Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

01
Mar 17

No decorrer destes últimos dias do mês de Fevereiro e quando todos os picuenses se preparavam para a passagem de mais uma data festiva, na Ilha do Pico o mar apareceu invadindo o litoral – destruindo e inundando.

 

Assolado por ondas que chegaram a atingir os 13 metros de altura provocadas pela forte ondulação marítima aí registada (a que a localização geográfica da ilha integrada no arquipélago dos Açores não será certamente alheia), a costa ocidental da Ilha do Pico foi nestes últimos dias atingida por uma tempestade marítima originada no oceano Atlântico e que afetou com maior intensidade a parte ocidental do arquipélago: Pico, S. Jorge e Faial e ainda mais a ocidente as Flores e o Corvo.

 

a5.jpg

1

a3.jpg

2

 

Com as ondas e apesar de alguns avisos divulgados pelas autoridades marítimas a apanharem toda a gente desprevenida (até as autoridade), não pela tempestade em si, mas pela força e elevação da ondulação, saltando as margens naturais ou artificiais diante de si colocadas, invadindo terra e provocando alguma destruição. Como se pode verificar nas imagens (1 e 2) com o mar a invadir instalações localizadas junta à costa provocando inundações e danos bem visíveis (como o verificado no Cella Bar).

 

a1.jpg

3

ex3.jpg

4

 

Numa onda de mau tempo que tem assolado esta região do oceano Atlântico (afetando igualmente a Ilha da Madeira) especialmente no que diz respeito à agitação marítima e aos avisos lançados à navegação. Mas que na Ilha do Pico se fez sentir com grande intensidade sobre o seu litoral ocidental, forçando, derrubando e ultrapassando o molhe de proteção do porto da Madalena – e com a destruição a atingir inesperadamente as instalações no interior do porto e os barcos aí estacionados (conforme imagens 3 e 4).

 

ex1.jpg

5

ex2.jpg

6

 

Além de atingir as instalações portuárias do Pico situadas na Madalena (destruindo parcialmente a sua muralha de proteção e áreas do seu cais comercial), invadindo zonas urbanas no interior e exterior do mesmo (imagens 5 e 6), como foi infelizmente o caso de um museu (onde decorria umas exposição) e num outro extremo do Cella Bar – considerado um dos bares mais bonitos do Mundo (prémio Edifício do Ano/2016). Num fenómeno meteorológico previsto, mas subestimado (em terra).

 

(imagem: SIC/Gato Canal e DAILY NEWS/youtube.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 01:32

11
Nov 14

Jesus Cristo foi casado com Maria Madalena e teve dois filhos
(segundo o manuscrito agora descoberto)

 

8054331.jpg

Jesus Cristo e Maria Madalena

 

Até parece o início de um conto de literatura fantástica: “Numa livraria do Reino Unido foi descoberto há alguns meses atrás um manuscrito com mais de 1500 anos – O Evangelho Perdido – escrito em aramaico (pretensamente a língua utilizada por Jesus) e pondo em causa a Vida de Jesus Cristo (tal como nos é contada).”

 

Depois de vários meses passados a fazer a sua tradução (levada a cabo por um professor e por um escritor), os investigadores chegaram à conclusão que Jesus tinha sido casado, tivera mulher e tinha sido pai de duas crianças (até aqui nenhuma novidade já que outros manuscritos antigos também o referiam ou sugeriam): só que ao contrário do que muitos pensavam, a Virgem Maria não seria a sua mãe, mas sim a sua mulher Maria Madalena.

 

Estará para breve a divulgação dos nomes dos dois filhos de Jesus Cristo e Maria Madalena
(a verdadeira Virgem Maria)

 

Os investigadores prometeram entretanto divulgar mais novidades, como o sejam os nomes dos dois filhos de Jesus Cristo e Maria Madalena. Já há bastantes anos que muitas das teorias (não oficiais por não ligadas à Igreja) afirmavam que Maria Madalena poderia ser na realidade a representação verdadeira (e o símbolo) do Santo Graal e (como mulher numa sociedade matriarcal) o verdadeiro chefe da Igreja de Deus.

 

Só que desde que o homem resolveu ocupar o lugar da mulher fecundada – substituindo-a por uma mulher livre do pecado original – no nosso imaginário (implantado) a mulher activa e opressora representada por Maria Madalena (no seu papel de mulher), acabou substituída pela mulher passiva e submissa simbolizada pela Virgem Maria (no seu papel de mãe).

 

“Será que você está sendo mulher ou mãe dele?
Ele faz birra por qualquer motivo, age como uma criança e, às vezes, parece mais seu filho do que seu companheiro? Cuidado, ele pode estar trocando seu papel.” (mulher.com.br)

 

(imagem – Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 16:45

12
Abr 14

“Então, Pedro, voltando-se, viu que também o ia seguindo o discípulo a quem Jesus amava...” (Evangelhos)

 

A Última Ceia – Leonardo da Vinci

(veja-se à direita de Jesus: Apóstolo João ou Maria Madalena?)

 

Após a surpreendente e inesperada revelação de que Jesus Cristo teria sido “casado” ainda por cima com uma mulher, surgem agora notícias ainda não confirmadas oficialmente de que poderá estar em curso a convocação de um novo Conclave, para analisar a posição a tomar pela Igreja face a estas notícias inacreditáveis e difíceis – senão impossíveis – de “engolir”.

 

Esta revelação obtida através da análise de um fragmento de um papiro escrito em linguagem copta foi recentemente considerada por estudiosos e especialistas na matéria – após uma sucessão de testes laboratoriais – como genuíno. Neste fragmento – integrando “O Evangelho da Mulher de Jesus Cristo” – é claramente afirmado que as mulheres (desde que sejam mães e esposas) também podem ser consideradas como os homens discípulos de Jesus Cristo.

 

O que a ser verdade deixa o filho de Maria e José em maus lençóis face à corrente maioritária na Igreja desde o início do Cristianismo, pondo em causa e em reconsideração todas as noções sobre celibato, casamento e família. Se na realidade Jesus Cristo era “casado” não sendo por esse motivo virgem, o que pensar de sua mãe, de seu pai na Terra e do seu pai nos céus, ou seja Deus? Deus talvez tenha ficado na altura irritado, acabando com todo o seu saber e misericórdia por lhe perdoar.

 

Só que os seus discípulos actuais talvez não estejam completamente de acordo. Nesse sentido a justificação da convocação do Conclave, durante o qual Jesus Cristo correrá o risco de ser considerado “desaparecido em combate” e posteriormente proscrito.

 

(texto escrito e parcialmente ficcionado a partir de notícia – The Independent – 11.04.2013 – independent.co.uk)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 11:53

06
Out 12

Deus criou o Mundo em sete dias!

 

Ascendendo aos Céus

 

Dia 1 – 00h 00mn

 

Mais um dia igual a todos os outros. Nada de útil para fazer, a não ser repetir de novo todos os tiques que fomos adquirindo ao longo da nossa vida, resultantes de um quotidiano de inércia onde basicamente só dormimos, comemos e somos bem empregados. É que nem mesmo os extraterrestres aparecem para ver se mudamos – para melhor ou para pior, qualquer coisa serve – os nossos estafados desígnios patrióticos.

 

Dia 2 – 10h 33mn

 

A Virgem-Maria aproveitou o início dos ensaios reais do novo protótipo voador individual português – planeado e construído integralmente no Polo Tecnológico de Vila Formosa – para em colaboração espiritual com a equipa de jovens cientistas responsáveis pelo projeto, se oferecer para a realização da primeira viagem experimental deste jato voador, capaz de atingir velocidades elevadíssimas além de dispor de um enorme raio de ação.

 

Dia 3 – 15h 25mn

 

A experimentação é o melhor método para se compreender o que se passa no mundo

 

Após algumas negociações com representantes religiosos portugueses que acompanharam a Virgem-Maria nesta sua surpreendente iniciativa, ficou combinado que o ensaio se iria então verificar, ficando desde já os jovens cientistas de mente completamente aberta para algumas sugestões estranhas – e na confusão do momento não compreendidas – emitidas pela Santa Senhora.

 

Dia 4 – 17h47mn

 

O lançamento ficou marcado para o início da manhã do dia seguinte. Estava tudo preparado para o evento e do lado dos jovens cientistas a azáfama continuava para que nada falhasse e tudo desse certo, num momento deveras importante para o futuro das suas vidas e das suas carreiras. Ao fundo um enorme camião de transporte escondia no seu interior a Santa Senhora e a sua comitiva, que discutiam fervorosamente alguns pormenores da sua viagem, segredando entre si outros aspetos confidenciais sobre este ensaio, talvez mesmo do desconhecimento dos próprios jovens cientistas.

 

Dia 5 – 09h 30mn

 

E a Virgem-Maria lá foi pelos ares. Primeiro foi o grande grito de alívio e de alegria de todos as pessoas presentes no local, ao verem os motores dos pequenos foguetões arrancarem com toda a normalidade e observarem seguidamente a Santa Senhora a erguer-se rapidamente do solo, de face sorridente e irradiando uma calma profunda e uma Luz-Celestial. O pior foi em seguida, quando inexplicavelmente o protótipo atingiu um impulso tremendo de lançamento e desbloqueado, se lançou no céu a grande velocidade desaparecendo instantaneamente. Todos ficaram mudos e de boca aberta durante algum tempo, não sabendo o que dizer e sem saberem o que fazer – mas que diabo, o que é que tinha acontecido ali? Entretanto o camião religioso partiu lançando-se rapidamente na estrada e deixando os jovens cientistas – verdadeiramente – entregues ao criador.

 

Dia 6 – 20h 00mn

 

O esconderijo tinha uma arquitetura estranha que se equiparava à explicação do religioso

 

Encontramo-nos secretamente num esconderijo situado no interior da Quinta de Fátima, após ter estabelecido contatos iniciais exploratórios com um dos motoristas habituais do camião religioso, que tinha seguido desde o episódio do lançamento e do desaparecimento da Santa Senhora, na sua inopinada subida aos céus. Este motorista levou então o meu caso ao seu superior hierárquico, que o terá exposto posteriormente às autoridades competentes que inicialmente não me quiseram receber, mas que lá acederam muito contrariados ao meu pedido, desde que mantivesse sigilo sobre o assunto até obter autorização para o libertar.

 

Na Quinta de Fátima o religioso presente informou-me do desenrolar de todo este processo, que os tinha levado até aquele voo da Santa e à sua subida aos céus. Tudo tinha sido planeado com muita antecedência e o sagrado-momento escolhido tinha sido aquele: o protótipo voador estava concluído, a Terra atravessava uma crise tremenda de subsistência e sobrevivência futura e agora até se falava de vida extraterrestre em Marte. Tudo junto – e com a colaboração inconsciente dos jovens terrestres – a Virgem-Maria optara pela tomada de uma atitude radical – arrepiando caminho e sem dar conhecimento ao marido, ao filho e mesmo ao Chefe Espiritual Supremo – lançando-se a caminho de Marte e de um encontro com os marcianos, de modo a com estes e os discípulos terrestres, refundar a ideia da Doutrina Cristã e Universal.

 

Dia 7 – 12h 00mn

 

Nesta taberna se reuniram os apóstolos, contando com a presença de Maria Madalena

 

Todos os apóstolos se reuniram na taberna à volta da mesa rica e farta comendo e bebendo à discrição enquanto aguardavam a chegada do filho de Deus. O dia tinha sido muito cansativo para todos os presentes, com as movimentações realizadas até à última hora e provocadas pela ação não previsível da Virgem-Maria. Já todos estavam bem aviados e adiantados no seu lauto repasto, quando o filho de Deus chegou acompanhado por Judas, o seu discípulo desde sempre mais fiel e mais tarde injustamente acusado através da proliferação de mentiras envenenadas, por todos os verdadeiros traidores que só o deviam proteger.

 

(imagem – Google.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 17:10

Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13

19
20
21
22

24
25
27
28
29

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO