Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

24
Ago 19

[Envolvendo o Continente Americano e o Futuro do Mundo.]

 

Teoria da Conspiração baseada numa Premonição

(Eleitoral/Primária/Presidencial)

Candidato Presidencial derrotado nas Primárias Republicanas de 2016

(nos EUA)

Nelas saindo vitorioso o seu rival Donald Trump.

ted-cruz-trump.jpg

Ted Cruz

Mais tarde com TRUMP enfrentando e vencendo nas Presidenciais (surpreendentemente)

A candidata Democrata Hillary Clinton.

Confirmando-se a PREMONIÇÃO de TED CRUZ

E cumprido o 1º Segredo,

(do “Botão Incinerador”)

Depois dos primeiros sinais,

(abandono do TNP)

Seguindo-se a Revelação do 2º Segredo

(do “Botão Nuclear”)

– De acordo com o autor da premonição,

Só mesmo com o dedo de Trump,

Por acaso estando lá.

(sobre o botão)

Faltando apenas confirmar o Alvo.

(para nervosismo da Rainha da Dinamarca)

 

“Face ao cenário do “PULMÃO DO NOSSO PLANETA A ARDER (a AMAZÓNIA), sendo HIPÓCRITA que a maior parte das críticas venham de quem já destruiu o “OUTRO PULMÃO (nesse caso, estando os países integrando o G7) − face aos seus negócios aí instalados/a instalar, pouco se importando até hoje com o estado de saúde do (pulmão) SOBREVIVENTE.”

 

ECmM_hbXsAEq21w.jpg

Bolsonaro e o seu Botão Incinerador

 

Com o TRUMP SUL-AMERICANO (JAIR BOLSONARO) a carregar no BOTÃO INCINERADOR e a deitar FOGO à AMAZÓNIA − e em SÃO PAULO certamente por feitiçaria, transformando o DIA em NOITE – poder-se-á confirmar o cenário há dois anos previsto por TED CRUZ do TRUMP NORTE-AMERICANO (DONALD TRUMP) carregar no BOTÃO NUCLEAR – confirmando-se a premonição, tendo como alvo não só a RAINHA mas também a DINAMARCA (mas poupando o investimento, a Gronelândia):

 

“I don’t know anyone who would be comfortable

with someone who behaves this way

having his finger on the [nuclear] button.

We’re liable to wake up one morning and Donald,

if he were president,

would’ve nuked Denmark.”

(Ted Cruz − New Hampshire − February 2016)

 

5d5dd160fc7e93f37d8b45b6.JPG

Trump e o seu Botão Nuclear

 

Revelando-nos como é tão fácil destruir a TERRA (recorrendo a um Evento Apocalíptico Artificial), bastando para tal colocar na mão de indivíduos – ou seja do HOMEM − os privilégios próprios de um Deus, sendo o seu utilizador (e usufrutuário dessas prerrogativas) apenas uma das suas Criações (uma réplica do molde original, mas não o original). Nem sequer ainda tendo percebido a presa (já depois de duas Guerras Mundiais, milhões de morte e campos de concentração) os processos de encantamento inicial (sob diversas máscaras) do predador.

 

(imagens:  Shutterstock/Mark Wilson/Getty/people.com − Emmanuel Macron/@Emmanuel Macron/twitter.com/rt.com − Reuters/Stringer/rt.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:53

22
Ago 19

Com a Amazónia continuando a arder (para alegria dos fazendeiros) e com os fogos (e as suas consequências) a serem vistos do Espaço e de São Paulo (a cerca de 3.000Km de distância). E com o Presidente a ver, a pensar (uma árvore por uma vaca), deixando arder.

 

Reflorestação da Amazónia:

(segundo Jair Bolsonaro)

"Por cada Árvore ardida,

Colocando no seu lugar uma Vaca."

 

snapshot 2.jpg

E depois de ardida a Amazónia feita a reflorestação

substituindo cada árvore por uma vaca

 

Vivendo com o único objetivo da Sobrevivência e não tendo muito mais tempo do que para isso, nem nos poucos instantes que por vezes sobram, somos capazes de parar um pouco para pensar: e mesmo se o incidente for logo ali, antes de aqui chegar passará por aí.

 

E nesta nossa extrema indiferença (mental) em que o nosso corpo (físico) é que paga (reduzindo drasticamente o nosso tempo média de Vida), não nos preocupando com a nossa extinção (do Homem), pouco significado daremos ao restante (Ecossistema Terrestre).

 

Aceitando a Doença e a Guerra (a Morte) como algo de banal (individualizando-o à espécie), simultaneamente autorizando e declarando a destruição (inevitável e) natural (alargando-o ao planeta e além): seja do Mundo Animal ou do Mundo Vegetal (exemplo Amazónia).

 

snapshot 4.jpg

Certamente parecendo, mas não o sendo

São Paulo durante a tarde

 

Ainda-por-cima e como sinal evidente da doença (de que há muito padecemos) negando-se a Realidade e recusando-se intervir (de modo a não criar sobressaltos, no normal funcionamento da Máquina), deixando que o Tempo passe e o Espaço se Transforme.

 

Na floresta da Amazónia com a mesma desde há três semanas (desde o início do mês) a continuar a arder (sem parar), deixando o Mundo perplexo face a toda a passividade dada a destruição do “PULMÃO”: fornecendo mais de 20% do oxigénio que respiramos.

 

Uma imagem do planeta Terra bem visível a partir do Espaço, mostrando-nos a progressão (incontrolável) de um grande incêndio no seio da selva amazónica, lançando grandes nuvens cinzentas de fumo (para a atmosfera), observadas lá de cima (exemplo ISS) e chegando a São Paulo.

 

"The smoke did not come from fires from the state of São Paulo, but from very dense and wide fires that have been going on for several days in Rondônia and Bolivia. The cold front changed the direction of the winds and transported this smoke to São Paulo."

(Josélia Pegorim/meteorologista/Globo/humansarefree.com)

 

snapshot 1.jpg

Com as nuvens de cinza dos incêndios

espalhando-se por milhares de quilómetros

 

Numa herança claramente associada (por fortificada) à eleição (presidencial) de Bolsonaro – desprezando o Mundo Rural (subdesenvolvido e antiquado) e associando-o ao flagelo da pobreza (ao desemprego e à violência) e sobrevalorizando o Mundo Urbano (desenvolvido e progressista) e associando-o ao sonho dos Ricos – apoiando fazendeiros (dando-lhes autorização de autoridade) e atacando trabalhadores (pondo-os na ordem e no seu lugar) e assim promovendo as cidades.

 

Hoje e sendo impossível de o negar com os incêndios a continuarem a grassar com intensidade e sem se ver fim â vista na Amazónia, desde o início do ano já tendo sido registados mais de 72.000 fogos num aumento de mais de 80% para o mesmo período do ano passado (de 2018): com Jair Bolsonaro (aqui o leigo) mais uma vez a negar a Realidade (a Verdade) despedindo (“por manipulação deliberada de dados”) mesmo o Diretor da Agência Espacial brasileira (aqui o erudito), por sem respeito pelo Presidente e de uma forma alarmante, o contrariar.

 

Mantendo-se o rumo traçado pelo Presidente do Brasil para com a Amazónia, não só se mantendo o eclipse parcial de luz causada pela densa nuvem de fumo escuro e espesso cobrindo atualmente São Paulo, como mais cedo do que se pensa e olhando do ar para terra, julgando-se divisar árvores cobrindo a superfície da Amazónia, estando-se na realidade a divisar uma (substituta) cabeça de gado: e por cada árvore abatida, colocando-se lá uma vaca.

 

(imagens: euronews.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 10:34

Novembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO