Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A Força de Seguro

Domingo, 22.06.14

Enquanto o povo português desespera ou foge perante o clima de miséria que o corrói e destrói, Seguro – pretendendo navegar tranquilamente a sua nau até às legislativas de 2015 – não abdica de ser Primeiro-Ministro mas só lá para o ano. E seguro de si não hesita em atacar Costa (entalado entre os ponteiros do relógio) sempre bem protegido pelos seus funcionários (do aparelho).

 

Insultos a António Costa no final da Comissão Nacional do PS

(mas porque será que estas coisas – e como já se torna habitual – se passam sempre a norte?)

Estratégia!

 

 

"Traidor"

"Borra-botas"

"Oportunista"

Não prestas

 

Pelo menos ficamos agora a saber que Seguro pode muito bem ser para o já sofrido povo português um perigo igual ou superior a Coelho – como já tínhamos verificado há poucos meses atrás aquando da sua tentativa de co-assinar o acordo Cavaco/Coelho/Portas proposto pelo actual Presidente da República (oferecendo-lhe no futuro e virtualmente o cargo de Primeiro-Ministro), como consequência (e para branqueamento) de mais uma das grandes broncas governamentais. Mas em alternativa e para o bem do povo o que nos reservará Costa? Ninguém sabe.

 

(imagem – Expresso)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 18:26