Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

19
Fev 20

[Outra Tempestade a chegar, colocando de novo (entre outros) os UK, em Alerta Meteorológico.]

 

Dennis will be followed by another intense North Atlantic storm tomorrow

– A bombogenesis phase is emerging, should deepen for another 40 mbar.

(Marko Korosec/18 February 2020/severe-weather.eu)

 

26_A_sfc_full_ocean_color.png

 

Update on the new intense North Atlantic cyclone – explosive development underway!

(Marko Korosec/19 February 2020/severe-weather.eu)

 

“A rapidly developing extra-tropical cyclone is looking more impressive on the satellite, gradually developing hurricane-force winds around its core. With the pressure drop of around 35 mbar during the past 24 hours, the system is classified as a ‘bomb cyclone’. Its future impact remains on track with the previous discussion, it will push violent windstorm between Iceland and Faroes, but also severe to extremely severe winds over broader area.” (Marko Korosec/severe-weather.eu)

 

bomb-cyclone-to-hit-western-europe-feb-19-2020.jpg

 

E assim depois da passagem da tempestade DENNIS (e da tempestade CIARA), com o noroeste da EUROPA fazendo frente ao ATLÂNTICO (de onde vem o MAU TEMPO) preparando-se para a chegada de uma nova tempestade, colocando de novo em Alerta (por mais expostos) o Reino Unido, a República da Irlanda e a Islândia (em princípio com Portugal para lá das bordas, deste ciclone extratropical).

 

(imagens: severe-weather.eu − wxcharts.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 16:41

21
Jan 20

Imagem de satélite

Infravermelho

21.01.2020

22h UTC

 

202001212200_msg2_msg_ir_piber.jpeg

Península Ibérica

 

Com a grande tempestade GLORIA instalada no Mediterrânico (e transportando consigo grandes quantidades de poeira oriundas da Argélia) a assolar de momento o norte de Marrocos e o sul de Espanha (p/ esta parte do território espanhol talvez pela sua intensidade sendo histórica) − particularmente a Catalunha e toda a costa sul até ao estreito de Gibraltar (e com as poeiras colorindo cor-de-café partes desta região) – provocando no mar (devido à ação do vento forte, em terra atingindo os 120Km/h) ondas podendo ultrapassar os 9 metros de altura (transpondo mesmo as proteções costeiras) e em terra inundações (devido à forte pluviosidade) e queda de neve em altitude (acompanhadas de forte arrefecimento noturno e de temperaturas negativas), eis que no seu trajeto em direção a oeste (na Península Ibérica) e já nos tocando com os efeitos provocadas pela ação (meteorológica) das suas bordas (no Algarve para além da agitação marítima com temperaturas baixas e acentuado arrefecimento noturno), as previsões meteorológicas (confirmadas pelo IPMA) apontam para a chegada da chuva esta quarta-feira (22 de Janeiro).

 

SnapShot-20200121_231803.jpg

Vista do Hotel Sol e Mar

(hoje à noite)

 

Esta quarta-feira 22 de janeiro com a CHUVA a chegar a ALBUFEIRA (com o seu pico máximo a ser previso para sexta-feira, 26), prevendo-se a sua permanência até o fim do próximo fim de semana (domingo dia 26 aliviando, prevendo-se apenas céu algo nublado). Com as temperaturas até domingo (não incluído) a manterem-se entre os 8°C/9°C de mínima e os 14°C/15°C de máxima (com vento moderado) − temperatura da água do mar por volta dos 15°C/16°C − e com o céu a apresentar-se entre chuva fraca/chuvisco e chuva/aguaceiros. Ou seja, nada de anormal sucedendo meteorologicamente falando mantendo-se amanhã o tempo de hoje, mas agora bem molhado. Durante a passagem da tempestade GLORIA (talvez só de alguns efeitos) sobre Portugal podendo-se esperar ventos fortes (100Km/h nas terras-altas, mais expostas), chuvas e aguaceiros (por vezes intensos) e descida generalizada das temperaturas. Nada mais que mais um dia de Inverno.

 

(imagens: 2012 EUMETSAT/IPMA ipma.pt − albufeira.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:25

03
Mar 18

Thermal infrared image of METEOSAT 10

Taken from a geostationary orbit

About 36,000 km above the equator

 

getpicture.jpg

Europa ‒ 3 Março 2018 ‒ 14:45

(imagem por satélite)

 

The images are taken on a half-hourly basis.

 

The temperature is interpreted by grayscale values.

 

Cold objects are white and hot surfaces appear black.

 

High clouds as thin cirrus or deep convection, for example towering thunderstorm cells, appear bright white.

 

Mid- or low level clouds, as well as fog and mist are 'grayish'.

 

So are cold land surfaces and most ocean areas.

 

As the sun is heating the ground, the surface will appear increasingly dark.

 
The 'beauty' of thermal infrared images is that they provide information on cloud cover and the temperature of air masses even during night-time, while visible satellite imagery is restricted to daylight hours.

 
However, the best method to interpret satellite images is to view visible and infrared imagery together.


(UTC = Coordinated Universal Time 12 UTC = 12:00 WET/Eumetsat)

 

(texto: weatheronline.pt ‒ imagem: Eumesat)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 16:36

Fevereiro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9

21
22

23
24
25
26
27
28
29


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO