Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

09
Nov 11

A Lua vista da Terra

 

Uma bala disparada por uma espingarda perdeu-se na escuridão do espaço.

 

Projectando-se sobre um horizonte bem definido, recortado pelo cume das falésias de uma praia, há muito tempo atrás, banhada pelas águas de um mar.

 

Ao fundo a bala artificial, olha-nos fixamente devorando-nos a alma, sem pestanejar e sem palpitar, revelando na sua face, a topografia de um mundo solitário.

 

E circulando em volta da sua referência, de face voltada sempre para o mesmo lado, enterrada no negrume de um céu sempre invisível, eis que este projéctil se revela como algo, que não faz parte deste mundo.

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 18:31

Novembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9


18
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

posts recentes

Espaço 2011

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO