Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

11
Jan 19

Com Seres Vivos Pelo Meio

 

DEM Obama e REP Trump:

Na prática unidos na mesma luta (contra a invasão alienígena)

Mesmo que tal não o pareça (tal a esquizofrenia reinante).

20160730_woc906.jpg

O Muro do Presidente Trump

Começado a ser construído no ano de 1994

Com Bill Clinton então Presidente

Faz este ano um quarto-de-século

Neste contexto Muro/Alienígenas sendo conveniente recordar a coincidência do primeiro mandato como 44º Presidente dos EUA do DEM Barack Obama (2009/2013), com o período correspondente ao maior número de deportações em toda a História da América e de todos os Presidentes dos EUA (2008/2013); começando a descer (o nº de deportados) por volta de 2013 e estabilizando esse número em 2015 – ainda assim acima dos valores do 43º Presidente e REP George W. Bush assim como do 45º Presidente e igualmente REP Donald Trump. E não tendo este Presidente para já construído nada do muro, ficando-se ainda por saber a quem verdadeiramente (o muro) interessa. Enquanto na fronteira nos mostram Droga, Dinheiro e Armas (pelas mãos de DT representante REP e contando com a colaboração da FOX e o boicote generalizado/insultuoso ao atual Presidente de estações DEM lideradas pela CNN) e por outro lado os DEM se refugiam na sua única (e esquizofrénica) função de Incinerar Trump (mesmo recorrendo a manipulações como pôr guardas fronteiriços aparentemente sobre ordens de trump a destruírem garrafões de água de auxílio aos emigrantes, quando essas imagens se referiam a um período anterior com Obama Presidente) em vez da procura de uma verdadeira alternativa (sem os Clinton & Associados) no interior do seu partido e mais próxima das suas tão diversificadas (e ricas) bases de apoio: por parte dos brancos, das mulheres e das minorias – como a população negra e indígena – assim como das crescentes e cada vez mais importantes comunidades latino-americanas (como as oriundas do México e da América Central). Só assim se eliminando (de vez) as associações Trump & Cinton, adotando o desejo de grupo e não a ambição de um indivíduo.

 

Trump, Muro, Shutdown e Emergência Nacional

(contra a Invasão Aliena oriunda lá do Sul)

 

xip1d486mv4x.jpg

Procurando-se com afinco a diferença

Entre um Trump e um Clinton

Na sua grande semelhança

Seeming the same shit

 

Para além de tudo o que se possa passar na realidade socioecónomica (para já não falar na financeira) registada no interior do território dos EUA

 

– Limitado a norte pelo Canadá (podendo ser considerado o 51º estado norte-americano, mas com um estatuto de maior autonomia), a sul pelo México (origem dos alienígenas sobretudo mexicanos) e nas laterais pelo oceano (Atlântico e Pacífico) –

 

O que passa cá para fora depois de extremamente filtrado (por estações como a CNN por um lado/DEM e a FOX pelo outro/REP) e neste início de fim-de-semana (de 11 de Janeiro do Ano Novo de 2019),

 

Refere-se mais uma vez ao sempre presente (uma das promessas eleitorais de Donald Trump) MURO de TRUMP e às consequências de mais uma embrulhada (em tudo muito semelhante a outra ocorrida antes com Obama) envolvendo DEM’S e REP’S (as duas faces da mesma moeda o Dólar):

 

Com cerca de 800.000 funcionários (públicos) ao serviço do Governo dos EUA a verem temporariamente (por tempo indeterminado, podendo ser semanas ou meses) os seus ordenados suspensos – tendo e tal como todos os meses compromissos a cumprir – ficando a aguardar em casa que os chamem de novo ao trabalho

 

gettyimages-182994128.jpg

Devido ao encerramento das agências governamentais

Com os Parques Nacionais fechados

Exceção feita confirmando a regra

À Presidência, ao Senado e ao Congresso

 

E simultaneamente com o Presidente dos EUA face à irredutibilidade dos DEM em relação à construção do Muro e ao seu financiamento,

 

A declarar o Estado Nacional de Emergência (uma prerrogativa do Presidente ultrapassando o Congresso) forçando assim a sua pretensão (de prosseguir com o Muro) e ao mesmo tempo e como consequência terminando com o encerramento (Shutdown) dos Serviços Governamentais (para descanso dos funcionários).

 

Numa ação semelhante (de Trump), dirigindo-se ainda aos mesmos (funcionários e emigrantes), mas com patente detida (pelo menos anteriormente) pelo seu antecessor (Obama).

 

E numa estratégia Democrata para derrotar Donald Trump – e o partido Republicano – nas Presidenciais de 2020, que pelos resultados (para já) obtidos não parece favorecer em nada as pretensões dos Democratas em lá colocar Hillary:

 

Agora que até Bernie Sanders (último adversário de Hillary Clinton/HC) está na lista (reservada) do movimento Me Too e sabendo todo o Mundo (e o Povo) que à 3ª (de HC) é que é de vez!

 

(imagens: economista.com – reddit.com – businessinsider.in)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:51

15
Set 17

Com o jovem ao olhar para o SUPERHOMEM a procurar (de imediato e sem refletir) a sua ORIGEM (dado o fascínio típico da sua idade, com possibilidades infinitas no Espaço e no Tempo) e com o adulto ao fazê-lo (e depois de muito pensar) a só se preocupar com o seu DESTINO (dado o Tempo mínimo disponível e o pouco Espaço proporcionado).

 

hero_wide_640.jpg

 

Com a classe política norte-americana convincentemente entretida (é para representar que lhes pagam) após a passagem dos furacões naturais (Harvey, Katia, Irma e José) com a tempestade artificial provocada pelos denominados ILLEGAL ALIENS (oriundos de territórios localizados para além da fronteira sul), a juventude de todo o Mundo (nem que não o reconheça, a maioria esmagadora) ainda procura estupefata a razão para tal debate tendo como protagonista um Muro (aparentemente com uns empurrando para um lado e outros empurrando para o outro e no processo dando cabo dos ALIENS): e ainda-por-cima utilizando como arma de propaganda política para um desses lados (como poderia ser para o outro) o super-herói da banda-desenhada dos anos 30 (1938) criado nos Estados Unidos (para muitos um ícone sagrado) o SUPERMAN. Já imaginaram o que seria quando um dia os políticos travestidos de adultos se apoderassem de todos os super-heróis (de todas as gerações) e os utilizassem em seu nome (e proveito) para definirem as nossas (deles) prioridades? Um Evento catastrófico.

 

index.aspx.jpgDJmNNW1XcAA3Tl9.jpg large.jpg

 

Deixando todos os adultos perturbados com a admiração natural das crianças (um misto de inocência, ingenuidade e falta de escolaridade), não entendendo as buscas na Terra quando as deviam ser (mas) no Céu. Nem sequer necessitando de qualquer tipo de busca à superfície da Terra (de uma forma politicamente correta podendo-se afirmar não existirem ALIENS mas sim MIGRANTES) para se saber a resposta, mas olhando mais além e para lá da (verdadeira por fictícia) fronteira (formada pelo muro geomagnético terrestre), descobrindo os REAL ALIENS de um novo Espaço/Tempo de coordenadas sem fim. Infelizmente no presente e para muitos dos (já) 7,5 biliões de terrestres (já que hoje-em-dia ninguém olha para a Lua, já nem sequer se reconhecendo lunáticos), com os únicos estrangeiros algum dia a poderem invadir o nosso planeta e a irrefletidamente (não estando a par de todos os nossos super-heróis em carteira) poderem usurpar ilegalmente dos seus poderes, só sendo vizinhos do ET com o seu dedo comprometedor (o tal que dá à luz e se apaga) ‒ ou outra parte (qualquer) do seu corpo (projeção) infantil.

 

(imagens: theatlantic.com ‒ james preller/rwalley/spokanelibrary.org ‒ neogaf.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 15:54

24
Jul 14

E os mortos ucranianos resultantes da Guerra Civil?

E os mortos da queda do avião em Taiwan?

E os mortos na Faixa de Gaza?

E os mortos/desaparecidos do voo MH370?

 

Construção do Muro de Berlim

 

Com a estratégia política internacional dos Estados Unidos a atravessar um momento (talvez deliberadamente) caótico de infiltração e intervenção global, a Europa vê-se agora pressionada pelos seus aliados do lado de lá (do Atlântico) para conjuntamente com as forças da NATO atacar provocatoriamente a Rússia – “mordendo-a logo ali nos seus calcanhares” – e desse modo fazendo da Ucrânia (militarizada) o Grande Baluarte do Ocidente.

 

Só que esta Ucrânia não é um exemplo para ninguém muito menos para uma Europa notoriamente doente e que ainda não sabe em quem confiar.

 

E dos norte-americanos ainda nos lembramos da sua bolha económica que por artes mágicas acabou também por cair em cima de nós.

 

Só que como todos sabemos os norte-americanos nunca param e daí a pressão ser sempre crescente só variando de nível: veremos como os estados europeus irão reagir às novas propostas de sanções até porque existem negócios a decorrer e outros já em fase de conclusão – e é o dinheiro que faz mover a economia (o problema é a moeda dominante o dólar, quando deveria ser o euro – percebem agora o interesse dos USA em destruírem a EU?)

 

Prevejo a criação de um Novo Muro de Berlim (no fundo a actual Chanceler alemã Merkel só o desloca um pouco mais para leste) separando agora o Ocidente da Liberdade Total, da Rússia Vermelha de Putin (e do mundo diabólico e brutal do seu aliado Chinês), muro esse eficientemente instalado na Ucrânia e fortemente armado pelos verdadeiros representantes de Deus (como diria G. Bush).

 

Não sei é quem viverá melhor depois!

 

(imagem – Web)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:12

18
Jun 12

"PS não pode continuar em cima do Muro"

 

Jerónimo de Sousa

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 11:10
tags: , ,

Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13

19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO