Um espelho que reflecte a vida, que passa por nós num segundo (espelho)

23
Set 14

Passados três anos sobre a explosão na central nuclear de Fukushima é agora cada vez mais evidente a chegada “pelo ar e pelo mar” dos primeiros efeitos dos brutais níveis da radioactividade aí libertada.

 

Cada dia que passa é mais forte a certeza de que os efeitos provocados pela explosão na central nuclear japonesa de Fukushima – aquando do tsunami de 2011 – já chegaram aos Estados Unidos da América.

 

São Diego – 15.09.2014 – 588CPM – RADCON-4

(RadNet)

 

Como o confirmam os valores registados na costa ocidental dos Estados Unidos da América, numa estação localizada em São Diego (Califórnia): 588CPM. Relembre-se que para valores superiores a 300CPM (contagem/minuto) começam os procedimentos de evacuação.

 

No entanto as entidades governamentais norte-americanas ainda tentam manter (pelo menos até hoje) a sua postura de tranquilidade e de ignorância (assumida) sobre este assunto bastante delicado, tentando com esta atitude passiva manter a calma entre a sua população: especialmente aquela que já está a ser atingida, a da costa ocidental virada para o Japão.

 

(imagem – facebook.com)

publicado por Produções Anormais - Albufeira às 22:11

Julho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

15
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

posts recentes

Fukushima in the USA

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO