Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

16
Jul 18

FINAL

Moscovo ‒ Estádio Luzhniki

15 Junho 2018 ‒ 16:00 (hora de Portugal)

FRANÇA ‒ 4 CROÁCIA ‒ 2

 

DiKllfaW0AMAdv7.jpg

Kylian Mbappé

O Melhor Jovem Jogador deste Mundial

(imagem: Kylian Mbappé/@KMbappe/twitter.com)

 

Concluído o Mundial de Futebol de 2018 e pela 5ª vez com a presença assegurada nas Meias-Finais da maior prova de Futebol Global (se não mesmo a maior prova de Desporto Global só comparável mesmo aos Jogos Olímpicos) a seleção de FRANÇA acaba de se sagrar este domingo (dia seguinte ao da comemoração da Tomada da Bastilha) CAMPEÃ DO MUNDO DE FUTEBOL (pela 2ª vez na sua história): vencendo merecidamente (apesar da ajuda do VAR, de alguma sorte e de algum cansaço demonstrado pela equipa adversária tendo na realidade e como consequência dos prolongamentos jogado mais 90 minutos/ou seja 1 jogo) a seleção da Croácia por 4-2 (2-1 ao intervalo), mas com esta última e pelo seu percurso na prova a ser uma digna Vice-Campeã Mundial (uma única derrota frente à seleção Campeã). Com a tabela (virtual) deste Mundial a ser a seguinte (incluindo nela Portugal):

 

France football_3.jpg

França

A Melhor Equipa deste Mundial

(newsclick.in/@FIFAWorldCup/twitter.com)

 

RM

Equipa

V

E

D

Pontos

Golos

1º/2º Lugar

-

-

-

-

-

-

França

6

1

0

19

14-6

Croácia

4

2

1

14

14-9

3º/4º Lugar

-

-

-

-

-

-

Bélgica

6

0

1

18

16-6

Inglaterra

3

1

3

10

12-7

5º/8º Lugar

-

-

-

-

-

-

Uruguai

4

0

1

12

7-3

Brasil

3

1

1

10

8-3

Suécia

3

0

2

9

6-4

Rússia

2

2

1

8

11-7

9ª/16º Lugar

-

-

-

-

-

-

13º

Portugal

1

2

1

5

6-6

 

DiKanMgW4AArNAB.jpg

Luca Modric

O Melhor Jogador deste Mundial

(imagem: FIFA World Cup/@FIFAWorldCup/twitter.com)

 

Relativamente à Bota de Ouro (melhor marcador do Mundial) e tal como já se previa com o troféu a ser ganho pelo inglês HARRY KANE (isolado e com 6 golos marcados) logo seguido por um Quinteto todos com 4 golos marcados ‒ e nele se incluindo em 5ºlugar o português Cristiano Ronaldo (e ainda 3 franceses e com outro a ser russo). Dos restantes prémios atribuídos tendo os jogadores como alvos (os verdadeiros Artistas) com o croata LUKA MODRIC a ser nomeado o Melhor Jogador do Mundial, com o belga THIBAUT COURTOIS a ser nomeado o Melhor Guarda-Redes e com o francês KYLIAN MBAPPE A SER NOMEADO O Melhor Jogador Jovem. E entre os Homens do Jogo (tendo-se realizado 64 partidas) e falando-se de portugueses destacando-se Cristiano Ronaldo (por 2X) e ainda Ricardo Quaresma (por 1X) ‒ e para além dos golos de CR7 (4), o golo de Quaresma e ainda o golo de Pepe. Já em grupo com a seleção de ESPANHA a ganhar o troféu Fair Play.

 

RM

Jogador

Equipa

Golos

Assistências

Minutos

Harry

Kane

ING

6

0

576

Antoine Griezmann

FRA

4

3

575

Romelu

Lukaku

FRA

4

1

481

Denis

Cheryshev

RUS

4

0

316

Cristiano

Ronaldo

POR

4

0

360

Kylian

Mbappe

FRA

4

0

538

 

k7rybij3cj7pm3oewe36.jpg

Thibaut Courtois

O Melhor Guarda-Redes deste Mundial

(imagem: fifa.com)

 

Em jeito de conclusão ‒ e ficando-se a aguardar pelo próximo Mundial de Futebol FIFA QATAR 2022 (para já não falarmos do verdadeiro Circo que será o Mundial de Futebol de 2026 a disputar em conjunto por Canadá/EUA/México e contando com nada mais nada menos que 48 Seleções) ‒ a nível de organização (russa) nada havendo a apontar (de negativo e como clamavam e alertavam os súbditos de Theresa May, em pleno território russo contrariados pela sua própria seleção a de Inglaterra, alcançando um brilhante 4º lugar),

 

‒ Com todos a afirmarem ter sido muito provavelmente a melhor organização entre todos os Mundiais ultimamente realizados ‒

 

Mas já a nível de Performance & Evolução Futebolística (técnico/tática e demais) na realidade pouco havendo a descobrir ou a acrescentar (para além das confirmações e de algumas já esperadas maiores/menores desilusões).

 

portugal-grupo-team-line-up-por-jun-30-2018-futebo

Portugal

Formação inicial frente ao Uruguai

(alamy.pt)

 

Finalmente a nível de Confederações de Futebol (6) e sabendo-se antecipadamente da ausência de uma delas (desta Fase Final na Rússia) ‒ a OFC Confederação da Oceânia ‒ com uma outra a ficar-se pela Fase de Grupos (a CAF Confederação Africana com 5 seleções), com uma terceira (a CONCAF Confederação América Norte/Central) a conseguir levar uma das suas seleções à 1ª eliminatória (passando a Fase de Grupos) mas ficando-se por aí ‒ e ainda com uma outra (a AFC Confederação Asiática) também com uma seleção a fazer algo de semelhante à anterior (com uma equipa atingindo a Fase a Eliminar).

 

Restando como as mais poderosas a Confederação da América do Sul (CONMEBOL) e a Confederação Europeia (UEFA) mas com esta última a esmagar as seleções Sul-Americanas reservando para si todos os 4 lugares das Meias-Finais (nem Messi, nem Neymar as salvando). E de Portugal restando Cristiano (Ronaldo), agora jogador da Juventus (como já o foi antes e certamente ainda será, um jogador sempre relevante no Sporting CP, no Manchester United ou no Real Madrid).

 

(imagens: as indicadas)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 19:37

14
Jul 18

2018 FIFA WORLD CUP RUSSIA

 

unnamed.jpg

Croácia

A Surpresa

‒ Ou nem tanto ‒

Deste Mundial de Futebol

 

Concluídas 62 das 64 partidas integrando o calendário do Mundial de Futebol de 2018 (em disputa na Rússia), já se conhecem as 2 equipas finalistas (para além das outras 2 indo disputar o 3º/4º lugar) que irão disputar entre si a conquista do troféu: FRANÇA e CROÁCIA. Com o currículo das duas seleções (finalistas) nos mundiais até hoje disputados, a ser o seguinte:

 

Equipa

Campeã

Vice-Campeã

3º Lugar

4º Lugar

França

1X (1998)

1X (2006)

2X (1958 - 1986)

1X (1982)

Croácia

-

-

1X (1998)

-

 

Das 32 equipas presentes apenas com 4 de momento ainda invictas, com duas delas ainda em prova ‒ França e Croácia os finalistas ‒ e outras 2 já afastadas (eliminadas na marcação de penaltis): a Espanha e a Dinamarca logo na 1ª eliminatória (ultrapassada a fase de grupos). E com Portugal numa tabela virtual (englobando todas as equipas atingindo a Fase Eliminatória, mas não atingindo os Quartos-de-Final) a quedar-se no 13º lugar deste Mundial 2018.

 

R

Equipa

V

E

D

Pontos

Golos

1

França

5

1

0

16

10-4

2

Croácia

4

2

0

14

12-5

3

Bélgica

5

0

1

15

14-6

4

Inglaterra

3

1

2

10

12-5

 

Num rescaldo deste Mundial concluídas as Meias-Finais ‒ e talvez com estas 2 seleções (França e Croácia) a serem as mais completas e a merecerem verdadeiramente estar onde Domingo estarão (no Luzhniki Stadium em Moscovo) ‒ tendo-se marcado 161 golos (com uma média de 2,6 golos por jogo), com o melhor ataque a ser o da Bélgica (14 golos ou seja 2,3 golos/jogo), com o maior número de ataques a ser protagonizado pelo Brasil (292 em 5 jogos ou seja 58,4 ataques/jogo) e talvez com a melhor performance defensiva a pertencer à Croácia (com 272 ações defensivas).

 

92f852a5fc784d8beac38b5fc96b220e.jpg

Luka Modric

Talvez o jogador mais completo

‒ Uma variação de CR7 ‒

Deste Mundial de Futebol

 

R

Jogador

Equipa

Golos

1

Harry Kane

ING

6

2

Denis Cheryshev

RUS

4

3

Cristiano Ronaldo

POR

4

4

Romelu Lukaku

BEL

4

5

Artem Dzyuba

RUS

3

6

A. Griezmann

FRA

3

7

Yerry Mina

COL

3

8

Diego Costa

ESP

3

9

Edison Cavani

URU

3

10

Kylian Mbappe

FRA

3

 

Já a nível individual com o inglês Harry Kane a manter a liderança dos melhores marcadores da fase Final deste Mundial de Futebol disputado na Rússia (de momento com 6 golos), a um jogo da sua conclusão (para cada um dos jogadores ainda presentes e com algumas hipóteses) talvez com o belga Romelu Lukaku a ser o único jogador a ter uma hipótese (mínima) de o alcançar/ultrapassar. E com o 3º lugar de CR7 apenas a ficar dependente de alguém ainda marcar (estando a par ou atrás de si e com o desempate a ser feito pelo número de minutos jogados). Mas como vencedor antecipado com Harry Kane bem lançado (e com os seus 4 golos com CR7 na Juventus).

 

Fase

Equipa

Dia/Hora

Equipa

3º/4º

BÉLGICA

14 ‒ 15:00

INGLATERRA

1º/2º

FRANÇA

15 ‒ 16:00

CROÁCIA

 

No próximo fim-de-semana encerrando-se este Mundial FIFA de Futebol do ano de 2018, ficando-se finalmente a conhecer qual a seleção a suceder ao atual detentor do Troféu (até Domingo) ‒ hoje (quinta-feira) ainda a seleção da Alemanha.

 

(imagens: t1.gstatic.com ‒ pinterest.es)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 12:10

11
Jul 18

 

Breve Nota Introdutória

(devendo ser vista, mas não desvalorizada, como uma leitura de Verão ‒ agora que o tempo por aqui parece estar mesmo a aquecer)

Screenshot_2018-07-11 Billboard of alien Trump ins

Trump o Alienígena

Entendido como o Bom

Para além da Intervenção Alienígena (BOA) e do seu declarado e óbvio apoio aos EUA (ou não se declarasse este a maior potência sobre o nosso planeta e não fosse mesmo o destino privilegiado de muitas das mais antigas e famosas visitas como terá sido o caso Roswell em 1947), nunca sendo de desprezar a intrusão de sectores marginais e minoritários derivando pela nossa Galáxia (ao qual pertence o nosso Sistema Solar a Via Láctea), à sua chegada (não declarada e inopinada) inevitavelmente e à falta de intermediários representativos (hierárquica e oficialmente), credíveis (na Política, na Religião, na Ideologia) e como tal maioritários (o cerne da questão e o alvo das democracias totalitárias, objetivamente não nos dando tempo para pensar/trabalhar/criar, mas unicamente para perpetuar/replicar/morrer), obrigatoriamente direcionando-se para o Outro Lado (o Eixo do Mal corporizado na China/hoje pelo seu Presidente Xi e na Rússia/hoje pelo seu Presidente Putin) e simultaneamente para outro tipo (necessariamente e por uma questão de exposição mediática/sobrevivência oposto) de Intervenção Alienígena (MÁ): refletida já no presente pelas contínuas tentativas Russas e sobretudo Chinesas de ultrapassarem os EUA (e os seus súbditos e Aliados Ocidentais) na prossecução do seu objetivo central (e fundamental para a conservação dos Impérios) do controlo e da manutenção da sua Supremacia Global ‒ de um lado (dos euroasiáticos) com incidentes e/ou intrusões (entre outros mais visíveis) na Ucrânia (Crimeia), na Síria (Guerra Civil), na Inglaterra (envenenamentos/assassinatos) e até na Alemanha (impondo novos pipelines e forçando os alemães a dependerem energeticamente do oriente não do ocidente); e do outro lado (aqui 100% asiáticos) com instituições financeiras poderosas e competindo com o original Banco Mundial (com os primeiros sediados nos EUA e os seguintes na China) ‒ reforçando e consolidando todo este Novo Edifício de Poder (em evidente e exponencial ascensão) e baseando-o inicialmente (o alicerce de sempre) no domínio, controlo e supremacia Económica Global. Levando desde já o representante na Terra com BIA (Boa Intervenção Alienígena) a um rápido périplo pela Europa para lhes recordar (intoxicados como estão pelo Mundial ainda por cima entronizando um país Aliado, súbdito e Europeu) quem manda e o mal que sempre advirá da Terra dos MIA (Má Intervenção Alienígena). E como se diz por aqui (na nossa terrinha) Quem Te avisa teu Amigo É”. Só não nos avisando poder ser neste caso um “Amigo da Onça”.

 

[Ou mesmo de Triplo Impacto: Extraterrestre (1 ogiva) e Terrestre (2 ogivas).]

 

UFO crashes 80 miles world cup match site (2).jpg

O objeto não identificado

E o incêndio provocado

 

No passado dia 7 de Julho (um sábado) quando em Samara (na Rússia) se disputava um dos jogos dos Quartos-de-Final do Mundial (de Futebol ‒ FIFA Rússia 2018) ‒ entre a seleção da Inglaterra e a seleção da Suécia (que os ingleses venceram por 2-0) ‒ a pouco mais de 120Km de distância perto da localidade de Bostandyk (já situada no Cazaquistão, uma ex-província da extinta URSS) um objeto voador não identificado despenhou-se no solo, explodindo e provocando (em seu redor e como consequência) um pequeno incêndio: um objeto emitindo uma luz brilhante e cintilante, em forma de uma bola (de fogo) e com um diâmetro de cerca de 3 metros, e que ao atingir o solo e ao explodir além de provocar o tal incêndio (destruindo alguma vegetação sobretudo arbustos e ervas secas rasteiras numa área de aproximadamente 100 hectares) colocou as casas nas proximidades todas a tremer, devido aos efeitos provocados pela respetiva (devido ao impacto do objeto com o solo) onda de choque.

 

maxresdefault.jpg

A verdadeira questão

Ficando por confirmar a respetiva ligação

 

E com a inserção final do Objeto na atmosfera (terrestre), a sua imediata entrada em combustão (devido ao fortíssimo atrito associado), o seu impacto e explosão (desintegrando-se) e os posteriores efeitos de tal acontecimento ‒ incêndio, onda de choque e queda das comunicações (para os locais tornando o cenário ainda mais assustador, devido a ser uma área remota/pelos vistos com o objeto caindo, muito próximo de uma autoestrada) ‒ com os locais face ao sucedido e ao incêndio então em curso, a deslocarem-se para a área e a aí encontrarem vários fragmentos desse mesmo objeto: e entre eles, um objeto colorido (prateado), parcialmente enterrado, aparentemente selado/fechado (como se fosse uma porta) e até com uma válvula exterior e no seu conjunto parecendo mesmo (de origem) terrestre. Pela descrição do referido evento (e forma do objeto) tudo podendo apontar para um objeto artificial certamente oriundo de cá (da Terra) e sendo os restos de um (qualquer) satélite, mas apesar de tudo não deixando de ser um acontecimento anormal envolvendo alienígenas (nos EUA os Mexicanos) exteriores ao Cazaquistão.

 

UFOeast2west4.jpg

Entrando na atmosfera perto de Samara

Talvez devido à FIFA WORLD CUP

 

Face a este acontecimento, ao seu local de execução e às partes eventualmente envolvidas ‒ diretamente Suécia/Inglaterra e indiretamente Rússia/Croácia ‒ e ao que se lhe sucedeu posteriormente (da conclusão das partidas), levantando-se de novo a suspeita de Doping Russo Efetivo (durante a competição) na obtenção de (bons) resultados, primeiro com o Novochic (o melhor a matar), depois com o amoníaco (o melhor a recuperar) e agora (para amedrontar) até com um UFO (integrando alta tecnologia de leste certamente com intervenção alienígena, diferenciada da norte-americana onde os alienas são mexicanos): “The UFO material does not look like metal. It is soft like fabric (uma testemunha). E como mais que óbvia consequência (ou não fosse Ocidental, pró-norte-americano e deficiente mental ‒ um cidadão de desgaste, descartável e como tal normal) da obsessão atual e respetivas coordenadas ‒ neste momento de Mundial (de Futebol), com todos focados na Rússia e no seu líder Vladimir Putin ‒ sendo esta Tríade Vermelha (Novochic/Amoníaco/Ufo) mais uma vez responsável por ato de Introdução, Manipulação, Doping e Intoxicação. Saindo-lhes mesmo ao lado a fé e a esperança de um duelo RUSSIA (Putin) Vs. ENGLAND (May). Já com outros alienas (como os portugas) em casa ou então mudando dela (como o aliena CR7).

 

“Conspiracy theorists have now started claiming that this spherical object might be an alien expedition craft from outer space. As there were no aliens in the remnants, these theorists argue that this vessel might be an exploration vehicle sent by aliens, in the same way, we sent rovers like Curiosity to Mars.” (Nirmal Narayanan/ibtimes.co.in/08.07.2018)

 

(imagens: scmp.com ‒ mirror.co.uk ‒ youtube.com ‒ unilad.co.uk)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:50

09
Jul 18

[Meias-Finais]

 

Montado o Quadro de Honra da FIFA WORLD CUP RUSSIA 2018 (com Final marcada para 15 de Julho) integrando o Quarteto Fantástico formado por equipas exclusivamente oriundas da EUROPA ‒ BÉLGICA, FRANÇA, CROÁCIA e INGLATERRA ‒ poder-se-á desde já afirmar ir-se assistir a umas Final inédita, com apenas dois desses países (dos 4) a já terem sido Campeões do Mundo: a Inglaterra em 1966 (Mundial onde Portugal foi 3º) e a França em 1998 (derrotando na final o Brasil por 3-0). Com a Croácia a registar o seu melhor resultado ‒ 3º lugar ‒ igualmente em 1998 e com a Bélgica a registar um 4º lugar no Mundial de 1986. Talvez com as apostas a apontarem (e o desejo talvez de muitos) para uma Final França Vs. Inglaterra na cidade de Moscovo (capital da Rússia e residência de Vladimir Putin), contando com a presença (pelo menos como simples adeptos) de Emmanuel Macron e de Theresa May.

 

belgium-afp_625x300_1530908393503.jpg

Bélgica

(Kevin de Bruyne ‒ momento do 2º golo ao Brasil)

Seleção 100% Vitoriosa

(e o melhor ataque)

 

R

Equipa

V

E

D

Pontos

Golos

1

Bélgica

5

0

0

15

14-5

2

França

4

1

0

13

9-4

3

Croácia

3

2

0

11

10-4

4

Inglaterra

3

1

1

10

11-3

5

Uruguai

4

0

1

12

7-3

6

Brasil

3

1

1

10

8-3

7

Suécia

3

0

2

9

6-4

8

Rússia

2

2

1

8

11-7

(Países apurados a Negrito)

 

E se entre as 32 equipas presentes neste Mundial de Futebol de 2018 (em disputa na Rússia), o país obviamente designado como a maior surpresa desta competição seria a seleção do país organizador a RÚSSIA ‒ antes do início do Mundial sendo a equipa (presente) com pior Ranking Mundial (65º) e no entanto atingindo os Quartos-de-Final (os 8 melhores) e por pouco, não integrando o Quadro de Honra do Mundial (nos penaltis com a Croácia não conseguindo integrar os 4 semifinalistas) ‒ já do lado dos melhores marcadores (e arrumado CR7) com o inglês Harry Kane a manter o protagonismo nesse campo, não só como líder isolado da tabela (assim como capitão da sua equipa) como pelo seu trabalho (eficaz) realizado em favor da sua Seleção (e como consequência/prémio em benefício de si próprio). Talvez com o belga Romelu Lukalu a ser (na definição do melhor marcador) o seu grande adversário (já que o russo Denis Cheryshev também se foi).

 

5b434bdbc05c09a42f8b48a0.jpg

Harry Kane e Romelu Lukaku

(com o inglês em vantagem)

Os maiores candidatos ao prémio de melhor marcador

(líder isolado da tabela com 6 golos)

 

R

Jogador

Equipa

Golos

1

Harry Kane

ING

6

2

Denis Cheryshev

RUS

4

3

Romelu Lukaku

BEL

4

4

Cristiano Ronaldo

POR

4

5

Artem Dzyuba

RUS

3

6

A. Griezmann

FRA

3

7

Yerry Mina

COL

3

8

Diego Costa

ESP

3

9

Edison Cavani

URU

3

10

Kylian Mbappe

FRA

3

(Jogadores em prova a Negrito)

 

E chegados às Meias-Finais do Mundial da Rússia de Futebol constatando-se imediatamente a presença Absoluta Europeia (100% dos 4 sobreviventes) ‒ com os únicos a oporem-se a serem os sul-americanos Uruguai e Brasil (mas não sobrevivendo aos Quartos-de-Final) ‒ entre outros factos soltos (mas sempre interligados seja no Espaço ou no Tempo), sobressaindo uma ou outra equipa (entre elas o Japão e o Irão), sendo o descalabro dos favoritos (à cabeça com a Alemanha e a Argentina) e ainda nos deixando a pensar em 2022 no Qatar (dada a temperatura elevada com jogos obrigatoriamente noturnos/talvez ainda com Ronaldo) … e então como será 4 anos depois (em 2026) com 3 países organizadores (Canadá, EUA e México) e 48 países presentes (algo alcançado por Trump): um verdadeiro Circo (aí já sem o português Ronaldo).

 

origin_1.jpg

Inglaterra

(constituição da equipa no jogo com a Suécia)

O Único Finalista com Derrotas

(no entanto a melhor defesa)

 

Fase

Equipa

Dia/Hora

Equipa

MF 1

FRANÇA

10 ‒ 19:00

BÉLGICA

MF 2

CROÁCIA

11 ‒ 19:00

INGLATERRA

(respetivamente em São Petersburgo e Moscovo)

 

No próximo fim-de-semana encerrando-se este Mundial (por países) com a proclamação no dia 15 de Julho (domingo) do novo Campeão do Mundo (sucedendo à Alemanha) ‒ com epicentro do fenómeno (futebolístico) a registar-se na Europa ‒ consagrado como tal em Moscovo na Rússia de Vladimir Putin e podendo ostentar o Troféu (aí conquistado) no intervalo 2018/2022: altura em que se realizará o Mundial do Qatar.

 

(imagens: ndtv.com ‒ reuters/businessinsider.sg ‒ kiji.is)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 23:36

05
Jul 18

[Apuramento para os Quartos-de-Final]

 

uruguai1.jpg

1

Uruguai

 

Prestes a iniciarem-se os Quartos-de-Final e com Portugal (e Cristiano Ronaldo) já fora do Mundial, entre as 8 equipas apuradas sendo sem dúvida de destacar as carreiras 100% vitoriosas da Bélgica e do Uruguai (este último eliminando Portugal, batendo-o no tempo regulamentar por 2-1 ‒ com golo de Pepe). Com o trio Croácia/Brasil/França a completar uma mão cheia de favoritos. E com a Espanha a ser a (última) maior desilusão, ao ser eliminada nos penaltis pela anfitriã (e outsider) seleção da Rússia (depois do empate a 1-1 no fim do tempo regulamentar e após o prolongamento). No que diz respeito ao Algarve e ao impacto do futebol (no turismo), com a Inglaterra ainda em prova apesar do (velho) trauma dos penaltis (só com Portugal e em casos semelhantes perdendo 2 em 2). Com a Rússia a manter-se (sem dúvida) a menos favorita (a chegar às Meias-Finais). Será? Dia 7 (sábado) se verá!

 

R

Equipa

V

E

D

Pontos

Golos

1

Bélgica

4

0

0

12

12-4

2

Uruguai

4

0

0

12

7-1

3

Croácia

3

1

0

10

8-2

4

Brasil

3

1

0

10

7-1

5

França

3

1

0

10

7-4

6

Suécia

3

0

1

9

6-2

7

Inglaterra

2

1

1

7

9-3

8

Rússia

2

1

1

7

9-5

9

Colômbia

2

1

1

7

6-3

10

Espanha

1

3

0

6

7-6

11

Dinamarca

1

3

0

6

3-2

12

México

2

0

2

6

3-6

13

Portugal

1

2

1

5

6-6

14

Suíça

1

2

1

5

5-5

15

Japão

1

1

2

4

6-7

16

Argentina

1

1

2

4

6-9

 

Kylian_Mbappe_celebrating_-_March_2018_(cropped).j

2

Kylian Mbappe

 

No que diz respeito à lista de melhores marcadores e agora que CR7 está fora (do Mundial de Futebol FIFA 2018 disputado na Rússia) ‒ sabendo-se estarem 3 eliminatórias ainda em disputa (Quartos-de-Final, Meias-Finais e Final) ‒ com pelo menos 6 jogadores a poderem ansiar a essa conquista (entre eles 2 russos/3 golos, mas tendo já bem lançado 1 inglês/6 golos). Quanto a Lionel Messi e Neymar Junior contentando-se respetivamente com 1 golo (definitivamente) e 2 golos (ainda em evolução). E sobre Cristiano Ronaldo no melhor sendo segundo (com os seus definitivos 4 golos) ‒ dependendo do tempo (total em campo). Num momento em que passados 5 dias sobre a eliminação de Portugal do Mundial (com a seleção já em casa e Ronaldo por Madrid) se fala insistentemente da saída eminente de CR7 do Real Madrid (depois de uns 9 anos por lá) e da sua entrada em Itália na Juventus de Turim (a ver).

 

R

Jogador

Equipa

Golos

1

Harry Kane

ING

6

2

Romelu Lukaku

BEL

4

3

Cristiano Ronaldo

POR

4

4

Artem Dzyuba

RUS

3

5

Denis Cheryshev

RUS

3

6

Kylian Mbappe

FRA

3

7

Yerry Mina

COL

3

8

Diego Costa

ESP

3

9

Edison Cavani

URU

3

 

Edinson_Cavani_2018.jpg

3

Edison Cavani

 

À entrada dos Quartos-de-Final do Mundial de Futebol e com 8 equipas em disputa pela conquista de 4 lugares nas suas Meias-Finais ‒ a garantia de pertencer ao quadro de Honra de qualquer Mundial ‒ com 4 grandes partidas em perspetiva incluindo seleções de 2 Continentes (6 da Europa e 2 da América) algumas delas já tendo sido (anteriormente) Campeãs do Mundo: Brasil (5X), Uruguai (2X), França e Inglaterra (1X). Com a Croácia como melhor resultado a apresentar o seu 3º lugar no Mundial de 1998 disputado em França (Campeão ‒ França) e com a Bélgica a apresentar o seu 4º lugar no Mundial de 1986 disputado no México (Campeão ‒ Argentina). E entre essas 4 partidas destacando-se o URUGUAI-FRANÇA (por o Uruguai nos ter eliminado e pela presença da França) e o BRASIL-BÉLGICA (pela presença dos nossos irmãos e ainda do pobre do Neymar/este por confirmar).

 

QF

Equipa

Dia - Hora

Equipa

1

URUGUAI

6 Julho - 15:00

FRANÇA

2

BRASIL

6 Julho - 19:00

BÉLGICA

3

SUÉCIA

7 Julho - 15:00

INGLATERRA

4

RÚSSIA

7 Julho - 19:00

CROÁCIA

 

selec3a7c3a3o-brasileira-de-futebol.jpg

4

Brasil

 

No fim do próximo sábado dia 7 de Julho (já este fim-de-semana) ficando-se a conhecer o Quarteto Finalista deste Mundial de Futebol, uma competição com 146 golos já marcados (alguns deles sendo autogolos) ‒ numa média de 2,6 golos/jogo ‒ com a melhor equipa (ataque e passes) a ser a Espanha e com o melhor ataque (em nº de golos) a ser o da Bélgica (12 golos marcados): e com Christian Eriksen (SUE) a ser o jogador com mais Km percorridos (51Km), com o guarda-redes Guillermo Ochoa (México) a ser o jogador a efetuar mais defesas (25) e com o jogo Bélgica-Tunísia a ter o maior número de golos (7). Nos próximos dias 10/11 de Julho disputando-se as Meias-Finais para a 13/14 de Junho (e respetivamente) se disputar o jogo para o 3º/4º lugar e a Final do Mundial: ficando-se então a conhecer o novo Campeão do Mundo (sucedendo à Alemanha campeã em 2014 no Brasil).

 

(imagens: 2/3 wikipedia.org ‒ 1 abola.pt ‒ 4 abril.com.br)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 11:57

29
Jun 18

2018 FIFA WORLD CUP RUSSIA

14 JUN ‒ 15 JUL

 

Iniciado a 14 de Junho de 2018 com a realização da partida Rússia-Arábia Saudita (5-0) conclui-se ontem (28 de Junho) a 1ª Fase (de Grupos) do Mundial de Futebol FIFA 2018: a maior competição desportiva a nível Global (só comparável aos Jogos Olímpicos) a decorrer no leste da Europa, no país com maior área do Mundo e integrando igualmente o imenso continente Asiático (em área como em população) ‒ a Confederação Russa do Presidente Vladimir Putin. Das 32 equipas iniciais representando os 5 Continentes terrestres restando apenas 16 (apurados para a 2ª Fase do Mundial agora com partidas a eliminar) desaparecendo desde já do mapa África e Oceânia e sobrevivendo ainda representantes dos outros 3 continentes: 1 Asiático, 5 Americanos (sendo um deles o adversário de Portugal ‒ o Uruguai ‒ agora numa 2ª Fase a eliminar) e 10 Europeus (um deles obviamente Portugal).

 

fifa-belgium-team-pic.jpg

Bélgica

(escalonamento inicial para a partida com a Tunísia com vitória por 5-2)

 

Performance das 16 equipas apuradas, no final da 1ª Fase/de Grupos:

 

Ranking

Equipa

Pontos

Golos

Ranking

Equipa

Pontos

Golos

1

Bélgica

9

9-2

-

Suécia

6

5-2

2

Croácia

9

7-1

10

México

6

3-4

3

Uruguai

9

5-0

11

Espanha

5

6-5

4

Brasil

7

5-1

12

Portugal

5

5-4

5

França

7

3-1

-

Suíça

5

5-4

6

Inglaterra

6

8-3

14

Dinamarca

5

2-1

7

Rússia

6

8-4

15

Japão

4

4-4

8

Colômbia

6

5-2

16

Argentina

4

3-5

 FIFA 2018

 

Da 1ª Fase do Mundial tendo como principais conclusões (Positivas) a tirar o caminho 100% vitorioso das equipas da BÉLGICA, da CROÁCIA e do URUGUAI (3 jogos = 3 vitórias) e o apuramento para a 2ª Fase (a eliminar) da equipa de PORTUGAL (3 jogos = 1 vitória + 2 empates) ‒ e com o intruso neste quadro do Top 16 Mundial a ser a equipa do Japão (3 jogos = 1 vitória + 1 empate + 1 derrota) ‒ e por outro lado (Negativo) até por nalguns casos se tratar de em acontecimento inesperado (deixando-nos claro está surpreendidos) a eliminação da Alemanha atual Campeão Mundial (até 15 de Julho) e o dificílimo apuramento da ARGENTINA (de Lionel Messi) no seu jogo de morte frente à Nigéria: resolvido aos 86’ com um golo de Marcos Rojo a fazer o 2-1 (já que o empate 1-1 apurava a Nigéria). E apesar de tudo com Portugal a poder afirmar ter jogado contra um ex-Campeão da Europa e do Mundo (a Espanha), talvez com o melhor representante asiático neste Mundial (o Irão) e certamente com uma das equipas africanas (a par da Nigéria e do Senegal) a praticar melhor futebol.

 

01A9FC3A-2C12-410C-8346-B4A1D6E57547.jpeg

Harry Kane

(5º golo marcado de penalty na goleada ao Panamá por 6-1)

 

Tabela de melhores marcadores, no final da 1ª Fase/de Grupos:

 

R

Jogador

Equipa

Golos

1

Harry Kane

ING

5

2

Romelu Lukaku

BEL

4

-

Cristiano Ronaldo

POR

4

4

Denis Cheryshev

RUS

3

-

Diego Costa

ESP

3

Top 5

 

Relativamente aos melhores marcadores da 2018 FIFA WORLD CUP RUSSIA com 18 jogadores oriundos de 15 países a terem já marcado 2 ou mais golos, tendo de momento na liderança (isolado) o inglês Harry Kane (com 5 golos) logo seguido pelo belga Romelu Lukalu e por CRISTIANO RONALDO (ambos com 4 golos mas com o belga em vantagem tendo jogado menos minutos). Com Lionel Messi (ARG) e Neymar Junior (BRA) na sua luta particular com CR7 a terem cada um deles 1 golo. Favoritos? Tudo dependendo das suas equipas e se estas se apuram ou pelo contrário são eliminadas.

 

Candy-Miyuki-Candy-Arts-1068x461.jpg

Japão

(numa criação da artista de doçaria Myuki como homenagem aos jogadores)

 

Fase a Eliminar ‒ 1ª Eliminatória:

 

Equipa

Data/hora

Equipa

França

30 Junho/15:00

Argentina

Uruguai

30 Junho/19:00

Portugal

Espanha

1 Julho/15:00

Rússia

Croácia

1 Julho/19:00

Dinamarca

Brasil

2 Julho/15:00

México

Bélgica

2 Julho/19:00

Japão

Suécia

3 Julho/15:00

Suíça

Colômbia

3 Julho/19:00

Inglaterra

Apuramento para os Quartos-de-Final

 

Chegados à 2ª Fase e entrando nas partidas a eliminar (e passando esta 1ª eliminatória, dando de seguida acesso aos Quartos-de-Final, integrando a partir daí o Top 8 Mundial) com 8 jogos de Vida ou de Morte (no sentido em que um fica e outro parte) desde logo em perspetiva (já a partir de amanhã), sem dúvida que os mais atrativos a serem (aparentemente) o FRANÇA-ARGENTINA e o COLÔMBIA-INGLATERRA. Mas claro que nunca esquecendo o URUGUAI-PORTUGAL provavelmente com 50% de hipóteses de sucesso para cada equipa (o polvo Paulo previu um empate ao fim do tempo regulamentar), mas que os portugueses desejarão certamente ser um jogo com Portugal a ganhar (no tempo regulamentar, no prolongamento ou nos penaltis, tanto faz). Esperando como sempre a contribuição do Santo CR7 (e de dois dos seus mais conhecidos apóstolos São PATRÍCIO e São QUARESMA).

 

(imagens: moneycontrol.com ‒ lastwordonfootball.com ‒ asiatrend.org)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 21:55

25
Jun 18

[2ª Jornada]

 

Concluída a 2ª jornada do Mundial de Futebol e em função dos resultados registados nos 8 grupos integrando as 32 equipas em competição, é este o Ranking atual das Equipas (ao fim do dia 24 de Junho):

 

1024px-Russia_vs_Egypt_2018.jpg

Seleção da Rússia

Ao fim da 2ª jornada a equipa com melhor performance

(dois jogos, duas vitórias, oito golos marcados e 1 golo sofrido)

 

R

Equipa

Pontos

Golos

R

Equipa

Pontos

Golos

1

Rússia

6

8-1

-

Alemanha

3

2-2

2

Inglaterra

6

8-2

-

Suécia

3

2-2

-

Bélgica

6

8-2

-

Nigéria

3

2-2

4

Croácia

6

5-0

20

Irão

3

1-1

5

França

6

3-1

21

Austrália

1

2-3

-

México

6

3-1

22

Islândia

1

1-3

7

Uruguai

6

2-0

23

Argentina

1

1-4

8

Brasil

4

3-1

24

C. do Sul

0

1-3

9

PORTUGAL

4

4-3

25

Marrocos

0

0-2

-

Japão

4

4-3

-

Peru

0

0-2

-

Senegal

4

4-3

27

Egito

0

1-4

-

Espanha

4

4-3

28

C. Rica

0

0-3

13

Suíça

4

3-2

29

Tunísia

0

3-7

14

Dinamarca

4

2-1

30

Polónia

0

1-5

15

Colômbia

3

4-2

31

Arábia

0

0-6

16

Sérvia

3

2-2

32

Panamá

0

1-9

 (do 24º ao 32º do Ranking com todos esses 9 países já eliminados da 2ª fase do Mundial ‒ e a negrito os países já apurados)

 

Com Portugal ocupando o 9º lugar (ao fim da 1ª jornada o 14º lugar) conjuntamente com Japão/Senegal/Espanha (todos com 4-3 em golos marcados/sofridos) contando mais uma vez com a preciosa colaboração do seu avançado Cristiano Ronaldo marcando o único golo da vitória (difícil) de Portugal sobre a seleção de Marrocos (por 1-0). Deixando no entanto de liderar isolado a tabela de melhores marcadores ultrapassado por Keane (ING) e igualado por Lukalu (BEL):

 

369419_sq-300_jpg.jpg201200_sq-300_jpg.jpg358112_sq-300_jpg.jpg

Harry Kane (5), Cristiano Ronaldo (4) e Romelu Lukalu (4)

Ao fim da 2ª jornada os três melhores marcadores

(autores de mais de 15% dos golos até agora marcados)

 

R

Jogador

Equipa

Golos

1

Harry Kane

ING

5

2

CRISTIANO RONALDO

POR

4

-

Romelu Lukaku

BEL

4

4

Denis Cheryshev

RUS

3

-

Diego Costa

ESP

3

6

Artem Dzyuba

RUS

2

-

Ahmed Musa

NIG

2

-

Mile Jedinak

AUS

2

-

Luka Modric

CRO

2

-

Philippe Coutinho

BRA

2

-

Eden Hazard

BEL

2

-

John Stones

ING

2

 

Tendo como conclusões a tirar no final da 2ª jornada do Mundial FIFA 2018 (em disputa na Rússia) a nível de equipas (e destacando-se),

 

Pela positiva o sexteto já apurado para a 2ª fase (a eliminar) ‒ Rússia, Inglaterra, Bélgica, Croácia, França e Uruguai (para além do México igualmente com 2 vitórias em dois jogos mas ainda não apurado) ‒ talvez aí adicionando as (meias) surpresas Japão e Senegal,

 

E pela negativa ‒ para além do extermínio normal entre países não Europeus ou não Sul-Americanos (como africanos e asiáticos) a Polónia, a Argentina e a Alemanha, com a primeira já eliminada, a segunda muito próxima de o ser e com os germânicos a ainda terem boas hipóteses (depois de vencerem a Suécia mesmo sob o apito final por 2-1).

 

Iran-national-football-team.jpg

Seleção do Irão

A uma vitória da sua presença inédita na 2ª fase de um Mundial

(caso aconteça à custa de Portugal, mas a este último bastando empatar)

 

A nível de jogadores e avançados e falando do trio Ronaldo/Messi/Neymar com Ronaldo a marcar mais um golo (passando a 4), com Messi ainda em branco (após 2 jogos e 1penalty falhado) e com Neymar a estrear-se marcando face à Costa Rica (o 2º golo). Mas a ser o inglês Harry Kane a liderar (ao fim da 2ª jornada) a lista de melhores marcadores deste Mundial de Futebol (FIFA/Rússia/2018) com 5 golos (2+3).

 

Grupo B ‒ 3ª Jornada

25 Junho ‒ 19:00

Irão (3 pontos/1-1) Vs. Portugal (4 pontos/4-3)

 

Amanhã iniciando-se a 3ª jornada do Mundial de Futebol Rússia FIFA 2018, concluindo-se o Grupo A (início dos jogos às 15;00) e o Grupo B (início dos jogos às 19:00): e neste segundo grupo integrando-se o jogo (decisivo) Irão Vs. Portugal com um deles (certamente) a ficar pelo caminho (maior probabilidade teoricamente para o Irão de Carlos Queiroz).

 

(imagens: soccer.ru ‒ fifa.com ‒ championix.net)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 00:10

07
Jun 18

FIFA World Cup

 

maxresdefault.jpg

 

A uma semana do início do Campeonato do Mundo de Futebol a disputar-se na Rússia de 14 de Junho (jogo de Abertura) a 15 de Julho (Final) ‒ com a disputa do jogo Rússia Vs. Arábia Saudita (do Grupo A) ‒ convém destacar o trajeto do atual Campeão Europeu de Futebol ‒ Portugal ‒ recordando o seu calendário na Fase de Grupos (Grupo B):

 

Jogo

Local

Data

Portugal - Espanha

Sochi

15 Junho

Portugal - Marrocos

Moscovo

20 Junho

Portugal - Irão

Saransk

25 Junho

 

Pelo que (e seguindo o raciocínio do selecionador Fernando Santos) Portugal estará na Rússia pelo menos até ao dia 25 de Junho (final da sua fase de Grupos), dependendo de seguida a extensão da sua permanência no país do Vladimiro, da passagem de três eliminatórias de modo a poder estar presente na Final:

 

Saindo a 25 de Junho se for 3º ou 4º do Grupo B

Saindo a 30 de Junho ou 1 de Julho se for eliminado nos oitavas-de-final

Saindo a 6 ou 7 de Julho se for eliminado nos quartos-de-final

Saindo a 10 ou 11 de Julho se for eliminado nas meias-finais

E saindo a 15 de Julho estando presente na Final (ganhando-a ou perdendo-a)

 

img_770x433$2018_05_17_20_28_01_1399197.jpg

 

Nas casas de apostas com Portugal (6º a 8º nas apostas) a poder ser um dos países presentes nos Quartos-de-Final (ultrapassada a Fase de Grupos e a 1ª eliminatória) talvez defrontando a França e sendo aí eliminado (ao contrário do sucedido na final do Europeu disputado em Paris): e com o vencedor a vir do quarteto formado por Alemanha, Argentina, Brasil e Espanha (mas com espanhóis e alemães em vantagem).

 

Com a equipa portuguesa de partida para a Rússia após o particular Portugal Vs. Argélia (a ser disputado hoje dia 7 de Junho) a ser constituída pelos seguintes 23 jogadores (mais o selecionador):

 

Guarda-Redes

(3)

Defesas

(8)

Médios

(7)

Avançados

(5)

Selecionador

Rui Patrício

Lopes

Beto

Bruno Alves

Pepe

Raphael

Fonte

Ruben Dias

Ricardo

Mário Rui

Cédric

M. Fernandes

J. Moutinho

J. Mário

Bernardo

William

B. Fernandes

Adrien

 

Ronaldo

André Silva

G. Guedes

Gelson

Quaresma

Fernando Santos

 

generic.jpg

 

Para além do selecionador o português e Campeão Europeu Fernando Santos, com os 23 jogadores da seleção nacional a serem oriundos de um total de 19 clubes, 3 deles portugueses e 16 estrangeiros (sendo um deles chinês): com os clubes portugueses a fornecerem 6 jogadores (SCP/4, FCP/1 e SLB/1) e com o clube estrangeiro a fornecer mais jogadores a ser o clube turco do Besiktas (com 2). E dos 10 Campeonatos Nacionais (de Clubes) incluindo estes 23 portugueses, destacando-se o português (6 jogadores), o inglês (4) e o turco (3) em conjunto representando mais de 50% da seleção.

 

(imagens: sott.net ‒ fpf.pt ‒ fifa.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 15:20

31
Mai 18

No Mundo de hoje e face à falta de certezas para se poder condenar e matar (como no Tempo da Inquisição agora apresentado como Tempo das Fake News) entre o Verdadeiro e o Falso optando-se (de momento) pelo Altamente Provável (numa patente dos UK, da dupla Theresa May/Boris Johnson) ‒ e desse modo Queimando-se o Bruxo (Vladimir Putin).

 

1835.jpg

O gato persa Nash Van Drake

Os 2 porquinhos da guiné e o cão Noir

[Com as únicas vítimas mortais relacionados com o caso da tentativa de assassinato do ex-espião russo Sergei Skripal (em Salisbury/Londres) ‒ e com as autoridades britânicas a afirmarem terem descoberto uma alta concentração de Novichok à porta de casa dos Skripall ‒ a serem dois porquinhos da guiné (vivendo numa gaiola) e o gato persa Nash Van Drake (passeando-se pelo interior da casa): depois da mesma selada e só encontrados dias depois, com os porquinhos a serem encontrados mortos de sede e com o gato muito mal nutrido, stressado e em más condições físicas ‒ todos posteriormente incinerados (sem se confirmar a causa dos seus estados de saúde) aparentemente (só agora?) para evitar possíveis contaminações. Salvando-se o cão Noir (pelo que se sabe à altura preso num canil) talvez por se ter pirado antes para Moscovo (onde atualmente se encontra)]

 

Depois da recente tentativa de assassinato do ex-agente russo Sergei Skripal (e da sua filha Yulia) às mãos dos serviços secretos russos e sob ordens do seu presidente (e ex-agente do KGB) Vladimir Putin (tal como o confirmam as declarações de Theresa May),

 

Mr. Speaker, on Monday I set out that Mr Skripal and his daughter were poisoned with a Novichok: a military grade nerve agent developed by Russia.

 

Based on this capability, combined with their record of conducting state sponsored assassinations,

 

– Including against former intelligence officers whom they regard as legitimate targets ‒

 

The UK Government concluded,

 

It was highly likely that Russia was responsible for this reckless and despicable act.

 

(Theresa May intervindo na Casa dos Comuns)

 

No dia 4 de Março com os Skripal (pai e filha) depois de abandonarem o restaurante italiano Zizzi (pouco antes das 04:00 PM), a serem descobertos (pelas 04:15 PM) por um transeunte passando acidentalmente perto do local ‒ aparentemente (com pai e filha) em situação clínica grave ‒ chamando de imediato as autoridades e levando ambos ao seu internamento hospitalar. Suspeitando-se inicialmente (pelos sintomas) poder ser um caso de Overdose (de drogas) e tratando-o como tal, para posteriormente ser apresentado (no mínimo mais de 24 horas depois) ‒ apoiado pelo Poder Político e depois deste o ter colocado nas suas mãos (do impensável duo May/Boris) ‒ como um Grave Incidente Político-Internacional dado tratar-se efetivamente (segundo o Governo Britânico) da utilização de um gaz venenoso e mortal e internacionalmente proibido, para assassinar um cidadão opondo-se (democraticamente) a um determinado regime (ditatorial) em pleno (e soberano) solo britânico: no fundo (e para o Governo Britânico) uma Declaração de Guerra. Muitas semanas depois deste atentado perpetrado (?) mas falhado (por amador certamente, com o objetivo de falhar, bastando-se descobrir para quê) com um poderoso produto denominado Novichok ‒ capaz de matar sem recurso em alguns minutos no máximo em horas ‒ a não ter morto ninguém (racional e humano) apesar da eventual tentativa, para além das 3 vítimas mortais noutro Mundo registadas: no Mundo irracional não humano, com dois porcos-da-guiné e um gato ‒ não morrendo pelo gaz tóxico (Novichok) mas sim de isolamento e de stess, para além de sede e de fome (ao serem seladas com a casa ‒ dos Skripal ‒ pelas autoridades). Obra de Humanos.

 

000_15H46O-768x520.jpg

O Fenómeno Russo Arkady Babchenko

Assassinado num dia Ressuscitando no seguinte

[O jornalista russo Arkady Babchenko (atualmente trabalhando para uma estação de TV ucraniana) assassinado a tiro no seu apartamento em Kiev (sendo um forte opositor do regime russo de Vladimir Putin) ‒ segundo as autoridades policiais numa operação levada a cabo com sucesso pelos Serviços Secretos Russos ‒ e (deixando todo o Mundo de Boca Aberta com o Evento Miraculoso suplantando o feito de Jesus Cristo) cerca de 24 horas depois e com um aspeto impecável aparecendo ressuscitado numa conferência de imprensa juntamente com responsáveis dos Serviços Secretos Ucranianos: tentando-nos convencer que à segunda versão (quando todos nós sabemos que não há duas sem três) será de vez (até já tendo na sua posse e armadilhado o verdadeiro suspeito outro russo)]

 

À falta de uma resposta imediata e efetiva do Mundo Ocidental e dos seus Aliados (mais especificamente da Europa) às contínuas agressões levadas a cabo pelo líder ditatorial russo Vladimir Putin (tendo atrás de si a sua poderosa Máquina Militar),

 

Eis que a notícia de mais uma violenta agressão (russa) agora terminando mesmo num assassinato (numa execução pública), se espalhou rapidamente pelo mundo e pelos Média Globais (neste interlúdio noticioso balançando entre a Guerra na Coreia ou a Guerra no Irão e com a Ucrânia irrequieta e na fila seguindo sempre na procissão):

 

Com o conhecido escritor e jornalista russo Arkady Babchenko (conhecido pelas suas ideias críticas contra o Kremlin) a ser assassinado a tiro enquanto se encontrava no seu apartamento em Kiev capital da Ucrânia (aí trabalhando como jornalista no canal de TV ucraniano ATR).

 

Segundo as autoridades policiais ucranianas responsáveis pela investigação deste crime com todos os indícios a apontarem para mais um caso inserido nas contínuas provocações da Rússia (no Ocidente e seus aliados de leste),

 

Utilizando agentes seus infiltrados e sob as ordens dos Serviços Secretos Russos (e sob a supervisão final do seu Líder e Presidente) para assim cometerem crimes (em solo estrangeiro) tentando coagir (amedrontar) o Mundo.

 

‒ Como o fez nos EUA derrotando (a virtual/virtuosa) Hillary e dando a vitória a (ao real e diabólico) Trump.

 

481779-boris-johnson-afp-1.jpg

O peso-pesado Boris Johnson

Companheiro de vida e de caminhada política do anterior 1º Ministro David Cameron

[E no presente Secretário de Estado para os Assuntos Externos (tipo Ministro dos Negócios Estrangeiros do UK) do Governo de Theresa May ‒ e simultaneamente como teria que ser (dadas as suas posições no referendo) fervoroso adepto do Brexit ‒ para além de evidenciar uma das suas principais características pessoais (segundo os seus colegas de partido ambicionando ser 1º Ministro) ainda prejudicando a ação do seu Governo e da sua (ainda) chefe Theresa May com mais umas quantas Gafes: obrigando o Governo Britânico a apagar uma declaração de Boris Johnson declarando de uma forma convincente terem os cientistas do laboratório de defesa de Porton Down identificado a Rússia como origem do gás tóxico usado no ataque, mesmo que anteriormente o laboratório já tivesse desmentido tal conclusão (distração de Boris Johnson?)]

 

180314083640-putin-vs-may-780x439.jpg

Vladimir Putin e Theresa May

Respetivamente líder da 2ª Potência Mundial e do já extinto Império Britânico

[Apesar de todas as campanhas políticas anti-Rússia e anti-Putin promovidas pelas autoridades do Reino Unido ‒ levando o Governo ao extremo dramático, os Média ao total histerismo e o Povo à natural Indiferença (dado o cansaço acumulado e constantemente obrigado a escutar coisas que nada lhe dizem) … sem dúvida sendo mais Norte-Americano que Trump ‒ e de no retrato anterior se apresentarem de costas voltadas (com um cenário negro de fundo, não se sabendo ainda para quem), no que toca à ação (recente) e ao Agente Provocador (neste caso Theresa May invocando uma resposta imediata ao Perigo Vermelho) será fácil de constatar as (razões das) fraquezas de May: abandonada a EU depois do referendo do Brexit (num custo já assumido e que só a nível aduaneiros poderá provocar prejuízos de vários biliões de euros) e tendo agora apenas como seu principal aliado os EUA (hoje dizendo sim, amanhã não ou então talvez) com os UK a curto-prazo não podendo continuar a hostilizar muitas daqueles (dos mais poderosos a nível Global) que ainda lhe têm permitido respirar: além dos EUA e da EU ‒ e só mencionando dois ‒ a Rússia e a China. Que o diga a Europa que o diga a Alemanha.]

 

Russia's embattled liberal community was reeling Wednesday from the murder of fiercely anti-Kremlin journalist Arkady Babchenko who was gunned down in Ukraine after leaving Moscow following a campaign of harassment.

 

A prominent Russian war correspondent who became famous for his fierce tirades against Moscow, Babchenko, 41, was murdered on Tuesday evening in a contract-style killing in the stairwell of his building in the Ukrainian capital Kiev where he moved last year.

 

Ukrainian authorities blamed Russia's "totalitarian machine" for his murder.

 

(Agence France Press/afp.com)

 

Na passada terça-feira dia 29 de Maio (curiosamente e podendo o jornalista ser um adepto de futebol, já depois da disputa da final da Liga dos Campeões com a participação de CR7) com a notícia do assassínio de um jornalista russo conhecido como sendo altamente crítico de Putin e trabalhando para uma estação de TV ucraniana, a espalhar-se por todo o Mundo colocando de novo (depois do caso Skripal) em causa a Rússia. Numa réplica do procedimento (jurídico) inaugurado nos UK, com a Ucrânia a indicar desde logo os assassinos (tendo morto Arkady, covardemente a tiro, no seu apartamento) apontando sem provas (mas sendo altamente provável) em direção a leste para a Rússia de Putin. E superando o recorde até hoje mantido por Jesus Cristo (registado há cerca de 2000 anos) contabilizado desde que o mesmo morreu, até ao momento em que ressuscitou Jesus Cristo demorou 7 dias a ressuscitar com o russo Arkady Babchenko demorando apenas 2 dias para conseguir ressuscitar: na conferência de imprensa da quarta-feira seguinte surpreendendo os seus colegas e Regressando dos Mortos, provando ainda estar vivo e arranjando (para as autoridades) mais uma bela desculpa (provocando o falso rapto por pressentimento e antecipação) e levando a afirmar (as autoridades) já terem prendido o culpado ‒ obviamente sendo russo de modo a tudo esclarecer (nesta enorme confusão) resolvendo a situação. Não sendo um filme de Zombies mas nele incluindo Mortos-Vivos.

 

Ficando-se agora a aguardar por cenas dos próximos capítulos de uma Nova Temporada (provavelmente dependendo a data da sua estreia, do sucesso ou não de outras séries de guerra, em curso ou por estrear). Na Coreia do Norte ou Irão, ou inesperadamente noutro lugar não-qualquer, como será certamente a pobre da Venezuela (com grandes reservas de petróleo).

 

(imagens: thesun.co.uk ‒ kyivpost.com ‒ dnaindia.com ‒ cnn.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 20:38

27
Mai 18

Concluída este sábado dia 26 de Maio a Liga dos Campeões de 2017/18 (a maior competição Mundial realizada a nível de clubes ‒ os mais ricos clubes de futebol a nível internacional ‒ disputada no continente Europeu) e a menos de três semanas do início (a 14 de junho com o jogo de abertura) do 21º Campeonato do Mundo de Futebol (de 2018) a realizar-se na Rússia, não param as tentativas de descredibilizar a Rússia ‒ atacando o seu Presidente Vladimir Putin ‒ para dessa forma fazerem a Vida Negra ao país organizador, boicotando de uma forma ou de outra (já que não a conseguiram anular e transferir) a Maior Prova Desportiva Global: com os Media concluída a partida e acabado derrotado o clube inglês (por 3-1), através das suas publicações e Redes Sociais a espalharem a notícia de que o jogador egípcio do Liverpool (e da seleção do Egito presente no Mundial da Rússia) Mohamed Salah, teria sido lesionado intencionalmente pelo jogador espanhol Sérgio Ramos (Real Madrid e seleção de Espanha), respondendo a um pedido (certamente com retribuição) da responsabilidade da Rússia e do seu Agente (e ex-KGB) Putin.

 

5b09da45fc7e93f2198b4600.jpg

1

Um dos Momentos da Final

Por volta dos 25’ da 1ª parte com o egípcio (do Liverpool) Mohamed Salah (ao centro na imagem) a cair lesionado por falta (não assinalada pelo árbitro) cometida pelo espanhol (do Real Madrid) Sérgio Ramos ‒ saindo pouco depois da meia hora de jogo (aos 37’) em lágrimas e com prognóstico reservado (tendo em vista a sua participação no Mundial de Futebol)

 

“A tearful Salah was subbed off in the first half UEFA Champions League final against Real Madrid after suffering a shoulder injury in a tussle with Madrid defender Sergio Ramos.” (rt.com)

 

Liga dos Campeões ‒ Final

Kiev ‒ Ucrânia ‒ 26 Maio 2018)

Real Madrid ‒ 3 Liverpool ‒ 1

 

“Social media users have blamed Russian President Vladimir Putin for the UEFA Champions League final injury to Liverpool striker Mohamed Salah, which may rule him out of Egypt's group game against Russia at the World Cup 2018.” (rt.com)

 

I FIGURED IT OUT... Putin didn’t want Salah to play against Russia in the World Cup.

(Mohammad Alawawdeh/@AhbalPrince/twitter.com)

 

Putin arranged Salah's injury so that Russia will advance at the World Cup.

He'll probably congratulate Ramos at the very least.

(Ian/@ian_10_19/twitter.com)

 

Fact:

If you don't think Putin paid Ramos to rip Salah's arm off then you just aren't paying attention.

(Samuel Army/@BarstoolSam/twitter.com)

 

“Social media users quickly took to Twitter to post their conspiracy theories that Russian President Vladimir Putin was responsible for taking out Egypt's star man, thus increasing the chances of Russia advancing from the group stage.” (rt.com)

 

DeJspiqXkAAZHXl.jpg

2258671_w2.jpg

2/3

Vladimir Putin e o seu Mundial de Futebol

Decorrendo de 14 Junho a 15 de Julho na Rússia (país apurado por organizador)

Integrando 32 seleções de todos os continentes (uma delas sendo Portugal)

E disputado em 10 cidades russas (com Moscovo a ter a Abertura e a Final)

Sem a presença dos EUA (surpreendentemente eliminado nas qualificações)

 

 

Com os Britânicos (tal como muitas vezes c/outros processos, mais à distância e com grande eficácia, os norte-americanos o fazem) mais uma vez a estarem por detrás desta nova Guerra Fria contra a Rússia (baseando-se exclusivamente na utilização das só agora descobertas FAKE NEWS, na verdade já passadas e tão úteis e lucrativas nas Guerras do Golfo/Iraque) ‒ não sabendo bem o que fazer desde a votação do Brexit (como Ilha abandonando a Europa e vendo-a como outro território) e a eleição de Trump (propondo aos britânicos transformarem-se num grande armazém um Entreposto Comercial Norte-Americano) apesar do Money Árabe, Russo e Chinês (injetado no Reino Unido). E à falta de melhor (enigmática e temporariamente desaparecido o caso Skripal) e pondo-se um pouco a pensar, encontrando-se logo ligação entre o Real (sucedido) e a Previsão (desejada): sugerindo-se ou afirmando-se que a Rússia seria parte interessada (no incidente) dada a seleção do Egito (onde joga Mohamed Salah a sua maior estrela) ser adversária da Rússia integrada no Grupo A ‒ juntamente com a Arábia Saudita e o Uruguai, assim diminuindo as hipóteses do Egito e aumentando as da Rússia (de passarem à fase seguinte).

 

(texto/inglês: rt.com ‒ imagens: (1) uefa.com e (2/3) rt.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 18:49

Setembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
14
15

19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO