresa russa Gazprom, o poder (paralelo) privado norte-americano – cavalgando a Casa Branca, o Congresso e o Senado – ainda pensa que poderá impor aos russos a sua participação accionista (de controlo fundamental das fontes de energia mundiais).

 

Só que a Rússia poderá atingir o seu limite, não sendo de espantar (os contingentes de refugiados oriundos da Ucrânia em direcção à Rússia não param de aumentar) uma invasão próxima da Ucrânia: infelizmente uma consequência eminente e inevitável face aos procedimentos criminosos e nojentos de quem deveria existir para nos defender (e não para servir um) – a Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN).

 

Não se esqueçam que as profecias dos novos tarólogos económicos (por todos adoptados como santos) prevêem que a crise veio para ficar e que nada será jamais como dantes.

 

Apesar de para muitos técnicos a Europa poder continuar aparentemente assintomática, o problema é que ela já poderá estar morta (numa projecção futura simulada e já em execução): o objectivo prioritário dos USA está na Ásia e nos seus principais derivados – a China e o seu aliado russo.

 

A Europa está FUCK!

 

(imagem – Yuri Kochetkov)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 22:15

25
Jan 14

“Little People Without Brain, Full Of Money Like A Beast”

Not Guilty!

 

    

Justino Víbora (JB)

Antes da ressaca e depois de detido

24.01.2014

Esta criança foi detida pela polícia da terra onde vive ao ser apanhado em flagrante delito a conduzir embriagado e sem carta de condução automóvel. Pretensamente estaria a preparar-se para efectuar no local uma corrida com um outro condutor, conduzindo ambos carros desportivos de alta cilindrada, capazes de atingirem em poucos segundos elevadas velocidades. Ao ser mandado parar acatou com um sorriso as ordens da polícia – como se pode ver na foto da esquerda – acabando por se dirigir à esquadra onde foi curar a ressaca. Já recuperado do acidente e demonstrando arrependimento pela ilegalidade cometida, a criança confessou ter ainda fumado droga mas que já tinha passado – como se pode ver na foto da esquerda. Correm agora notícias que a criança teria muitos fãs no interior das forças policiais, que já o teriam escoltado dias atrás quando viajava no seu carro particular. Não se sabe ainda ao certo se os agentes que fizeram a sua detenção já lhe pediram desculpa ou se por outro lado a criança já lhes agradeceu.

 

“A Lot Of Friends And No One Left”

Aliens Go Home!

 

Justino Víbora (JB)

Fora de Serviço e Deportado?

25.01.2014

Sabe-se agora que a detenção desta criança foi amplamente divulgada por diversos órgãos da comunicação social da terra onde vive, provocando imediatamente entre a população aí residente uma forte onda de indignação e de protestos, pelo ataque irresponsável e ilegal efectuado pela criança à cultura popular local. Uma multidão representando o “Povo dos EUA” e constituída por mais de 13.000 utilizadores sob a forma de hologramas ainda online (vivos em ficção) – o resto da população estará off-line (morta na realidade) – acusou a criança de constituir uma ameaça quadrupla para a manutenção do bom nome da comunidade local, considerando-o “perigoso, insensato, destrutivo e consumidor”, tudo aquilo que define um bom e respeitado cidadão, mas de maior idade. Nem a particularidade de ser um consumidor de determinadas drogas (algumas delas já autorizadas noutras terras, situadas nas proximidades da sua aldeia), de ser um jovem milionário e de ter imensas fãs (escondidas no seio das filhas do “Povo dos EUA”) e de ter querido viver no meio deles (que antes o aceitavam ou ignoravam sem mencionarem problemas), impediu essa multidão mediática provavelmente em inconsciente histeria profiláctica, de exigir a rápida deportação do “alienígena oriundo do norte (Canadá)”. No meio disto tudo e ainda um pouco confuso pela reacção provocada por um simples incidente de tráfego (não se confunda com tráfico) e talvez por um excesso de consumo (de uma droga considerada ilegal e quando outras são legais, o que muitas vezes provoca confusões), o agora pejorativamente considerado como um “alienígena indesejável” pegou no seu visto O-1 e levou-o consigo a um tradutor linguístico que o elucidou sobre o significado desse símbolo: “ pessoa com uma excelente habilidade nas ciências, artes, educação, negócios ou desporto”.

 

“Things Like The Vortex, They Come They Go”

Fuck Them All!

 

Justino Víbora (JB)

Entre o fim do período menstrual/publicitário e o reinício da actividade artística/ tournée

 

26.01.2014

Previsão meteorológica para os próximos tempos sobre este caso de cariz social e publicitário envolvendo esta criança:

- “E tudo o vento levou”.

 

(imagens – Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 17:03

Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

13
14

23

25
26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO